Descobrimos quem é Prometheus?

Durante toda essa temporada aprendemos a gostar e criar um verdadeiro carinho por Adrian Chase, vi muitos falarem que achavam que Chase era o Vigilante que foi introduzido no início dessa temporada, mas somente aqueles que leram os quadrinhos e sabiam que no mundo das HQs era assim, mas como já estamos cansados de saber, a série faz questão de não se basear inteiramente nos quadrinhos, usa apenas como referência digamos assim. Sendo assim, tudo indica que finalmente descobrimos quem é o tão famoso Prometheus e não gostamos nada disso, pelo menos eu me senti traída e ferida, bem isso rs
Já notaram que é sempre assim? Quando você super se apega a uma personagem, os escritores/produtores vão lá e destroem ela para você de alguma forma e foi assim com o Chase. Eu tava super adorando ele, crescendo no meu conceito a cada episódio e se tornando a minha personagem preferida dessa nova temporada até que…BOOM! Ele é Prometheus! Mas, gente… será? Confesso que independente da minha dor de não querer aceitar que é ele, achei que entregaram muito fácil o jogo (apesar de ter sido bem surpreendente) e não duvido nada que lá na frente, eles revelem que aquilo tudo não passou de uma trollagem para os fãs por algum motivo. O que é resta é esperar para ver né? Aguardemos.

Além da possível revelação de Prometheus, tivemos o julgamento de Oliver para saber se ele sofreria o impeachment ou não por conta ocultação quanto ao caso do detetive Malone e durante boa parte do episódio, tudo leva a crer que ele terá que contar não só com a sorte, mas com a boa vontade de alguns políticos e assim se vê numa situação difícil, fazendo com que Chase se ofereça para levar toda a culpa no lugar dele e Oliver obviamente não aceitando e o tornando advogado dele no caso. Thea também propõe dele culpar Malone para poder livrar sua cara, coisa que ele nega ficando assustando com a ideia de sua irmã e pela primeira vez, eu entendi real o que Oliver disse sobre Thea estar tendo uma identificação um pouco intensa demais quando ela acha que isso não é nada demais, apenas políticas. Não tive nenhuma raiva dela e inclusive entendi que ela s[o queria o bem de seu irmão e de Star City, mas tem certos limites que se forem ultrapassados nunca mais terão volta. Imaginem se Oliver aceita isso a revolta que iria causar em Felicity? E isso é somente uma das coisas que iria esmerdalhar rs
Apesar disso, Thea entra em contato com Felicity e pede para que ela descubra algum meio de chantagear o único político que pode decidir o futuro de Oliver, Felicity até a ajuda pelo “bem maior da nação”, mas após uma conversa com Diggle se sente culpada pelo que está fazendo e conta tudo para Oliver que vai conversar com Thea e escuta que sua irmã deu pra trás e se deu conta do quão fundo ela estava indo. Sendo assim, ela obriga Oliver a demiti-la e novamente resolve se afastar para se entender melhor. Minha gente, quantas vezes Thea precisa sumir para se entender melhor? Já ficou chato isso hein? SOS!

Uma relação que tem sido bem desenvolvida e divertida é a de Curtis e Rene, Rene sempre zoando Curtis e de uma forma ou de outra, fazendo com que ele se supere cada vez mais e aos poucos venha se tornando uma versão masculina de Felicity, apesar de também ir a campo testar suas invenções, coisa que dessa vez deu super certo para derrotar o Vigilante que estava determinado a matar Oliver, pois achou que ele compactou para a justiça não ser feita. E não foi uma única vez que ele tentou, primeiro foi quando ele praticamente explodiu o carro dele com Oliver, Thea e Dinah juntos. Mas, além de Oliver ter enfrentado ele cara a cara, Dinah de uma bela surra nele e arrasou, essa daí é outra que vem caminhando pra ser uma personagem que vou gostar cada vez mais. E a Thea falando que nunca mais entrará numa limousine com Oliver? ahahahaha… afinal, não foi a primeira vez né minha gente? É tanta tragédia com carros que super entendo ela 😛
E foi num embate entre Vigilante e Prometheus que descobrimos que Chase deve ser Prometheus, porque ele procura o Vigilante para esclarece que quem acabará com Oliver será ele e não o outro, assim eles travam uma briga e Prometheus acaba com a raça dele e, de repente, ele tira a máscara e se revela ser o Chase já ligando para a polícia para reportar o caso e aí a gente ficou como? Isso mesmo, com a cara no chão! Mas, como eu disse, eu ainda estou pagando pra ver se é isso mesmo. Tivemos também Chase ajudando Dinah a ficar com a prova do pedaço da viseira de Vigilante para que o Team Arrow fosse atrás do cara e Curtis pudesse usar suas poderosas bolas mágicas hahahaha
Por fim, tivemos Chase se mostrando cada vez mais próximo a Oliver e dizendo que eles são mais do que chefe e empregado e sim amigos. Ai gente, a pessoa é tão falsiane assim? Não consigo acreditar :/

Por falar em Curtis, tadinho do bichinho. Foi todo animado reencontrar seu ex-marido para descobrir que ele não queria voltar e sim o divórcio, morri de pena mas já imaginava isso porque achei fácil demais. Agora resta ver em que isso vai afetá-lo ou se ele vai resolver seguir em frente, eu shippo os dois, queria mas :/
Tivemos também um micro pedaço de Olicity quando Felicity conversa com Oliver e revela que para a cidade de Star City, o verdadeiro herói é Oliver Queen e ele dá aquele sorrisinho que só ela sabe tirar dele. Aiiiii saudades imensas Olicity! #mejulguem
E por falar na nossa nerd loira, ela acabou aceitando o convite da Helix e se juntou à eles para entrar no mundo dos hackitivistas de novo. Olha, sei não, mas sinto cheiro de grandes m*rdas vindo por aí por contar disso, vejamos…
No fim do episódio, vimos que Oliver resolve se culpar pelo caso Malone e revela numa coletiva que o verdadeiro culpado é o Arqueiro Verde dizendo que foi ele que decidiu matar policiais, claro que isso fará que novamente tenhamos uma perseguição ao nosso herói e não gosto muito dessa repetição, mas como agora temos Lance ao nosso lado e Pike já bem desconfiado, talvez seja hora do Chase/Prometheus agir. Por conta disso, os políticos decidem manter Oliver no poder e ele não perde seu posto de prefeito, pelo menos valeu a pena né?
Vemos também que Thea desfaz seu erro e Susan volta ao seu posto de jornalista importante e reata com Oliver (blaaaaaaargh!), mas no final Chase a encurrala para uma conversa deixando claro que ela não tem escolha e claramente a deixando com uma pulga atrás da orelha. Olha, só não quero ela morta porque Oliver vai se culpar horrores por isso, mas que ela podia sumir de vez podia, oh mulherzinha chata!

Semana passada não tivemos episódio novo e vejamos o que nos reserva o episódio dessa semana. E vocês, o que acharam? Gostaram de Prometheus ser o Chase ou assim como eu não acham que será fácil assim? Bom, pela promo o episódio promete e eu realmente estava enganada (snif). Opinem abaixo 🙂

Está no ar o 2º recrutamento de reviewers do Panela de Séries! Venha se juntar a nós paneleiros! Saiba mais clicando AQUI.

Caroline Azevedo
Caroline Azevedo

Complicada e perfeitinha. Me tira tudo, mas não me tira minhas séries e a música. Já que não tenho o meu mozão, shippo os mozões do mundo seriador: Delena, Captain Swan, Olicity e Zade são os principais. Entre os meus vícios, estão The Vampire Diaries, Once Upon A Time, The Originals, Arrow e Supernatural.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: