Panela de Séries » Arquivos The Voice Of Holland - S08E07 - The Blind Auditions 07 - Panela de Séries

Posts Populares

The Voice Of Holland – S08E07 – The Blind Auditions 07

Fim das Blind Auditions, times completos, top 59!

Pessoal, estou de volta com mais uma review do TVOH. Chegamos até que fim ao nosso último episódio de Blind Auditions, com os times bastante cheios formando já 48 artistas ao total, porém não satisfeita a produção vai acrescentar ainda mais competidores para essa primeira fase do reality. Os times estão bem equilibrados com alguns favoritos em cada um deles, caso nenhum coach cometa alguma burrice ou nenhum act favorito nos decepcione, essa temporada nos promete um top 12 muito digno para os lives.

Nesse fim de Blind Auditions os times finalmente foram completados e diferente do que eu pensava, ainda assim teve alguns competidores que conseguiram me agradar bastante e me fazer querer ver mais deles. Os coaches em especial nesses últimos episódios, tem feitos boas escolhas para os seus times com acts cheio de potencial para evoluir nas fases seguintes. O sétimo episódio contou com 12 novos competidores lutando pelas últimas vagas para as Battles. Para me ajudar com os comentários desse episódio, dessa vez contarei com a presença dos amigos Ives e Roddie, ambos já deram as caras aqui nas reviews e uma vez ou outra estão aqui me ajudando, agradeço sempre a disposição de vocês com as reviews aqui. Agora vamos logo conferir o fim das audições que demorou mas chegou, amém produção!

[Team Ali B] Karlyn – “Mercy” by Shawn Mendes

Michel: Acredito que nunca tinha ouvido essa música numa voz feminina, a versão feminina eu gostei um pouco, em vista que não sou tão fã da música. A Karlyn tem uma voz suave e bem característica do pop, achei que fez a escolha certa da música que não exigiu tanto dos seus vocais e permitiu que ela fizesse uma audição animadinha e agradável de se ouvir. Acredito que sua audição foi satisfatória, porém ainda não me cativou totalmente, ficou faltando algo mais nessa performance que fugisse de uma audição apenas boa como a que fez e que não se destaca diante de outras várias que já vimos nessa temporada. #2Chairs

Ives: Entra no grupo de músicas que só devem ser cantadas por homem, porquê? Pelo fato do timbre, tudo bem que o Shawn Mendes não tem o tom confortável no grave, porém nessa música ele utiliza bastante para criar uma história cantando, começando suave no grave, para depois explodir e em tons femininos não fica tão natural e acaba ficando sem graça, como foi essa apresentação inteira, fiquei esperando a hora que ela usasse um rasgado, mas ela me pareceu com bastante medo de se arriscar.

Roddie:  Logo nas primeiras notas, percebi que Karlyn era uma candidata boa. Senti falta de umas high notes, mas não é como se Shawn Mendes permitisse você explorar muito uma melodia. Eu ainda acho que ela entregou uns 60% do que ela realmente pode fazer, pois com um timbre lindo desses, confiança e presença de palco, Karlyn pode surpreender.

[Team Sanne] Florens Eykemans – “Human” by Rag’N’Bone Man

Michel: Essa música é uma das minhas favoritas, então sou muito exigente quando alguém canta ela por aí. A performance de Florens já começou me decepcionando nos graves que ficou faltando força, quando chegou no refrão me decepcionou ainda mais, ficou algo muito linear e sem vida, principalmente numa música tão forte com essa. Sinceramente não gostei de nada nessa performance, ficou muito linear sua performance, bem diferente da energia da música original. Avaliando ele apenas por sua voz, ele até que tem um timbre legal, genérico e limitado sim, mas o tipo de timbre agradável, porém essa versão de Human não rolou não, achei a pior que já ouvir. #1Chair

Ives: Então, eu não achei ruim e também não achei a canção errada, o problema foi as modificações que ele fez na música para se encaixar no seu estilo, para mostrar sua potência vocal, ele tirou todo swag de música, swag que era garantido pela forma como a música era conduzida, mas ao trocar a melodia de palavras e prolongar notas, a graça da música foi se acabando.

Roddie: Vou ser rápido aqui, Florens é aquele famoso tipo do timbre normal, performance correta, nada de novo ou empolgante.

Donna Senders – Don’t Dream It’s Over

Michel: Eu amei a escolha da música, a Donna tem um timbre muito fofo e ela tem um carisma enorme, tava curtindo sua performance mais intimista, apesar de todo o nervosismo dela. O problema é que ela deu uma desafinada feia no meio de sua apresentação, assim ficou difícil de defender. Infelizmente uma desafinação tão evidente como foi a dela é um erro que não pode deixar passar, principalmente quando restam as últimas vagas nos times. Uma boa candidata, porém precisa amadurecer mais a sua voz e controlar seu nervosismo. #Eliminada

[Team Sanne] Richelle van Ling – “Alles Is Liefde”by Bløf

Michel: Foi uma performance muito comunzinha, sem nenhum destaque ou algo que nos faça nos sentir cativados por sua performance. Não sei se o problema foi a música que possa ter limitado a Richelle ou se realmente esse é o melhor da candidata, mas julgando por sua performance nas audições, não tenho boas expectativas para ela nas próximas fases. Não sei o que deu a Sanne, porém acho que ela só queria aumentar a quantidade no time, porque ela tem virado a cadeira pra uns acts bem dispensáveis. #1Chair

Ives: Mesmo caso do Florens, senão pior pelo fato de ter sido uma performance ainda mais vazia e 0 de empolgante. Foi como dirigir no piloto automático, não tem graça nenhuma.

Roddie: Eu não sei julgar em uma língua que não conheço. Eu, tá é achei legal, mas … Não viraria.

Demi Thomassen – “One Call Away” by Charlie Puth

Michel: Que audição legal, gostei que ela escolheu uma música não tão conhecida e deu todo um toque feminino pra canção que me agradou bastante. A Demi tem aquele tipo de voz que associamos ao pop e super comercial, na sua apresentação vocalmente ela foi bem e mostrou ser uma candidata interessante pra competição, apesar do nervosismo que atrapalhou um pouco sua performance. Infelizmente ninguém virou a cadeira, uma pena porque curti bastante ela e tenho certeza que ela foi muito melhor que outros que conseguiram avançar pra próxima etapa. #Eliminada

[Team Ali B] Ronald Klungel – “Scars To Your Beautiful” by Alessia Cara

Michel: Que hino de música, já começou mandando bem já na songchoice. Eu amei o timbre dele, tem uma ótima afinação e conseguiu imprimir bem pra mim toda a mensagem da música. Foi o primeira versão masculina da música e confesso que tinha ficado com um pé atrás antes de assistir sua performance, mas achei que ele conseguiu suprir bem minhas expectativas. A única coisa que sentir falta foi mais força no refrão, talvez sua performance foi um pouco suave demais, principalmente já no fim da música quando a banda ficou mais alta, acabou o ofuscando um pouco. Tirando isso, achei que ele fez uma ótima audição e um bom nome masculino para a competição. #2Chairs

Ives: Homens brancos padrões não podem cantar essa música, paz.

Roddie:  Ronald é outro que não me conquistou totalmente, mas que claramente tem potencial. Ele estava conectado com a letra e apresentou várias nuances interessantes em sua voz como a quebra do início e o falsete do final. Não acho que ele vá muito longe, mas foi bom o bastante pra merecer passar pra próxima fase.

[Team Anouk] Noor Akarriou – “One More Night” by Maroon 5

Michel: Ahhhhhhhhh Maroon 5 <3. Inicialmente eu até gostei da escolha mais ousada dela, porém a execução ficou bem longe de algo que fizesse jus a música. Um dos seus maiores problemas foi a respiração que faltou em alguns trechos, até porque essa é uma música muito ritmada, com um marcação de ritmo muito acelerada. Outro grande problema em sua performance foi a questão da afinação que oscilou bastante, em especial nas transições entre as notas mais graves e mais altas, algumas soaram bem bruscas e desafinadas. Mesmo com tantos erros técnicos em sua performance, eu me simpatizei muito com a garota, gostei de algumas características em sua voz, acredito que bem trabalhada ela vingue na competição. #1Chair 

Ives: Tem que ter coragem para virar para ela, desafinou horrores, sem sal e controlar a respiração não existe para ela.

Roddie: Achei meio ruim a songchoice, e a performance de Noor também não me ajudou muito a gostar dela não. Ela me pareceu muito travada e deu uma desafinada bem feia perto do final. Até conseguiu se soltar um pouquinho depois que Anouk virou mas é claramente bem verdinha e deve vazar nas batalhas.

[Team Waylon] Rowan du Chatenier – “Arms Of A Woman” by Amos Lee

Michel: Se tem uma coisa que amo são artistas assim com um belo timbre cantando numa versão mais acústica, mais puxada para o estilo folk. O Rowan tem um timbre muito bonito, mostrou ser também um excelente instrumentista e a sua intro apenas no violão foi uma grande sacada na música, que aliás foi a parte da sua performance que gostei. Se eu fosse ele, teria feito a apresentação inteira no violão, porque valorizou muito mais sua voz e criou um clima intimista bem agradável, porém com a entrada da banda ele continuou mandando bem nos vocais e fez uma bela interpretação. #2Chairs

Roddie: Famoso WGWG hahah. Ele até que não foi morno como eu esperava e fez um bom trabalho vocal, além de interpretar bem a música. Não é alguém que eu torceria, mas achei bom e mereceu as cadeiras viradas.

 

Oes – “Despacito (Versão Holandesa)” by Daddy Yankee & Luis Fonsi

Michel: Não sei vocês, mas sendo bem sincero, eu não aguento mais ouvir Despacito hahaha. A música tem uma batida legal, mas está tão batida que precisa de um tempo para sair da minha cabeça. Então, mesmo que a Oes resolveu cantar numa versão holandesa da música, esse tipo de música está longe de ser ideal para uma audição, porque não mostra o potencial vocal do candidato, o grande charme da música é a batida da música mais latina e dançante. Foi uma péssima escolha de songchoice e que não a ajudou em nada. #Eliminada

[Team Sanne] Kira Dekker – “Family Portrait” by P!nk

Michel: Caralho eu gostei tanto dessa garota, fez uma excelente escolha de música, mandou muito bem na atitude e na sua presença de palco. Vocalmente eu acho que ela precisa amadurecer mais sua voz, arriscando notas mais altas e mostrando mais de técnicas vocais, coisa que pode ser muito bem desenvolvida nela se a coach conseguir fazer um bom trabalho com ela. Ela é uma ótima competidora, tem muito carisma, mostrou ser um act com muita atitude e confiança no palco, agora só esperar que ela possa evoluir nas próximas fases, porque potencial claramente ela tem. #3Chairs

Ives: Que princesa mais linda, acertou na música, no entusiasmo, nos vocais, amei muito essa fada. Essa música da P!nk é um hino e amei como ela pegou essa música e a transformou no seu estilo ( Aqui funcionou, dá vontade né @Floreans?) e pela primeira vez na vida curti esse estilo de cantar meio choroso.

Roddie: Me incomodou um pouco como Kira se desconectou totalmente da música depois que os coaches viraram, mas ela tem uma voz interessante e vejo porque os coaches viraram pra ela. De novo, não é o tipo que eu torceria mas mereceu passar.

Niels Hereijgers – “Love Me Again” by John Newman

Michel: Niels tem uma voz legal, escolheu uma música legal e sua performance foi legal, talvez está aí o grande problema de sua performance, foi que foi tudo legal e nada surpreendente. Outra coisa que contou contra ele foi que sua voz lembra muito do John Newman, então sua performance pareceu mais um karaokê do que qualquer outra coisa. Se fosse eu até daria uma chance para ele, porque ele tem um timbre legal, vocalmente sua performance foi muito boa, foi bem melhor que outros aprovados, mas entendo a questão dos jurados não ter virado para ele, por conta de procurar nos últimos candidatos algo que realmente os surpreendam. #Eliminada

[Team Anouk] Nienke Wijnhoven – “The Power Of Love” by Céline Dion

 

Michel: Essa música é aquele bregão que eu amo, seja na battle do TVUS 2, a Sabrina no TVAUS ou a Sam Bailey no TXFUK, eu sempre amo as versões, além de nos remeter a um dos maiores hinos bregas do Brasil, “O Amor e o Poder”. A candidata tem uma bela voz, mostrou ter uma boa extensão vocal apesar de alguns deslizes, mas ouvi algumas coisas em sua voz que gostei bastante. Por conta do nervosismo, sua voz algumas vez soou trêmula e descontrolada, porém achei que ele representou bem a música e mostrou merecedora da última vaga para as battles, aliás ela pode ser tornar até um grande nome no seu time se souber usar melhor sua voz com confiança e domínio. #4Chairs

Ives: Como eu amo um bregão quando não é cantado no x fator, cantei horrores junto, com braço aberto e tudo COMO UMA DEUSAAAAAAAA. Deixando minha animação de lado, achei ela um pouco fraca para esse hino, Sam Bailey deveria dar aula.

Roddie: Tirando a songchoice super overdone, Nienke fez um bom trabalho e até que fechou bem um episódio fraco como esse. Ela ainda precisa de um polimento em sua técnica vocal, mas potencial ela tem. Só não sei se chegará muito longe pra mostrar.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

É pessoal, formamos um top 59 para a próxima etapa. Não sei bem como será nas Battles, porque tem muita gente nos times, provavelmente deve rolar algumas batalhas triplas, espero que não seja tão sofrida como em outras temporadas. Nessa temporada os times ficaram numa quantidade equilibrada quantos comparado, sendo a Anouk a única que ficou com um act a menos que os demais. Os coaches conseguiram formar um bom time, todos eles tem aquele act que se pode apostar que irá longe na competição, no início Waylon tinha grande vantagem aos demais, porém com o passar dos episódios eu vejo que os outros reagiram bem e conseguiram diminuir bastante a diferença entre os times. Espero que eles continuem sendo sensatos e nas Battles não façam pareamentos loucos demais e principalmente escolham com sabedoria, até porque com o steal além do coach eliminar um front runner pode também dá um tiro no pé liberando pra um outro time, tipo a Miley quando liberou a Addison e Chloe que se tornaram as grandes favoritas dessa temporada no US.

Dessa vez, como é o fim das audições e na próxima semana será as The Battles, além de comentar sobre a formação final dos times, deixarei aqui também as minhas apostas de possíveis pareamentos e vitoriosos nesses pareamentos em negrito, considerando que eu acredito que apenas os times com quantidade impar terá uma batalha em trio.

#teamAliB (15): O time do Ali B é aquele time onde tem muito candidatos que ficam entre medianos e bons, porém tem dois ótimos nomes que desde sua audição já ganharam minha torcida e tem aquele perfil de vencedor. De longe a Demi é a favorita do time, além de ter uma excelente voz é queridinha por já ser conhecida do público por conta de sua participação no TV Kids, outra excelente candidata é a Tjindjara que fez uma excelente audição. Os demais, eu diria que estão no mesmo barco, já que fizeram audições sem muito alarde. Minhas aposta de pareamentos seria:

Tjindjara vs Valerie, Bryan vs ImaraLilly-Jane vs Karlyn, Iris vs Demi, Toon vs Ronald, Pieter vs Mark e Aïcha vs Tina vs Gin

#teamAnouk (14): Tirando o Gideon, eu gosto de todos os outros do time da Anouk. Acredito que o favoritismo aqui seja da Nikita que está retornando na temporada com altas expectativas do público, outros que fizeram ótimas audições foram o Jim, Reneè e Samantha, os demais fizeram aquele tipo de performance que não foi um dos destaques, entretanto deixou aquele gostinho de querer ver mais dele. Acho esse o time mais tranquilo de pareamento, por ter várias duplas de acts com o mesmo estilo musical.

Nina vs Nikita, Kevin vs VingtonHeavenly vs Gideon, Reneè vs Nienke, Jim vs Samantha, Cindy vs Noor e Katharina vs Joy

#teamSanne (15): Apesar de alguns desespero com a Sanne virando sozinha para alguns candidatos, ela conseguiu formar um time até decente para as batalhas. Diferente dos demais, não vejo um favorito que se destaque muito aqui, mas levando em conta as audições, talvez o Chris, Aïrto e Bram sejam os que tenha mais sucesso na competição, mas apesar disso minha grande favorita é a Silke. Sendo assim, espero que esse time mostre batalhas decentes e surpreendentes, além de bons steals nos outros times.

Deborah vs Richelle, Aïrto vs Florens, Robin vs David, Roemillo vs Milan, Chris vs Bram, Sebastiën vs Jeroen e Silke vs Jaclyn vs Kira

#teamWaylon (15): Não é novidade para quem acompanha as minhas reviews do TVOH que esse é o meu time favorito dessa temporada. Levando em conta o time completo, acredito que ele seja o mais forte dessa temporada por conta da grande quantidade de favoritos e bons acts muito bem escolhidos por Waylon. O favoristismo aqui se divide em Kimberly, Slayio e Júlia, mas temos ainda a presença das excelentes Zöe, Lara e Tessa. Aqui sinceramente eu fico mais na dúvidas dos pareamentos, porém acredito que os pareamentos serão assim:

Kimberly vs Soraya, Marchiano vs Rowan, Kelly vs ZoëJennifer vs Berenice, Lara vs TessaSilayio vs Milou e Julia vs Simon vs Maud

Então pessoal, essas são as minhas apostas para as batalhas da próxima semana. Espero que não seja tão tombado e que os meus favoritos não vão embora tão cedo. Na próxima review a gente ver meus tombos e confere quais os palpites certos, se tiver né? hahaaha, com algumas batalhas exibidas, já faço novas apostas e ver o que acontece. Agradeço a todos que acompanham as minhas reviews e aguardo vocês na próxima semana, numa nova fase mais decisiva da competição. Abraços à todos e até breve!

 

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Michel Araujo

Meio baiano, meio sergipano, já passou dos 20 anos e um sofrido estudante de engenharia, com uma personalidade cheia de atitude e uma leve ousadia. Viciado em séries, realites e músicas, vai me encontrar sempre por aí escrevendo reviews, numa diversidade de gêneros de série e programas de TV.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu