Posts Populares

The Voice AU – S04E17 – Live Shows Semi Finals

… semi finais o/…

… finalmente chegamos as semi-finais desta temporada do The Voice Austrália que teve seus momentos de desespero, angústia, sofrimento, momentos em que os coaches quase acabaram com tudo, mas que no final formou uma final que promete, com quatro bons artistas e que podem vir a fazer sucesso.

Antes de começar vamos entender como foi feita a final, semana passada os oito artistas se apresentaram, cada coach salvou um de seus pupilos, e os quatro restantes disputavam 2 vagas para formar o top 6, esses quatro artistas fizeram uma apresentação nesse episódio das semi finais e após isso foi anunciado quem seriam os dois que disputariam o top 6.

Formado o top 6, todos os artistas se apresentaram, e durante uma linda performance dos coaches foi aberta uma janela de Instant Save, onde o público deveria escolher seus 4 finalistas. Ou seja, séria o primeiro episódio onde finalmente o público teria total poder para escolher tudo!! FINALMENTE!

Além das performances dos candidatos tivemos dois shows a parte, primeiro Jessie J, que acompanhada de Benji Madden na guitarra simplesmente sambou no palco com “Ain’t Been Done”.

Jessie J – “Ain’t Been Done”

Jessie J e Benji

Para ver a performance clique aqui.

Além do samba individual de Jessie, tivemos uma incrivel performance em grupo dos nossos coaches, acredito que foi a melhor que eles fizeram durante esta temporada e a segunda melhor performance de coaches no The Voice Australia, porque vai ser dificil superar Diamonds (Season 2).. Hoje, adorei as harmonias, até os irmaõs Maddens conseguiram se encaixar, Ricky estava ótimo, Jessie também, mas o destaque foi Delta, que provou que quando o assunto é fazer música ao vivo, ela simplesmente arrasa.

Joel, Benji, Delta, Jessie J e Ricky – “Let It Be” by Beatles

Coaches AU

Para ver a performance clique aqui. 

Sem mais delongas vamos aos comentários, hoje acompanhando pelo meu eterno parceiro de reviews Jean e meu querido amigo que estava sumido das reviews do AU: Michel! Os comentários seguiram a ordem de apresentações realizada no episódio.

REPESCAGEM (não achei melhor nome).

AU Repescagem

Simi Vuata – “I Feel Good” by James Brown

Para ver a performance clique aqui.

Lindomar: De todos os artistas presentes neste top 8, Simi é o que mais me incomoda, o que menos gosto, suas expressões de exagero e seu jeito forçado me incomodam demais, porém hoje ele veio mais controlado e não abusou de seus falsetes horrorosos, fez uma performance dançante e divertida com uma música inteligentemente escolhida, pois conseguiu deixar Simi brilhar. Apesar de ver esses pontos críticos em Simi, é incrível ber a forma como Jesssie conseguiu polir ele até aqui.

Jean: Ele tentou, chegou o mais longe que conseguiria, e foi uma vitória para ele. Foi uma apresentação que se encaixou bem no que ele propõe, mas longe de uma inabalável apresentação.

Michel: Eu achei uma escolha meio preguiçosa, principalmente porque não mudaram o arranjo da música. A música é um clássico, um hit bem dançante e acho que uma balada romântica cairia bem melhor nessa fase, já que ele precisava conquistar o telespectador para continuar no programa e nada melhor que “apelar” com uma música mais sentimental, como fez os outros três.

Naomi Price – “The Winner Takes It All” by Abba

Para ver esta performance clique aquihttp://www.9jumpin.com.au/show/thevoice/video/4439668783001/

Lindomar: Um verdadeiro hino da música para a Rainha Naomi, e foi um tiro! Vocais limpos, execução perfeita, um crescimento vocal que foi crescendo com a melodia, eu simplesmente amei essa performance de Naomi, ela vem provando que é possível mesmo sendo uma cantora com uma voz genérica com muito trabalho e controle vocal ela consegue empolgar e sempre fazer grandes performances.

Jean: Foi maravilhosa, a melhor performance dos 4 nessa “repescagem”. The Winner takes it All é uma música perfeita para Naomi que mostrou muita versatilidade no programa. Acredito que o único erro da apresentação foi mais para o final quando tinha pouco tempo de respiração com muitas notas que não davam continuidade, e isso prejudicou um pouco. Entendo que a música é cortada para 2min mas era necessário fazer outros ajustes para a performance ficar ainda melhor.

Michel: Escolha mais que perfeita para Naomi. Ela interpretou muito bem a canção, mandou muito bem na afinação e com uma presença de palco impecável e as mudanças nos arranjos foram muito bem vindas a canção. Entre os 4, a Naomi é a minha preferida e por coincidência ou não, pra mim ela foi a melhor entre os 4 e merecia e muito prosseguir ao top 6.

Caleb Jago-Ward – “Big Love” by Fleetwood Mac

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Depois da semana passada onde Caleb simplesmente destruiu participar deste top 4 para decidir duas vagas era algo injusto, e hoje, com mais uma escolha musical acertada e uma interpretação visceral ele acertou em tudo novamente, olhando para Caleb durante o show, percebo que gosto muito mais deste Caleb das duas últimas semanas do que aquele que se destacou nas blinds, parecem duas pessoas totalmente diferentes. Eu gostei de tudo nesta performance, principalmente da energia e da força que ele colocou em seus vocais.

Jean: Cantou muito bem, mostrou o que tem de melhor, exceto alguns pequenos deslizes na afinação em 1:40 da apresentação.

Michel: Gosto muito do Caleb e gostei muito da escolha da música, explorou muito bem sua voz e nos trouxe um Caleb mais intimista, diferente do Caleb mais perfomatico que conhecemos. Achei que foi muito bem, fez uma performance consistente e se arriscou bastante nos vocais e dessa vez acertou bastante.

Nathan Hawes – “Higher Love” by James Vincent McMorrow

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Acho que a maioria dos leitores acompanha pelo site do programa, mas baixei o episódio e foi incrivél ver como me apaixonei pela audição de Nathan e depois fui perdendo isso por ver ele com músicas irreais para ele, que fugiam do folk, do indie. Hoje, ele veio com uma música folk neste primeiro bloco, e mostrou uma ligeira melhora em relação as semanas anteriores, gostei muito do que ele apresentou aqui, principalmente por ver variações nos vocais, não ser algo totalmente linear.

Jean: Nathan foi bem, tem uma voz bonita, mas é um estilo que não consigo parar para ouvir, nem em momentos calmos, prefiro vozes mais imponentes como dos cantores Sam Smith, John Legend etc. Cantores que me agradam são aqueles que mostram recursos variados.

Michel: Muita gente tem implicância com Nathan, eu particularmente gosto dele, porém concordo que ele está atrás de muitos candidatos que até já saíram na competição. A escolha musical de hoje eu não curtir, apesar de gostar muito quando um candidato se arrisca mudando o arranjo e gosto do estilo “Nathan” que ele dá nas suas performances, dessa vez acho que n favoreceu a música o arranjo novo. No resumo, achei a performance apenas ok, o que pra mim não é legal quando se trata de uma semi-final.

Enfim após as 4 apresentações as votações foram fechadas, e segundo os apresentadores dois artistas ficaram muito próximos no índices, primeiro salvaram Nathan (que já era esperado) e eliminaram Simi, a decisão ficou entre Naomi e Caleb, e onde eu realmente esperava uma disputa dura e difícil, e assim foi, Naomi venceu e avançou para as semi finais.

ELIMINADOS – SIMI VUATA E CALEB JAGO-WARD

AVANÇARAM PARA AS SEMI FINAIS – NAOMI PRICE E NATHAN HAWES

Sendo assim as semi finais que já tinham Joe Moore, Ellie Drennan, Lyndall Wennekes e Liam Malhi, ganharam a presença de Naomi Price e Nathan Hawes, olhando para o top 6 e para o que essa temporada caminhava ser após várias decisões equivocadas, erros da produção na condução do show em relação ao formato adotado, esse top 6 até me surpreendeu. Agora vamos as seis performances que decidiriam quem seriam os quatro finalistas, isso mesmo, os finalistas foram definidos em uma votação de aproximadamente 50 minutos onde os telespectadores deveriam usar o Instant Save disponível no aplicativo.

Lyndall Wennekes – “Hold My Hand” by Jess Glyne

Lyndall Wennekes

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Entre os seis semi-finalistas Lyndall foi a única que decepcionou na última semana, as mudanças que ela adotou em seu timbre irritaram a muitos (inclusive eu), porém hoje ela resolveu voltar a caprichar e entregou sua melhor performance até aqui, com uma escolha musical inteligente, vocais incriveis e um alcance que deu na cara de várias inimigas, Lyndall surpreendeu e justificou sua presença neste top 6.

Jean: A melhor apresentação dela nessa temporada, se ela tivesse seguido apresentações como essa ou como as apresentadas em sua página do youtube teria saído bem melhor. Apresentação com belos recursos, sem desafinação e sem exageros visuais ou vocais.

Michel: Gostei da escolha pra Lyndall, gosto muito da Lyndall quando mostra o seu lado mais romântico, com as baladinhas. A Lyndall tem um voz tão gostosa, principalmente nos seus agudos e essa música explorou muito do seu grave e agudo e apesar da pouca idade, percebo que cada apresentação ela se mostra mais confiante e madura no palco, ela vem tendo uma ótima evolução no programa, a Delta soube trabalhar bem com ela, sempre a desafiando, muitas vezes a tirando da sua zona de conforto e fazendo ela nos mostrar mais versatilidade, um ponto positivo pra Deltinha que fez muita burrada nessa temporada.

Nathan Hawes – “Fire and the Flood” by Vance Joy

Nathan Hawes

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: A diferença entre essa e uma outra performance que ele fez nos lives foi o matagal ao redor dele! hahaha Brincadeiras a parte, foi a performance dele dos lives que mais gostei, a música permitiu a ele mostrar que existe sim um timbre diferente, que ele pode trazer variações vocais e ser criativo, enfim gostei muito da apresentaçaõ de Nathan.

Jean: Foi bem, mas nada além disso. Ele possui um grande fã-clube que pode leva-lo a ser o campeão dessa temporada. Para mim, Caleb ocuparia muito bem o lugar dele nessa semi-final.

Michel: Essa música sim foi muito bem acertada para o Nathan, a música tem uma batida gostosinha que muito combinou com o timbre peculiar dele. A crítica que faço é que o Nathan sempre esteve na sua zona de conforto o que beirou muito a monotomia, suas apresentações são sempre iguais e queria ver um Nathan se arriscando mais, seja vocalmente ou performaticamente.

Ellie Drennan – “I Kissed a Girl” by Katy Perry

Ellie Drennan

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: AINDA NÃO ESTOU ACREDITANDO NESSA PERFORMANCE! Foi um sambaa, mas um sambaa sem tamanho, Ellie usou apenas um violão e sua voz, e que voz, ela conseguiu preencher todo o espaço estando ali sentada em seu banquinho, foi incrível, foi lindo, exuberante, uma demonstração de uma das vozes mais promissoras que passaram por esse programa, e que tem apenas 16 anos.

Jean: A melhor apresentação dela neste programa. Ellie mostrou tanta versatilidade e uma variedade exorbitante de recursos vocais. Com apenas 16 anos ela se torna uma grande artista da música com potencialidade de crescer bastante nesse mercado. Eu fiquei extasiado do início ao fim dessa apresentação de I Kissed a Girl.

Michel: Ellie é minha candidata favorita desde o início, torço muito por ela e até agora ela não me decepcionou em nenhuma performance e hoje não foi diferente. Trouxe uma versão do hit da Katy Perry, sinceramente gostei muito da versão mais eu esperava mais. Foi uma ótima performance, mas acho que ela já teve apresentações bem melhores.

*Michel está DOIDO! kkkk

Naomi Price – “The House Is Not A Home” by Barbra Streisand

Naomi Price

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Não há dúvidas da qualidade de Naomi como cantora e de que ela deve seguir uma linha parecida com a de Luke Kennedy (seu namorado e finalista do Team Ricky na season 2) e as escolhas de dar novas roupagens em clássico e o que marcou a trajetória de Naomi, mas uma vez tivemos esse tipo de performance, dessa vez com uma linda música de Barbra Streisand, eu gostei de quase tudo, mas achei sua voz analasada demais em algumas notas que acabaram me incomodando na primeira metade da interpretação, depois disso ela tomou conta da música e fez mais uma grande performance.

Jean: Foi espetacular, como é de prache vindo de Naomi. Na “repescagem” e nessa semifinal ela usou o estilo que mais deu certo com ela nessa temporada. Estilo Diva. Naomi, como já comentei é a candidata mais diversificada que já passou nessa edição do TV AU. Não sei dizer pontos negativos dessa apresentação, porque não teve.

Michel: Naomi novamente foi muito bem, porém queria ela com algo mais atual e desafiador. Sua performance foi ótima, correta vocalmente, mas eu queria ver ela saindo da sua zona de conforto, trazendo uma versão de algum hit atual ou algo do tipo, mas como disse no fim das contas ela foi muito bem.

Liam Malhi – “Never Tear Us Apart” by INXS

Liam Malhi

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Liam foi aquele esquecido que ia passando de fases, sem nem estar entre piores, mas também não estando entre os destaques, seu grande destaque é seu timbre e suas interpretações em músicas mais tocantes e fortes que acabaram conquistando um público fiel que sempre que necessário vota muito em Liam. Hoje foi uma das escolhas mais inteligentes desta semi final, a música encaixou perfeitamente para ele, a única parte que diria que não foi tão uauu, foi quando fiquei esperando a explosão depois de uma série de notas com aumento de intensidade e ela não veio, mas foi mais uma boa performance de Liam.

Jean: Foi muito bem, adorei mesmo a maneira que ele colocou seu estilo nessa música.  Ele ficaria em 3º lugar pelas apresentações de hoje. Ele tem uma voz muito marcante, como eu gosto. A melodia conseguiu me prender e isso é fundamental para eu gostar de uma performance.

Michel: A música é ótima e caiu muito bem para o Liam, venho gostando muito que o Liam foi ganhando destaque aos poucos no programa e um destaque merecido, já que ele tem se saído muito bem nos lives e sempre trouxe ótimas performances e hoje pra mim foi uma de suas melhores performances e explorou bem todo seu potencial vocal.

Joe Moore – “Last Request” by Paolo Nutini

Joe Moore

Para ver esta performance clique aqui. 

Lindomar: Meu artista favorito de toda esta temporada, Joe tem uma sequencia de apresentações de alto nível que faria inveja a qualquer outro participante, hoje não foi diferente, com apenas seu violão e voz derrubou forninhos e entregou a segunda melhor apresentação dessa noite, foi lindo, perfeito e uma escolha inteligente que fugiu do usual, nunca tinha visto essa música ser apresentada no The Voice.

Jean: Foi incrível, a 2ª melhor apresentação desse episódio. Ele sabe nos encantar com sua voz, com a maneira que ele leva a música. Fortíssimo candidato dos Maddens.

Michel:O que falar de Joe? A performance de hoje foi ótima como sempre, sua conexão com a música é algo admirável, o Joe é do tipo de artista mais intimista e que sempre traz um lado mais sentimental em suas performances. O Joe desde o início foi bem, porém nos lives ele vem se destacando bastante e pra mim entre os 6, levando em conta o histórico no programa, o Joe sai na frente de todos. Ele por várias vezes fez a melhor apresentação da noite e hoje não foi diferente, merece muito ir pra final e se vencer o programa será a decisão mais acertada.

————————————————————————————————————————————————————*Durante os comentários da performance de Joe, Joel falou que sabendo que o programa é The Voice, ele levaria Nathan, Joe, Liam e Ellie para a final por serem as vozes, Delta ficou puta da vida, e veio falando que Lyndall merecia e ai comecou uma quase briga que durou uns 2 minutos com o coitado de Joe assistindo tudo! HAHAHHA

Enfim, o público votouu muito e os apresentadores anunciaram os 4 finalistas, não foi mencionado nada de ser em uma ordem particular ou não… então sei lá…. o primeiro artista salvo foi…

FINALISTA – ELLIE DREENAN

…na sequencia foi anunciado o próximo artista…

FINALISTA – JOE MOORE

…depois disso nossos queridos apresentadores falaram o nome do sexto colocado desta temporada do The Voice AU…

ELIMINADA – NAOMI PRICE

…sendo assim sobraram 3 artistas, eu tinha certeza que Nathan séria salvo e ….

FINALISTA – NATHAN HAWES

foi anunciado como o terceiro finalista, levando os irmãos Maddens a uma felicidade extrema!! É possível entender, Joel sempre terminou em último em todas as temporadas do The Voice AU, com esse resultado isso não séria possível. Sendo assim restaram Liam e Lyndall, e foi anunciado que o último finalista…

FINALISTA – LIAM MALHI

ELIMINADA – LYNDALL WENNEKESS

Sendo assim nossa final tem Liam, Nathan, Joe e Ellie como queria Joel Madden!! Eu particularmente curti a final, sabia que Nathan iria ser finalista desde o começo, e adorei ver Joe e Ellie ali, trocaria Liam por Caleb, mas não tenho nada contra ele nesse grupo e para ser sincero olhando os quatro finalista diria que essa temporada do The Voice AU foi maravilhosa, mas sabemos que não foi bem assim.

AU

Entre os quatro diria que Liam provavelmente será o quarto colocado e a decisão será bem disputada entre os três restantes, Nathan tem uma fã base que se mantém desde o início e sua força vem daí, já Joe e Ellie construiram uma trajetória sólida durante o show e acredito que entre eles está a voz da Austrália de 2015. Alias se Ellie ou Joe vencer, diria que o vencedor da temporada foi tão justo quando Karise vencendo na primeira temporada. As torcidas dos paneleiros vão para Joe e Ellie hahaha, sendo que Jean está mais inclinado a torcer por Ellie, e Michel e eu para Joe!!

Então espero vocês queridos leitores nos comentários, falando bem, falando mal, e votando na enquete para termos uma ideia de qual a preferência do público!! (dessa vez sem Lyndall, que tinha 50% do Brasil torcendo por ela segundo os resultados das enquetes anteriores HAHAHA). Fui-mee e até a última review no próximo domingoo!

lindomar

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

Canceriano com ascendente em Sagitário, ou seja UMA ÓTIMA PESSOA! Atualmente um louco que faz Doutorado e que já se formou em Química. Viciado em The Voice, séries e Indie Rock. Gosta de gastar o tempo que não tem para escrever sobre The Voice, The Flash, Bates Motel, Orphan Black, The Vampire Diaries e Westworld.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu