Posts Populares

Dark – S01E02 – Lies

“Talvez a gente nunca saiba quem alguém realmente é.”

Pelo visto os mistérios em Winden estão aumentando, ou melhor, vindo à tona. Neste segundo episódio denominado “mentiras”, foram apresentadas mais evidências para desvendarmos juntos. Cada vez mais, fica forte o indício que o suicídio de Michael, pai de Jonas, era para manter um segredo muito mais que comprometedor.

Lembra da frase de Mikkel no episódio anterior sobre “alguém morto querer ser achado”? De uma certa forma, ela começa a fazer sentido neste segundo episódio, só que desta vez “Os segredos querem ser descobertos” – o mapa misterioso encontrado por Jonas, no atelier de seu pai, acabam fortalecendo esta frase. Não é verdade? E o que dizer do estranho que chegou em Winden? Quem será que ele é? Um aliado ou inimigo da conspiração desta cidadezinha pacata e boa de se morar? #SQN

Chegou a hora de pegarmos nossos cadernos de anotações, preenchermos nossos portfólios de evidências, porque mais detalhes foram apresentados em Dark. Sendo assim, #PartiuReview.

Desde o início os slogan da série é “a pergunta não e como, mas quando”, e isso ficou muito bem claro neste segundo episódio. A viagem no tempo é o foco deste mistério, porém qual o seu propósito? Lembra que no primeiro episódio Ines, avó de Jonas, estava escutando no rádio sobre a usina nuclear da cidade? Está claro que o local é o responsável por esses problemas, mas qual o objetivo? Será que a carta de Michael ele conta o que deveria ser contado?

A autópsia do corpo do garoto localizado na floresta, apresentou indícios aparentemente inexplicáveis, como o derretimento de seus olhos e os tímpanos estourados – este último provocado por uma espécie de centrífuga, conforme a médica legista. Então conclui-se que a suposta cadeira elétrica em que Erik estava sendo preso, era a tal centrífuga, até porque seu corpo estava sendo abandonado na floresta com a mesmas características do garoto não identificado. Mas a pergunta que surge é: será que realmente ele morreu? Por que teoricamente se ele viajou no tempo, era preciso que ele mudasse algo do seu passado, para deixar de existir no furuto. Correto? Então o que foi mudado?

Voltando ao cadáver do garoto localizado na floresta, foram encontrado objetos pertencentes na década 80 como walkman, e uma medalha com a data de 1986. Porém descobrimos que o irmão de Ulrich, o Mads, desapareceu em 1986 da mesma forma que Mikkel e também próximo das cavernas. Sendo assim, poderíamos concluir que aquele é o corpo de Mads? Se for o corpo dele, então porque Ulrich não o reconheceu? Novamente a regra “se Mads alterou algo no passado, antes de 1986, ele altera o futuro e compromete sua existência – a mesma de Erik.

Apesar de confusas, essas teorias de viagem no tempo elas fazem sentido quando analisamos esses pequenos detalhes. E teoricamente falando “se eles estiverem mortos, eles poderão não estar mortos”. Para isso, é preciso que voltem ao passado para consertar aquilo, que foi alterado. Talvez por isso o homem misterioso está com uma peça estranha, e de olho no caso do desaparecimento de Mikkel. E ele já tem ciência que a questão é “em que ano ele está”? Sabemos que ele está em 05 de maio de 1986, no ano do desaparecimento de Mads. Agora qual o propósito? E o que irá acontecer, já que ele viu seus pais adolescentes?

O quadro desperta mais interesse quando Jonas encontra no atelier de seu pai, um mapa de Winden, escondido. Nele contém algumas anotações sobre uns projetos secretos e apontando às cavernas de Winden – acho já que vi algo parecido em “Stranger Things” mapa do subsolo. Falando em cavernas, mais uma pessoa saiu de lá de dentro. Será o sequestrador ou um viajante do tempo? Tudo leva a crer ser outro viajante do tempo, uma vez que Mikkel saiu das cavernas e foi direto para sua casa – pelo menos no passado, quem sabe. Resta-nos saber se o fato dessa viagem no tempo está acontecendo porque as quatro famílias estão envolvidas em algo catastrófico no passado.

De uma coisa é certa, devemos ter muita atenção com Tronte (pai de Ulrich) – que sai escondico durante a noite, e Peter (marido de Charlotte) que está desesperado. Os dois agem como se estivessem fazendo e sabendo de algo que não deveriam estar metidos. Como Helge (sogro de Charlotte) disse “tarde demais, já está acontecendo”.

E você? O que acha de tudo isso? Deixe seu comentário e vamos conversar sobre o assunto. Vamos compartilhar de nossas teoria e acompanhar o que Dark tem a nos mostrar.

Até a próxima review 😉

gostou da matéria? deixe um comentário!

Dandy Souza

Um libriano amante de um bom suspense casado com o belo terror psicológico, porque a vida precisa de emoções. Seu lema: "toda obra tem sua moral, então fique atento aos detalhes". Twitter: @dandysouza81

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu