Posts Populares

Orphan Black – S05E02 – Clutch of Greed

Aqui não tá nada bem! Precisa ser tão brutal?

Orphan Black retornou depois de sua premiere sambista com um episódio mais lento e com menos ação mas que ainda assim me surtiu a mesma sensação do piloto, os quarenta e pouco minutos se passaram como se fossem apenas vinte. Cluetch Of Greed traz as consequências do novo reinado de Rachel Duncan a frente da Dyad e dos Neo sobre o Clone Club.

Logo de cara vemos uma Sarah encarcerada e um pouco inconsequente, suas aventuras na Ilha do Dr. Moreau não acabaram muito bem e agora ela está sob posse de seus inimigos. Logo de cara vemos o primeiro embate entre Rachel e Sarah, Rachel de algum modo tem mais interesse de ver suas seestras cooperando com ela do que como suas inimigas, em resumo, ela precisa delas para um fim e durante o episódio temos pequenas pistas do seu real objetivo.

Com uma certa facilidade e insistência por parte de sua filha, Sarah acaba aceitando a oferta por momentos de “paz”, mas nos e Rachel Duncan sabemos que Sarah Manning não desistiria tão fácil assim, o que ela não esperava era encontrar uma resistência em sua própria filha.

Kira cresceu durante todas essas temporadas e ela tem claro em sua mente que ela não é uma criança comum como todas as outras, vimos alguns momentos onde pareceu na intenção dos roteiristas que a pequena tinha poderes, e enfim todos os esforços de Sarah, Félix, Siobhan e MK foram em vão, a garota que descobrir o que tem errado com ela, ela tem a mesma sede pela sabedoria que sua tia Cosima.

O mais triste disso tudo foi que toda essa trama de Kira e Sarah serviu de pano de fundo apenas para matar uma personagem que poderia ter sido melhor aproveitada, afinal era realmente necessário matar MK? e ainda mais matar ela daquela forma?

Sabemos que Ferdinand é insano e inconsequente e apesar dos roteiristas tentarem fazer o público ter alguma simpatia por ele e seus afagos com Rachel Duncan, ele sempre mostrou que friamente era do lado do mal e que era um assassino. MK ao menos ajudou sua irmã como pode, ela provavelmente não sobreviveria até o fim, está em algum estágio avançado de sua doença e foi um triste fim ver ela morrendo sendo pisoteado e esmagada daquela forma, uma cena brutal para ser sincero.

#RIPMK. Minha reação:

MK morreu e como consequência disso aparentemente Ferdinand agora é uma carta fora do baralho de Rachel Duncan, mas duvido que isso tem acabado dessa forma e que Sarah vai deixar ele escapar sem uma punição após esse assassinato frio e sem sentido, aliás sentido até tinha MK roubou dinheiro dele e acabou com boa parte de suas operações, mas que foi algo brutal e desnecessário a essa altura na minha humilde opinião foi.

Mas se para algo serviu talvez tenha relação com o provável gosto agridoce que vamos acompanhar durante toda essa temporada, uma temporada de series finale de uma série que sempre trouxe mortes e violência acompanhado de muito drama e ação traz momentos fúnebres para o seu final e teremos que lidar com isso. Além de toda a trama envolvendo MK, Kira e Sarah vimos um pouco de desenvolvimento no núcleo de Cosima.

Cosima se encontrou com P. T. Westmoreland, finalmente conhecemos o senhor que tinha 170 anos e comanda todos os estudos da Neovolução, conhecemos pouco sobre suas reais motivações mas ele se mostra um homem sábio e que tem pouco interesse em Cosima como parte de sua equipe, foi como olha se você quiser usar os laboratórios para desenvolver tratamentos ou a cura, ok você pode usar, mas se quiser me surpreender e trazer algo novo e desafiador e realmente mostrar que você é importante para isso aqui você terá as ferramentas para mostrar seu potencial. Cosima tem sua própria sede pelo conhecimento, mas sempre foi muito centrada em tudo então acredito que ela saberá lidar muito bem com toda essa situação.

Concluindo a review vamos a mais uma cena que veio para não deixar a gente esquecer o quanto Helena pode ser cruel e impiedosa, ao menos pra mim não pareceu em nenhum momento que as médicas tinha relação com a Neo, mas o alarme vermelho de perigo estava ligado e Helena sabe como ninguém como sobreviver.

Ela pega a própria agulha que seria utilizada para retirar material genético de seus fetos e da uma agulhada na médica, não vou mentir vibrei muito mas pensando bem, gostaria muito de ver Helena em um caminho diferente, afinal sua convivência com as outras Seestras poderia ter mudado um pouquinho a forma como ela lida com essas situações.

Alisson segue sendo a Seestra mais apagada até o momento, não tivemos nenhum grande momento da mesma, mas talvez vejamos ela cuidando dos filhos de Helena em um futuro próximo, porque realmente acho que isso vá ocorrer!

Pouca coisa aconteceu até não é mesmo? Mas o final trouxe um encontro inusitado, Delphine Cornier bate a porta de Siobhan para revelar algo a ela que Sarah não pode saber, o que será? SOS! Além disso foi legal ver o Scott <3, pena que por tão poucos segundos gosto muito dele! O próximo episódio promete ainda mais, será que vão revelar ao público o que Delphine queria contar? Será que Sarah vai contra-atacar mesmo com a decisão de sua filha de ir com Rachel e participar dos testes?

Fica claro que Rachel que retomar a clonagem, só que para a produção de crianças super dotadas e com uma saúde de ferro, já que vimos que os babies de Helena se curaram super rápido, os próximos passos dos Neo estão feitos e resta saber o que o Clone Club fará. Can’t wait to see you guys next week with the new episode! Fui-me!

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

Amado por 30 milhões de Brasileiros! Paulista, Canceriano, 25 anos, Químico e atualmente faço Doutorado em Biotecnologia e Polímeros. Me achou nerd neh? Sou mesmo! Amo uma boa banda alternativa/indie, fã número 1 de Imagine Dragons e adoro perder um bom final de semana maratonando séries! P.S. Sou bêbado também gente, me chama para uma cerveja e para falar de série!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu