Posts Populares

The Last Ship – S02E08 – Safe Zone

Diálogos maravilhosos.

The Last Ship estava vindo de episódios perfeitos e maravilhosos, e não sabia nem o que falar para expressar tamanha perfeição, então a cada episódio a expectativa só aumenta e me deixa mais curioso para os acontecimentos.

Esse episódio começou com o Mike e Tom com o dilema de ainda não terem contado para o resto da tripulação sobre o presidente Jeffrey estarem sob sua custódia. O Mike vai até a sala onde o Jeffrey estava sendo mantido para conversar com ele sobre os acontecimentos passados, inclusive ele mostrou várias informações que eles tinham desde o início dessa pandemia, como um vídeo da antiga presidente americana, e o antigo chefe da marinha, os ordenando a conseguir a cura e salvar o que sobrar da nação deles. Nessa espécie de dossiê do Mike tinha um vídeo que mostrava o Dr. Hunter sendo assassinado por pessoas com sotaque irlandês que é o mesmo do Sean. O Mike ao sair da sala deixou um pen drive com algumas informações extras para que ele possa ver, mas ele não viu essas informações e sim um vídeo do Sean convocando novos seguidores, sendo que ele estava sendo observado pelo Tom e Mike em outra sala.

O Tom decide ele mesmo ir até o Jeffrey para conversar, e essa conversa nos rendeu um dos melhores diálogos nessas duas temporadas, pois foi algo contundente e forte, e muito bem executado por ambos atores. Nessa cena desse dialogo, podemos observar o quanto o Jeffrey foi alienado pelo Sean e seu grupo, pois ele estava praticamente cego, pois segundo ele o que o Sean queria era que sobrasse apenas a raça pura, os imunes, pois não haveria cura, porque o vírus não para de sofrer mutação e que a Drª Scott não tem reputação alguma para ter conseguido essa cura, o Tom rebateu ele dizendo que o vírus estabilizou e parou de sofrer mutação, mas ele estava irredutível.

O Mike e o Tom ainda estavam preocupados com o Submarino e deduziram que eles provavelmente estavam reparando os danos dele, e que eles estariam na frente dele para pegar o Sean em Nova Orleans.  O segundo diálogo entre o Tom e o Jeffrey foi carregado de emoção, pois eles falaram da família deles nesse acontecimento, e o Tom tentou tocar na ferida dele, falando de filhos e esposas que perderam no meio disso tudo. O Uss Nathan James só recebe notícia ruim, a inteligência do navio conseguiu captar uma mensagem onde dizia para as pessoas não acreditarem na cura em um navio, pois eles estavam apenas passando um novo vírus para eles e não a cura como diziam, e ainda dizia para lutar contra eles.

O Jeffrey estava muito estranho no banheiro. O Tom descobre algumas informações sobre alguns acontecimentos e vai até o Jeffrey conversar, mas como ele não respondeu ele teve que arrombar a porta e ao entrar percebe que o presidente havia tentado o suicídio. O Mike ainda estava meio receoso do restante da tripulação não saber dos acontecimentos. Quando o Jeffrey acorda e ele conversa com Tom, aí vem uma cena mega emocionante, pois o Jeffrey se culpa pela morte das filhas e esposa dele, e cai em choro, fazendo até o Tom se emocionar.

320819

Depois de todos esses acontecimentos o Jeffrey decide contar algumas informações para os tripulantes, mas eu ainda estou meio receoso com isso. Ele pareceu bastante abalado com as informações deles, inclusive na história do urso que seria distribuído para crianças com o vírus. Gente, e aquilo no final onde transformaria uma sala do navio em gabinete presidencial, inclusive com algumas decorações parecidas com as da casa branca, achei bem interessante, porque ele agora teria um local para governar o seu país.

Galera, eu achei esse episódio ótimo, como quase todos da temporada, obvio que não foi eletrizante, mas foi um episódio cheio de diálogos fortes e emocionantes, mostrando que The Last Ship não é apenas ação e sim um texto forte e afiado.

O que acharam do episódio? Acha que o Jeffrey mudou de lado? E a vingança do Sean como será? Vamos aguardar até semana que vem. Abraços aí o/

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Phelipe

Bacharel em Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, além de muito confuso, autêntico e um pouco louco. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu