Posts Populares

The Crown – S02E06 – Vergangenheit

Que sequência de episódios!

Não bastasse o último episódio ter sido um tiro e uma aula de história na nossa cara, este episódio trouxe muito mais coisas, agora tratando de um assunto que aprendemos na escola, mas que nunca imaginaríamos ver presente dessa forma na série: o Nazismo.

O engraçado desses 2 últimos episódios é que Elizabeth deixou de ser o centro das atenções, dando espaço pra outros 2 personagens que surpreenderam pelas revelações e enredos envolvidos. Dessa vez, o personagem em questão é o Duque de Windsor, o Tio David de Elizabeth. E descobrir que ele estava envolvido com o Nazismo, que planejava um golpe contra o próprio irmão pra tomar de volta o trono da Inglaterra, foi surreal. E tudo parece tão ficção. Só que quando as fotos reais aparecem no fim do episódio é tiro atrás de tiro. O que era aquele homem do lado de Hitler? Eu fiquei chocado e não foi pouco.

Mas todo esse enredo do Nazismo serviu pra abrir os olhos de Elizabeth com seu tio, uma vez que ela sempre foi muito simpática com ele. Dessa vez, ele voltou à Inglaterra disposto a arranjar um cargo público para ocupar seu tempo, seja como diplomata, seja como representante do país em alguma comissão da ONU. Mas as descobertas de Elizabeth acabaram com os planos do Duque e agora ele segue isolado em Paris. E espero que dessa vez seja pra sempre, porque garrei um ranço desse homem que só por Deus!

Outra vertente do episódio, dessa vez com Elizabeth em primeiro plano, foi a questão religiosa. Como chefe da igreja Anglicana, Elizabeth deveria mostrar respeito por outras religiões, mas não se envolver. No entanto, ela se viu diante de um dilema entre a Elizabeth humana e a Elizabeth rainha, uma vez que via em um Reverendo americano uma fonte de inspiração espiritual. O encontro dos dois serviu para fortalecer as crenças de Elizabeth em relação às decisões que devem ser tomadas, sempre se colocando como chefe da igreja e como seguidora dos princípios cristãos.

Por fim, o episódio trouxe uma vertente diferente de Philip. Parece que ele finalmente aceitou sua missão como marido de Elizabeth, dando conselhos e a fortalecendo quando necessário. Adorei que ele deu o braço a torcer pra Tommy e orientou Elizabeth em relação a isso. E legal foi ele falando no fim que saiu pra beber com Tommy e a rainha-mãe. Eu ri! Ah, aposto que vem mais um baby pra Elizabeth por aí! Segura!

Esse foi mais um episódio de cunho histórico e que foi uma verdadeira aula, com fatos chocantes, atuações maravilhosas e uma construção impecável. The Crown segue aumentando o nível e, apesar do começo de temporada meio morno, parece que agora a coisa deslanchou e vamos ter mais um desfecho gigante pra uma série maravilhosa!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu