Posts Populares

Especial Dancing Brasil: Melhores Performances

Que tal recapitular as melhores performances do Dancing Brasil?

Meses depois da estreia, com cada finalista dançando os 12 ritmos diferentes do programa, estamos aqui pra relembrar quem fez a melhor performance em cada um dos ritmos. Obviamente alguns eliminados estarão presentes na nossa lista… mas o importante é a participação de vocês opinando com a nossa seleção. Aguardo vocês nos comentários!

Bolero

Casal escolhido: Tânia & Marcos

A coreografia de Bolero mais impactante do Dancing Brasil com certeza foi a de Tânia e Marcos. Marcos até então parecia não entender a Tânia, ela não se dava bem com ritmos mais agitados, mas bastou vir algo mais intenso, que exigia uma interpretação mais dramática pra Tânia finalmente brilhar na competição.

O Bolero é um ritmo mais lento, que exige certa expressividade dos bailarinos. Tânia esteve totalmente dentro do personagem, empoderada como disse Jean na review do episódio, ela parece conduzir Marcos de tão brilhante que esteve. Vale a pena ressaltar que tivemos belíssimas performances de Bolero também com Bianca & Tutu e Mika & Bárbara.

Cha-Cha-Cha

Casal escolhido: Leo & Dani

Eu adoro a inteligência coreográfica da Dani. Ela é uma das melhores bailarinas da competição, e apesar do Leo oscilar em algumas semanas, quanto ele vai bem… ELE VAI MUITO BEM! Com essa apresentação de Cha-Cha-Cha que mais parecia um clipe da Sia, uma história foi construída em cima da coreografia com direito a DR e tudo.

O Cha-Cha-Cha é um ritmo mais acelerado e encaixou muito bem na música do Michael Bublé, Leo e Dani conseguiram manter a sensualidade afinal é um ritmo latino, né?! hahaha Outros casais que se destacaram no Cha-Cha-Cha foram Jade & Teo e Mika & Bárbara.

Foxtrote

Casal escolhido: Maytê & Paulo Victor

Visualmente o Foxtrote se assemelha à Valsa, a postura do casal é bem parecida, porém existe o Foxtrote mais lento e o mais acelerado. Na competição tivemos os dois tipos, talvez por isso eu tenha ficado tão indecisa na escolha. Seus passos costumam ser longos e contínuos. Jade & Teo fizeram uma versão mais lenta, Mika e Bárbara ficaram no meio termo. hahaha

Meus queridinhos Maytê e Paulo Victor conseguiram trazer uma versão bem diferente do Foxtrote adaptada a um sertanejo (tema da semana). Fizeram uma introdução teatral bem rápida e depois tudo seguiu numa forma bem bonita e divertida.

Jive

Casal escolhido: Jade & Teo

Um dos ritmos mais polêmicos do Dancing Brasil por causa do Jaime que tanto questionada as apresentações se tiveram ou não tiveram Jive. Chegou um certo ponto onde eu me questionei: O que diabos é o Jive? hahahaha O ritmo se assemelha ao Cha-Cha-Cha, mas com uma vibe dos Anos 40. Basta assistir qualquer apresentação pra sabermos que é um ritmo absurdamente acelerado.

Jade & Téo fizeram uma apresentação impecável de Jive na Semifinal do programa, mas vale a pena destacar Leo & Dani que arrasaram num Jive com direito até a mesa de sinuca. Voltando à Jade & Teo, ele custou a entender a Jade e saber trabalhar com ela. Até então ela havia feito boas apresentações, mas faltava um TCHAM a mais. Essa apresentação de Jive achei tudo tão perfeito e Jaime ainda afirmou ser o melhor Jive da competição. Tudo foi super acelerado, não perderam o ritmo e a sincronia em momento algum e Jade ainda mostrou toda sua habilidade da ginástica.

Paso Doble

Casal escolhido: Sheila & Marcelo

Eu sou uma grande fã do Paso Doble, é uma dança muito intensa onde a tensão entre o casal precisa ficar visível. O homem faz o papel do toureiro e a mulher o touro, em alguns casos ocorre a morte do touro (e em alguns mais ousados, a morte do toureiro). Às vezes fazem o uso da capa, o que na minha opinião deixa a coreografia mais bonita. No Dancing Brasil tivemos várias coreografias belíssimas de Paso Doble e estou sofrendo pra selecionar apenas uma. Mika & Bárbara fizeram um versão inspirada em Piratas do Caribe com uma caracterização maravilhosa e Maytê & Paulo Victor que ousaram com uma música do Bon Jovi e conseguiram a primeira nota 30!

Sheila & Marcelo, ao meu ver, fizeram a coreografia mais completa de Paso Doble na competição. Os bailarinos do fundo com os tecidos vermelhos presos ao corpo deram um TCHAM pra performance. A música fugindo do óbvio, totalmente instrumental, mas que ainda assim deixava no ar todo o mistério que o ritmo exige. Sheila estava tão dentro do personagem que deu pra ouvir os pés batendo no chão, sua expressão mostrava a força que ela estava colocando. Foi incrível.

Quickstep

Casal escolhido: Mika & Bárbara

Sendo uma evolução do Foxtrote, o Quickstep também se assemelha à Valsa e ao Charleston (que será dançado na final). Em sua tradução literal já podemos notar que é uma dança rápida, o que aumenta a dificuldade pra conseguir a harmonia e sincronia do casal.

Mika & Bárbara conseguiram mostrar tudo isso numa belíssima performance, Bárbara foi super criativa na coreografia e acho ela super competente pois soube trabalhar muito bem com o Mika em diversos ritmos, sendo super constantes na competição. Foi lindo ver a sincronia do casal, ainda mais tendo outros 3 casais ao fundo e todos sincronizadinhos. Outra coreografia de Quickstep que gostei bastante foi a de Bianca & Tutu todo numa vibe Bollywood, porém a roupa de Bianca não estava favorável pra que a gente conseguisse ver os movimentos com precisão.

Rumba

Casal escolhido: Leo & Dani

De todos os ritmos da Dança de Salão, Rumba é o mais lento e narra em sua coreografia a história de amor, com um jogo de sedução do casal. Basta a gente analisar as performances do Dancing Brasil pra conseguir observar isso!

A apresentação de Jade & Teo faltou um TCHAM, foi meio linear mas ainda assim muito bonita, Mika & Bárbara exalaram sensualidade e estavam super entregues na performance, mas meu destaque fica para Leo & Dani que adaptaram a música do Aerosmith, com o teatro inicial e contando a história ao longo da música. A interpretação do casal foi emocionante, fiquei arrepiada em alguns momentos.

Salsa

Casal escolhido: Sheila & Marcelo

A salsa é na verdade a mistura de vários ritmos, entre eles o Mambo, Rumba, Cha-Cha-Cha e ainda com uma pitadinha do Merengue e hoje em dia, existem ainda mais formas de se dançar a salsa, sendo diferenciado apenas pelo país que estiver. Mesmo assim, as características da Salsa não se diferem pois são muito próprias a ela. É um ritmo sensual, mas que exige que o corpo fique leve no palco. Basicamente, os movimentos devem ocorrer de forma instintiva, e para isso acontecer, os bailarinos devem sentir a música.

Meu destaque fica pra Sheila & Marcelo, que sempre foi tida como favorita e infelizmente não chegou a final. Nessa apresentação, Marcelo trouxe passos da coreografia original Dirty Dancing também e fizeram uma apresentação muito bonita. Capricharam nos giros e o final foi um arraso. Vale a pena destacar também Mika & Bárbara que OUSARAM nessa versão de salsa de Michael Jackson e também Maytê & Paulo Victor que fizeram uma coreografia super ágil e muito bem feita.

Samba

Casal escolhido: Maytê & Paulo Victor

Como disse sempre nas reviews, eu comento sobre vários ritmos mas Samba é o único que tenho noções de fato pra comentar e julgar. Confesso que no início da competição estranhei as músicas e custei a me adequar a ouvir uma música aleatória encaixar num ritmo nada a ver. Algumas vezes davam certo, outras não. Quem diria que iriam pegar uma música da Beyoncé e fazer um samba?

Existem diversas vertentes do samba, Maytê & Paulo apresentaram o Samba Funkeado como Jaime mesmo disse após a apresentação, porém o que mais estamos acostumados a ver é o Samba de Gafieira que foi apresentado por Mika & Bárbara. Não importa a vertente do samba que for escolhida, o importante é o samba no pé e incluir alguns movimentos característicos do samba na coreografia.

Tango

Casal escolhido: Sheila & Marcelo

Quando se fala em Tango, logo se pensa em algo intenso, dramático e sensual. Seus movimentos precisam ser rápidos, concisos, o casal deve manter sua postura reta e ainda assim manter a sensualidade aflorada. Assim como o Samba, o Tango também possui suas vertentes: Tango Internacional, Tango Americano e Tango Argentino.

No primeiro programa do Dancing Brasil, Leo & Dani fizeram essa apresentação belíssima de Tango, começaram bem, né? Maytê & Paulo Victor também foi outro casal que se destacou no Tango, estavam super dentro do personagem e foi muito bonito. Porém, meu destaque fica para Sheila & Marcelo que arrasaram nessa versão de Tango de “Tindolelê”. Só consegui olhar para as pernas de Sheila durante a apresentação, eu acho muito bonito o entrelaçar das pernas no Tango e eles mandaram muito bem.

Valsa

Casal escolhido: Bianca & Tutu

Um dos ritmos mais elegantes! Valsa deriva de “Walzen”, que em alemão significa girar e deslizar… precisa dizer mais nada, né? O casal deve tomar todo o salão e sair deslizando, aproveitando todo seu espaço, fazendo ondulações graciosas e movimentos leves e suaves. Ao meu ver, valsa bonita é aquela que utiliza todo o palco fazendo uma bela sequência de giros.

O meu destaque aqui fica pra Bianca & Tutu que trouxeram literalmente o Cisne Negro pro Dancing Brasil. Bianca surpreendeu a todos ao entrar no personagem e ainda assim manter a suavidade pra Valsa. Foi lindíssimo! Quem também se destacou foi Leo & Dani numa performance inspirada em Charles Chaplin com direito a filmagem em preto e branco! Incrível como Leo entra no personagem e consegue fazer a gente acreditar nele. Discordando dos jurados, mas entrando na listinha porque são apresentações que eu gostei bastante tem Sheila & Marcelo fazendo referência ao casamento dela com Xuxa, onde ela apresentou uma sequência de giros maravilhosaaaaa e Maytê & Paulo Victor que trouxeram uma valsa ao som de Chico Buarque com movimentos muito bonitos.

Zouk

Casal escolhido: Maytê & Paulo Victor

Zouk é outro ritmo que trabalha com a sensualidade. Ele veio originado de uma mistura de vários outros ritmos, em geral veio da lambada, porém é um ritmo que está mais adaptado com o andamento da música.  O Zouk exige muito do quadril e também da cabeça (do cabelo, no caso), porém precisa tomar um certo cuidado pra que esse movimento não ocorra de forma forçada.

O destaque fica novamente pra Maytê & Paulo Victor que fizeram uma apresentação muito bonita de Zouk, exalando sensualidade e repleta de movimentos ágeis. Outro casal que se destacou foi Leo & Dani que fizeram referência à Lampião e Maria Bonita. Me incomodou a introdução com todo o blablabla, mas a coreografia em si foi bacana.

O que acharam da nossa lista? Concordam? Discordam? Espero vocês nos comentários.

E não perca a final do Dancing Brasil na próxima 2ª feira. Lembrando que Jade, Leo e Maytê dançarão 3 ritmos: Charleston, o ritmo que tiveram a menor nota e o ritmo que mais gostaram. Quem vocês querem que vença o programa?

gostou da matéria? deixe um comentário!

Clarice Calil

Engenheira de Computação, apaixonada por The Voice, tanto é que virou legender e dona do Grupo Sub Voice!
No Panela de Séries comentará sobre o The Voice, fará as coberturas das premiações e irá se aventurar em algumas séries. E também cuidará da administração do site, afinal backstage é com ela mesma.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu