20 de fevereiro de 2015
The 100 – S02E13 – Resurrection

Depois da ressaca moral, das pernas doendo, mononucleoses alheias e de pular o carnaval vestido de tudo quanto é fantasia, qual a melhor coisa a se fazer? Sem dúvidas alguma, voltar as nossas séries queridas

e olha, The 100 está chegando ao fim com classe e nos deliciando com o melhor dentre os melhores episódios da temporada. O que foi esse episódio? Trilha sonora, adrenalina, guerra, tiro, sangue, porradaria, e podem continuar vindo porque muita coisa aconteceu. Admito que acho alguns diálogos da série um tanto quanto desnecessários e alguns enredos um pouco aleatórios, mas é impossível questionar o desenrolar da história, tudo tem uma explicação e um motivo para acontecer. As cenas se encaixam, os personagens se conectam de uma forma extremamente clara e isso faz a série valer tanto a pena. Momentos de reflexão agora, achava The Walking Dead fantástica nesse quesito, mas parece que a história vem perdendo rumo e nos tem apresentado uma temporada bem abaixo do que costumam fazer, já The 100, é uma série que recebe nota 10 no quesito evolução, tanto das tramas quanto da personagem, mas a audiência ó, só abaixa!

 tumblr_nk06zsj7LJ1qgmpy9o8_250

Mas voltando ao que interessa e o porquê de vocês, meus raros e poucos leitores estarem lendo essa review agora. Vamos aproveitar o clima de carnaval e começar a apuração dos quesitos do capítulo? A única diferença é que a série não me subordinou com dez milhões de um ditador africano né. Começando pelo início que volta no final, ou melhor, “I was born in space, I never felt the sun on my face” (Saudades desse início), Clarke se depara com a situação drástica aparente após a queda do míssil, pessoas queimando, sofrendo e de uma certa forma, isso tudo poderia ser evitado, o que a faz carregar toda a culpa e como diria Abby, todas as mortes nas suas costas. E agora Clarke? Sentar e chorar? Não, assim como todos os Grounders, ela tem sede de vingança e sai em busca do Sniper que está abrindo fogo contra os sobreviventes, dentre eles, Indra, e sua segunda, O-Octavia. Abby também está lá, e ouve uma voz de uma possível vítima de soterramento e nem preciso dizer quem estava lá né? Marcus. Vamos lá, quesito disposição pós-míssil, nota 10, quesito Desviando de um tiro de Sniper, nota 9.5.

tumblr_nk02ermrCr1t0l6i3o3_540

Agora, subindo o morro e chegando no M.W, voltamos a maravilhosa cena do episódio passado, ver aquele povo queimando, principalmente aquela doutora, foi de levantar e gritar “Agora mata essa @3$323”. Os 47 se defenderam, se prepararam para o que vinha e se prepararam muito bem. Que banho de sangue maravilhoso, deu gosto de ver aquele povo brigando feito animais e se protegendo e também da dupla Mounty e Jasper em ação novamente. Raquetada na cara, nota 10, Desconfigurando Caras, nota 10.Daí chegamos a Maya, sempre achei estranho o jeito dela agir, se virando contra seu próprio povo só por causa de um romance que mal aconteceu? Mas quando eu digo que a série sempre tem uma explicação, eis que surge, a mãe de Maya não concordava com os métodos utilizados e ela herdou isso. Após arrumar o plano com Bell,Maya é usada como refém para fazer o povo se render, mas eles não são bobos e conseguem escapar. Agora, eles estão espalhados e tem ajuda de alguns amigos do pai de Maya,e estão se preparando para a guerra.

tumblr_nk06wd8MYc1t6t8guo6_r3_250

Marcus e Abby entram em uma conversa que pareceu ser suas despedidas e o caminho para a morte, teve uma hora que realmente pensei que um deles fosse morrer. Mas Clarke também recebeu nota 10 no quesito Fogo amigo ( e o no quesito comissão de frente também né) e matou o sniper, possibilitando todos a se recomporem e a conseguirem resgatar os sobreviventes, dentre eles, Marcus. Indra se recupera e assina sua redenção com Lincoln, por fim, Clarke e Lexa abrem o discurso de guerra e fomentam a sede de vingança, numa onda um tanto quanto Emily Thorne,  por aqueles que se foram e caminham diante a guerra!

 tumblr_nk0kydeftW1rotqbvo1_r1_500tumblr_nk0kydeftW1rotqbvo3_r1_500tumblr_nk0kydeftW1rotqbvo2_r1_500

Isso aí, “war is coming” galera e eu espero vocês semana que vem para comentar e falar sobre o próximo episódio que será o melhor do melhor dos melhores !Agora fiquem com a promo do episódio da semana que vem, May we meet again,hundreds!

Carlos

Carlos Alberto
Carlos Alberto

Estudante de Engenharia, amante de música, viciado em séries e programas de TV! Fã de carteirinha de The 100, Flash, Game of Thrones e etc, se arrisca escrevendo reviews de suas séries favoritas!
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: