Posts Populares

Once Upon A Time – S05E17 – Awake

Minha Once Upon A Time está viva!!!

Olha, vi muita gente por aí enaltecendo tanto esse episódio a ponto de dizer que foi o melhor episódio da série toda, aí acho um baita exagero, mas que talvez tenha sido o melhor episódio da temporada é bem provável. Não me lembro de nenhum episódio da temporada que eu tenha ficado empolgada como fiquei com esse e, por mais que eu seja muito shipper sim de Captain Swan e tenha amado muito os momentos deles, não foi só por eles que amei não, achei o episódio como um todo muito bom e o desenvolvimento da história foi bem elaborada como há algum tempo não era feito com OUAT. Acho que a presença da Fada Negra tem tudo pra dar muito certo nesse final de temporada e aposto nisso.

Foram tantos acontecimentos importantes nesse episódio que acho que foi o que tornou mais interessante, mas também foi a forma como eles foram conduzidos porque já tiveram acontecimentos marcantes nessa temporada que foram conduzidos de uma forma muito preguiçosa e que não nos prendia.

Finalmente a maldição do sono que impedia de Snow e Charming estarem juntos e acordados ao mesmo tempo foi desfeita pela rainha poderosíssima Regina Mills. Vimos que ao longo do episódio ela tentou diversas formas de desfazer essa maldição e quando finalmente descobriu, Snow colocou a sua filha em primeiro lugar e cedeu o feitiço pra Emma (vamos falar disso mais pra frente), mas aí Regina teve outra ideia que envolvia toda a cidade de Storybrooke e todos resolveram ajudar e tomar um pouquinho da maldição do sono que dominava Snowing porque assim a maldição perderia a força e era provável que eles voltassem de vez. E deu certo… foi super fofo o que os moradores fizeram por eles, apenas retribuindo o que o casal tanto fez por eles e o quanto se sacrificou, já que descobrimos também nesse episódio que eles tiveram a oportunidade de ir ao encontro de Emma desde quando ela era adolescente, mas não o fizeram porque dessa forma ela nunca se tornaria a Salvadora e a cidade inteira permaneceria sob a maldição. Esse foi um dos principais motivos para que o povo de Storybrooke resolvesse se sacrificar pela sua princesa e seu príncipe 🙂

E por falar em quando Snowing se sacrificou pelo bem da cidade, vamos falar um pouquinho dos flashbacks que foram bem interessantes e interligados com o presente que estava se passando em Storybrooke. Neles, descobrimos que por causa de uma flor que nasceu do concreto na época que o povo tava todo “adormecido” pela maldição, Snow a colheu e levou para David no hospital na época que ela ainda não sabia quem ele era. Essa flor, que depois descobrimos ser de pó de fada, teve o poder de acordar David do coma e da maldição e depois quando ele a tocou, acordar Snow/Mary também. A partir daí, eles saem a procura de Emma e Regina a caça de David prevendo que tanto ele quanto Snow tivessem acordado da maldição. Quando o casal encontra Rumple, ele os alerta que o pó de fada da flor pode fazê-los sim que eles encontrem a filha, mas sendo dessa forma ela nunca se tornará a Salvadora e os entrega uma poção para que eles tomem e esqueçam do que aconteceu, voltando a ficar adormecidos pela maldição. Eles chegam quase até o fim, vêem Emma adolescente em seu quarto através do portal e se dão conta de que não podem fazer isso e serem egoístas e Snow ressalta que Regina disse que ela como Snow é uma heroína, mas como Mary Margaret acata a tudo que ela diz. Sendo assim, eles se sacrificam pelo povo de Storybrooke, tomam a poção e como toda boa ação gera uma boa ação, eles são recompensados no futuro com o povo salvando eles da maldição do sono que a Rainha Má colocou.

É justamente esse pó de fada dessa flor que Regina utiliza para fazer o feitiço para acordar Snowing antes dessa idéia de compartilhar a maldição entre todos, eles descobrem que essa flor só nasce diante de um grande mal e percebem que a pessoa com que Emma irá lutar a batalha final já está na cidade e Emma e Snow saem em busca da flor e dão de cara com a Fada Negra na Floresta juntamente com um Gideon “enfeitiçado” que seguindo as ordens dela, destrói todas as flores e as esperanças das duas, mas qual é a surpresa quando elas encontram uma sozinha restante? Elas nem desconfiam, mas foi Gideon que burlou as ordens de sua “mãe” e deixou a florzinha lá pra elas. Então, após Regina realizar a poção, Snow resolve priorizar a filha e dá o pó para que Emma encontre Hook e o busque onde quer que esteja e assim ela faz! Abre um portal, salva Hook da morte iminente que os Garotos Perdidos estavam realizando e o traz de volta para Storybrooke e perto dela <3

Antes disso, lá na Terra do Nunca, Hook encontra uma índia que o salva dos meninos e revela que tem uma arma que somente ela pode salvar a Salvadora da batalha final. Depois, ela revela que já foi servidora da Fada Negra e por isso sabe disso e tenta ajudá-lo a voltar pra sua amada, mas os Garotos Perdidos o pegam e minutos depois, Emma aparece para salvá-lo.

A cena mais linda é quando ele volta e rapidamente faz uma linda declaração de amor para Emma e a pede em casamento e dessa vez, sem nenhuma interrupção da mesma. AI QUE COISA MAIS LINDA MINHA GENTE! Primeiro, que quando ele tenta voltar sozinho e a sombra dele não consegue carregá-lo, ele dá a arma para que entregue pra ela não importando o que vai acontecer com ele, depois a sombra dele fazendo carinho na Emma e por fim o resgate dela que culmina nesse pedido super lindinho, MEU CASAL! *-*

Outra cena muito fofinha foi quando depois que a quebra da maldição do sono acontece, a primeira coisa que Hook faz é pedir perdão a David sendo que foi o sogro mesmo que o ajudou a levantar e a coisa mais fofa acontece, David/Charming diz que sabe que aquele que fez isso foi o antigo Hook e que agora ele mudou e ele entende isso. Captain Charmig são outros que acabam com as minhas estruturas todinhas, SOS esses dois!

Por fim, uma das minhas cenas preferidas foi quando Rumple finalmente decidiu enfrentar sua mãe, vulgo Fada Negra e revela que já descobriu que ela ta com o coração de Gideon, que ele deixou uma flor na floresta pra ajudar Emma e Snow e que isso tudo é porque ele tem dentro dele uma parte de sua verdadeira mãe, a Bela e praticamente, declara guerra contra ela. Olha, eu geralmente tenho estado bem de saco cheio de Rumple mas quando ele resolve fazer o que deve ser feito da maneira incrível dele, eu apenas bato palmas e amo forte! Essa batalha final tem tudo para ser babadeira e eu espero mesmo que seja.

E vocês, gostaram desse episódio? Se emocionaram com CS assim como eu? Já esperam uma batalha daquelas com a Fada Negra? Eu particularmente estou gostando bastante dessa nova vilã e já está dando o que falar. Comentem aí 🙂

Está no ar o 2º recrutamento de reviewers do Panela de Séries! Venha se juntar a nós paneleiros! Saiba mais clicando AQUI.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Caroline Azevedo

Seriadora de carteirinha. Shipper de plantão. Friendsmaníaca. Viciada em música. Feminista. Meu sonho é ser uma Sense8 e me dividir em várias partes para conhecer esse mundão afora, tudo ao mesmo tempo, agora.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu