Posts Populares

The Voice Brasil – S06E12 – Remix

Vamos nos reunir aqui junto com um grupo de dez produtores e decidir o que vamos criar pro The Voice Brasil… “Voz de fundo grita – FASE REMIX” e assim foi feita. 

Olá pessoal, estou de volta para o The Voice Brasil depois de algum tempo sem dar as caras por aqui. Fui o sorteado da vez para falar sobre essa fase muito bem elaborada que todos, inclusive os jurados, entendem perfeitamente (este trecho contém alta dose de ironia). Para os comentários de hoje, contarei com a ajuda dos nossos leitores Mateus e Pedro. Então vão bora que hoje quero ver quem fará a Claudia e entregará o campeão de mão beijada pro coleguinha.

Carol Biazin – Here

Clique aqui para assistir a apresentação

Onde tem Carol eu estou gente! Ela pegou uma das minhas músicas favoritas da minha rainha Alessia e surpreendeu muito, sem perder o folego e com um inglês impecável. Eu achei que a música não combinou tanto com a voz dela, mas de toda forma Carol fez um ótimo trabalho, e se mostra uma das melhores dessa competição. A interpretação dela é poderosa e foi bem convincente e além disso, como eu disse, apesar de achar que a música não combinou muito com a voz dela, ela possuiu um tom agressivo muito maravilhoso. Uns rocks aí combinaria muito com ela, ou algo mais a cara de Telescope. Pisa menos Carol <3 (Ivete apertou o botão)

Pedro: Confesso que não conhecia a musica, fui dar uma corridinha pra pesquisar mas cara, Carol é minha favorita disparada, ela sempre sabe usar os artifícios da voz, aqueles melismas, o drive, e interpretando a música do seu jeito, com sua identidade. É, eu queria ver ela vindo com um countryzao caipira novamente mas esse estilo é impecável.

Mateus: Como sempre com Carol sabe escolher suas songchoices muito bem, a música é muito boa, e ela soube usar o que ela tem pra fazer uma das melhoras apresentações do dia. Carol além do vozeirão que ela tem, ela tem muita presença de palco e mostrou nessa apresentação. Ela mostrou porque pode ser uma das finalista e quem sabe até vencedora dessa edição

Day – Na Sua Estante

Clique aqui para assistir a apresentação

AAAA que hino de música <3 Day é muito versátil, e além disso tem uma voz muito linda, mas acho que a música não contribuiu muito para ela explorar vocais e a performance em si. Acabou ficando um pouco linear, e somente aquela entrada na música foi mais forte. Tenho certeza que Day pode fazer bem mais, alias, ela já provou que pode, então torço para que ela continue na competição.

Pedro: Sonho de príncipe que Lulu roubasse ela de novo logo no começo, e ela vem com rock hoje que eu gosto muito. Ela vem de uma evolução notável o programa todo, passeando pelos estilos. Vejo gente criticando a linda por não encher de gritos as musicas mas esse jeito contido, meio no grave e arriscando na voz de peito é exatamente o que a destaca. Já pode ir pra final com Biazin.

Mateus: Day já escolheu uma música bem difícil, que é uma das melhores músicas da Pitty, e colocou sua personalidade nessa apresentação e cantou muito bem. Teve um momento que eu pensei que ela tinha esquecido a música pois teve uma leve pausa, mas ela veio com tudo logo eu seguida, mandou bem demais

Imagem inline 2

Juliano Barreto – Noite do Prazer

Clique aqui para assistir a apresentação

Ele tem um vozeirão danado, e um carisma que cativa, mas algo nele me incomoda… Eu acho que ele deveria cantar algo em inglês de novo assim como na sua audição, agora qual música aí eu já não sei dizer hahahaha. O estilo de Juliano eu tenho pouco conhecimento, mas pela voz dele, eu acharia tudo ver ele cantando algo tipo “Rise Like a Phoenix”.

Pedro: Achei que seria um forte candidato nas audições mas sua única apresentação que curti foi ela. Ele tem uma voz bela, isso é óbvio, mas sempre parece que faz a mesma apresentação o tempo todo, não tem muito o que declarar aqui além disso, mais do mesmo.

Mateus: Que o Juliano tem uma grande e ótima voz ele tem isso não é dúvida, mas nas últimas apresentações eu vejo ele fazendo sempre o mesmo, e não mostrando algo a mais, eu vejo potencial nele, mas ele não está mostrando nuances diferentes, é sempre a mesma coisa para mim.

Imagem inline 3

Samantha Ayara – Ovelha Negra

Clique aqui para assistir a apresentação

Gente, gostei não, me desculpem. A voz dela é poderosa, mas acho estridente demais, e ela ainda usa muitos agudos o que acaba deixando tudo muito irritante para mim. Tinha tudo pra arrasar com essa escolha de música, mas sinceramente foi bem desgastante. A surpresa veio depois da apresentação, já que Teló e Brown apertaram o botão para ela. (Teló apertou o botão)

Pedro: É bom ver que ela foi perdendo a timidez no palco ao longo do programa, hoje investindo num lance mais teatral pra música que eu amo mas não sei se ficou tão grande quando deveria. A garota canta muito, isso é fato, se tivesse menos caras e bocas e mais  um feeling, daria um combo mais interessante. No geral, foi uma apresentação impecável, mas porens né, porens…

Mateus: Samantha pra mim é uma das melhores desse ano. A songchoice foi muito bem acertada, ela tem esse estilo rock que se encaixou muito com ela, ela cantou tudo na medida, e os agudos foram na hora certa, pois a música dá espaço para ela brilhar muito, e foi isso com ela fez sem dó. Ela e Carol são minha favoritas e torço muito para chegarem na final, pois ambas são muito talentosas e merecem, e essa apresentação só mostrou que ela merece muito ser finalista.

Imagem inline 4

Tiago Velame – Best Of You

Clique aqui para assistir a apresentação

Fiquei bem dividido. Música arriscadíssima, por que como bem sabemos, os vocais exigidos são absurdos né? Mesmo que para mim Tiago não atingiu a demanda exigida pela música, ela cantou bem, e principalmente mostrou uma atitude conivente com a canção. A interpretação foi para mim a melhor do time da Ivete, e por isso gostaria de vê-lo indo para semi final.

Pedro: Finalmente mesmo tivemos essa música aqui! Eu passei a gostar mais do Tiago quando passou a investir no rock que é sua onda, aqui ele me passou toda a energia que eu queria ver,  os vocais limpos e com um inglês bom, além de ter os fatores para ser finalista ou até campeão.

Mateus: PRIMEIRAMENTE QUE MÚSICA BOA PRA CARAMBA. Segundo Tiago mostra que mereceu chegar nessa fase pois tem muito talento, e sabe bem o que fazer com a voz e tem presença de palco e usa isso a seu favor. Com a competição forte do jeito que tá, ele deu seu melhor nessa apresentação e deu pra perceber.

Imagem inline 7

Alysson & Adysson – Mercedita

Clique aqui para assistir a apresentação

Oh, foi uma boa apresentação. Os dois tem uma ótima sincronia, e as harmonizações funcionaram muito bem. Eu particularmente não curto em nada esse tipo de música, pelo contrário, tenho até um certo ranço, mas estou tentando deixar isso de lado para avaliar melhor. Enfim, foi uma boa apresentação, sonolenta, mas foi.

Pedro: E a dupla que vimos na audição retornou!!! Eles não estão nos meus favoritos, mas isso foi obviamente mais a praia deles, estavam com harmonia gostosinha de ouvir e o entrosamento que eles sempre tem. Não tenho como me estender aqui porque não é meu estilo mais amado mas eles fizeram um bom trabalho.

Mateus: Nas Audições eu senti algo diferentes neles, mas nas outras apresentações eu vi mais do mesmo que vejos nas duplas sertanejas de hoje em dia, talentosos são mas não vejo o diferencial para fazerem sucesso hoje em dia. 

Imagem inline 5

Douglas Alessi – Mesmo Sem Estar

Clique aqui para assistir a apresentação

Gente, que coisa fora do tom sos… Não posso dizer que foi desafinado, mas que ele não estava no tom isso é fato. A voz dele estava fraca e pelo que estou vendo das reviews dos companheiros, ele só está decaindo na competição. Enfim, fiquei bem desapontado com Douglas, achei que ele arrasaria fácil. 

Pedro: Ih Doug, faz as pazes com quem te oferece essas músicas man, ele estava claramente desconfortável com o tom baixo do início ou com a musicalidade ali. Nas partes mais agudas pude ver a parte mais brilhante da voz dele, ponto positivo, mas alguma coisa ali não funcionou. 

Mateus: Essa apresentação foi a que eu menos gostei do Douglas na competição, ele apostou no lado romântico, a voz ficou linda na música, mas eu senti falta de algo, ele tem muito talento, mas ficou devendo nessa apresentação.

Imagem inline 8

Sérgio Dalcin – Coração Sertanejo

Clique aqui para assistir a apresentação

Um sapão desses bicho! Achei que ele foi um pouco melhor que Douglas, mas ainda assim beeeem abaixo do esperado. Muitas falhas, e uma música/voz totalmente linear. Aqui nesse programa é tudo 8 ou 80, ou linear demais, ou exagerado demais, nunca vi isso viu. 

Pedro: Ele tem um Q de Daniel assim, mas gente, ele já foi longe até demais nesse programa, tanta gente que poderia estar ali. Timbre bonito mas mal aproveitamento das nuances, sem arriscar, nada a declarar. Next.

Mateus: O Sérgio pra mim sofre do mesmo mal do Juliano, pra mim sempre parece que faz a mesma apresentação toda a semana, só muda a música, mas não inova e tenta algo novo, e com isso fica morno. 

Imagem inline 9

Gab Ferreira – Não Me Deixe Só

Clique aqui para assistir a apresentação

Gab’s é maravilhosa, mas achei essa apresentação a sua mais fraca até agora. Não sei se foi a escolha da música, ou seu desempenho em si, pois a respiração dela estava bem afetada, mas algo ali não deu certo. De toda forma, Gab tem um enorme potencial, e já passou da hora de termos alguém como ela na final desse programa, pois toda temporada aparece uma diva do samba maravilhosa, mas nunca chega na final, na verdade tivemos só uma na primeira temporada… Saudades Ju Moraes.

Pedro: Gab esbanja brasilidade, é inegável sua paixão por seu estilo que ela abraça tanto. Vocalmente ela pode ser um pouco limitada mas ela samba, dança e entrete, isso é um fato óbvio mas… É, não muito o que dizer. 

Mateus: Gab trouxe uma das minhas músicas favoritas da Vanessa da Mata, como sempre trouxe presença de palco e personalidade pro palco e mostrou que é uma artista pronta pro sucesso, usou a voz nos momentos certos em cada parte da canção e mostra porque chegou até aqui nesse momento. 

Imagem inline 10

Vinicius D’Black – Human Nature

Clique aqui para assistir a apresentação

Gente kkk desculpa mas eu achei muuuuuuito brega! Esses closes dele acabam me irritando, não gosto de interpretações que soam genéricas e forçadas assim. Mas de qualquer forma, o cara é super aplaudido cantando seja o que for né? Pelo menos dessa vez ele escolheu um hino do MJ. (Brown apertou o botão)

Pedro: (Os trejeitos dele me fazem lembrar do Austin Moon hihihi). Gente, eu não sei o que tanto vêem no Vini, não sei se é seu estilo, a voz ou as desafinadas no meio da canção mas não me familiarizo com ele, focando tanto na dança e deixando o vocal de lado. Espero que melhore e mostre mais do que pode fazer na semi.

Mateus: Pra mim ele acabou focando mais na dança no que na voz, claro ele quis mostrar que é um performancer muito bom, mas a programa se chama The Voice, e o principal é a voz, e ele tem uma voz boa, mas nessa música ele se preocupou demais com a dança, não gostei daquelas paradas só pra dançar. 

 

Imagem inline 11

Alinne Alves – Azul

Clique aqui para assistir a apresentação

Achei a escolha da música muito (???), mas tirando isso ela mandou bem nos vocais e na sua postura no palco. Isso sim é uma interpretação natural, sem parecer um espetáculo. Não sei se Alinne tem o perfil de que pode chegar na final dessa competição, mas quem sabe ela pode surpreender né? Só acho difícil que nesse formato péssimo de programa é muito raro de ver isso acontecer, mas quem sabe.

Pedro: Galera gosta do som do Djavan, né? Alinne e Juliano tem estilos parecidos de musica mas eu ainda prefiro ela, seu tom me agrada demais, seu trejeito, sua extensão e não ter medo de arriscar a fazem única. Tecnicamente falando é uma das melhores do Top 12,  ela brinca com o que canta s2

Mateus: Alinne trouxe energia para o palco e voz, a presença dela junto a voz encheu o palco com tudo de bom, eu acredito que a música foi bem escolhida, e permitiu que ela pudesse brincar com a voz e se divertisse no palco e mandasse muito bem, mas numa noite com tanta gente boa acho que foi um bom jeito de fechar sua participação no programa. 

Imagem inline 12

Mariana Coelho – Diamonds

Clique aqui para assistir a apresentação

Gente não! Não vou me estender muito aqui, então vou logo dizer que não gostei, achei esses runs dela totalmente desnecessários e estridentes. Umas notas avulsas e interpretação zero. Segunda vez na semana que vejo alguém acabar com minha Diamonds… Não está sendo fácil. (Lulu apertou o botão)

Pedro: Aquele melisma de diva no começo já me derrubou, Mari faz de ouro tudo o que canta, sua rouquidão e sua conexão são incomparáveis. Senti um pouco de nervosismo a mais nela por ser a ultima mas fez jus à canção da RiRi e tem tudo o que é preciso pra ganhar.

Mateus: Mariana mostra para Shi’Ann como se faz rs, essa jovem foi corajosa de trazer uma música tão grande mas que combinasse tão bem com sua voz, eu me surpreendi com essa potência que a Mariana trouxe, ela veio com toda a força e garra para mostrar porque merecia estar nessa semifinal e conseguiu isso com muito êxito 

Imagem inline 13

E chegou a hora dos jurados completarem os seus times. Começando por Ivete, que ganhou a batalha dos técnicos, ela terá que escolher uma entre as oito vozes para completar seu time. E a escolha para completar o time de Ivete foi Juliano Barreto. Achei que tinham escolhas melhores, mas ok né, vamos ver o que Veveta fará com ele.

Sem muita surpresa, Teló que foi o segundo colocado na batalha dos técnicos, decide avançar com a dupla Adysson & Alysson. É a praia do Teló, então não teve muita surpresa. 

Dando a vez para Brown, depois de seu breve discurso, ele decide continuar com Gab e prioriza seu time. Tinha gente ali que para mim é melhor que os três escolhidos, mas assim como Teló, Brown fez uma escolha bem confortável para ele.

Por fim, Lulu fez a melhor escolha (você quer @outrostecnicos?) das quatro, e recupera nossa querida Day. Só arrasa mulher! 

Com essa confusão que é esse programa, na próxima semana já chegamos nas semi finais. Aí The Voice Brasil, não entendo por que você continua com esse formato terrível, nas primeiras temporadas pelo menos a gente tinha apresentações completas, agora parece sempre a mesma coisa toda rodada, com performances curtas, pouco produzidas e sem graça… Está cada vez mais difícil acompanhar isso viu. Enfim, deixem aí nos comentários suas opiniões sobre o episódio e o programa em si. Nos vemos na final migos, até lá 😉 

Créditos das imagens: Reality Social

gostou da matéria? deixe um comentário!

  • Marcia Campos

    O que esperar de um programa dirigido pelo Boninho?

  • Leo

    É triste ver a Globo jogando um formato tão bom no lixo. Muitos defendem que o formato está desgastado, outros culpam os técnicos ou até o nível dos participantes. O que de fato acontece é que a produção só faz escolhas erradas. Quantas fases aleatórias sem sentido que não agregam em nada. Nem mais o palco eles estão tendo o trabalho de mudar.
    Um sonho seria ver um Top 12, uma competição que envolvesse todos os participantes e o público pudesse acompanhar a evolução de cada um. Chega dessa ideia de cada técnico com um representante na final, ninguém quer essa igualdade nos times.

    • Ricardo

      Nossa SIMMMM! Falou tudo o que eu penso

Ricardo Souza

Tem gente que diz que sou um amorzinho, eu digo que sou um trouxa. Viciado em maratonar séries e ficar na bad depois de assistir tudo em um dia. Amo muito música indie, quando quiser me chamar pra ouvir Florence já sabe onde procurar. Mineiro do interior que não puxa o ‘r’ quando fala, mas adora um pão de queijo.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu