Posts Populares

The Strain – S02E06 – Identity

Alianças e inimigos sendo criados. Correr ou lutar? Até que ponto vai a parceria dos que lutam contra o Mestre?

Mais um episódio de The Strain, e dessa vez fomos presenteados com um episódio acima da média, cheio de tensão, do início ao fim. Imagino que muitos devem ter ficado de cara com os aliados recentes sendo mortos, mas acredito que seja parte do roteiro para trazer novas pessoas e plots para o enredo da temporada.

O episódio começa com o novo strigoi no pedaço chegando em Manhattan, com sua parceira. Esse novo strigoi, a propósito, chama Mr. Quinlan, segundo minhas fontes super confiáveis do Wikipédia (corrijam se estiver errado, pfvr!!). Quinlan, aliás, apareceu no episódio só para dar uma intimada nos Anciões, mostrando que ele é quem manda na parada. Ele agora vai atrás de um grupo de caçadores humanos, para aliar-se. Será que é o grupo que eu acho que é?

1

Em Washington, Eph encontrou seu amigo, Rob, que o ajudaria nas articulações políticas para disseminar a doença que mata os vampiros. Rob apresentou Eph para Leigh, uma empresária de uma empresa de fármacos, que pode produzir a doença em larga escala e então, com a ajuda da Guarda Nacional, disseminá-la por NY. A dupla de amigos consegue avançar nas negociações, e praticamente sai vitoriosa, com a ajuda da empresa que produzirá a doença e a Guarda Nacional. Nesse meio tempo, Eph acaba se envolvendo com Leigh, o que pensei que seria algo que complicaria seu relacionamento com Nora e Zack.

2

Durante conversa com o chefe da Guarda Nacional, Eph deixa claro que não quer ajuda da Stoneheart, mas sem expor o motivo. No fim do episódio, um matador de aluguel vai até a casa de Rob, mata o amigo de Eph, além de pegá-lo de surpresa e matar Leigh também. A surpresa ficou por conta de o matador de aluguel estar trabalhando para o grupo Stoneheart. Coincidência ou a empresa aliada do Mestre esta infiltrada no governo? Dias nebulosos para Eph deverão aparecer, principalmente depois dessa perda de aliados.

3

No Brooklyn, Nora e Zack tem se aproximado, tanto que os dois saem juntos para checar as coisas com a senadora, no QG de controle da “doença”. O problema é que na volta pra casa, os dois são surpreendidos pelos Tateadores e Kelly, que finalmente alcançaram Zack. Os mini-strigoi e a mamãe do mal encurralam os dois em uma igreja, sendo que Nora consegue ligar para Setrakian antes de ser pega. Setrakian, Fet e Fitzwilliam vem ao encontro da dupla, salvando-os na hora H e matando alguns Tateadores. Antes disso, no entanto, um deles infecta Fitzwilliam, colocando o coitado na fila da morte. Logo agora que ele veio ao grupo e começou a dar importantes informações sobre o plano de Palmer. Setrakian então mata Fitzwilliam, deixando aí uma brecha para que seu irmão se junte ao grupo de combate ao Mestre. Esperar pra ver.

4

Ainda tivemos Gus insistindo com Angel, o que pode avançar, agora que ele viu as criaturas e viu Gus as combatendo. Teve ainda Palmer discutindo com Eichhorst, sobre o Mestre, além de Eichhorst achando que o Mestre iria tomar seu corpo como nova morada. A surpresa ficou com Bolívar sendo o escolhido, bem no finzinho do episódio.

Na avaliação geral do episódio, achei muito bom. Um crescente vem acontecendo depois do terceiro episódio, e acredito que deverá seguir assim até o fim da temporada. As cenas na igreja foram ótimas, e deram um ritmo perfeito para a série, que culminou em Fitzwilliam sem cabeça. Além disso, fica a pergunta: cadê Dutch? Hahahaha A loirinha não apareceu e acho que tem coisa mal explicada por aí. Bora esperar as novas parcerias serem criadas e vamos ver como Eph vai se sair sozinho em Washington, agora.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu