Posts Populares

Fear The Walking Dead – S03E04 – 100

Nem tudo parece o que é!

Galera, antes de mais nada desculpa pelo atraso, é que viajei, quando cheguei eu acabei adoecendo e nem série estava conseguindo assistir, mas sem mais desculpas, essa terceira temporada de Fear está bem interessante, os personagens mais maduros e a série em si está se encontrando, tanto em atuação, quanto em roteiro sem grandes falhas.

O início desse episódio eu estava mais confuso que a Nazaré, pois não é que o Daniel sobreviveu ao incêndio, além disso ele estava caminhando sozinho e todo queimado, correndo sérios riscos de ser pego por alguns walkers, só que o mais incrível foi que ele acabou sendo salvo por um religioso Efrain, que prometeu levar ele para tomar água, que era o que ele mais queria, mesmo tendo que andar e sua perna estando destruída por causa do incêndio, chegando ao local, o Efrain que é muito religioso disse que existia milagre da água, então ele tomou água e foi ao encontro da galera do Efrain, que logo ajudou o nosso Daniel e queria arrancar a casca grossa queimada na perna, que agonia.

Esse episódio estava extremamente confuso, pois logo em seguida começou a mostrar uma relação mais próxima o Daniel com o Efrain, que era bem religioso, mas não um padre, porém sempre ele matava os Walkers com um prego fincado na cabeça, talvez em alusão a Jesus, creio eu, mesmo não sendo muito religioso. Durante essa ligação dos dois, vimos que um se abriu ainda mais para o outro, como o Daniel até mudar o visual dele, pois ele é cabeleireiro (algo que se o mundo começar a acabar assim, pensarei em ter em meu bando), o que deixou o Efrain até mais apresentável, sabe lá Deus para quem. Daniel decidiu sair só do local que eles estavam, que parecia um cenário da S1, mas algo incrível aconteceu, como o Daniel escapou de Walkers, que foi caindo um raio na cabeça dele.

O Daniel é muito sortudo e acabou graças a toda a tour do Efrain conhecendo uma mulher, que trabalhava na represa tratando água e levou o Daniel para trabalhar como zelador, não deixando mortos infectarem a agua, claro que tudo isso como plano de fundo, mas chegando lá o Daniel é muito revoltado e não aceita injustiça e no primeiro almoço não levantou para o chefe e ainda quis briga com um chefe de segurança, só que o chefão mesmo, o Dante que coincidentemente o Victor Strand está sob poder, logo descobriu o passado no nosso latino e decidiu receber ele de forma “justa”, como um grande militar deve receber.

O Daniel acabou conquistando a confiança do Dante, que inclusive pediu um jipe para procurar alguém, só que ele acabou indo é fazer uma rota com os comparsas, para procurar quem estava roubando agua deles, que no caso era o Efrain, que ao chegar no local não estava, mas chegou a me deixar apreensivo, pois no horário combinado da agua cair estava chegando e eles dentro, só que o Daniel conseguiu disfarçar, só que ele acabou levando um mega esporro da mulher que gerencia a agua, pois poderia colocar tudo em risco, inclusive ela, que é a pessoa que manda agua para o Efrain uma vez por semana, pois ela e ele pareceram ter uma relação bem forte (que foi confirmado depois), mas mesmo ela julgando o Daniel fez o certo.

O Daniel acaba encontrando o Victor (em uma das poucas cenas em inglês do episódio), só que ele acaba não confiando em seu antigo parceiro, que acabou falando algo contraditório no desespero e nosso latino parte em direção ao local onde o Efrain iria ser torturado por ele, só que na hora que ele começa a torturar o Efrain a filha dele que gerenciava a agua acabou admitindo que era ela uma das cúmplices no esquema de desvio de água, fazendo que ela e o pai fossem para a sentença de morte com outros 3, incluindo o Strand, só que na hora apenas um é morto por causa de Daniel e os outros são salvos, pois Daniel mata todos os cúmplices do Dante, incluindo o próprio chefe.

Esse episódio pode não ter sido tão agitado como os que queremos vê, mas foi um excelente episódio e melhor que muitos da série mãe sim, pois esse final foi incrível, além de que eu fiquei muito surpreso em um episódio voltado para o público americano com mais de 90% das falas em espanhol, com exclusão da cena com o Strand e Daniel, outro fator incrível foi o nome do episódio ser 100, pois no início do episódio o Daniel diz que matou 96 com os 4 do final totalizam 100.

Então é isso um forte abraço e até mais.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Phelipe

Bacharel em Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, além de muito confuso, autêntico e um pouco louco. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu