Posts Populares

The Flash – S04E20 – Therefore She Is

“Ah, Clifford, você não é nada sem mim.”

Flashback, quando bem utilizado, é um negócio muito importante. Geralmente, são umas cenas meio sem sentido, que tão lá só pra ocupar os 40 minutos de série, e quando esse episódio começou com flashback eu já fiquei com um pé atrás. Mas aí, no fim, percebi que tudo fazia sentido e foi de fato algo que foi usado pra acrescentar algo à história.

Num passado não estabelecido, a Marlize tá dando uma palestra sobre a questão da tecnologia, de como os avanços tecnológicos fazem a humanidade melhor, mas como é uma espécie de mesa-redonda sobre o assunto, o DeVoe também tá lá, mas com uma opinião totalmente contrária, dizendo que a tecnologia faz sim a humanidade viver mais, mas viver em um mundo sem recursos e em situações de miséria e fome (ou seja, é quase um Thanos). E, de volta pro futuro, quando a ideia da Iluminação vai começar a ser posta em prática, a Marlize tá com uma cara bem assustada, já mostrando a gravidade do que tá pra acontecer.

O Cisco recebeu uma mensagem da Cynthia, querendo saber qual a resposta dele pro cargo do pai dela, e ele faz a mesma coisa que fez com todos os outros que ela já mandou: ignorou. O Harry tá tentando lidar com a perda da memória dele enquanto busca um jeito de reativar os poderes da Caitilin, mas a forma não era exatamente saudável pra ela. Então, quando o pessoal começa a perceber que tem algo de errado com ele, ele finalmente revela o seu problema. E por mais que a equipe queira ajudar ele, ele se nega dizendo que eles têm preocupações maiores.

O DeVoe tá começando a buscar os equipamentos pra fazer a tal arma pra Iluminação e o Team Flash tá tentando descobrir o que ele tá querendo fazer, então surge a ideia de chamar a Cigana pra ajudar o Cisco a vibrar e descobrir o que é necessário, mas, levando em conta os acontecimentos passados, ele é bem contra, mas no fim das contas ele acaba concordando.

De novo no passado, tá rolando um piquenique entre o DeVoe e a Marlize. É estranho, porque ela concordou em sair com um cara que foi absurdamente rude com ela, né. É uma cena fofa, na real, naquele momento eles eram puros e tavam apenas se conhecendo né. E falando em coisas rudes, também é assim o encontro entre o Cisco e a Cigana. Eles precisavam vibrar na mesma frequência pra descobrir informações, mas quem disse que eles tão na mesma frequência? Eles até conseguem ver algumas informações, mas a coisa é incompleta e quando eles chegam no lugar, O DeVoe já tá lá e já pegou o que precisava. E o que acontece depois da derrota? Brigas.

E tem mais briga, inclusive. Enquanto tão arrumando as coisas na casa nova, lá no passado, a Marlize descobre os reais planos do DeVoe. A ideia dele é que a tecnologia tá matando a humanidade, então ele quer resetar os cérebros de todo mundo pra uma forma não dependente de tecnologia. Obviamente a Marlize é contra isso, então as coisas não tão em um clima muito legal. Eles passam um tempo distante, e a Marlize até vai trabalhar em outro lugar, utilizando tecnologia pra melhorar a vida das pessoas, enquanto o Clifford tá em casa, sofrendo. Eles tão no meio de uma conversa que vai levar ao término da relação quando o lugar onde ela tá é atacado. Do outro lado da linha, ele escuta tudo o que tá acontecendo, inclusive tiros e uma explosão, e percebe que deu merda quando ela para de responder.

O Barry, sabendo da proposta de emprego que o Cisco recebeu, acha que consegue resolver a situação entre o amigo e a Cigana, colocando os dois na mesma sala e dizendo quais os problemas de cada um. Mas não há muito tempo pra conversar, já que o DeVoe tá atacando mais duas empresas de tecnologia. Então, vibração em dupla de novo, mas que dá menos certo ainda. E a conversa não rola de um jeito muito legal. A única coisa em que eles concordam é que o Cisco não tem que aceitar o emprego, mas todo o resto é discordância. O Cisco quer mais do que eles têm agora, quer acordar do lado da mulher que ele ama, enquanto a Cynthia acha que tudo tá legal do jeito que tá, que essa coisa de se ver de vez em quando é suficiente.

Aí a Cecile percebe que consegue ler os pensamentos do Harry antes que eles deixem de existir, então ela é capaz de continuar a pesquisa e os cálculos dele, pra descobrir o que o DeVoe tá tramando. O Barry consegue descobrir que ele tá construindo uns satélites e precisa de computadores que sejam capazes de conectar e processar toda a informação. Então, a equipe descobre onde ele vai atacar, mas mesmo assim tudo dá errado. O plano até dá certo no começo, mas aí a Marlize tá prestes a ferir o Cisco, a Cigana vai defender ele, o DeVoe se recupera e pronto, tá feita a merda. Inclusive ele chega bem perto de matar a Cigana e muito perto de obrigar a esposa a ver isso, mas ele acaba tomando alguma consciência e no último momento, decide não matar ela. E, de volta ao Star Labs, a equipe descobre o plano dele: utilizar matéria negra em uma quantidade que vai ser capaz de fazer o cérebro de todo mundo no planeta voltar a um estado simplificado, tipo o cérebro do Harry.

Aí, vem o final das separações. Numa cena muito fofinha, o Cisco e a Cynthia terminam e a gente consegue sentir o peso dessa decisão, a gente consegue sentir o quão mal eles tão por precisarem tomar essa decisão. (A gente vai ignorar o chá de fralda da Cecile porque sim.) A gente vai falar agora do final do episódio, da única cena realmente relevante nesses 40 minutos. No último flashback, o DeVoe aparece no lugar onde a Marlize tava e, depois de ver o que as pessoas fazem pela tecnologia, ela decide concordar que o plano dele é uma boa opção. Tá bom, a gente toma decisões ruins após momentos traumáticos. MAS, NO FUTURO, ELA PERCEBE QUE NÃO DÁ MAIS. Ela, sentada na cadeira dele, com um braço machucado, e diz que concordou com o plano, mas que nunca concordou com essa coisa dele ser o novo rei do mundo. E, além disso, ela concordou com o plano do marido dela, que tá morto, que foi a primeira vítima do Pensador. E, assim, ela vai embora, dizendo que sem ela ele não é nada.

Ah, aquela guria que apareceu primeiro no crossover do Arrowverse deu o ar da graça de novo, dessa vez na casa da Cecile. Ela vai lá entregar um presente e some do nada quando a Iris tá chegando perto. Mas, o relevante disso tudo é que ela também é uma velocista. SERÁ QUE É A FILHA DO BARRY E DA IRIS QUE VOLTOU NO TEMPO? Aguardem cenas dos próximos capítulos.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Rafael Augusto

Um hiperativo que não sabe viver sem ler, escrever, ouvir música, ver séries e filmes, geralmente tudo ao mesmo tempo. Fã de ficção científica, suspense, Stephen King e histórias em quadrinhos.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu