Coração partido 

TBBT voltou a ser exibido na noite de quinta-feira na Tv americana, e com isso as reviews provavelmente sairão mais rápidas que antes. No episódio passado vimos um episódio engraçado, principalmente na parte do tinder, e viemos para esse episódio querendo ri muito, ainda mais que era o primeiro nas noites de quinta-feira.

Vocês sabiam que crianças populares aos 13 anos tem uma grande chance de não ter sucesso no futuro? Sim, foi assim que começou o episódio de TBBT, e obviamente, me perguntei se eu era popular. Logo depois da Penny, Raj e Leonard conversarem sobre isso, o Sheldon chega com a notícia que o Will o convidou para participar de um documentário do Mr. Spock e foi pedir conselhos a Penny, pois ela é acostumadas ficar na frente das câmeras, não sei de qual, pois ele fica muito mais que ela, pois ele tem o programa das bandeiras dele. Não gostei da Bernadette sugerindo o Howard decorar a casa, pois eu sou meio Sheldon e odeio mudar as coisas.

O Howard estava fazendo uma bela chantagem emocional na Bernadette para não tentar decorar a casa, e quase que deu certo, mas sabem como ela é, né. A entrevista do Sheldon  não foi nem um pouco engraçada, nem os comentários da Penny, e muito menos aquelas piadas dos cofres secretos que eles tem em casa, e da câmera secreta, mas isso serviu para nos comprovar mais uma vez o quanto o Sheldon ama Stark Trek. O Howard não queria deixar acontecer as mudanças de forma alguma e decidiu armar algo com o Raj, mas deu tudo errado, pois o amigo preferiu ficar do lado da Bernadette e seu pai (Personagem que tinha sumido e sempre que aparece é legal).

Quando o Sheldon vai mostrar alguns pertences dele ligados ao Mr. Spock, a Penny acaba vendo um porta anel na caixa e pergunta o que era, e ele fala na maior naturalidade, que daria a Amy, mas ela terminou com ele antes, deixando Penny e Leonard pasmos e nessa hora saiu totalmente do roteiro do Spockementário. Ao prosseguir o documentário o Sheldon estava tentando insinuar que não tinha sentimentos e só seguia a lógica, mas a Penny acabou o confrontando, deixando ele com sentimento de raiva e falando que o término do relacionamento dele não abalou ele em nada.

Sheldon furioso

Jesus, Maria José, que cena incrível foi aquela do Howard contando para o pai da Bernadette que ele quer ter filhos, mas ela que não quer, e a Bernadette simulando um terremoto foi incrível, pois eles estavam embaixo da casa e caiu muita terra por cima deles. O Sheldon decide tomar uma atitude sobre a Amy, decide ir pedir ela em casamento para resolver tudo de uma vez. A Bernadette decide contar a verdade para os dois, e acaba falando que tem medo de ter um filho com o Howard, pois ele ainda é uma “criança”, mas ele acaba convencendo ela a pensar mais sobre o assunto, pois ele seria um pai exemplar.

terromoto

Meu olho chegou a cair lágrimas quando o Sheldon com as alianças na mão viu a Amy dando um selinho em outro homem e o Sheldon foi descontar tudo isso no Mr. Spock, e o Leonard servindo o chá para ele, e em seguida falando para ele se preocupar mais com as pessoas ao redor.

O episódio não foi engraçado, mas foi bem interessante para a história da série em si, porém senti falta da Amy nesse episódio, acho que ela poderia muito bem ter ficado no plot da casa do Howard, mas ela só apareceu mesmo no final, para aquela cena triste, e será que ela conheceu o cara no tinder?

Todos ficaram triste com o Sheldon e Amy? Estão gostando da versão humana do Sheldon? O que acham que irá acontecer? Deixe seus comentários e até mais. Beijos.

phelipe

Phelipe
Phelipe

Bacharel em Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, além de muito confuso, autêntico e um pouco louco. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: