Um desfecho para a primeira parte da temporada.

Num geral, pudemos ver que a série teve um início bastante envolvente e seguiu desenvolvendo a trama de forma consistente até que os plots tornaram-se um pouco entediantes e forçados. Porém, posso dizer que essa inserção do motorista fantasma foi um dos melhores arcos que o seriado já pôde comportar em sua história. No entanto, o final já não foi aquela coisa toda, e tivemos que nos apegar ao drama que acontece dentro da própria equipe de agentes, que por nós são tão queridos.

A primeira conclusão foi em torno do que era o principal núcleo, Eli e Robbie. Achei uma sacada interessantíssima essa de criar matéria do nada, porém já suspeitava que iria ter um preço altíssimo por trás disso. Mas achei a ida de Robbie com ela uma coisa tão chata, sei que isso só aconteceu para o novo gancho criado ganhar mais vida. Com o fim precoce de Eli, só desejei que seu plot tivesse aparecido com maior antecedência na trama, pois ele pôde me arrancar mais suspiros do que toda essa parada de “pessoas fantasmas”.

Tivemos finalmente esclarecimentos acerca do trabalho do Diretor Mace, que mostrou pra que veio nesse episódio, com a senadora Nadeer e também a grata surpresa de ter Daisy de volta oficialmente ao clube. Estava achando todo aquele drama algo muito desgastante. Achei bem legal as interações entre ela e Mace, e com Coulson também, teve até todo aquele momento irônico. A maneira que terminou as relações na SHIELD foi ótima, tudo como devia estar sempre, exceto que preferiria Coulson como Diretor, mas ele se destaca de qualquer forma mesmo.

A melhor coisa que aconteceu foi esse gancho para o resto da temporada. A princípio sempre achei que a presença de Aida acabaria trazendo algo impactante, mas jamais pensei que seria algo tão pesado assim. Com os novos conhecimentos, ela poderá não só explorar toda a nova androide criada, como se voltar contra toda a SHIELD. Esse plot realmente tem muito potencial e é nele que estou depositando toda a minha esperança para a o resto da temporada, a qual retorna no próximo dia 10.

No mais, agradeço a quem está nos acompanhando, e aproveito para deixar o vídeo promocional para vocês conferirem. Até a próxima!

Antonio Netto
Antonio Netto

Estudante de Engenharia Química. Pernambucano engraçado, dono de uma gargalhada única e de um sotaque marcante. Apaixonado por comida, séries, química e cálculos. Até gosta de estudar mas, sempre que pode, está pelo mundo curtindo e falando da vida alheia.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: