Posts Populares

Dancing Brasil – S02E06 – Magia do Circo

O Dancing Brasil me surpreende em muitas coisas e hoje não foi em coreografias incríveis…

Boa noite gente, hoje é dia de #DancingBrasil. E como toda semana temos um tema diferente para interpretação, música, melodia, figurino etc, o de hoje é #MagiaDoCirco.

Após a eliminação de Carlos Bonow, temos apenas 7 casais restantes, e como dito na review anterior, Yudi é o único homem restante dos famosos.

Obs: Carla Prata não vai dançar esta noite depois de um ensaio hoje mesmo no período da tarde. Assim como Alinne Rosa que teve uma lesão ainda mais grave. Ambas ficarão afastadas uma semana. Poooxa, duas ao mesmo tempo é foda. Sergio Marone passou uma informação após anunciar as lesões, segundo ele a partir da semana que vem, do episódio 07, quem se machucar será automaticamente desclassificado do programa.

ABERTURA: Foi uma apresentação dos candidatos restantes devidamente caracterizados com roupas circenses. Xuxa tentou ali brincar um pouco com o bastão e se deu bem. No mais, após a apresentação dos candidatos, foi feita uma breve apresentação com várias atividades circenses. Foi bem fraco, esperava mais, com mais interação.

Para hoje conto novamente com os comentários de Clarice e Carlos, meus queridinhos oficiais do juri técnico.

*
*
*
*

JAQUELINE & MARCELO
RITMO: PASO DOBLE

JEAN: Eu adorei no geral da apresentação, a interpretação dela no rosto foi muito boa, a pisada forte foi ótima, o duelo ficou claro e o circo ficou claro. Senti falta dos braços arqueados mais parte do tempo. A extensão da perna poderia ter sido maior, senti falta apenas em um momento, sei da dificuldade dela devido as cirurgias e adorei que o professor adaptou a coreografia para que não sentíssemos muita falta.

CLARICE: Queria entender a implicância do juri com a Jaque, eles elogiam, criticam e as notas seguem medianas! Gostei da performance dela hoje, foi um Paso Doble intenso, os pernões dela ajudaram. Trouxeram o circo de forma favorável, adorei o lance da roupa e o final que ficou diferente da morte do touro/toureiro. Jaque tem uma postura incrível e isso favoreceu no Paso Doble, seu carão também estava ótimo. Depois que Carlos comentou, revi a performance e de fato, isso dela pegar na saia pelo meio não ficou legal, o ideal seria nas pontas. Mas o saldo foi positivo!

CARLOS: Jaque é intensa, eu gosto dela. Tem muita perna, faz as linhas e tal. Teve uma coreografia boa e bem ambiciosa, mas com uma série de errinhos. No giro que ela fez pelas costas, no movimento da saia que ela segurou muito no meio, teria que ter segurado mais na ponta e em alguns outros momentos também. Mas teve uma pegada bem feita. A postura do paso tem que ter o quadril bem encaixado e isso tira um pouco o eixo… enfim… Esse truque de câmera aí deu vontade de rir… hehehehe

(8-8-8)

*
*
*

SUZANA & TUTU
RITMO: TANGO

JEAN: Ai que delícia, meu casal preferido no ritmo que mais amo. Adorei mas senti falta, muita falta, muitíssima falta do entrelaçar das pernas. O circo esteve muito presente, esse ar cômico. Ficou um pouco muito grosseiro essa diferença, mas ficou legal. A postura dela é impecável, a posição das mãos no ombro do professor, os giros ficaram lindos, em casal e solo da Suzana. As finalizações ficaram lindas, ela é bem perfeita nisso. O tango só não foi muito bom porque senti falta do entrelaçar, dos ganchos. Uma altura dessa da competição, depois de duas temporadas, essa falta é perigosíssima.

CLARICE: Antes de comentar de fato essa performance, lá fui eu estudar um pouco sobre o tango argentino e esportivo… e cheguei a conclusão que o Tango Argentino é meu favorito só pelo fato de ter o entrelaçar nas pernas, todos esses ganchos maravilhosos e afins. O tango esportivo é bonito, impactante, mas perde a essência daquilo que estamos acostumados a ver. O teatrinho me incomodou, quebrou a performance e perdeu a sequência dos movimentos pois toda hora eles paravam pra encenar a tentativa do beijo roubado. Tutu, você toma jeito e não estrague minha Suzana! Enfim, pior performance deles na competição, ao meu ver! 🙁

CARLOS: Foi arriscado do Tutu fazer um tango esportivo (1) porque o estilo não é muito conhecido no Brasil, (2) porque o tango argentino tem uma tradição forte no nosso país. Tecnicamente tem boas figuras desse estilo, mas faltou mais impulso, não sei… o finalzinho também foi meio estranho, mas não foi ruim, mas acho que foi a pior dança dela. Acho que um tango argentino seria uma escolha bem melhor.

(8-9-9)

*
*
*

MILENE & RAFAEL
RITMO: JIVE

JEAN: Não gostei muito desse Jive, eu vi Jive mas não todo o tempo. Começaram bem, mas depois a sincronia se perde total, principalmente no climax da música. Rafa trabalhou bem na coreografia, trouxe o ponto auge da performance concordando com a música. A bola pra mim perdeu total o ritmo, nada a ver, a tentativa de trazer o circo ai pra mim foi falha.

CLARICE: E o prêmio de superação do ano vai para… MILENE DOMINGUES! hahahaha Quando vi que seria Jive, logo pensei: FUDEU! hahaha Só que fui surpreendida por uma Milene alegre, mais solta, mais leve, que mesmo cometendo alguns erros, fez sua melhor performance na competição. Adorei que trouxeram a bola, algo com a qual ela se familiariza e que fez sim a referência com o circo, mas a falha na sincronia não é algo que dá pra ignorar. No entanto, pelo conjunto da obra e superação… Milene ahazou! hahaha

PS. Só não arrasou pra um 9, né?! Forçaram amizade ali! 😉

CARLOS: Como disse um amigo, a Milene é boa no ensaio e quando chega no pega pra capar, ela dá uma travada. A coreografia tava bem boa. Gostei do figurino. Ela tava simpática mas faltou energia. A referência na bola foi legal, mas um pouco longa, embora não comprometa pra mim. O erro de sincronia foi grande e marcou. Eu já falei isso há umas duas semanas e repito: ela ainda não tá pronta pros solos, tem que ir sempre na mão do professor pois assim ela rende. No geral, gostei, mas achei a nota alta.

(9-8-9)

*
*
*

YUDI & BARBARA
RITMO: SAMBA

JEAN: Gente, eu adorei a coregrafia, a agilidade dele é incrível. O samba teve presente mas senti falta do samba em casal e do samba em solo. Essas taças ao longo de toda apresentação eu não gostei, jogasse fora isso menino, não precisa disso pra lembrar o circo.

CLARICE: Jaime havia dito no início do programa pra não deixar o circo ser maior do que a dança… e infelizmente, Yudi e Barbara deixaram isso acontecer. Tudo ia bem até a metade da coreografia, quando percebi que ele não ia largar aquela bandeja por nada nesse mundo. Fiquei incomodada demaaaais! Me arrisco a dizer que foi algo pra encobrir o samba ou a falta dele do Yudi. Mas é impossível não destacar a alegria dessa coreografia, é algo que a gente assiste e sem perceber já está sorrindo. A música ULTRA NOSTÁLGICA de Xuxa com Renato Aragão achei que ficou ótimo também. hahahaha

CARLOS: Esperava por essa música, mas nunca pensei em ver como samba. Foi interessante. Essa bandeja me deu agonia o número todo. Acho que teve até muitos passos de samba de gafieira, sabe? Vi escovinha, puladinho e tal… cenicamente foi bacana, mas o teatrinho foi maior que a dança. Eles são excelentes não precisavam ter ido tão longe na encenação. Esperava mais e acho que eles renderiam mais. Quero que eles usem samba na Redemption Dance porque podem e eu queria ver. 😊

(9-8-8)

*
*
*

LEXA & TÉO
RITMO: QUICKSTEP

JEAN: Foi um quickstep bem ágil. Concordo com Paulo, eles evoluíram bastante ao lango da competição. Lexa confessou que sapateia e então está justificado o arraso no sapateado. Avaliando no geral, parece que faltou alguma coisa a mais, não sei se foi apenas joelho ou falta de efeitos, criatividade coreográfica.

CLARICE: Olhaaaa a Lexa arrasando no sapateado! Jamais imaginaria isso dela… e foi uma ótima introdução pro Quickstep. Por vários momentos me incomodei com a postura dela, algo não parecia estar no lugar, mas ela tem um gingado que ficou bem legal no quick. Saldo foi positivo… 🙂

PS. Lembro que na 1ª temporada ficaram no pé de Mika por causa das várias vezes que ele dançava de boca aberta fazendo… quedê essa mesma crítica a Lexa? Fica tão feio! hahahaha

CARLOS: A coreografia estava incrivelmente boa – surpreendente para o Téo (com clara inspiração de Shawn e Derek? talvez…). Deixando de lado minha porção cricri (rsrsrs), o número tava bom. Ela tava na dança. Teve bom ritmo. O uso do sapateado foi muito bom no começo. O pior erro foi a postura que oscilou, às vezes o ombro tava alto. Mas foi uma dança legal.

(9-8-9)

*
*
*
*

Assim, o ranking desta semana com dois casais ausentes é:

*
*
*

E a #ZonaDeRisco está composta por:

JAQUELINE & MARCELO
YUDI & BÁRBARA
LEXA & TÉO
MILENE & RAFAEL

SUZANA & TUTU

*
*
Obs: Chocado com este bottom 5. Mas vendo o que foi apresentado hoje, a Milene foi a que menos se destacou e a que mais senti falta de elementos coreográficos. Suzana e Yudi, pecaram nos ganchos e no samba no pé, respectivamente, e mesmo assim são meus preferidos.

APRESENTAÇÃO DOS PROFESSORES: Porra que foda foi isso, socorro, não tem nem como comentar todas as informações, mas aquele Tango, socorro, que tango foda da porra, rápido, alto, forte, angular, ganchos, aéreos, foi tudo, foram 30 s de tango, mas do melhor tango. E os espelhos no fim que eu achei que era um punhado de gêmea dançando.

*
*
*

E o casal eliminado da noite foi:

*
*
NENHUM FOI ELIMINADO, AMÉÉÉÉÉM JESUS!!!!!!!
AMÉÉM PORRAAAAA!!

Forte beijo e abraço a todos meus amores, não deixem de comentar/dar seus palpites de todas as performances, de destacar principalmente o melhor da noite.

*
**
***
****
*****

TEMA DA PRÓXIMA SEMANA: Será surpresa, aff haha

gostou da matéria? deixe um comentário!

  • Emerson

    Belíssimo número dos profissionais. Mas fico triste por se basearem tanto em números já apresentados em outras versões do programa. Jogo de luzes, espelho, câmeras, até sequências de passos fizeram igual. Vivien Fortes, como coreógrafa do programa, deveria ficar atenta a essas coisas. Não é a primeira vez nem a segunda que fazem isso. O programa sempre alcança os TT’s mundiais, e isso acaba gerando visibilidade a nível internacional. O Dancing With The Stars é um tremendo sucesso nos EUA, e os gringos logo perceberam a referência com a coreografia apresentada pelo Derek Hough (https://youtu.be/kLSc69Pnc5Y). Admiro que os profissionais consigam realizar coreografias desse porte, e entendo que fazer algo que nenhuma outra pessoa já tenha feito é difícil. Sempre verão semelhanças em uma coisa ou outra. Talvez faça parte do acordo entre as produtoras realizarem, reproduzirem coreografias já existentes, mas não custa darem o crédito da coreografia original.

    • Jean César Marinozi

      Que bapho, sabia disso não.

  • Alice

    Aquela noite em que nenhuma dupla foi ruim e nenhuma foi tão melhor que as outras a ponto de se destacar.

    Quem teve técnica deixou a desejar na coreografia e quem teve coreografia boa pecou na técnica.

    Pelo desempenho, coloco a Suzana um pouquinho superior aos outros (Apesar de tango sem o jogo pernas pra mim não ser tango, mas aí o problema é da tal modalidade tango esportivo e não dela). O Yudi foi difícil avaliar porque houve ceninhas demais e dança de menos. Milene evoluiu visivelmente (queimei um pouco a minha língua haha) e fez um jive bem agradável, mas a falta de sincronia foi gritante, sinceramente não entendi as notas altas.

    Minha ordem e melhor pra pior seria:

    Suzana
    Lexa
    Yudi
    Jaqueline
    Milene

    Uma pena a Aline e a Carla estarem lesionadas, torcendo pra uma rápida recuperação.

    Ps. Só eu que achei o figurino da Xuxa ridículo ontem? Sem contar na economia de pano no figurino nas mulheres, pra que mostrar tanto?

    • Jean César Marinozi

      hahahaha raxei com o comentário dos figurinos, realmente, as vezes os figurinistas do quadro se superam.
      Eu também passei um sufoco de pensar em perder a Suzana.

Jean Marinozi

Maringaense, 25 anos, pisciano. Amo refletir, observar, abraçar e rebolar. Acompanho e adoro com muita força competições de música e dança. Tenho paixão por Drag queens e meu sonho é abrir um espacate.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu