Posts Populares

Orange Is The New Black – S03E11 – We Can Be Heroes

Flashback de Joe Caputo: a dream comes true.

Eu tenho explorado a ideia de que a Season 3 estava operando em grande parte sem um vilão. Depois que a Season 2 foi entregue às maquinações de Vee e a Season 1 foi aterrorizada pela Pennsatucky, a Season 3 parecia vagamente disforme, sem a ameaça iminente de um grande mal. No entanto, ficou claro que, desta vez, mais ainda do que em questões anteriores, o próprio complexo prisional é o vilão.

Lentamente esmagado até a morte dentro das engrenagens da máquina da prisão federal está Joe Caputo, assistente do diretor, que está tentando desesperadamente manter Litchfield um lugar vagamente aceitável para detentos e funcionários. Seus esforços, no entanto, são continuamente cassados pelo MCC, a empresa privatizada agora a cargo da administração da prisão. Em épocas anteriores, Litchfield sofreu sob restrições orçamentais graças à falta de financiamento e peculato, e agora cantos são cortados, a fim de virar lucro para uma empresa privada. Como se isso não fosse o suficiente para virar o estômago, MCC também é a terceirização do trabalho dos reclusos para uma empresa de lingerie, efetivamente abrindo uma loja subsidiada dentro dos muros da prisão.

oitnb-311-1

Operando dentro de uma corporação corrupta, dentro de um setor corrupto, Caputo faz o melhor que pode. Ele é um bom homem, ao que parece, ou é isso que seu flashback levaria a acreditar. Ele é um homem focado em fazer o que parece ser a coisa certa, ansioso para manter as aparências, mas também com medo de que ele pode ser algo menos do que bom. Este é, afinal, o mesmo homem que teve um caso com Natalie Figueroa, uma mulher que ele odeia, a quem ele forçou a sair da prisão quando descobriu que ela desviava fundos. Este também é o mesmo homem que costumava se masturbar em sua mesa depois de fazer favores para as presas, especialmente se elas choraram. Joe Caputo pode não ser um bom homem, mas ele está desesperadamente perseguindo a sensação de que ele fica bom quando ele é percebido como bom.

oitnb-3112

Na verdade, existem dois vilões no trabalho na terceira temporada e ambos são muito mais perturbadores e ameaçadores do que qualquer pessoa poderia ser. Uma delas é a cultura corporativa em geral, representada pelo MCC. É uma empresa sombria visando ganhar o tanto quanto possível, a curto prazo e não preocupada com eventuais consequências a longo prazo. Esse tipo de pensamento torna uma prisão muito mais desconfortável e perigosa. O outro vilão é a percepção. Uma e outra vez, durante toda a temporada, os personagens estão presos pela forma como eles querem ser percebidos pelos outros.

Caputo vive sua vida inteira tentando convencer a si mesmo e aos outros que ele é uma boa pessoa e por causa disso, nunca é capaz de aprovar qualquer mudança real e duradoura. Piper, como seu império de calcinhas cresce, fica petrificada de ser vista como fraca por seus empregados. Crazy Eyes odeia que seus fãs adoram o que ela escreve, não quem ela é. Mesmo Pennsatucky, quando Big Boo descobre o que Coates fez com ela, tenta mostrar o estupro como culpa dela, porque ela não está preparada para as consequências que acompanhariam o fato dela assumir ter sido estuprada.

A lição a ser aprendida é que não há controle da percepção dos outros, assim como não há controle das ações de empresas sem rosto. Tudo que alguém pode fazer é encontrar uma maneira de sobreviver dentro do sistema e ser capaz de viver consigo mesmo no outro lado do muro.

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Henry Kapranos

Se quiser falar de amor, fale com o Marcinho. Comigo você vai falar sobre reality shows, pop trending e cultura de gênero.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu