Posts Populares

American Horror Story: Apocalypse – S08E02 – The Morning After

Espia pra onde vai essa temporada!

Eu ainda estou tentando me encontrar em AHS. Tudo bem que ainda estamos no início e que a série ainda não mostrou de fato a sua proposta, mas, isso não soa preocupante para vocês? Pelos rumos que tudo tem levado, eu me pergunto realmente como eles irão encaixar Coven nesse caos. Murder House tem sido inserida de forma interessante, até porque sempre foi o nosso sonho conhecer o filho de Tate não é verdade? A representação da presença do mal através das serpentes eu achei muito bacana e ai damos inicio ao episódio. Uma chuva de serpentes misteriosamente invadem o outpost3 e a senhora Meade decide que elas estão aptas pra o consumos da casa, ou seja, o jantar da noite seria casa. Algo muito simbólico acontece durante o jantar, uma das serpentes que aparentemente estariam mortas e cozidas simplesmente sai da panela pronta para atacar. Acho que isso foi uma alusão muito clara ao pecado introduzido no paraíso através da serpente que no final traiu Adão e Eva.

Os fatos deixaram claro que Michael representava o mau, ele era a personificação do que era ruim e seleção para os sobreviventes do novo mundo foi um tanto quanto curiosa, de primeira nós ja descobrimos que nem todo mundo do outpost3 está a salvo e que só os escolhidos sairão dali, quem sobrar, vai sentar e esperar a sua morte ou tomar uma dose de veneno que o Michael deixará pra os perdedores. A primeira etapa da seleção foi igual uma entrevista de emprego, Michael e Gallant e aqui nesse diálogo fica perceptível o quanto Michael é uma encarnação do Mal. Ele induz humanos ao pecado, expõe suas fraquezas,  é sedutor, atrativo e faz Gallant cair na sua teia de forma fácil. Gallant se vê seduzido por aquela imagem e durante a noite recebe uma visita um tanto quanto inusitada em seu quarto: O NOSSO HOMEM DE LATEX!!! AAAAAAAAAAAA QUE SAUDADE!!!!! Sim meus amigos, o tarado do latex apareceu e deu um trato daqueles no Gallant, porém, sua avó com quem ele já revelou não ter uma relação muito amigável o denuncia para a Ms. Venable que decide dar uma lição no hospede.

Vamos falar um pouco sobre Ms. Venable, não temos muita informação sobre ela e nem o que ela representa, seguindo pela linhagem ela seria uma espécie de deus em seu paraíso com suas regras. Ela tem sido a maior autoridade do Outpost3, abusando do poder, mas esse arco é interrompido com a chegada de Michael quando ele propositalmente deixa um notebook nas mãos de Timothy e Emily que expõe todas as mentiras de Venable minando assim o seu poder. Michael sabe muito bem o que está fazendo e está sempre um passo á frente de Venabel, então ele vai além, ele atinge a vulnerabilidade dela. quando Miachel mostra o segredo que Venabel tanto esconde, nós percebemos um traço de humanidade nela, ela possui uma espécie de protuberância nas costas de tamanho considerável na coluna que a deixa corcunda e quando Michael a obriga a expor sua deficiência e logo em seguida quase a beija ele brinca com ela e a enfraquece.

O episódio girou em torno de Michael e o quanto ele pode ser poderoso apenas manipulando as pessoas. Isso também fica claro quando ele induz Gallant a matar sua avó apenas entrando em sua cabeça e expondo todas as suas fraquezas assim como ele fez com Venable. Fica claro que o homem de latex nada mais é do que o desejo reprimido de Gallant e Michael só fez expor o que ele de fato queria. Por mais cruel e malvado que seja perceber isso, Gallant matar sua avó era uma simbologia da sua libertação emocional e era isso que Michel queria.

Timothy e Emily são uma especie de Adão e Eva que nutriam um romance puro e decidem quebrar as regras ém busca do conhecimento da verdade ao descobrirem a verdade sobre a senhora Venabel. Lógico que isso teria consequências que é estar fora do “paraíso”. O episódio deixa meio que implicito um desejo de executar alguns deles, inclusive eu acho que Venable e seu cão de guarda estão nesses planos, mas tudo ainda é muito incerto e bagunçado, tanto que o ponto alto do episódio não ficou pela punição de Timothy e Emily que resulta em um tiroteio mas sim pela Ms. Mead que é atingida por uma bala e o ferimento revela que ela é uma espécie de robô. Oi? É sério isso, dona American Horror Story? Gente basicamente esse episódio disse vários nadas, não trouxe nada realmente novo e essa história de robô só tende a cagar o que já não começou muito bem. Eu sinto que se a trama não começar a desenvolver algo realmente bom, vamos oficializar o fim da série.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu