Halley <3

Essa temporada se resumiu até aqui a gravidez da Bernadette e os dilemas do Sheldon morando com a Amy, além de uma consolidação maior do casamento da Penny e do Leonard, então chegamos aqui ao ápice, que seria o nascimento do filho da Bernadette e do Howard.

Chegou finalmente ao episódio que mais aguardávamos desde que a Bernadette anunciou a sua gravidez, que é o episódio que ela entra em trabalho de parto, pois foi assim que terminou o último, e vimos que todos no carro, o Stuart, o Raj, o Howard e também obviamente a própria Bernadette estavam bem ansiosos para o nascimento do bebê dela, inclusive fazendo com que o Raj dirigisse feito a índia. O Sheldon também tinha uma noite especial, porque era o aniversário da Amy e ele esperou meia noite para dar os parabéns, um presente mega fofo de uma tomografia do cérebro dele, enquanto pensava nela e o tradicional coito de aniversário, só que essa última parte foi impedida  pelos amigos, porque eles tinham que ir para o hospital, porque o bebê estava para nascer.

Ao chegar no hospital, descobrimos que a Bernadette ainda não estava em trabalho de parto, mas sim contrações normais, então todos decidem voltar para casa e aproveitam e avisam os amigos que nem tinham saído de casa ainda, nessa hora a Amy fica toda feliz, para poder transar, mas a Penny esquece que era aniversário da amiga e que ela transa no dia do aniversário e fica insistindo que deviam sair, até que o Leonard dá o toque para ela, pois os colegas queriam transar e não sair.  Ao chegar em casa o Raj decide gravar todos os passos da Bernadette e do Howard, mas sem querer soltou que “ela”(o bebê) veria o vídeo, então disse o gênero do bebê, deixando os pais mortos de raiva, porque eles queriam surpresa sobre o sexo do bebê.

A Penny e o Leonard tentam iniciar o sexo deles, mas são impedidos pelo Raj, sempre ele, que chega batendo na porta, pois havia sido expulso da casa dos amigos por ter revelado o sexo do bebê. A Amy e o Sheldon estão prontos para iniciar o coito, mas o Sheldon estava achando tudo meio forçado, mas a sua namorada se fantasia com capas do Harry Potter e ainda dá uma para ele, só que ele fica com raiva dela ter ido comprar sem ele, mas eles decidem continuar, quando estavam prontos para iniciar o Raj, os impede batendo na porta, só que decidem continuar, mas a bolsa da Bernadette dessa vez estoura e todos tem que ir para o hospital, impedindo até o coito anual.

No caminho para o hospital, o Raj só sabia reclamar que não estava presente (mas quem é ele na fila do pão?), só que o Sheldon ainda não havia esquecido da Amy ter ido ao parque do Harry Potter sem ele, mas o melhor foi a Amy dizendo que o bebê está atrapalhando a vida sexual dela e não dos pais como é de costume, morri com essa comparação. Ao chegarem no hospital, o Howard e a Bernadette tiveram uma das cenas mais fofas que já vi, relembrando a mãe do Howard e ainda tentando decidir o nome, achei tão fofo. GENTE, achei tão com cara de despedida aquele diálogo em que falam como o mundo é evoluído, Penny e Leonard se casaram, o Sheldon transou e mora junto com alguém, o Howard e a Bernadette sendo pais e ela ainda concluído o doutorado dela, os meninos trabalhando para o governo e o Raj continua sendo o mesmo, nada evoluiu nele, mas na verdade evoluiu, pois ele começou a falar com mulheres sóbrios e ficou mais chato, ele não gostou disso e ficou com raiva, ainda mais que comparou ele com o Stuart.

Os amigos tentaram consolar o Raj, dizendo o quanto ele mudou, como falar com mulheres e tudo mais, de cuidar de um cachorro, algo que nenhum tem, só que nesse instante são interrompidos pelo Howard dizendo que a bebê havia nascido. A primeira reação dos amigos foi saber o nome da bebê, que recebeu o nome de Halley, assim como o cometa, tudo a ver com o mundo da série, então os amigos foram no berçário saber quem era a bebê no meio de vários, só que logo descobriram, pelo fato de ter uma escandalosa. Depois de toda a confusão envolvida bebê e tentativas frustradas de coito, Amy e Sheldon foram ao mundo mágico de HP e isso serviu como preliminar para o Sheldon iniciar o coito anual deles.

Esse episódio me deu uma nítida impressão que eles ainda não sabem se a série será renovada ou não, mas por algum motivo quiseram fazer ele meio nostálgico e achei demais isso, sem dúvidas um dos mais especiais e importantes da série, por ter tido o nascimento de um filho dos nossos nerds, acho isso tanto lindo, tão magnifico, que lindo isso tudo.

Então é isso, um forte abraço e beijos.

Phelipe
Phelipe

Estudante de Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, mas bem passivo às vezes, além de confuso, autêntico. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: