Posts Populares

Supergirl – S03E21 – Not Kansas

Kara toma uma importante decisão para a sua vida: abandonar a Terra para viver em Argo com a sua mãe. J’onn e James descobrem que as armas especiais do DEO estão nas ruas de National City.

Supergirl definitivamente não é mais a mesma! Serio gente AMO a série mas essa reta final vem desacelerando, parando quase estacionando tudo, estamos vendo roteiros pobres e desenvolvimento zero, falta ação, falta muita coisa para isso ser tão bom quanto o inicio da temporada.

“Not Kansas” resolveu de forma rápida e talvez precipitada o dilema de Reign/Sam. Após ela conseguir finalmente superar a barreira de poder imposta por Lena, Mon El e Kara chegam a Terra com a preciosa pedra em uma cena de embate que deve ter tido uns 2 minutos tudo se resolve. Lena rainha faz a vacina da cura quase como se fosse um milagre e finalmente então ocorre a separação de Sam e Reign de uma vez por todas.

Daí pra frente vimos o desenvolvimento de dois plots diferentes que acabaram se unindo no final. Após curar Sam e aparentemente uma paz se instalar pela Terra Kara decide cuidar de si, se despede de tudo e de todos (não contou pra Lena que ela é a Supergirl… AAAAAAAAAAAAH) e junto com Mon El os dois seguem para Argo. Na Terra vemos um novo conflito se iniciar quando o fornecedor de armas da DEO fornece as mesmas armas super letais a simples moradores que querem se proteger.

Em primeiro lugar discutir a questão do armamento da população é algo que realmente precisa ser feito e bato palmas para #Supergirl que mais uma vez pega um tema poderoso e traz para a telinha. No desenvolvimento da ideia vemos uma Lena Luthor que acredita que todos tem o direito de se proteger, fazer sua auto-defesa, ainda mais ela neh minha gente, em contrapartida temos James que é totalmente contra e lembramos então de sua principal arma como Guardião, um escudo.

Achei até que foi bem desenvolvido na medida do possível, vimos Jonnz bem relutante ao enviar os seus sem armas para uma zona de perigo e sinceramente apesar de concordar com James um pouco fico preocupado com os agentes indo enfrentar certas ameaças sem realmente poder acabar com o problema, entendo que na situação oposta não tinha nenhuma necessidade mas a grande escala isso pode ser um problema. A questão toda pra mim seria discutir mais a necessidade de pessoas comuns terem acesso as armas para uso pessoal e isso acabou sendo uma falha, poderiam ter explorado mais a discussão de Lena/James e talvez usar até Lena mais nisso.

O outro plot do episódio envolveu uma Kara tentando voltar as suas origens e se redescobrir como kryptoniana, e ela falhou rudemente nisso pra ser sincero, achei que no final foi pura forçação de barra em pleno episódio 21 minha gente! Ao menos a visita dela e Mon El a Argo, deu um reinicio no relacionamento dos dois aparentemente, pena que aquela senhora acabou com a possibilidade de beijinho dos dois.

O final não me surpreende, afinal sabíamos que alguma reviravolta ia acontecer e Reign iria ressurgir, com ajuda daquele fanático e de alguns kriptonitas que aproveitaram a nave de Kara/Mon El estacionada com chave e sem alarmes ou qualquer outro sinal de “estão me levando” veremos o ressurgimento desse mal e to curioso em como isso vai afetar a Sam de novo, afinal pelas cenas finais vimos ela quebrando o copo e uma singela mudança de expressão no rosto, mas não consegui desvendar a princípio.

Além de tudo isso tivemos Alex despertando seu desejo pela adoção e espero que isso venha a ocorrer mesmo na próxima temporada, afinal nada impede que ela seja uma mãe maravilhosa por ai! Abraça esse momento Alex que ele será seu. E foi isso pessoal não tenho muito mais o que falar deste episódio, acho que #Supergirl tinha tudo para fazer uma excelente temporada, mas desde a queda de duas das Worldkillers vemos a série desacelerar, desacelerar e quase parar pra ser sincero. Espero que os dois últimos episódios salvem! Abraços e Beijos!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

Amado por 30 milhões de Brasileiros! Paulista, Canceriano, 25 anos, Químico e atualmente faço Doutorado em Biotecnologia e Polímeros. Me achou nerd neh? Sou mesmo! Amo uma boa banda alternativa/indie, fã número 1 de Imagine Dragons e adoro perder um bom final de semana maratonando séries! P.S. Sou bêbado também gente, me chama para uma cerveja e para falar de série!


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu