Posts Populares

Channel Zero: Butcher’s Block – S03E05 – The Red Door

O medo de ver a temporada acabar com cliffhanger é mais forte que tudo.

Aos que persistiram e seguem acompanhado a atual temporada de Channel Zero, tem sido, apesar da bagunça, uma temporada bastante envolvente, as únicas insatisfações que aparecem é com o ritmo da série, meio confuso e sorrateiro, mas é valido salientar que o rumo tomado pela trama me parece o certo. Se formos analisar por um lado, esta antologia tem a sorte de ter uma temporada curta, o que torna mais saudável toda essa ação. É legal perceber também o interesse dos produtores e roteiristas em procurarem impressionar-nos cada vez mais, pois sinto que é o aspecto que veio só a crescer, principalmente se formos analisarmos cada temporada à sua maneira.

Dito isso, tornou-se bem mais fácil falar sobre o episódio. É certo que algumas atuações e diálogos poderiam ser bem melhores, mas a variedade de desfechos e reviravoltas tem sido um fator determinante no desenvolvimento da estória que rege o mundo do Quarteirão do Açougueiro. Com os últimos acontecimentos, é possível concluir que a tensão da série está girando em torno de dois núcleos contendo, talvez, quatro plots consigo.

A cidade segue forte em travar uma batalha contra os Peaches, isto é nítido demais, mas as reviravoltas que vêm acontecendo são suficientes para consagrá-lo como núcleo mais impactante da série no momento, ainda mais agora nesse dilema que Louise encontra-se, não me sai da mente jamais as diversas possibilidades de ações a serem tomadas pelo grupo restante. Por outro lado, na mansão misteriosa, a vasta quantidade de plots assombra e intriga. Um embate entre as irmãs, que agora as vejo trocando de lugares de sanidade mental, o interesse de Joseph nelas e, mais recentemente, a presença de um tipo de entidade que manda, desmanda e é temido por todos. Tudo isso unido à bizarrice presente em toda a trama que acaba trazendo aquele clima de horror que o seriado necessita para nos prender ainda mais.

Mesmo que compreenda, é relativamente difícil aceitar o fato de que pouco saberemos sobre o passado dos personagens, inclusive as irmãs Alice e Zoe, que são as principais e possuem mais destaque, o aproveitamento de flashbacks ainda assim deixa a desejar. Vejo esta temporada como uma que relata a presença de um evento sobrenatural que assombra uma cidade num determinado período de tempo, ou talvez a exterminação, pois ninguém de nós realmente sabe. Contudo, em termos de fundamentação histórica, sinto-a um pouco rasa, e consequentemente pouco se conheceu sobre boa parte dos personagens. Imaginem que interessante descobrirmos de vez esse mistério do irmão de Louise, o início da ação dos Peaches, e os primeiros indícios de esquizofrenia de Zoe e sua mãe. Esta é a minha deixa de tristeza, mas não de insatisfação. Com isso, fica também a ansiedade pelo último episódio.

No mais, convido-os para conferirem o vídeo promocional para o season finale, bem como gostaria de lembra-los que podem sempre se sentir à vontade para comentarem sobre o episódio, review ou seriado em questão, uma vez que compartilhamento de opiniões é visto por mim como algo muito interessante. Apareçam, migxs. Abração e até a próxima!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Antonio Netto

Estudante de Engenharia Química. Pernambucano engraçado, dono de uma gargalhada única e de um sotaque marcante. Apaixonado por comida, séries, química e cálculos. Até gosta de estudar mas, sempre que pode, está pelo mundo curtindo e falando da vida alheia.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu