Posts Populares

The Voice Brasil – S04E07 – Batalhas 2

E chegamos ao último dia de batalhas do The Voice Brasil. Depois do primeiro dia de altíssima qualidade, com grandes destaques, vitórias contestáveis e algumas polêmicas que não podem faltar, chegamos ao fim de uma das fases mais decisivas do programa, e também nessa fase já definimos nossos candidatos favoritos. Nessa review teremos os comentários de Henry e Lucas. Atendendo a um pedido de um comentarista lá das audições vou adotar o critério de notas e outra novidade é que teremos os nossos selos também. Então, sem mais, partiu review.

[Team Teló] Brícia Helen vs Franciele Karen – Dark Horse 

Vencedora: Brícia Helen

Clique AQUI para ver a batalha completa

Cantando Meu Nome É Julia Dark Horse ambas arrasaram. Franciele me surpreendeu no início e eu pensei que a batalha fosse ser dela. Mas aí vem Brícia e me surpreende pela facilidade em alcançar as notas, bem limpas, bem fortes. Teló foi esperto em dar essa música, mas não foi a ponto de escolher a vencedora. Acho que Brícia foi melhor e mereceu vencer, mas Fanciele foi justo também. Brícia merecidamente ganhou um roubo triplo e foi com Milk. Nota: 7,5

Henry – Dark Horse foi uma boa pedida para os timbres vocais de ambas as candidatas. Porém, nenhuma das duas começou muito bem. No andamento da música, foi perceptível a falta de fôlego de Franciele nas notas mais agudas. Brícia não impressionou exatamente pelo contrário: subtonou várias notas durante os versos finais. E esse “alcance bem treinado” que Brown disse ter visto, perdão, mas eu não vi HAHAHA. Batalha beeeeem morna Nota: 6,0

Lucas – Briga de cachorro grande!!! Pra mim, ninguém entrou como favorita, porque eu achei a audição da Brícia incrível e a da Franciele ótima e muito promissora. Franciele simplesmente arrasou, alcançou as notas perfeitamente, abusou de falsetes lindos e ainda explorou bem as partes suaves da música; eu preciso ouvir essa menina no estúdio. Brícia é especial, tem um timbre incrível, é minha Jessie J (hahaha) e canta de forma perfeita. Não houve vencedora, e eu iria por gosto particular e escolheria Franciele também. Ótima batalha. Nota: 9,0

seloatequefoibem   SeloDormi  SeloAmei2

[Team Teló] Adna Souza vs Renan Ribeiro – É Com Ela Que Eu Estou 

Vencedor: Renan Ribeiro / Peguei: Adna Souza (Team Brown)

Clique AQUI para ver a batalha completa

Logo nos primeiros versos vi que Adna estava com graves maios fortes que Renan (momentos). Mas gente a batalha foi estranha, não pela qualidade vocal deles que é boa, mas sim pela banda que pareceu que engoliu a voz de Renan e as harmonias que Adna teve que fazer mais baixa para sobressair a voz de ambos. No geral eu não gostei por isso, mas se é para escolher um vencedor, eu escolheria Adna por achar que ela pode ir mais longe que Renan. Teló escolheu Renan que eu mal escutei ganhar e Adna fica com peguei de Brown. Nota: 6,5

Henry – : Esse velho truque de colar a ponta da língua no céu da boca pra nasalar o timbre não cola mais no papai aqui, Adna… foi mal, mas sua voz é estranha SIM. Renan teve mais domínio da canção durante toda a batalha, parecendo estar bem seguro nas evoluções de tom e na troca de falsetes. A presença de palco, porém, é inegável para ambos. Nota: 7,5

Lucas – Adna tem algo especial: a surpresa de quando abre a boca e a gente ouve o vozeirão. Porém, fica difícil pra ela quando a música pede um agudo ou uma segurada na nota. Coisa que Renan fez e faz perfeitamente! Visual de cantor sertanejo, voz de sertanejo e já parece pronto para a indústria sertaneja. Sem dúvidas Renan foi melhor, segurou a batalha em todos as partes e não acho que Adna fez por merecer o peguei, pois não mostrou nada além do que já tínhamos visto e não deu conta do Renan. A batalha em si pra mim foi mediana, pois de um lado Renan arrasando e do outro eu implorando pra Adna deixar o palco para apenas Renan performar. Nota: 6,5

 SeloOk  selosaidaquidemonia   SeloGente

[Team Brown] Matheus Zuck vs Luísa Amaral – See You Again 

Vencedor: Matheus Zuck

Clique AQUI para ver a batalha completa

See You Again <3. Logo nos ensaios Brown estava bem rígido com Matheus, tanto ao seu vocal quanto a sua presença, e no final deu resultado porque no palco Matheus sorriu e pareceu se divertir mais, não ficou tão preocupado com os vocais e mal sabia que essa preocupação estava o prejudicando. Luísa eu achei que estava bem colocada na música, se destacou, cantou muito bem, mas a evolução de Matheus foi de outro nível e eu achei justo a vitória dele. Luísa infelizmente deixa a competição. Nota: 8,0

Henry – QUE BATALHA! A noite começou, na verdade, com o Team Brown. A voz de Luísa é sensacional, incrível como casou perfeitamente com o vibrato exigido pelo começo de See You Again. Matheus não foi “menas” e mostrou que tem domínio na suavidade trazida pelo tom original dessa canção, ainda que tenha desafinado notavelmente no final do terceiro verso – algo que, todavia, não comprometeu seu desempenho. Não queria ser o Brown nesse momento, I SWEAR! Que incrível a junção das duas vozes, quando ambos conseguem fazer segundas vozes perfeitas, e também acompanhar o timing um do outro no momento de trocar a voz principal. Tô todo arrepiado, olha aqui, não tô mentindo. PORÉM, preferia que ele tivesse salvado a gatinha #10cepção. Nota: 9,0

Lucas – Pra que essas músicas para os dois, Brown? Qual a necessidade? Os ensaios estavam horríveis e quer saber de uma coisa? Foi até surpreendente ver que a batalha não saiu ruim como eu imaginava. Entre erros nada gritantes, a Luísa mostrou um timbre mais interessante e foi linda nas partes suaves da música. Já o Matheus, pegou o desafio de sair da sua zona de conforto e mandou até bem, com a voz de peito boa e os falsetes bem encaixados dentro das suas limitações. No final, saiu uma batalha bacana, onde eu achei que Matheus realmente foi o vitorioso, por nos surpreender e tomar conta da música, porém não ligaria se Luísa vencesse, porque a garota tem qualidade. Já quero Matheus trabalhando na confiança e arrasando, porque ele é capaz! Quanto ao arranjo da música, até que ficou bacana para os dois. Nota: 7,5

 seloparabens    selocaiuciscoaqui  SeloInteressante2

[Team Milk] Allice Tirolla vs Joelma Santiago –  Chandelier 

Vencedora: Allice Tirolla / Peguei: Joelma Santiago (Team Lulu)

Clique AQUI para ver a batalha completa

Chandelier em uma versão reggae?? E não foi que funcionou para mostrar o que elas são capazes de fazer vocalmente. Acredito que se fosse no arranjo original ambas mostrariam potências vocais mas não teriam tanto espaço para improvisarem e mostrarem mais delas. Allice é a frontrunner, impossível não ir com ela e Joelma mostrou tanta qualidade, tanta potência na performance que me chamou atenção. Mas se for comparar os recursos vocais de ambas realmente Allice leva vantagem, fora que Allice foi um dos destaques nas audições. Joelma cantou a altura, mas pra mim ganhou Allice. Vitória merecida. Nota: 8,5

Henry – Hmmmm, digamos que eu não sou muito fã da ideia de escutar Sia em reggae, mas vou abrir a mente e apreciar pelas vozes. Joelma começou segura, já Alice ensaiou um melisma decrescente que não foi o mais bonito que já vi (foi TOSCO, na verdade). No refrão, deu pra notar muito bem a diferença Joelma >>>>> Alice em questão de disciplina vocal. As alterações de tom da música original para a versão da batalha também foram mais bem executadas por Joelma. Ao final, Alice parecia nervosa, o que dava pra ver em seus movimentos e numa pequena queda no volume da sua voz. Joelma, porém, permaneceu impecável até o fim. COMASSIM a maldita Claudiabo não a escolheu?! PELA ESSA ÁGUA DE JESUS! Pelo menos respirei melhor graças ao Santo Steal, e agora Joelma é #TeamLulu. TOMA! Nota: 8,0

Lucas – Eu sou daqueles que acham que qualquer mudança, qualquer inovação quando se trata de música é válida, porém não gostei dessa mudança no arranjo da música. Partindo disso, acho que quem incorporou mais a nova roupagem da música e trouxe a favor da sua voz foi Alice, com os falsetes suaves, tudo estava ali. Joelma foi bem, porém apenas bem, não surpreendeu. Acho que se desse uma música MPB pra elas, seria um ahazo! Não precisava dessa mudança, Cláudia. Gostei do steal. Nota: 7,0

 seloprincipiante   selochatiada  SeloInteressante2

[Team Milk] Del Feliz vs Vanessa Macedo – Dia Branco / A Vida do Viajante

Vencedora: Vanessa Macedo

Clique AQUI para ver a batalha completa

Mas gente que lindo o timbre de Vanessa, viajei escutando e quando Del entrou deu uma diferença drástica porque são abordagens bem diferentes. Na segunda música, Del estava bem mais confortável e foi legal, mas não vi nada interessante. Parece que Milk quis facilitar e deu uma música pra cada um e o outro fazia uns backings bem básicos, eu daria uma música para os dois cantarem. Eu escolheria Vanessa também e Del que foi ousar indo com Milk nas audições acabou saindo, não vou entrar na polêmica de experiência não. Mas na batalha foi notório que Vanessa foi bem melhor. Nota: 8,5

Henry – WHAT A SOOONG! Eu amo Dia Branco, e confesso que quase chorei a batalha tooooodinha com a performance desses dois! Incrível como a doçura de Vanessa se entrelaça com a sinceridade da expressão de Del. Quando notei que era um poutpourri, fiquei ainda mais chocado (pro bem). Incrível como houve uma valorização musical na batalha desses dois: Vanessa, por sua capacidade de produzir notas agudas com o mínimo de esforço vocal, e Del, pela perspicácia de conseguir recuperar rapidamente o tom nos momentos em que parece subtonar. Decisão difícil pra Claudemônio (também seria pra mim), mas graças a Deus e amém Vanessa continua, e anotem esse nome viu? Ainda se falará muito dele! Nota: 8,5

Lucas – Vanessa me dividiu no começo, porque tiveram uns deslizes vocais, porém quem liga pra isso quando o timbre entra na alma da forma como o timbre dela entra? Pegou esse início pra si e carregou com muita emoção. Del é um bom cantor, experiente e é mais firme do que Vanessa, porém infelizmente não passa disso. Vanessa mostrou fragilidade, porém uma fragilidade tão linda, que me comoveu e me mostrou que ela pode sim surpreender, basta trabalhar na voz. Quanto à batalha, não foi muito boa, poderia ter rolado um ótimo dueto com uma outra música. Nota: 6,5

 seloitshappening   SeloEmocionada  SeloGente

[Team Brown] Junior Lord vs Maurilio de Oliveira – Carolina 

Vencedor: Junior Lord

Clique AQUI para ver a batalha completa

Morte horrível hein, os dois já começaram errando? Com música de Seu Jorge ainda, homens melhorem, né? Os dois não souberam usar a distância do microfone, foi difícil ver alguma coisa boa nessa batalha. Entretanto Junior estava mais ousado, mais descontraído, começou a música perdido, mas quando ele se achou ele voou na música e brilhou no palco. Maurílio pareceu perdido do início ao fim, não deu. Junior vocalmente estava bem melhor e a vitória foi para ele. Nota: 5,5

Henry – Música fácil, o que proporcionou uma execução O.K. por parte de ambos. Os movimentos estranhos de Junior no começo não condizem muito com o ritmo da canção, mas com o tempo sua linguagem corporal foi evoluindo. Porém, da metade pro final ambos se perderam e a interação caiu a zero. Era REALMENTE uma batalha, mas de quem chamava mais atenção pra compensar as falhas durante a música. Nem me agradou um nem outro. A saída é logo ali, monamú. Nota: 6,0

Lucas – Bora de música boa. Carolina! Escolha difícil porque fica entre a firmeza de um sambista que sabe o que tá fazendo, porém a gente já sabe tudo da sua voz (eu acho, né?!) e entre o Júnior, um timbre mais único, um artista muito promissor, que começou mal a música, acho que até comeu umas palavras, mas que no final alcançou nota que eu não esperava e mostrou personalidade em toda a performance. Eu ficaria com Júnior também, até porque ele é um cantor promissor, que pode explorar seu alcance e melismas bem encaixados. E a batalha? Pegaram uma música ótima e fizeram uma coisa bem ruinzinha, ainda mais quando as duas vozes se juntavam, ficou bem sofrível. Nota: 6,0

  SeloStopDarling  SeloQueBostaFoiEssa  SeloCruzes

[Team Lulu] Jonnatha Lima vs Negra Mary – Lembra de Mim 

Vencedor: Jonnatha Lima 

Clique AQUI para ver a batalha completa

Lembra de Mim <3, que música linda. Jonnatha começou muito bem, parecia bem tranquilo e Negra Mary tava com um tom um pouquinho mais favorável e com isso tava bem vocalmente. Foi uma batalha bem bonita de se ver, os dois se entregaram, os dois tiveram conexão com a música, mas tiveram abordagens bem diferentes. Foi bem disputado, mas meu gosto, a minha preferência seria para Jonnatha e Lulu ainda bem o escolheu. Negra Mary seria um bom peguei no time Michel mas deixa a disputa. Nota: 7,5

Henry – GAFE DA NOITE: Batalha prejudicada, infelizmente, pela produção do programa: o som do acompanhamento estava bem mais alto que os microfones dos cantores (mais alguém percebeu?). Enfim, uma batalha não muito aguardada por mim. Jonnata começou cantando bem baixo, mas logo na segunda estrofe deu uma leve aumentada no volume da voz. Já Mary teve uma pequena falha na desenvoltura no começo de sua parte, parecendo estar nervosa. De resto, não correspondeu às expectativas… mais uma batalha morna. Inclusive, que song choice péssima, viu? Duas palavras pra Lulu: 1. me 2. lhore. Nota: 6,5

Lucas – O timbre dele é maravilhoso, tem uma facilidade pra cantar sensacional. Ela tem uma voz que possui uma classe… passa a mensagem perfeitamente. Ahhh, os dois têm o necessário pra cantar músicas lindas e nos emocionar. Eu ficaria com Jonathan apenas por preferência, porque ele tem um timbre diferenciado. Mas ela também não ficou atrás, foi linda e se passasse também seria perfeito. Batalha linda!!!! Nota: 8,0

 SeloNotBad  SeloMorteHorrivel  selocaiuciscoaqui

[Team Milk] Cantor Xanndy  vs Lorena Ly – Juízo Final 

Vencedora: Lorena Ly / Peguei: Cantor Xanndy (Team Teló)

Clique AQUI para ver a batalha completa

Xanndy começou muito bem mas com notas digamos “estridentes” e Lorena foi tão boa quanto soube dosar melhor sua voz durante a música e não soltou tudo de uma vez como o Xanddy. Mas quando a harmonia começou ficou meio estranho. E mesmo Xanndy cantando melhor, Lorena vence. Com o peguei de Teló teremos a partir de agora um mata a mata. Nota: 6,5

Henry – Nossa, como eu ODEIO esse agudo nasalado de Xanddy! QUAL A NECESSIDADE DISSO? Meu Deus, foi toda uma primeira parte só dele pra gente sentir a cagada bem de pertinho, na ponta do nariz? Deuzuláivry, afemaráia. Lorena, thanks God, entrou salvando a música. Nenhum afeto especial por Lorena, mas ela SIM trouxe o que a música pedia. Aliás, ótima songchoice, mas que pena ter sido prejudicada pela péssima execução de Xanddy – que até agora não entendo como foi “digno” do steal de Teló. Eita batalha sem sal, visse? Nota: 5,5

Lucas – Eita que concordo com Lulu. A música poderia ter sido performada de outra forma, pra gente entender melhor o significado dela. Xanndy segurou bem na maioria das vezes. Tiveram uns erros, principalmente no final, mas, ela… É a aquela cantora que tá bem em todas as partes, consegue ficar na afinação e possui um diferencial que junto ao MPB, pode estar a seu favor. Porém, como disse, no final não foi legal. Nota: 6,0

 SeloNaoDeu   SeloDeusMeLeva   SeloCruzes

[Team Teló] Eduardo Camiletti vs Mali – Aquele 1%

Vencedora: Mali

Clique AQUI para ver a batalha completa

Arranjo foda, música sertaneja com guitarra, batidas de rock, versatilidade reinou nessa batalha. Sem dúvidas Mali foi o destaque dessa batalha, não só por ser uma música cantada por homens, mas ela estava muito bem no palco, tava bem desenvolta e isso ajudou muito para a vitória dela. Eduardo também estava bem, mas senti ele meio diferente (não só por tirar a barba), parecia estar meio que preocupado a parecia que estava prestando atenção nas reações dos jurados, sei lá. Vitória merecida de Mali e Eduardo se despede por ser um mata a mata, já que todos os pegueis já foram usados. Nota: 8,0

Henry – ESSA MÚSICA <33334567 incrível como eu consegui me sentir aos pés do palco nessa batalha, literalmente. Tô aqui digitando com os pés porque tô segurando o cabelo com as mãos e batendo LOU-CA-MEN-TE! Agora, assim né, batalha mais acirrada da noite. Mali tem uma entrada extremamente pontual em suas partes, o que enriquece a execução da canção. Além disso, conseguiu adaptar bem a música (conhecidamente masculina) para sua voz, sendo impecável do começo ao fim. Já Eduardo tem uma presença de palco digna de um artista já formado, que realmente têm experiência no que está fazendo, além do fôlego invejável para a ascensão vocal nos refrões. Teló deu umas gaguejadas que fizeram notar seu desespero – e eu também estaria. Muito feliz por Mali, mas também sentirei muitas saudades de Eduardo. QUE BATALHA! Nota: 9,5

Lucas – Teló fazendo o Adam e tocando bateria nos ensaios haha. Não gosto dessa música, por motivos de que acho a letra ofensiva sim! Não consigo ouvi-la e ignorar esse fato, mas enfim. Foi uma batalha beeem equilibrada. Pela batalha não dá pra dizer que um foi melhor que o outro, mas eu ficaria com Mali, pois vejo mais personalidade e quero ela cantando funk de novo. Bora e vem de Valesca na próxima Mali! Hehe 7,5

   SeloAmei  SeloPisouDeSalto15  SeloInteressante2

[Team Brown] Larissa Mello vs Agnes Jamille – Caçador de Mim 

Vencedora: Agnes Jamille

Clique AQUI para ver a batalha completa

Um embate bem disputado. Pra mim deu empate, foram bem semelhantes e emocionaram bastante. Cada uma teve seu momento na música e acho que Agnes me chamou mais atenção. Foi uma dificuldade decidir a melhor nessa batalha porque ambas foram bem semelhantes e cantaram muito, mas escolheria Agnes. Nota: 8,5

Henry – Ai, Caçador de Mim… mais uma música TÃO suspeita pra mim. Agnes começou com uma doçura inigualável, que foi acompanhada por Larissa, e é incrível como a linguagem corporal suave e contida de ambas traça cada nota da música de maneira singular. Essa batalha foi, de longe, um show de interpretação se comparada com TODAS as outras da temporada (isso mesmo, meusa migos). Agnes teve umas firulas muito espertas no final de cada verso da segunda parte. Já Larissa se destacou pela ascensão de timbre nos mesmos momentos. Majestosamente, ambas mereceram seu lugar naquele palco. Infelizmente, só Agnes ficou, mas o que me deixou feliz foi a oportunidade dada por Claudianjo com o convite para cantar em seu show. Agora me vem a pergunta: POR QUE SATANAZES as melhores batalhas estão rolando logo quando tem mais steal? Só duplas em que ambos merecem ficar, isso me seca demais. Eu vou passar mal, viu? Nota: 9,0

Lucas – Agnes começou super bem, uma suavidade na voz que é importante pra apresentação. Porém, Larissa tem um timbre mais diferenciado e quando começou a cantar, ficou claro que ela pode mais (ah, ela cantando Maria Rita…). As duas vieram perfeitas. Eu não tenho noção de quem escolher, pois não queria perder nenhuma das duas. Batalha linda! Indignado que Teló usou um steal à toa. Nota: 10

  SeloBrilhou   SeloMeAbanaSeloArrasouViado

[Team Milk] Nikki vs Bela Schneider – Satisfaction

Vencedora: Nikki

Clique AQUI para ver a batalha completa

Abordagens diferentes de novo. Nikki veio com uma versão mais sexy e Bela veio com uma abordagem mais rock, mais forte. Entre as duas eu senti uma identificação mais forte na música com Nikki (parece que ela virou o jogo legal porque eu odiei que ela virou as 4 cadeiras no primeiro dia das audições), Bela mostrou se preocupar mais com a voz do que qualquer outra coisa na performance e Nikki foi mais performática, soube o que estava fazendo tanto no palco como no vocal. Decisão bem difícil mas iria com Nikki por mais que Bela cantasse muito também Nota: 6,5

Henry – De início, queria ter visto a cara de Nikki quando Bella repetiu o mesmo verso inicial logo depois dela de uma maneira BEM melhor. Deu pra ver claramente a intenção de Claudialoka em salvar Bella desde a songchoice. Nikki, mesmo com toda a desenvoltura no palco, JAMAIS conseguiria superar Bella numa música que seria sua praia. A pegada folk com um misto de grunge trazida por Bella superou a explosão expressiva de Nikki de longe. Uma batalha muito boa, mas sem nenhum highlight – todos os olhares voltados para Bella, que já se sabia facilmente que continuaria no programa. Então, POR QUE LUCIFERES essa maldita Claudesgraça salvou Nikki?! EU NÃO ACEITO e não tô nem aí se não vai doer menos, mas vou te contar, que inferno de aff que coisa maldita credo ódio raiva demais. Nota: 7,0

Lucas – Primeiro que Claudinha ao escolher a música, foi feliz no arranjo. A Bella é uma boa cantora, deu conta da música, apesar de ter tido uma falha no final, eu acho superinteressante como sua voz alta é projetada, com um timbre meio nasalado, que dá pra encaixar em várias músicas. Nikki foi maravilhosa, usou dos recursos que tem, tem mais personalidade e eu até então gostava mais de Bella. E agora, o que eu faria? Pensaria bastante e no final pensaria na presença de palco, na ousadia que Nikki colocou na música. Discordo com Lulu quando ele diz sobre ter sido demais, pelo contrário, acho que o exagero funcionou nessa batalha e nessa versão de um clássico. Dentro os erros e os improvisos, foi uma batalha aceitável, porém abaixo do que as duas cantoras podem fazer. Nota: 7,5

 SeloSuperInteressante   SeloMerdaEhEssa   SeloInteressante2

[Team Brown] Nando Vianna vs Rafael Dias – Onde você mora?

Vencedor: Nando Vianna

Clique AQUI para ver a batalha completa

Boring define essa batalha. Uma música que eu já to cansado de conhecer, cansado de ver e os cantores não ajudaram muito, notava se fácil que não era a onda deles mas faziam o possível pra segurar a onda e avançar na competição. Apenas no final da apresentação que teve algo que os destacassem. Mas no geral foi bem chato Nota: 6,5

Henry – sabe aquela songchoice clichê, de músicas clichês, de banda clichê? No que resulta? Numa batalha clichê. Nando teve pequenos destaques pela sua afinação MUITO treinada, e Rafael por sua vez não cumpriu 100% o requisito, mas mostrou uma alegria é uma sensibilidade de bom gosto à emoção pedida pela música. Como já era de se imaginar, rolou uma bridge ao final da música – cli che guevara. Entendi perfeitamente o pedido de Lulu: “Posso ver de novo o número?” Exato, entendi mesmo o que ele quis dizer, porque nenhum dos dois foi muito bom ou muito ruim. Coisistranha, né? No mais, parabéns, Nando. Nota: 7,0

Lucas – Nossa, Rafael começou muito bem. Acho que a música ficou bem mais a sua cara e ficou ótima pra voz dele. O que eu continuo achando é que falta personalidade nele como artista. Já Nando, mostrou que pode ser um ótimo cantor soul pra temporada. Já quero ele encaixando melismas, falsetes e firulas numa ótima música haha. Fiquei bem dividido, pois foi uma boa batalha, mas acho que no final ficaria com Rafael. Nota: 8,0

  selonaosouobrigado  selonaosouobrigado  seloatequefoibem

Depois desse dia de batalhas o The Voice Brasil terá uma nova fase depois das batalhas (o que eu acho desnecessário porque os nocautes funcionariam muito mais, entretanto, eu entendo porque eles correm com a temporada. Essa nova fase se chama Rodada de Fogo, mas a ideia é bem parecida com o Passe Livre que aconteceu no The Voice Austrália, os 8 representantes de cada time cantarão (eu acho porque estou vendo essa fase no site do gshow e especulando aqui com vocês) e os técnicos escolherão os 4 representantes de seus times para ir à fase ao vivo. Então gente o que vocês acharam do último dia de batalhas? Comentários, sugestões e críticas são muito bem-vindas e serão respondidas, pode demorar, mas eu respondo kkk. É isso gente então um abraço a todos e até breve.

valber

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Valber

19 anos, atrapalhado, distraído e começando agora (Não tem paciência, a saída e logo alí). Aqui comentarei todo tipo de reality musical em especial The X Factor, The Voice e Superstar. E como diz uma grande pensadora atual “Quem não gostar do que eu falo, me dá um tiro na cara!”


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu