Posts Populares

How To Get Away With Murder – S04E09 – He’s Dead

“You just … never learn.”

Depois de um breve intervalo, HTGAWM está de volta após seu eletrizante episódio do Winter Finale. O oitavo episódio causou bastante comoção e apesar de ter revelado os suspenses que tanto nos intrigou durante os episódios iniciais da temporada, ao mesmo tempo criou uma série de dúvidas em relação ao que poderia acontecer após tantas tragédias ocorridas numa só noite. Para quem não se recorda, no episódio anterior tivemos Simon acidentalmente atirando em si mesmo, complicando todos os planos dos Keatings em incriminar o pai de Laurel, a prisão de Asher após o incidente, além do complicado e sufocante, ao menos para mim,  parto de Laurel feito por Annalise. Sendo assim, as dúvidas sobre os motivos que levaram Asher ser preso e a possível morte de algum personagem, principalmente com esse título de episódio bem sugestivo, o que nos leva diretamente a pensar no bebê ou Simon.

Seguindo o ritmo frenético do episódio anterior, temos Annalise chegando no hospital com Laurel e o bebê bem debilitados. Logo depois dela, aparece também Frank desesperado por notícias. Enquanto eles tentam uma forma de saber notícias de Laurel e o bebê, conseguindo permissão após Frank afirmar que era o pai, nesse mesmo momento o pai de Laurel mexia os pauzinhos para conseguir a guarda da criança. Visitando o recém nascido, ficou evidente que o filho era de Wes, resolvendo de uma vez por todas as dúvidas que tínhamos quanto a isso.

Usando toda sua influência e a ajuda de seu pau mandado segurança Dominic, Jorge acaba conseguindo permissão para transferir o neto para outro hospital, porém não antes de Annalise tentar de todas formas possíveis evitar que ele conseguisse a guarda da criança. O pai de Laurel conseguiu falsificar exames toxicológicos e psiquiátricos, sabendo de toda armação ela forçou a ajuda do seu obcecado psiquiatra, mas isso acabou só resultando em mais uma briga feia entre elas, onde ela o acusou ser o motivo da morte da própria filha. Nessas cenas é possível ver que Annalise já se apegou bastante ao bebê, me lembrando até da forte ligação e cuidado que ela tinha com Wes, seja por ter sido quem o colocou ao mundo ou por ser filho de Wes ou até mesmo pelo filho que perdeu, ela fará de tudo por essa criança que representa uma terceira chance dela se redimir por tudo que acabou provocando na vida de Wes.

Com a prisão de Asher, Oliver e Michaela tentam compreender os motivos dele ser preso, até porque todos eles precisavam ter o mesmo álibi, quando genialmente Michaela raciocina que ele contou a polícia que tinha segurado a arma no momento de pressão, até porque todos já aprenderam que digitais acabam sempre sendo descobertas. Deduzindo isso, os dois utilizam do mesmo argumento que Simon se suicidou na frente deles e que o Asher segurou a arma no desespero do momento. Sem provas incriminatórias e com uma certa ajudinha de Bonnie e Nate, Asher é liberado da prisão, porém segue como um possível culpado pelo disparo da arma.

Falando em Bonnie, quando soube de toda a história ela acabou ajudando tudo, tanto ao que se refere ao crime, quanto ao caso da Laurel. Sendo promotora, ela conseguiu livre acessos em ambos lugares que foram interdidato pela polícia, conseguindo até mesmo pegar a bolsa de Laurel no elevador onde ocorreu o parto precoce. Bem, ao que mostrou ela parece está empenhada em ajudá-los, porém a ausência do HD na bolsa e o seu histórico duvidoso na série, não sabemos bem o que pode esperar dela. Mas resta a dúvida, com quem estaria esse HD? Como Annalise bem analisou, esse HD não estaria com o pai de Laurel que fez tudo para conseguir ficar com o bebê e provavelmente usá-lo para evitar quem usem o HD contra ele. Sendo assim, Bonnie teve livre acesso ao local, mas até agora ela não entregou para eles, porém também não usou contra eles ainda.

Certo, o episódio foi seguindo, mas a dúvida do título ainda continuava, quem morreu? O bebê já tinham tomado os devidos cuidados e encontrava-se estável, assim tudo indicava que a morte seria Simon, ao menos foi isso que imaginei, porém estava ERRADO. Asher ao encontrar sua guangue os demais no hospital, dá a notícia de que poderiam ser incriminados pelo que fizeram no escritório, já que o Simon estava vivo. Por um momento eles cogitaram em matar Simon para se livrarem da possível acusação, porém são impedidos por Oliver. Annalise acaba escutando tudo e passa aquele sermão de mãe: “you just … never learn“.

Acreditando que Dominic poderia está com o HD, Frank o prende e tenta arrancar tudo que ele sabe, mas se tratando do grande matador da série, tudo fugiu do controle e ele acaba matando-o numa puta de uma surra. O problema é que Laurel acaba descobrindo isso ao ver que o celular do morto estava com ele, não gostando nada do que Frank fez, até porque ela e Dominic se conheciam desde a infância. Mas tudo isso ainda renderia mais um mistério, porque no celular dele tinha uma suspeita mensagem na caixa postal de Wes. Num flashback, descobrimos que era um número salvo como “em caso de emergência”, criando mais um puta mistério em nossas mentes. Tentando isso tudo, porque provavelmente Wes estava tendo contato ou com o próprio Dominic ou até mesmo diretamente com o pai de Laurel.

Finalizo aqui a review, cercado de dúvidas e criando diversas teorias que possam fazer sentido. Gostei muito de toda agilidade do episódio, conseguiram manter bem o nível do episódio anterior, sem perder os suspenses que nos deixam presos na história. Se por um lado eles nos responderam algumas dúvidas, por outro ele acabou surgindo com outras novas, deixando essa temporada ainda mais interessante e empolgante de se assistir. O que nos resta é apenas confabular hipóteses e aguardar o que os próximos episódios nos aguardam, aliás confiram abaixo o teaser do próximo episódio “She Keeps Secrets“.

Até uma próxima, abraços!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Michel Araujo

Meio baiano, meio sergipano, já passou dos 20 anos e um sofrido estudante de engenharia, com uma personalidade cheia de atitude e uma leve ousadia. Viciado em séries, realites e músicas, vai me encontrar sempre por aí escrevendo reviews, numa diversidade de gêneros de série e programas de TV.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu