Posts Populares

Oscar 2017 – Apostas

Será que La La Land leva “tudo” ou seremos surpreendidos no domingo?

Neste domingo de carnaval ocorrerá a premiação de Cinema mais conhecida em todo o mundo e o Panela traz para você apostas de todas as categorias para caso você queira começar a ver o evento se preparando para eventuais surpresas ou até mesmo para espelhar suas apostas em alguns bolões por aí, afinal de contas, é sempre bom se precaver!

Ao contrário do ano passado, os prêmios desse ano parecem muito bem definidos. Com exceção de algumas categorias técnicas e de curtas, praticamente todas indicam uma larga vantagem para um dos indicados com apenas um outro correndo por fora, porém, é sempre bom estar de olho nesses que correm por fora, já que em todos os anos temos um punhado de surpresa nas 24 categorias e creio nesta edição não será diferente, ainda que esse ano indique uma previsibilidade grande com La La Land podendo levar de 7 a 12 categorias.

E chegou a hora das apostas da 89ª edição do Oscar. Vamos a elas!

MELHOR FILME

Indicados:

– Até o Último Homem
– A Chegada
– Estrelas Além do Tempo
– La La Land: Cantando Estações
– Um Limite Ente Nós
– Lion: Uma Jornada Para Casa
– Manchester à Beira-Mar
– Moonlight: Sob a Luz do Luar
– A Qualquer Custo

Quem deve vencer: La La Land.

Quem pode vencer: Moonlight.

Quem merece vencer: A Chegada ou Moonlight.

Aqui não tem nem o que pensar. La La Land fez uma das maiores limpas em premiações desde que eu comecei a acompanhar assiduamente a corrida lá em 2010. É um filme que tem sido bastante elogiado, que é bastante difícil de odiar (no máximo, dizem que o filme não merece receber todos esses prêmios) e é o mais apolítico dentre os indicados: direta ou indiretamente, todos os oito concorrentes apoiam alguma ideologia política, enquanto La La Land foge quase que inteiramente disso. A única coisa que joga contra o filme, mesmo que seja justificada (é um filme de duas pessoas), é o fato de ele não ter recebido uma indicação de elenco no “sindicato” dos atores, coisa que não acontece com nenhum vencedor desde Coração Valente. Se não levar o prêmio no domingo, será um dos maiores upsets desde Crash – No Limite em 2006. Mas, cá entre nós, qualquer vitória desse grupo de indicados será melhor que a de Crash em 2006.

Para não deixar de dar uma alternativa, coloco Moonlight como o provável título a roubar a estatueta das mãos de La La Land, porém com uma probabilidade bem baixa de isso realmente ocorrer. E eu realmente acho que Moonlight merecia a vitória esse ano porque eu não consigo lembrar nenhuma outra obra com um valor artístico e/ou representativo que se assemelhe a este filme. Isso também vale para A Chegada, que seria um marco por ser a primeira sci-fi a vencer a principal categoria e que merece ser valorizado por encontrar o balanço perfeito entre o passional e o cerebral.

MELHOR DIREÇÃO

Indicados:

– Barry Jenkins (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
– Damien Chazelle (La La Land: Cantando Estações)
– Denis Villeneuve (A Chegada)
– Kenneth Lonergan (Manchester à Beira-Mar)
– Mel Gibson (Até o Último Homem)

Quem deve/pode vencer: Damien Chazelle.

Quem merece vencer: Barry Jenkins.

Não há dúvidas. Chazelle já está até com o nome gravado na estatueta porque todos já sabem que ele vai vencer. O cara simplesmente tem no bolso TODOS os prêmios principais da temporada. É semi-impossível ele perder esse prêmio. Entretanto, a minha torcida vai para Jenkins, pois, enquanto a direção de Chazelle é muito técnica e chamativa (e não há problema nisso), ele preenche o seu filme de significado através de sutilezas, uma coisa que é impressionante devido o tema que aborda.

MELHOR ATOR

Indicados:

– Andrew Garfield (Até o Último Homem)
– Casey Affleck (Manchester à Beira-Mar)
– Denzel Washington (Um Limite Entre Nós)
– Ryan Gosling (La La Land: Cantando Estações)
– Viggo Mortensen (Capitão Fantástico)

Quem deve vencer: Casey Affleck.

Quem pode vencer: Denzel Washington.

Quem merece vencer: Casey Affleck.

Affleck fez a maior limpa da história da corrida do Oscar até agora e seria o favorito disparado se não fosse por casos de assédio nas suas costas. Não sei até que ponto isso foi resolvido ou não e é bem curioso o fato de estas acusações voltarem à tona agora, mas nada disso muda o fato de que ele é facilmente o melhor da categoria. Casey está tão contido que faz o muito parecer pouco, está tão imerso em seu personagem que faz o muito parecer fácil. É uma atuação difícil e complexa que não merece perder para nenhum dos outros indicados.

Mesmo assim, Denzel Washington levou o SAG de ator, o que pode, talvez, indicar que a resistência política interfira na vitória de Affleck. Particularmente eu acho que esse prêmio deve-se mais ao fato de ele ter dois Oscars e nenhum SAG do que isso, porém, nunca se sabe e seria bom não subestimar as chances de Denzel.

MELHOR ATRIZ

Indicadas:

– Emma Stone (La La Land: Cantando Estações)
– Isabelle Huppert (Elle)
– Meryl Streep (Florence: Quem é Essa Mulher?)
– Natalie Portman (Jackie)
– Ruth Negga (Loving)

Quem deve vencer: Isabelle Huppert.

Quem pode vencer: Emma Stone.

Quem merece vencer: Natalie Portman ou Isabelle Huppert.

Qualquer pessoa mais racional apostaria na vitória de Stone. Ela está no grande filme da temporada, tem em mãos um papel carismático e com o qual os votantes possuem grandes chances de se identificar e levou SAG, Golden e BAFTA. Ainda que esses fatores joguem a favor dela, eu aposto em Huppert por alguns motivos.

Primeiro que Stone e Huppert não se confrontaram em nenhum desses termômetros principais (Huppert não foi indicada ao SAG e não era elegível ao BAFTA) e ambas levaram o Golden. Segundo que Huppert é uma atriz de renome que, de repente, tem uma chance de levar o prêmio de Cinema de maior alcance e que pode coroar não só a atuação como sua carreira. Terceiro que ela está fazendo uma enorme campanha e está em todos os lugares, festas e jantares possíveis e, se o Oscar é política, Huppert é uma candidata exemplar. E, por último, Stone avisou de antemão não irá cantar nenhuma das músicas indicadas ao Oscar e isso pode fazer com que alguns votantes encarem isso como algo esnobe por parte dela. Algo bobo? Sim, mas que pode custar seu prêmio.

Além disso, o que também me faz apostar nela é a questão de merecimento. Ao ver as cinco indicadas, simplesmente não consegue passar pela minha mente que, por mais charmosa que esteja e por mais talento que ela exale em La La Land, Stone tire esse Oscar das mãos de atuações magistrais e realmente grandiosas como as de Huppert e de Portman, sendo esta última aquela que considero a melhor das cinco. Mas, infelizmente, Oscar raramente é sobre merecimento, então só me resta apostar e torcer para que Huppert leve o prêmio, fazendo alguma justiça.

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Indicados:

– Dev Patel (Lion: Uma Jornada Para Casa)
– Jeff Bridges (A Qualquer Custo)
– Lucas Hedges (Manchester à Beira-Mar)
– Mahershala Ali (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
– Michael Shannon (Animais Noturnos)

Quem deve vencer: Mahershala Ali.

Quem pode vencer: Dev Patel.

Quem merece vencer: Mahershala Ali.

O favoritismo de Ali cambaleou um pouco quando Johnson venceu o Golden Globe, é verdade. Só que ele foi completamente recuperado após o discurso matador que ele fez após vencer o SAG. Acho bastante difícil esse Oscar ir parar em outras mãos depois disso. E não merece ir parar em outras, já que sua presença em cena é tão forte que ainda que ele não permaneça muito tempo no filme, sentimos a força de sua atuação por toda a duração de Moonlight. Caso esse prêmio, por algum absurdo, não vá para as mãos dele, aposto em Patel como o possível azarão, uma vez que a sua vitória no BAFTA não pode ser completamente ignorada.

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Indicadas:

– Michelle Williams (Manchester à Beira-Mar)
– Naomie Harris (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
– Nicole Kidman (Lion: Uma Jornada Para Casa)
– Octavia Spencer (Estrelas Além do Tempo)
– Viola Davis (Um Limite Entre Nós)

Quem deve/pode vencer: Viola Davis.

Quem merece vencer: Naomie Harris.

Viola venceu todos os prêmios significativos pro Oscar e não deixou pra ninguém e isso, infelizmente, me entristece, pois considero essa a menos significativa de suas indicações. Queria tanto que ela vencesse por algo marcante, mas a sua atuação em Um Limite Entre Nós, apesar de ótima, passa longe de ser arrebatadora. Seria melhor esperar uma atuação realmente grandiosa e entregar o prêmio para Naomie Harris, que já impressiona por si só, imagina então somado ao fato de ela ter filmado toda a participação dela no filme em três dias? Infelizmente, as chances disso acontecer são quase zero.

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

Indicados:

– Damien Chazelle (La La Land: Cantando Estações)
– Efthymis Filippou e Giorgos Lanthimos (O Lagosta)
– Kenneth Lonergan (Manchester à Beira-Mar)
– Mike Mills (Mulheres do Século 20)
– Taylor Sheridan (A Qualquer Custo)

Quem deve vencer: Kenneth Lonergan, por Manchester à Beira-Mar.

Quem pode vencer: Damien Chazelle, por La La Land.

Quem merece vencer: Kenneth Lonergan, por Manchester à Beira-Mar ou a dupla de O Lagosta.

La La Land e Manchester à Beira Mar estão disputando esse prêmio desde o início da corrida e eu estava esperando o resultado do WGA para decidir entre eles, só que Moonlight venceu lá deixando a dúvida no ar. Decidi escolher por pura intuição e apostar em Manchester como vencedor, pois o filme em si é uma aula de roteiro e o roteiro é o foco do mesmo, enquanto La La Land tem mais atrativos que ele e possui aquele que considero o pior roteiro dentre os indicados. Além de Manchester, ainda destacaria o roteiro de O Lagosta nessa seleção, que é de uma criatividade e acidez matadora e é uma pena que não tenha a menor chance de vencer.

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

Indicados:

– Allison Schroeder e Theodore Melfi (Estrelas Além do Tempo)
– August Wilson (Um Limite Entre Nós)
– Barry Jenkins e Tarrell Alvin McCraney (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
– Eric Heisserer (A Chegada)
– Luke Davies (Lion: Uma Jornada Para Casa)

Quem deve vencer: A dupla de Moonlight.

Quem pode vencer: Eric Heisserer, por A Chegada.

Quem merece vencer: A dupla de Moonlight e Eric Heisserer, por A Chegada.

Acho que essa é a categoria mais disputada, pois quatro dos cinco indicados tem chances reais de vencer. Estrelas Além do Tempo é o grande sucesso de bilheteria da temporada e pode vencer para agradar ao público mesmo. Lion está vindo em uma onda de aprovação onde venceu alguns prêmios significativos e talvez esse seja seu Oscar de recompensa. Já A Chegada e Moonlight venceram o WGA, só que um por adaptado e o outro por original, o que impossibilita analisar quem vence só por esse resultado. Minha aposta final fica em Moonlight porque Jenkins não vai vencer direção e este pode muito bem ser o seu prêmio “de consolo” e uma maneira de a Academia celebrar realmente a diversidade entre os indicados. Fora que, se até o roteirista de A Chegada votou em Jenkins, quem sou eu pra ir contra? De qualquer maneira, o trabalho de adaptação de Eric é tão incrível que a estatueta pode ir para qualquer um dos dois que eu não reclamo.

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

Indicados:

– Animais Fantásticos e Onde Habitam
– Ave, César!
– A Chegada
– La La Land: Cantando Estações
– Passageiros

Quem deve vencer: La La Land.

Quem pode vencer: Animais Fantásticos e Onde Habitam.

Quem merece vencer: A Chegada.

Aqui só há dois que venceram o ADG (o prêmio de diretores de arte) e estes foram La La Land e Passageiros, mas não consigo ver o último vencer essa categoria de maneira nenhuma uma vez que o filme foi massacrado pelas críticas e nem mesmo exaltado por seus aspectos técnicos. Dessa forma, La La Land toma a dianteira e deve sair vencedor dessa categoria no domingo, podendo, talvez, perder para o chamativo design de Animais Fantásticos, que é o único da categoria que também está indicado em figurino, e levando em conta que o que leva um costuma ganhar um vence o outro, isso não é algo a se deixar passar. Ainda assim, o design de A Chegada é tão estupendo que vê-lo perder no domingo vai ser bem triste e estou torcendo para uma surpresa aqui.

MELHOR FOTOGRAFIA

Indicados:

– A Chegada
– La La Land: Cantando Estações
– Lion: Uma Jornada Para Casa
– Moonlight: Sob a Luz do Luar
– Silêncio

Quem deve vencer: La La Land.

Quem pode vencer: Lion.

Quem merece vencer: Moonlight ou Silêncio.

Apostando no sucesso de La La Land nas categorias técnicas e vendo a quantidade de prêmios que o filme possui nessa categoria, não consigo considerar sua derrota aqui e, por isso, minha aposta final cai sobre ele. Da mesma maneira, desconsiderar a vitória de Lion no ASC seria algo pouco inteligente, pois por mais que o prêmio não coincida tanto historicamente com o vencedor do Oscar, eles têm sido compatíveis nos últimos três anos, ou seja, pode ser que sigam o padrão nesse ano. E isso sem contar que a onda em favor de Lion pode trazer resultados aqui.

E é curioso perceber que os dois (os três, na verdade, já que acho A Chegada melhor que os dois favoritos da categoria) que acho os melhores trabalhos sejam aqueles que possuem as menores chances de vitória. O uso das cores em Moonlight e os enquadramentos de Silêncio são dignos de aplausos e mereciam ser aclamados com a estatueta.

MELHOR FIGURINO

Indicados:

– Aliados
– Animais Fantásticos e Onde Habitam
– Florence: Quem é Essa Mulher?
– Jackie
– La La Land: Cantando Estações

Quem deve vencer: La La Land.

Quem pode vencer: Animais Fantásticos e Onde Habitam ou Jackie.

Quem merece vencer: Jackie.

É aquela história já contada de La La Land fazendo a limpa nas premiações e ainda levou o prêmio dos figurinistas, o que basicamente garante o prêmio nessa categoria. De qualquer forma, uma surpresa não deve ser descartada e tanto Animais Fantásticos (pela condição da indicação aqui e em Design de Produção) ou Jackie podem surpreender. E quem merece mesmo a vitória é Jackie, que recria com perfeição figurinos históricos marcantes, mas qualquer um que não seja Florence seria uma boa vitória.

MELHOR MONTAGEM

Indicados:

– Até o Último Homem
– A Chegada
– La La Land: Cantando Estações
– Moonlight: Sob a Luz do Luar
– A Qualquer Custo

Quem deve vencer: A Chegada.

Quem pode vencer: Até o Último Homem ou La La Land.

Quem merece vencer: A Chegada.

Esse ano, três filmes dominam essa categoria. São eles Até o Último Homem, A Chegada e La La Land. Estatisticamente falando, La La Land seria a vitória menos provável das três, já que o histórico da categoria não o favorece. Um exemplo é que desde a expansão de Melhor Filme, apenas Guerra Ao Terror e Argo venceram essa categoria e levaram Melhor Filme. Se isso não é o suficiente, é só olhar que o filme venceu o único filme que venceu o ACE de comédia ou musical e também levou o Oscar de Montagem foi Chicago, fora ele, todos os outros estavam ao menos indicados no ACE de drama.

O que nos traz ao segundo lugar com Até o Último Homem, que não apenas estava indicado no ACE de drama como também venceu o BAFTA nessa categoria. Já a minha aposta de vitória vai para A Chegada porque, além de ter vencido o ACE de drama, que costuma ser o vencedor do Oscar, é um filme que necessita mais da montagem para funcionar do que qualquer outro indicado. Qualquer erro, por menor que fosse, jogaria esse filme pra baixo com a maior facilidade. Isso sem dizer que ele é o melhor trabalho de montagem da categoria de verdade e desde 2010 aqueles que eu considero os melhores trabalhos da categoria, por mais impossível que sua vitória pareça, vencem a categoria. Fora que não consigo aceitar que A Chegada saia sem uma estatueta sequer e essa é a vitória mais provável.

MELHOR MAQUIAGEM E CABELO

Indicados:

– Esquadrão Suicida
– Um Homem Chamado Ove
– Star Trek: Sem Fronteiras

Quem deve vencer: Star Trek.

Quem pode vencer: Um Homem Chamado Ove.

Quem merece vencer: Star Trek ou Esquadrão Suicida.

Aqui temos dois trabalhos que claramente foram indicados por apenas um personagem e outro que foi indicado pelo todo. Enquanto em Star Trek a variedade chama a atenção, em Esquadrão Suicida e Um Homem Chamado Ove o foco é a qualidade desse trabalho único é que garantiu a indicação. Pelo conjunto, aposto em Star Trek para vitória e, pelo amor dos votantes ao filme, aposto em Um Homem Chamado Ove como o que está correndo por fora. E é pelo mesmo conjunto que eu acho que Star Trek merece vencer a categoria, assim como Esquadrão Suicida merece levar só porque o Killer Croc é impecável e assustadoramente convincente.

MELHOR TRILHA SONORA

Indicados:

– Jackie
– La La Land: Cantando Estações
– Lion: Uma Jornada Para Casa
– Moonlight: Sob a Luz do Luar
– Passageiros

Quem deve/pode/merece vencer: La La Land.

Já que a trilha maravilhosa de A Chegada foi INJUSTAMENTE DESQUALIFICADA, não resta dúvidas que o prêmio não apenas merece como vai para La La Land. Se houver surpresas aqui, ficarei chocado.

MELHOR MIXAGEM DE SOM

Indicados:

– 13 Horas: Os Soldados Secretos de Benghazi
– Até o Último Homem
– A Chegada
– La La Land: Cantando Estações
– Rogue One: Uma História Star Wars

Quem deve/pode/merece vencer: La La Land.

Outra categoria onde La La Land predomina. Essa categoria é a categoria dos musicais, é onde o filme recebeu mais prêmios e, por melhores que sejam as mixagens de Até o Último Homem e A Chegada, ele sobra aqui. Se não levar essa categoria, arrisco dizer que não leva nem Filme.

MELHOR EDIÇÃO DE SOM

Indicados:

– Até o Último Homem
– A Chegada
– Horizonte Profundo – Desastre No Golfo
– La La Land: Cantando Estações
– Sully – O Herói do Rio Hudson

Quem deve vencer: Até o Último Homem.

Quem pode vencer: A Chegada ou La La Land.

Quem merece vencer: Até o Último Homem.

Até o Último Homem, além de ter um design de som de cair o queixo, venceu duas categorias no MPSE, sendo uma delas uma das categorias que mais é compatível com o Oscar, e considerando que os vencedores nessa categoria costumam ser filmes de guerra ou com muitos e explosões, duvido muito que ele não saia premiado no domingo. Se não sair, o prêmio deve ficar com A Chegada, que também está indicado em mixagem e que segue mais perto o padrão dentre os indicados que qualquer outro, ou com La La Land, o que seria mais ou menos intragável diante da concorrência e um prêmio puramente de amor ao filme, mas a gente supera.

MELHORES EFEITOS VISUAIS

Indicados:

– Doutor Estranho
– Horizonte Profundo – Desastre No Golfo
– Kubo e as Cordas Mágicas
– Mogli – O Menino Lobo
– Rogue One: Uma História Star Wars

Quem deve/pode/merece vencer: Mogli – O Menino Lobo.

Até se a pessoa disser outro nome no domingo, quem venceu essa categoria desde quando o filme lançou foi Mogli e é isso. Sério, olhem pra imagem acima e lembrem do filme. Nem tem como questionar!

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL

Indicados:

– “Audition [The Fools Who Dream]” (La La Land: Cantando Estações)
– “Can’t Stop the Feeling” (Trolls)
– “City of Stars” (La La Land: Cantando Estações)
– “The Empty Chair” (Jim: The James Foley Story)
– “How Far I’ll Go” (Moana: Um Mar de Aventuras)

Quem deve/pode vencer: City of Stars.

Quem merece vencer: Audition [The Fools Who Dream].

City of Stars vai vencer porque é a música-tema do filme e porque duvido muito La La Land não sair sem esse prêmio. Ainda assim, pensando no uso da música no filme, Audition é muito mais impactante e melhor usada e seria um prêmio mais merecido que City of Stars.

MELHOR ANIMAÇÃO

Indicados:

– Kubo e as Cordas Mágicas
– Minha Vida de Abobrinha
– Moana: Um Mar de Aventuras
– A Tartaruga Vermelha
– Zootopia: Essa Cidade É o Bicho

Quem deve vencer: Zootopia.

Quem pode vencer: Kubo e as Cordas Mágicas.

Quem merece vencer: Kubo e as Cordas Mágicas.

Zootopia parece ter encantado a tudo e a todos nessa temporada de premiações e realmente deve vencer a categoria no domingo, no entanto, a vitória de Kubo no BAFTA e logo no meio do processo de votação dos membros pode sim influenciar alguns votos, então não descartem a possibilidade da vitória de Kubo. Até porque a ode de Kubo à contagem e à preservação da história são é linda demais e merece esse Oscar sim.

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA

Salesman

Indicados:

– O Apartamento
– Um Homem Chamado Ove
– Tanna
– Terra de Minas
– Toni Erdmann

Quem deve vencer: O Apartamento.

Quem pode vencer: Toni Erdmann e Um Homem Chamado Ove.

Se eu já achava que O Apartamento poderia ter votos pelo simples fato de ser do Farhadi, com ele sendo impedido de ir aos Estados Unidos por causa do ban do Trump, tenho quase certeza que ele leva seu segundo Oscar por esse filme. Caso os votos em protesto não levem o filme à vitória, apostar na vitória do favorito inicial, Toni Erdmann, ou do indicado em outra categoria, Ove, não é nada de absurdo.

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Indicados:

– A 13ª Emenda
– Eu Não Sou Seu Negro
– Fogo No Mar
– Life, Animated
– O.J.: Made In America

Quem deve vencer: O.J.: Made In America.

Quem pode vencer: Eu Não Sou Seu Negro.

O.J. foi tão aclamado que sua vitória aqui deveria ser certa, mas algo me diz que sua extensa duração será um problema para alguns votantes considerá-lo como um filme e não uma minissérie, o que pode fazer com que outro vença e esse outro deve provavelmente ser Eu Não Sou Seu Negro, o que é algo que digo por pura intuição, já que absolutamente nada aponta para a vitória de qualquer outro que não seja O.J..

MELHOR ANIMAÇÃO EM CURTA-METRAGEM

Indicados:

– Blind Vaysha
– Borrowed Time
– Pear Cider and Cigarettes
– Pearl
– Piper: Descobrindo o Mundo

Quem deve vencer: Piper.

Quem pode vencer: Borrowed Time.

Se a Pixar não leva longa de animação, leva curta, né non? Além de Piper, que é oficial da Pixar, Borrowed Time ainda tem animadores de lá e é o provável runner up aqui, podendo eventualmente vencer a categoria,

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA-METRAGEM

Indicados:

– 4.1 Miles
– Extremis
– Joe’s Violin
– The White Helmets
– Watani: My Homeland.

Quem deve vencer: Joe’s Violin.

Quem pode vencerWatani ou Extremis.

Não tenho ideia e só apostei pelas sinopses. Porém, Extremis levou mais prêmios, se isso serve de algo.

MELHOR CURTA-METRAGEM

Indicados:

– Ennemis Intérieurs
– La Femme et le GTV
– Mindenki
– Silent Nights
– Timecode

Quem deve vencer: Timecode.

Quem pode vencer: Ennemis Intérieurs.

Não tenho ideia e só apostei pelas sinopses, embora não ache mesmo que o prêmio vá para outro que não esses dois.

 

E essas foram as apostas do Panela. Discordam? Quais são as suas apostas? Não se esqueçam de comentar e voltar aqui no domingo para sabermos até que ponto elas estão corretas ou terrivelmente erradas!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Ícaro

Cinéfilo de carteirinha e atual professor de Herbologia em Hogwarts, tem a escrita como uma de suas paixões e acha que o mundo seria um lugar melhor se as pessoas não ligassem tanto para a opinião dos outros.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu