Está chegando a hora!

Nesta quinta descobriremos quem serão os indicados ao 88º Oscar e isso não podia acontecer sem antes o Panelas fazer as previsões finais sobre quem deverão ser os indicados da Academia este ano. São muitas variáveis contra às previsões e um histórico de padrões a favor, contudo, tentarei estabelecer uma previsão que mescle todos os prováveis cenários de uma forma que cheguemos o mais perto possível do resultado final, e espero obter um grande número de acertos no anúncio dos indicados.

Como eu havia falado aqui, a Academia não premia os melhores, ela premia quem melhor sabe fazer campanha, então não ache um absurdo se por acaso eu colocar um dos seus favoritos fora dos prováveis indicados ou um filme que você odeia como o favorito-mor daquela categoria.E antes de falar sobre cada categoria, aviso que essa está sendo a corrida do Oscar mais estranha e absurda desde que comecei a acompanhar a premiação. Com exceção de uma ou outra categoria, não há um grande favorito à premiação em si. Simplesmente qualquer coisa pode ocorrer até o dia 28 de fevereiro e fazer com que uma zebra vença a premiação sem muita dificuldade (estou particularmente tentado a acreditar nesse prognóstico).

Mas é melhor falar logo sobre os prováveis indicados porque foi pra isso que vocês abriram essa postagem. Saibam de antemão que em cada categoria os indicados estão colocados em ordem decrescente de probabilidade de indicação e que em todas virão comentários, breves ou não, sobre o porquê das previsões. Vamos às previsões!

 

MELHOR FILME:
Spotlight: Segredos Revelados
Perdido Em Marte
O Regresso
A Grande Aposta
Mad Max: Estrada da Fúria
Straight Outta Compton
Sicario: Terra de Ninguém
—- Brooklyn
—– Carol
—— Ponte dos Espiões

Na categoria mais disputada desde o Oscar de 1996, vimos algumas mudanças de setembro pra cá. Spotlight permaneceu forte na disputa e é o que tem mais chances de vencer, O Regresso também o acompanha nesse estabelecimento e ambos possuem a indicação garantida. Crescendo na disputa, vemos Mad Max e Perdido Em Marte, que também devem garantir sua indicação. Aparecendo surpreendentemente na lista estão Straight Outta Compton e Sicario que, que embora não tenha chamado a atenção durante boa parte da corrida do Oscar, fortaleceram-se com suas indicações para o Producers Guild Awards (ambos) e pra o SAG Awards (apenas Straight Outta Compton) e provavelmente deve garantir uma indicação. A Grande Aposta é outro que figura com bastante força nessa lista, pois garantiu ao menos uma indicação em basicamente todos os prêmios importantes e também deve garantir uma indicação. Carol e Brooklyn surgem como uma incerteza. Creio que algum dos dois irá entrar e formar um dos oito garantidos, porém, enquanto Carol foi indicado a mais prêmios na temporada do que Brooklyn, este segundo garantiu uma indicação para o PGA, o que o coloca ligeiramente na frente quanto à possibilidades de ser indicado. Pra fechar a lista vem Ponte dos Espiões, porque vem aparecendo consideravelmente bem na corrida e tem nomes como Spielberg e os irmãos Coen envolvidos, então não duvido nada que garanta uma indicação.

 

MELHOR DIREÇÃO:
– Ridley Scott, Perdido Em Marte;
– George Miller, Mad Max: Estrada da Fúria;
– Tom McCarthy, Spotlight: Segredos Revelados;
– Alejandro González Iñárritu, O Regresso;
– Adam McKay, A Grande Aposta;

Esta categoria está muito difícil de prever quem vai ser o vencedor. Duvido muito que Iñárritu leve o prêmio duas vezes seguidas (sua vitória no Golden Globes não significa absolutamente nada pras indicações), mas não duvido nada de sua indicação. McCarthy e McKay serão indicados por tabela, já que seu filmes estão entre as apostas seguras deste ano, mas não acho que ganhem. Já Scott e Miller parecem disputar o prêmio por um ótimo retorno à boa forma, então creio que os dois também garantam um lugar aqui. Há a probabilidade de Todd Haynes (Carol) e Steven Spielberg (Ponte dos Espiões) garantirem uma indicação, mas aposto mais no cenário retratado acima do que em algum com algum deles.

 

MELHOR ATRIZ:
– Brie Larson, O Quarto de Jack;
– Saoirse Ronan, Brooklyn;
– Cate Blanchett, Carol;
– Alicia Vikander, A Garota Dinamarquesa;
– Charlotte Rampling, 45 Anos;

Pra mim essa é fácil: além dessas cinco, acho que apenas Lawrence tem chances reais de ser indicada, mas ela está com imagem saturada e duvido bastante que a Academia indique-a novamente. Se alguma dessas cinco não aparecer entre as indicadas na quinta, tenho quase certeza que não será Lawrence aquela que ocupará o seu lugar (possivelmente Helen Mirren seja a escolhida).

 

MELHOR ATOR:
– Leonardo DiCaprio, O Regresso;
– Michael Fassbender, Steve Jobs;
– Matt Damon, Perdido Em Marte;
– Bryan Cranston, Trumbo;
– Johnny Depp, Aliança do Crime;

Talvez a que seja mais fácil de estabelecer quem serão os indicados (o completo oposto de como estava em outubro), a categoria de ator tem apenas seis possíveis indicados, os citados e Redmayne. Descartando desde já o possível Will Smith por Um Homem Entre Gigantes (sua atuação não tem um décimo do buzz das dos quatro acima), decidi deixar Redmayne de fora por alguns motivos. Acho que os quatro primeiros citados estão garantidos e a quinta vaga permeia entre Depp e ele, com isso tentei estabelecer o que pesaria mais na balança e cheguei à seguinte conclusão: sua atuação gerou polêmica e se tem uma coisa que a Academia odeia é ser relacionada a polêmicas e temos um caso de “ator voltando à sua boa forma” vs. “um Academy Winner do ano passado” e os votantes amam um underdog. Por esses motivos aposto mais na indicação de Depp do que na de Redmayne, no entanto, não descarto nenhum cenário, nem mesmo um onde os dois estejam dentro e um dos quatro “garantidos” de fora.

 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE:
– Rooney Mara, Carol;
– Jennifer Jason Leigh, Os 8 Odiados;
– Alicia Vikander, Ex-Machina: Instinto Artificial;
– Kate Winslet, Steve Jobs;
– Rachel McAdams, Spotlight: Segredos Revelados;

Aqui teríamos uma grande favorita ao prêmio se não fosse pelo seguinte problema: Vikander pode ser indicada aqui tanto por Ex-Machina quanto por A Garota Dinamarquesa. Por isso coloquei ela apenas e terceiro e por Ex-Machina, pois em A Garota Dinamarquesa ela também está sendo cotada como uma possibilidade em Atriz Principal, e acho mais fácil ela lá do que aqui. Mara eu coloco como aposta certa aqui porque duvido que ela fique de fora e Blanchett está fechada como indicação em Atriz Principal. Leigh vem logo atrás porque seria uma ofensa ao bom senso ela ficar de fora. Em quarto eu deixei a Winslet pois ela, mesmo não aparecendo como favorita a levar o prêmio, é a que mais aparece em listas de coadjuvantes. Já McAdams fecha a lista porque acho que Spotlight é o favorito a Melhor Filme e duvido um filme levar essa categoria sem estar ao menos indicado em uma das quatro categorias de atuação. Talvez Helen Mirren garanta uma vaga aqui, mas duvido bastante disso.

 

MELHOR ATOR COADJUVANTE:
– Mark Rylance, Ponte dos Espiões;
– Sylvester Stallone, Creed: Nascido Para Lutar;
– Michael Shannon, 99 Homes;
– Paul Dano, Love & Mercy;
– Benicio Del Toro, Sicario: Terra de Ninguém;

Essa categoria possui dois candidatos que são apostas certas, que são Stallone e Rylance. E é isso. Muitos apostam em Idris Elba, mas eu não consigo ver ele sendo indicado por um filme de plataforma online (ano passado Julianne Moore venceu por um filme feito para TV, entretanto Idris Elba não é nenhuma Moore e creio que a Academia seja muito conservadora para admitir uma indicação de um filme feito para a internet. Espero estar errado.). Christian Bale parece também estar forte por A Grande Aposta, mas eu não creio tanto assim na indicação dele porque se ele for indicado, isso confirmaria a força do filme na premiação, o que eu não acho que seja o caso. Resta Shannon e Dano, que estão sendo muito bem cotados, e Del Toro, que creio que será a indicação surpresa do ano. É a categoria que mais arrisquei nas previsões porque sempre tem uma que foge do esperado e, por consequência, é aquela que possuo mais chances de errar.

 

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL:
Spotlight: Segredos Revelados;
Divertida Mente;
Os 8 Odiados;
Straight Outta Compton;
Ponte dos Espiões;

A disputa de roteiro original está tão bem estabelecida que de setembro pra cá apenas uma das minhas apostas para os roteiros indicados mudou: a saída de Ex-Machina e a entrada de Straight Outta Compton. E mesmo assim ainda acho que Ex-Machina tem chances de aparecer. Se duvidar a votação empata e aparecem seis indicados (só que nunca).

 

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO:
A Grande Aposta;
Steve Jobs;
Perdido Em Marte;
Carol;
O Regresso;

A Grande Aposta e Steve Jobs parecem ser aqueles dois que disputarão acirradamente com o passar do tempo (e quem levar mais prêmio até dia 28 de agosto garante o Oscar), então eles são figuras carimbadas na quinta. Carol e Perdido Em Marte também parecem ser apostas seguras porque estão sempre sendo mencionados nessa categoria em algumas premiações. Já O Regresso é uma aposta absurda (o filme não foi indicado a absolutamente nada), mas que vejo acontecendo porque a disputa dele é com O Quarto de Jack e Brooklyn, dois filmes que estão fazendo campanhas bastante apáticas e que só tem chances mesmo na categoria de Atriz, enquanto O Regresso está fazendo o caminho oposto e crescendo na corrida. Caso eu esteja errado, trocaria esse palpite pela entrada de O Quarto de Jack.

 

MELHOR FOTOGRAFIA:
O Regresso;
Mad Max: Estrada da Fúria;
Carol;
Sicario: Terra de Ninguém;
Os 8 Odiados;

Outra categoria bem estabelecida desde setembro, o que vemos aqui são cinco trabalhos sofisticados e cada um já chamava a atenção antes mesmo da própria estreia de cada filme (lembre-se que Oscar trata-se mais de hype do que de qualidade). A única diferença de setembro pra cá é a presença de Os 8 Odiados, que vem chamando a atenção desde sua estreia e deve garantir uma vaga aqui. Há a possibilidade de A Colina Escarlate ganhar um espaço na categoria, contudo, acho mínima demais pra considerar colocá-lo aqui de fato.

 

MELHOR FIGURINO:
Cinderela;
Carol;
A Garota Dinamarquesa;
Brooklyn;
Mad Max: Estrada da Fúria;

E mais uma vez vemos outra categoria com os indicados como apostas seguras. Aqui, Mad Max assume o lugar de Sufragistas porque o filme ganhou força com todas as citações em listas de melhores do ano, mas não me surpreenderei caso A Colina Escarlate (sim, esse filme novamente) ficar em seu lugar.

 

MELHOR MONTAGEM:
Mad Max: Estrada da Fúria;
Spotlight: Segredos Revelados;
A Grande Aposta;
Perdido Em Marte;
O Regresso;

A disputa aqui parece estar entre Mad Max e Spotlight, então seria burrice não colocá-los como os dois primeiros. A Grande Aposta consolidou-se como uma indicação garantida também. Perdido Em Marte tem realmente uma ótima montagem e parece ser o queridinho dessa temporada, então não duvido nada que abocanhe uma indicação aqui. Já O Regresso está aqui pelo mesmo motivo que apostei nele em outras categorias: o crescimento durante a corrida. Sicario possui chances de roubar o lugar de algum deles, entretanto eu duvido bastante que isso aconteça.

 

MELHOR MAQUIAGEM E CABELO:
Mad Max: Estrada da Fúria;
Aliança do Crime;
The 100-Year-Old Man;

Mad Max e Aliança do Crime permanecem fortes indicações desde o início da corrida. A surpresa fica por conta de The 100-Year-Old Man, filme desconhecido que está chamando a atenção pela maquiagem e que tem grandes chances de ser indicado. Caso não seja, aposto que O Regresso entre na categoria em seu lugar.

 

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO:
Carol;
Cinderela;
Mad Max: Estrada da Fúria;
Star Wars: O Despertar da Força;
Ponte dos Espiões;

Essa categoria sempre tende a premiar filmes de época e fantasia, portanto acho bastante difícil as vitórias de Mad Max e Star Wars aqui. Contudo, os dois são impecáveis na construção do design e seria ridículo deixar ambos de fora. Carol e Cinderela parecem disputar mais uma estatueta, então as coloco em primeiro. Ponte dos Espiões completa os indicado porque ele recebeu bons elogios nesse aspecto e não descarto a indicação.

 

MELHOR TRILHA SONORA:
Os 8 Odiados;
Carol;
Divertida Mente;
Star Wars: O Despertar da Força;
Spotlight: Segredos Revelados;

Não acho que haja um vencedor garantido aqui, pois creio que os três que coloquei mais acima possuem chances iguais de levar a categoria. Star Wars está em quarto porque, se não indicarem, eu mesmo explodo a Academia. Spotlight fecha a categoria porque o principal filme da competição tem que levar mais do que quatro indicações e essa parece a mais viável. Uma pena Mad Max nem ser cogitado para essa categoria por puro preconceito com o compositor. Torço para a Academia me surpreender com a indicação dele na quinta.

 

MELHOR CANÇÃO:
– Writings On the Wall (Sam Smith), 007 – Spectre;
– Til It Happens To You (Lady Gaga), The Hunting Ground;
– Simple Song #3 (Sumi Jo), Youth;
– See You Again (Wiz Khalifa ft. Charlie Puth), Velozes e Furiosos 7;
– Better When I’m Dancin’ (Meghan Trainor), Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme;

Eis a categoria que acho que mais errarei. Esse ano não tem uma música sequer com o cacife de Let It Go, Skyfall e Glory pra ser uma grande favorita. Não temos um Muppets repletos de números premiados para resumir a categoria em sua vitória (Rio não tinha chances nenhuma de vencer aquele ano). Resumindo: todo mundo está fazendo cosplay de Jon Snow e não sabendo de nada. Minha previsão é que eles apostarão em mais uma música de 007 por questões de tradição, na música da Gaga porque ela foi incrível no Oscar do ano passado e deve ter causado uma boa impressão nos votantes, na música de Youth porque sempre tem uma música mais “séria” e hipster, na de Velozes e Furiosos 7 porque Hollywood ama homenagear a quem já se foi e na música de Snoopy e Charlie Brown porque animações sempre tem um lugar marcado nessa categoria e acho que essa música é a que mais pode garantir uma indicação. Talvez eu erre tudo, mas pelo menos eu tentei!

 

MELHOR EDIÇÃO DE SOM:
Mad Max: Estrada da Fúria;
Star Wars: O Despertar da Força;
Perdido Em Marte;
O Regresso;
O Bom Dinossauro;

Aqui os sci-fis ficam em vantagem porque a edição de som é bastante importante para que aquela atmosfera “fora da realidade” soe crível, por isso coloco os três primeiros como uma aposta segura. O Regresso está logo atrás porque todas as críticas elogiam o seu trabalho de som e não acho que ele deva ficar de fora. Deixo O Bom Dinossauro fechando a categoria porque eu vi o filme, fiquei embasbacado com a edição de som dele e ficarei pessoalmente ofendido se ele não receber ao menos uma indicação aqui.

 

MELHOR MIXAGEM DE SOM:
Mad Max: Estrada da Fúria;
Ponte dos Espiões;
Star Wars: O Despertar da Força;
O Regresso;
Os 8 Odiados;

Nessa categoria os filmes que prezam mais pelos diálogos saem em vantagem, por isso troco Perdido Em Marte e O Bom Dinossauro por Ponte dos Espiões e Os 8 Odiados em relação à Edição de Som. De qualquer forma, não me surpreenderia ver Os 8 Odiados ser substituído por Straight Outta Compton.

 

MELHORES EFEITOS VISUAIS:
Mad Max: Estrada da Fúria;
Star Wars: O Despertar da Força;
A Travessia;
O Regresso;
Perdido Em Marte;

Por que esses cinco? Por que além desses só Jurassic World tem chances reais de indicação. E tenho fé em Kubrick que um filme com efeitos tão artificiais quanto aqueles não pode ser indicado. Obrigado a todos!

 

MELHOR ANIMAÇÃO:
Divertida Mente;
Anomalisa;
Snoopy e Charlie Brown: Peanuts, O Filme;
O Bom Dinossauro;
The Prophet;

Existe um grupo de cinco animações permeando essa categoria desde setembro: os quatro primeiros citados e Shaun, O Carneiro. E eu até apostaria na indicação desses cinco, se a Academia não gostasse de surpreender aqui com uma indicação todos os anos. Por isso, tiro Shaun, O Carneiro e coloco The Prophet como aposta (só porque acho ridículo cogitar a possibilidade da indicação de Minions aqui), mesmo não confiando muito nela e achando que possa aparecer As Memórias de Marnie aqui, ou até mesmo O Menino e Mundo. É esperar pra ver.

 

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA:
O Filho de Saul;
Cinco Graças;
Labirinto de Mentiras;
A War;
The Fencer;

Temos aqui a única categoria que podemos afirmar que já possui um vencedor. O Filho de Saul ganhou esse prêmio desde o ano passado e parece não ter competição alguma, mesmo que Cinco Graças seja um segundo lugar garantido. Coloquei os outros três porque eles estão com campanhas bem sucedidas em Hollywood e creio que, apenas em uma possibilidade bem remota, algum deles fique de fora da categoria.

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO:
Amy;
The Look of Silence;
A Verdade Sobre Marlon Brando;
Going Clear: Scientology and the Prison of Belief;
Cartel Land;

Nessa categoria eu só consigo ver Amy, o provável vencedor, garantido. Ainda assim, é inegável a aclamação dos outros quatro citados. Todos eles vem sido constantemente citados em lista de melhores do ano, indicados a prêmios e parecem estar na linha tênue entre ser socialmente importante e inofensivo o suficiente para a conservadora Academia. Dito isso, acho bastante difícil algum desses cinco não ser indicado na quinta por esses motivos citados.

 

MELHOR ANIMAÇÃO EM CURTA-METRAGEM:
Bear Story;
World of Tomorrow;
Os Hérois de Sanjay;
We Can’t Live Without Cosmos;
If I Was a God;

Ler abaixo.

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA-METRAGEM:
Body Team 12;
A Girl in the River: The Price of Forgiveness;
Claude Lanzmann: Spectres of the Shoah;
My Enemy, My Brother;
50 Feet From Syria;

Ler abaixo.

MELHOR CURTA-METRAGEM:
Shok;
Stutterer;
Day One;
Ave Maria;
Bad Hunter;

Não faço a menor ideia de nenhuma dessas três categorias. Sorteei na base do “gostei do nome”, “gostei da sinopse”, “parece apelativo”, essas coisas.

 

E chegamos (finalmente) ao fim das previsões. Arrisquei mais esse ano do que de costume, pois o ano está com corrida muito em aberto, portanto só nos resta espera as indicações na quinta-feira e ver onde escolhi bem e onde escolhi mal. Até lá, comentem aqui para que possamos discutir sobre essas previsões. E não se esqueçam de voltar no blog no dia 21/02 para ver quais serão as apostas finais do Panelas para a premiação.

 

icaro

Ícaro
Ícaro

Cinéfilo de carteirinha e atual professor de Herbologia em Hogwarts, tem a escrita como uma de suas paixões e acha que o mundo seria um lugar melhor se as pessoas não ligassem tanto para a opinião dos outros.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: