Posts Populares

Cobertura Oscar 2018

Noite de Oscar com algumas surpresas! 

Olá, pessoal! Nesse domingo, dia 04, tivemos a 90ª edição Oscar que encerra uma grande sequência de premiações das telonas. Pela 2ª vez seguida, Jimmy Kimmel foi o apresentador e em meio as várias piadas, já avisa que os vencedores não devem se levantar imediatamente assim que ouvir seus nomes, fazendo uma referência ao mico do ano passado onde La La Land já estava nos agradecimentos e o vencedor correto era Moonlight. #MICO

Foram quase 12 minutos de um blablabla sem fim do Jimmy, mas vale a pena destacar a parte onde ele enalteceu Greta Gerwig, que foi a 5ª mulher a ser indicada na categoria Melhor Diretor. Isso porque estamos na 90ª edição do Oscar, hein! Se dá pra ficar pior? Ahhh, sempre dá… apenas 2 mulheres venceram nessa categoria! E atualmente, 11% dos filmes são dirigidos por mulheres! Melhoremmm!!

Dando início a premiação, que teve esse ano um palco MARAVILHOSOOOOOOOOOO, a rainha do Panela de Séries, VIOLA DAVIS, que venceu a categoria Melhor Atriz Coadjuvante ano passado foi a responsável por entregar o 1º prêmio da noite na categoria Melhor Ator Coadjovante que teve Sam Rockwell como vencedor. Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Willem Dafoe (Projeto Flórida)
  • Woody Harrelson (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Richard Jenkins (A Forma Da Água)
  • Sam Rockwell (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Christopher Plummer (Todo o Dinheiro do Mundo)

Na sequência, entregaram 2 prêmios de categorias técnicas! O filme O Destino de uma Nação venceu a categoria Melhor Maquiagem e Penteados.

Enquanto o filme Trama Fantasma, venceu a categoria Melhor Figurino. Vale a pena destacar que o filme conta a história de um renomado estilista dos anos 50, Reynolds Woodcock e sua irmã Cyril que vestia a realeza britânica. Ou seja, prêmio merecidíssimo o deles! 🙂 O filme também concorria em outras 3 categorias, mas saiu apenas com uma estatueta.

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

O documentário Icarus foi o vencedor da noite na categoria Melhor Documentário em Longa-metragem e fala sobre a história do ciclista amador que é envolvido em um escândalo de doping com a ajuda de uma laboratório antidoping. Confira AQUI o discurso de agradecimento dos produtores. Recentemente a Netflix comprou os direitos de distribuição do documentário, então podemos dizer que a Netflix tem um Oscar? hahaha

Assim como todos os anos, ocorre a apresentação das canções indicadas e Mary J Blige foi a primeira a subir ao palco cantando a música “Mighty River” do filme Mudbound, do qual ela também atua.  😉

Essas são categorias primas, como disse Luana no nosso Twitter! Na categoria Melhor Edição de Som o filme Dunkirk saiu como vencedor…

  • Em Ritmo de Fuga
  • Blade Runner 2049
  • Dunkirk
  • A Forma Da Água
  • Star Wars: Os Últimos Jedi

E também deu Dunkirk na categoria Melhor Mixagem de Som! Concorriam com filmes diferentes, mas acabou levando ambos os prêmios. 🙂

  • Star Wars: Os Últimos Jedi
  • Em Ritmo de Fuga
  • Blade Runner 2049
  • Dunkirk
  • A Forma Da Água

Ainda falando de prêmios técnicos, a categoria Melhor Direção de Arte premiou o filme A Forma da Água, sendo esse o primeiro prêmio do filme na noite.

  • A Bela e a Fera (Sarah Greenwood e Katie Spencer)
  • Blade Runner 2049 (Dennis Gassner e Alessandra Querzola)
  • O Destino de Uma Nação (Sarah Greenwood e Katie Spencer)
  • Dunkirk (Nathan Crowley e Gary Fettis)
  • A Forma da Água (Paul Denham Austerberry, Shane Vieau e Jeff Melvin)

Viva o México! hahaha Pra cantar “Remember Me” do filme Viva – A Vida é uma Festa, Gael García Bernal (que dá a voz ao personagem principal do filme) inicia a apresentação numa versão acústica meio desafinada, seguido de Miguel e Natalia Lafourcade que agitam o palco.

Esse é pra morrer de orgulho! Na categoria Melhor Filme em Língua Estrangeira, o vencedor foi o filme chileno Uma Mulher Fantástica (A Fantastic Woman) que possui a cantora e atriz transexual Daniela Vega como protagonista! Confira AQUI o discurso de agradecimento. Na história, Daniela interpreta Marina, uma jovem de luto e vítima dos preconceitos da conservadora sociedade chilena, até que decide lutar para se mostrar uma mulher forte, corajosa, digna… Uma mulher fantástica! 

  • A Fantastic Woman (Chile)
  • The Insult (Líbano)
  • Loveless (Rússia)
  • On Body and Soul (Hungria)
  • The Square (Suécia)

Mahershala Ali, que venceu a categoria Melhor Ator Coadjuvante ano passado, entregou o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante à Allison Janney, do filme Eu, Tonya. Confira AQUI o discurso de agradecimento da atriz.

  • Allison Janney (Eu, Tonya)
  • Mary J. Blige (Mudbound)
  • Lesly Manville (Trama Fantasma)
  • Laurie Metcalf (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Octavia Spencer (A Forma Da Água)

Quem diria que um ex-jogador de basquete iria levar um Oscar?! hahahaha Na categoria Melhor Curta de Animação, o vencedor foi Dear Basketball que teve sua história inspirada na carta de despedida escrita por Kobe Bryant, que inclusive ajudou a produzir a animação ao lado de Glen Keane! Ponto pra ele! \o/ Confira AQUI o discurso de agradecimento.

  • Dear Basketball (Glen Keane e Kobe Bryant)
  • Garden Park (Gabriel Grapperon e Victor Caire)
  • Lou (Dave Mullins e Dana Murray)
  • Negative Space (Ru Kuwahata e Max Porter)
  • Revolting Rhymes (Jan Lachauer e Jakob Schuh)

Por outro lado, sem qualquer grande concorrência, o filme Coco chamado no Brasil de Viva: A Vida é uma Festa venceu a categoria Melhor Animação. É tão fofinho! ♥ Confira AQUI o discurso de agradecimento.

  • O Poderoso Chefinho (The Boss Baby)
  • The Breadwinner
  • Viva: A Vida é uma Festa (Coco)
  • O Touro Ferdinando (Ferdinand)
  • Com Amor, Van Gogh (Loving Vincent)

Mais uma apresentação! Sufjan Stevens canta a música “Mystery of Love” do filme Me Chame Pelo Seu Nome. Vários paneleiros pegaram seus lencinhos pra enxugar as lágrimas nessa hora… #FofocaDeBastidor

Na categoria Melhor Efeitos Especiais eu fiquei bem chocada com a derrota do Planeta dos Macacos, viu! O vencedor da noite foi Blake Runner 2049!

  • Blade Runner 2049 (Gerd Nefzer, John Nelson, Paul Lambert e Richard Hoover)
  • Guardiões da Galáxia Vol. 2 (Christopher Townsend, Guy Williams, Jonathan Fawkner e Dan Sudick)
  • Kong: Ilha da Caveira (Stephen Rosenbaum, Jeff White, Scott Benza e Mike Meinardus)
  • Star Wars: Os Últimos Jedi (Stephen Aplin, Chris Corbould, Ben Morris e Neal Scanlan)
  • Planeta dos Macacos: A Guerra (Daniel Barrett, Dan Lemmon, Joe Letteri e Joel Whist)

Na categoria Melhor Edição e Montagem, o vencedor foi Dunkirk que encerrou sua cota de prêmios na noite levando 3 estatuetas das 7 das quais concorria.

  • Em Ritmo de Fuga (Paul Machliss e Jonathan Amos)
  • Dunkirk (Lee Smith)
  • Eu, Tonya (Tatiana S. Riegel)
  • A Forma Da Água (Sidney Wolinsky)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Jon Gregory)

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

Na categoria Melhor Documentário em Curta-metragem o vencedor foi Heaven Is a Traffic Jam on the 405, que conta a história da artista Mindy Alper que foi torturada e ficou por um período de 10 anos sem falar, até que sua auto-consciência secreta permitiu que ela produzisse um corpo de trabalho vitalício que expressasse seu estado emocional com poderosa precisão psicológica. Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Edith+Eddie (Laura Checkoway e Thomas Lee Wright)
  • Heaven Is a Traffic Jam on the 405 (Frank Stiefel)
  • Heroin(e) (Elaine McMillion e Kerrin Sheldon)
  • Knife Skills (Thomas Lennon)
  • Traffic Stop (Kate Davis e David Heilbroner)

Já em Melhor Curta-metragem, o vencedor foi The Silent Child que relata a história de uma garota surda de 4 anos que aprende a língua de sinais por uma assistente social. No agradecimento, a atriz e roteirista Rachel Shenton usou a linguagem de sinais e foi um lindo momento, confiram AQUI.

  • Dekalb Elementary (Reed van Dyk)
  • The 11 o’ clock (Derin Seale e Josh Lawson)
  • My Nephew Emmett (Kevin Wilson, Jr.)
  • The silent Child (Chris Overton e Rachel Shenton)
  • Waty Wote/All of us (Katja Benrath e Tobias Rosen)

A cantora Andra Day e o rapper Commom cantaram a música “Stand Up For Something” do filme Marshall.

Linda mensagem das atrizes Ashley Judd, Annabella Sciorra e Salma Hayek mostrando o apoio ao Movimento Time’s Up!

A indústria precisa se tornar curiosa sobre a essência da humanidade (Salma Hayek)

Na categoria Melhor Roteiro Adaptado, o vencedor foi o filme Me Chame Pelo Seu Nome, com roteiro em nome de James Ivory. Paneleiros em festa! hahahaha O filme concorria em 3 categorias e venceu apenas 1 delas. Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Artista Do Desastre (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
  • Me Chame Pelo Seu Nome (James Ivory)
  • A Grande Jogada (Aaron Sorkin)
  • Logan (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
  • Mudbound (Virgil Williams and Dee Rees)

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

Já em Melhor Roteiro Original, o vencedor foi o filme Corra! com roteiro de Jordan Peele. O filme concorria em 4 categorias e levando apenas 1 também. Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Lady Bird: É Hora De Voar (Greta Gerwig)
  • Doentes de Amor (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
  • Corra! (Jordan Peele)
  • A Forma Da Água (Guillermo del Toro)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Martin McDonagh)

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

E finalmente Roger Deakins foi reconhecido pela Academia! Ele levou o Oscar na categoria de Melhor Fotografia pelo filme Blade Runner 2049! Merecidíssimo! Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • O Destino De Uma Nação (Bruno Delbonnel)
  • Blade Runner 2049 (Roger Deakins)
  • Dunkirk (Hoyte van Hoytema)
  • Mudbound (Rachel Morrison)
  • A Forma Da Água (Dan Laustsen)

Encerrando as apresentações da noite, Keala Settle canta “This Is Me”, música que ela mesma canta no filme O Rei do Show. Minha favorita! ♥

Na categoria Melhor Trilha Sonora, o prêmio fica com A Forma da Água que tem a assinatura do famosíssimo Alexandre Desplat. hahahaha

  • Dunkirk
  • Trama Fantasma
  • A Forma Da Água
  • Star Wars: Os Últimos Jedi
  • Três Anúncios Para Um Crime

Aqui temos uma surpresa! Na categoria Melhor Canção Original, a canção vencedora foi “Remember Me” de Viva – A Vida é uma Festa! Eu realmente achei que O Rei do Show levaria nessa categoria! hahahaha Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • “Remember Me” (Viva – A Vida é uma Festa)
  • “Mighty River” (Mudbound)
  • “Mystery of Love” (Call me by your name)
  • “Stand Up For Something” (Marshall)
  • “This Is Me” (O Rei do Show)

E a homenagem póstuma a todos aquelas que nos deixaram em 2017 ficou por conta de Eddie Vedder cantando “Room At The Top” do Tom Petty. Pegue o lencinho e vem com a gente!

Emma Watson, vencedora da categoria de Melhor Atriz ano passado, entrega o prêmio de Melhor Diretor a Guillermo del Toro pelo filme A Forma da Água. Sem grandes surpresas aqui, ne non?! Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Martin McDonagh (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Jordan Peele (Corra!)
  • Greta Gerwig (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Paul Thomas Anderson (Trem Fantasma)
  • Guillermo del Toro (A Forma Da Água)

As divas Jane Fonda e Helen Mirren que vão entregar o prêmio da categoria Melhor Ator… que honra! ♥ E sem qualquer suspense, elas anuncia que Gary Oldman é o vencedor, pelo filme O Destino de uma Nação. Sendo assim, o filme que havia recebido 6 indicações, sai com 2 estatuetas. Confira AQUI seu discurso de agradecimento.

  • Timothée Chalamet (Me Chame Pelo Seu Nome)
  • Daniel Day-Lewis (Trem Fantasma)
  • Daniel Kaluuya (Corra!)
  • Gary Oldman (O Destino De Uma Nação)
  • Denzel Washington (Roman J. Israel, Esq.)

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

Pela feliz ausência de Casey Affleck (que foi denunciado por assédio sexual), Jennifer Lawrence e Jodie Foster entregaram o prêmio de Melhor Atriz à Frances McDormand pela sua atuação no filme Três Anúncios Para Um Crime. Já era esperado, não é?! E também era esperado que ela reinasse em seu discurso de agradecimento! hahahaha  Confira AQUI esse discurso brilhante!! ♥

  • Sally Hawkins (A Forma Da Água)
  • Frances McDormand (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Margot Robbie (Eu, Tonya)
  • Saoirse Ronan (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Meryl Streep (The Post – A Guerra Secreta)

“Se eu puder ter a honra de ter todas as mulheres indicadas em todas as categorias aqui em pé comigo nesta sala esta noite. Todas nós temos histórias para contar e projetos para financiar. Não falem conosco sobre isso nas festas esta noite. Nos convidem para seus escritórios daqui uns dias. Ou podem ir aos nossos, o que for melhor e contaremos tudo sobre eles. Tenho 3 palavras para deixar com vocês esta noite, senhoras e senhores: cláusula de inclusão.”

Falando nisso, o filme Três Anúncios Para Um Crime que havia recebido 8 indicações, recebeu apenas 2 estatuetas.

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

E por fim, a categoria principal da noite ficará nas mãos novamente de Faye Dunaway e Warren Beatty, que foram os protagonistas do mico do ano passado! hahahaha Amo esse Oscar trabalhado no shade! 😉

Brincadeiras a parte, o vencedor da categoria Melhor Filme foi A Forma da Água, que levou 4 estatuetas das 13 as quais concorria. Confira AQUI o discurso de agradecimento do elenco.

  • Dunkirk
  • Me Chame Pelo Seu Nome (Call Me By Your Name)
  • O Destino De Uma Nação (Darkest Hour)
  • Corra! (Get Out)
  • Lady Bird – É Hora De Voar (Lady Bird)
  • Trama Fantasma (Phantom Thread)
  • The Post – A Guerra Secreta (The Post)
  • A Forma Da Água (Shape of the Water)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Three Billboards Outside Ebbing, Missouri)

CONFIRA NOSSA ANÁLISE SOBRE O FILME

E com isso, encerro mais uma premiação! O que acharam dos vencedores da noite? Espero vocês nos comentários e até a próxima! 😉

Confira abaixo todos os vencedores.

Melhor Filme

  • Dunkirk
  • Me Chame Pelo Seu Nome (Call Me By Your Name)
  • O Destino De Uma Nação (Darkest Hour)
  • Corra! (Get Out)
  • Lady Bird – É Hora De Voar (Lady Bird)
  • Trama Fantasma (Phantom Thread)
  • The Post – A Guerra Secreta (The Post)
  • A Forma Da Água (Shape of the Water)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Three Billboards Outside Ebbing, Missouri)

Melhor Diretor

  • Martin McDonagh (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Jordan Peele (Corra!)
  • Greta Gerwig (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Paul Thomas Anderson (Trem Fantasma)
  • Guillermo del Toro (A Forma Da Água)

Melhor Ator

  • Timothée Chalamet (Me Chame Pelo Seu Nome)
  • Daniel Day-Lewis (Trem Fantasma)
  • Daniel Kaluuya (Corra!)
  • Gary Oldman (O Destino De Uma Nação)
  • Denzel Washington (Roman J. Israel, Esq.)

Melhor Atriz

  • Sally Hawkins (A Forma Da Água)
  • Frances McDormand (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Margot Robbie (Eu, Tonya)
  • Saoirse Ronan (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Meryl Streep (The Post – A Guerra Secreta)

Melhor Ator Coadjuvante

  • Willem Dafoe (Projeto Flórida)
  • Woody Harrelson (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Richard Jenkins (A Forma Da Água)
  • Sam Rockwell (Três Anúncios Para Um Crime)
  • Christopher Plummer (Todo o Dinheiro do Mundo)

Melhor Atriz Coadjuvante

  • Allison Janney (Eu, Tonya)
  • Mary J. Blige (Mudbound)
  • Lesly Manville (Trama Fantasma)
  • Laurie Metcalf (Lady Bird: É Hora De Voar)
  • Octavia Spencer (A Forma Da Água)

Melhor Roteiro Original

  • Lady Bird: É Hora De Voar (Greta Gerwig)
  • Doentes de Amor (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
  • Corra! (Jordan Peele)
  • A Forma Da Água (Guillermo del Toro)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Martin McDonagh)

Melhor Roteiro Adaptado

  • Artista Do Desastre (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
  • Me Chame Pelo Seu Nome (James Ivory)
  • A Grande Jogada (Aaron Sorkin)
  • Logan (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
  • Mudbound (Virgil Williams and Dee Rees)

Melhor Animação

  • O Poderoso Chefinho (The Boss Baby)
  • The Breadwinner
  • Viva: A Vida é uma Festa (Coco)
  • O Touro Ferdinando (Ferdinand)
  • Com Amor, Van Gogh (Loving Vincent)

Melhor Filme em Língua Estrangeira

  • A Fantastic Woman (Chile)
  • The Insult (Líbano)
  • Loveless (Rússia)
  • On Body and Soul (Hungria)
  • The Square (Suécia)

Melhor Documentário em Longa-metragem

  • Abacus: Small Enough to Jail (Steve James, Mark Mitten e Julie Goldman)
  • De sidste mænd i Aleppo (Feras Fayyad, Kareem Abeed e Søren Jespersen)
  • Icarus (Bryan Fogel e Dan Cogan)
  • Strong Island (Yance Ford e Joslyn Barner)
  • Visages, villages (Agnès Varda, JR e Rosalie Varda)

Melhor Documentário em Curta-metragem

  • Edith+Eddie (Laura Checkoway e Thomas Lee Wright)
  • Heaven Is a Traffic Jam on the 405 (Frank Stiefel)
  • Heroin(e) (Elaine McMillion e Kerrin Sheldon)
  • Knife Skills (Thomas Lennon)
  • Traffic Stop (Kate Davis e David Heilbroner)

Melhor Curta-metragem

  • Dekalb Elementary (Reed van Dyk)
  • The 11 o’ clock (Derin Seale e Josh Lawson)
  • My Nephew Emmett (Kevin Wilson, Jr.)
  • The silent Child (Chris Overton e Rachel Shenton)
  • Waty Wote/All of us (Katja Benrath e Tobias Rosen)

Melhor Curta de Animação

  • Dear Basketball (Glen Keane e Kobe Bryant)
  • Garden Park (Gabriel Grapperon e Victor Caire)
  • Lou (Dave Mullins e Dana Murray)
  • Negative Space (Ru Kuwahata e Max Porter)
  • Revolting Rhymes (Jan Lachauer e Jakob Schuh)

Melhor Trilha Sonora

  • Dunkirk
  • Trama Fantasma
  • A Forma Da Água
  • Star Wars: Os Últimos Jedi
  • Três Anúncios Para Um Crime

Melhor Canção Original

  • “Remember Me” (Viva – A Vida é uma Festa)
  • “Mighty River” (Mudbound)
  • “Mystery of Love” (Call me by your name)
  • “Stand Up For Something” (Marshall)
  • “This Is Me” (O Rei do Show)

Melhor Edição de Som

  • Em Ritmo de Fuga
  • Blade Runner 2049
  • Dunkirk
  • A Forma Da Água
  • Star Wars: Os Últimos Jedi

Melhor Mixagem de Som

  • Star Wars: Os Últimos Jedi
  • Em Ritmo de Fuga
  • Blade Runner 2049
  • Dunkirk
  • A Forma Da Água

Melhor Direção de Arte

  • A Bela e a Fera (Sarah Greenwood e Katie Spencer)
  • Blade Runner 2049 (Dennis Gassner e Alessandra Querzola)
  • O Destino de Uma Nação (Sarah Greenwood e Katie Spencer)
  • Dunkirk (Nathan Crowley e Gary Fettis)
  • A Forma da Água (Paul Denham Austerberry, Shane Vieau e Jeff Melvin)

Melhor Fotografia

  • O Destino De Uma Nação (Bruno Delbonnel)
  • Blade Runner 2049 (Roger Deakins)
  • Dunkirk (Hoyte van Hoytema)
  • Mudbound (Rachel Morrison)
  • A Forma Da Água (Dan Laustsen)

Melhor Maquiagem e Penteados

  • O Destino de Uma Nação (David Malinowski, Lucy Sibbick e Kazuhiro Tsuji)
  • Victoria & Abdul (Daniel Phillips e Lou Sheppard)
  • Extraordinário (Arjen Tuiten)

Melhor Figurino

  • A Bela e a Fera (Jacqueline Durran)
  • O Destino De Uma Nação (Jacqueline Durran)
  • Trama Fantasma (Mark Bridges)
  • A Forma Da Água (Luis Sequeira)
  • Victória e Abdul (Consolata Boyle)

Melhor Edição e Montagem

  • Em Ritmo de Fuga (Paul Machliss e Jonathan Amos)
  • Dunkirk (Lee Smith)
  • Eu, Tonya (Tatiana S. Riegel)
  • A Forma Da Água (Sidney Wolinsky)
  • Três Anúncios Para Um Crime (Jon Gregory)

Melhor Efeitos Especiais

  • Blade Runner 2049 (Gerd Nefzer, John Nelson, Paul Lambert e Richard Hoover)
  • Guardiões da Galáxia Vol. 2 (Christopher Townsend, Guy Williams, Jonathan Fawkner e Dan Sudick)
  • Kong: Ilha da Caveira (Stephen Rosenbaum, Jeff White, Scott Benza e Mike Meinardus)
  • Star Wars: Os Últimos Jedi (Stephen Aplin, Chris Corbould, Ben Morris e Neal Scanlan)
  • Planeta dos Macacos: A Guerra (Daniel Barrett, Dan Lemmon, Joe Letteri e Joel Whist)

Talvez Você também goste de...

18.09.2018 Cobertura Emmy 2018
14.07.2018 Indicados Emmy 2018

gostou da matéria? deixe um comentário!

Clarice Calil

Engenheira de Computação, apaixonada por The Voice, tanto é que virou legender e dona do Grupo Sub Voice! No Panela de Séries comentará sobre o The Voice, fará as coberturas das premiações e irá se aventurar em algumas séries. E também cuidará da administração do site, afinal backstage é com ela mesma.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu