Panela de Séries » Arquivos The Voice UK Kids - S01E08 - Final [SEASON FINALE] - Panela de Séries

Posts Populares

The Voice UK Kids – S01E08 – Final [SEASON FINALE]

And the winner is…

Após uma temporada de estreia maravilhosa, o TVUKKids chega ao fim. Várias crianças super talentosas pisaram nesse palco, mas só uma será considerada A Voz. Eu fiquei bem surpreso com o nível da temporada, várias apresentações ótimas, a começar pelas audições, e logo em seguida tivemos batalhas incríveis que pisam com força em várias de nível adulto. A única coisa ruim foi a temporada ser tão curtinha, poderia ter pelo menos uma semaninha de lives a mais. Enfim, uma final com nomes fortes a levar o premio como Riccardo, Courtney, Jess F e Gina, mas quem será que ganhou? Confira agora nossa review com os comentários de Lindomar, Luana e Thais. 😀

Courtney – And I’m Telling You

Eu amo de paixão a Courtney, mas essa música não combinou em nada com ela. A interpretação dela foi exagerada demais para esse clássico e mesmo com sua voz potente, creio que ela não teve força em alguns momentos para sustentar algumas notas. Além disso, a dicção dela estava terrível, no inicio eu não consegui entender uma palavra que ela estava cantando. Enfim, eu fiquei um pouco decepcionado com minha garota prodígio, mas ainda assim eu a admiro muito por toda essa excentricidade que a torna única. Uma performance bem abaixo do nível esperado para uma final.

Lindomar: Que song choice esquisita foi essa? Confesso que eu amo Courtney de paixão, amo tudo que ela faz e ainda assim consegui gostar disso aqui, mas foi uma escolha muito errada para uma final ainda mais pensando que ela é uma das favoritas. Mas talvez tenha sido isso justamente que Danny pensou, que coisa melhor que And I Am Telling You para se consagrar? Tudo soou estranho, diferente e ousado, no refrão eu conseguiu sentir a alma de Courtney e daí pra frente eu amei cada trecho, no final foi esquisito, estranho e louco, mas pode funcionar.

Luana: Songchoice bem errada pra Courtney, vamos ser sinceros. Foi uma performance bem afetada, mas já sabendo que a Courtney é assim mesmo, a música deveria ter sido algo melhor pensado. Ontem a vimos com “I Feel Good”, e bem ou mal, a energia da música combinava com a energia dela. Eu até entendo que a intenção foi deixar ela soltar tudo na parte que começa lá no “scream and shout”, mas acho que haviam canções que permitiriam Courtney ser Courtney de forma mais natural. Mas enfim, foi uma boa apresentação, não teve nenhum erro “UAU”, só que não combinou com ela mesmo.

Thais: Sua little weird, eu sou apaixonada pelo jeito espontâneo de ser da Courtney. Ela não tem medo de ser quem é, de fazer suas dancinhas e se divertir no palco. Porque, no final das contas, apenas um vai ganhar e caso não seja ela, pelo menos ela se divertiu bastante. Sobre a performance, achei a songchoice muito arriscada e diferente para ela, a dicção falhou bastante, mas isso é quase uma característica dela, né? A voz rouca, os gritos, as dancinhas e o murmurado meio confuso. Quase uma rockstar de tão única. Porém, foi uma bagunça.

Riccardo – Beauty And The Beast

Como eu disse na review passada, Riccardo não estava descendo muito para mim, pois acho ele overdone demais. É inegável dizer que ele não canta bem… Ele tem um controle da sua voz que vai além da sua idade, e isso é louvável, mas esse estilo dele me da um pouco de gastura. A música foi bem certeira, no inicio permitiu que ele mostrasse um lado mais suave da sua voz e que chegou até a me agradar bastante, mas do meio para o fim, ele começou com alguns exageros e terminou de forma bem gritante para mim. No geral a performance foi boa, mas preferiria que ele fizesse menos do que sempre faz, para talvez assim me agradar de vez.

Lindomar: Com um bom brega e sem ousar muito vimos Riccardo fazer mais uma apresentação vocalmente e tecnicamente correta. Riccardo impressiona pela classe e elegância quase sempre presentes em suas performances e aqui não foi diferente. Tudo foi bonito, pomposo e correto, mas faltou um sal nesse tempero de Riccardo, acabou que não me marcou.

Luana: Ai, essa música é a coisa mais linda! Eu já esperava que o Riccardo viesse cantando algum musical (ou “I Have Nothing”) nessa final, porque era já bem previsível por seu estilo. Achei a performance mais fraca dele no programa, mas pensem… Isso foi o mais fraco dele e AINDA assim foi muito bom. Pode não fazer meu estilo, mas que o menino é talentoso demais, isso é, viu!

Thais: Achei a performance mais fraca dele, que vem meio que “decrescendo” na competição, depois de uma blind brilhante, não conseguiu manter o nível. Mas será que ele vai conseguir ganhar ainda vivendo de sua blind? Pelo menos sua coach ainda parece viver e respira-la.

Gina – Say A Little Prayer For You

Adoro muito a Gina, mas essa escolha de música para mim foi precipitadíssima. Seria um lacre só se ela tivesse cantado I Put Spell On You agora e essa na blind. Não tenho o que reclamar da sua voz, que estava perfeita como sempre, e ela mostra mais uma vez que sua voz transcende sua idade, colocando muito soul e técnicas bem arrojadas. Não sei se com essa performance a Gina tem chance de ganhar, mas analisando sua trajetória, ela é uma forte candidata a ganhar o prêmio.

Lindomar: Entre os finalistas pra mim Gina é que a fez a trajetória menos marcante até aqui e nessa final segui com essa impressão. Gina tem um timbre único, ele é meio forte e tem um registro alto marcante, percebam que nas partes mais baixas ela tem difilcudade e isso torna sua voz irritante para alguns ouvidos (em alguns momentos os meus kkk). No geral ela fez um trabalho limpo, sustentou as notas e fez algo leve e gracioso, mas nada uauu tmb.

Luana: Que linda a menina Gina! É muito legal essa vibe vintage da Gina, e ela sempre entregou performances muito sólidas e essa daqui não foi diferente. Minha única crítica é que se tratando de uma finale, talvez fosse necessário uma música mais forte, sabe. Uma “Cry Me a River”, “Summertime”, “My Funny Valentine”, um clássico com cara e gosto de final. Mas dentro do que a canção oferecia, Gina mandou bem demais! Ela parecia confortável e feliz no palco e fechou sua jornada com chave de ouro no palco do TVUK Kids!

Thais: Não sei se é o nervosismo, mas também não achei que Gina poderia ter sido muito melhor. Também não gostei muito da presença do vocal de apoio ali com ela, não. Algumas vezes as vozes delas soaram mais alta que a da própria Gina. Enfim, At Last foi bem mais marcante.

Erin – Can’t Help Falling In Love

Eu estou muito, mas muito chocado com Erin. Definitivamente ela foi a que mais cresceu para mim na competição, fazendo uma performance ótima ontem e hoje nos entregando essa performance linda. Ela cantou muito bem, vocais sólidos e repletos de emoção. Fiquei bem abismado com a beleza em que ela executava todas as notas, e com a verdade que ela cantou, passando com facilidade a mensagem da canção. Além disso, ela pegou logo um clássico, e simplesmente arrasou, o que é uma tarefa bastante difícil. Até agora a performance de Erin foi facilmente a melhor.

Lindomar: Erin inventou o pisão na final amigos! Pisa mais Erin! A música foi perfeita para destacar o timbre de Erin e seu registro baixo, ela tem nuances únicos em sua voz e “Can’t Help Falling In Love” foi uma escolha perfeita para ela, a garota virou um pequeno anjo e fez a performance mais marcante até aqui. 

Luana: Que momento perfeito pra entregar sua melhor performance, Erin! Eu nunca fui fã da Erin, mas essa apresentação foi a coisa mais linda da vida! Tudo encaixou perfeitamente, desde o cenário mágico de conto de fadas, a voz aveludada da Erin, até a ideia de deixar só o piano segurando o instrumental e claro, uma songchoice muito certa para uma finale! Adorei!

Thais: WOW! A performance mais simples e linda do programa até agora. Erin se abriu no palco e deixou o coração ali, dando toda a emoção que a música pedia. A fragilidade dela tornou tudo ainda mais precioso, ai, tô apaixonada. Danny pediu para ela não se segurar, para não deixar a performance ficar boring. Mas, Erin, minha linda, a última coisa que vamos pensar dessa performance é a palavra boring.

Jess F – Love On Top

Entreguem o prêmio para essa menina gente. Jess é um arraso do inicio ao fim. Ontem ela já havia lacrado com todos, mostrando uma versatilidade invejável, e hoje ela repetiu a dose aperfeiçoando mais ainda tudo aquilo que ela fez ontem. Jess exala starquality, tem uma voz incrivelmente madura para sua idade, faz rap, tem uma presença de palco incrível e se porta como uma cantora já profissional. Devo dizer que Jess passou batido na blind, mas na sua batalha ela brilhou e agora está aqui merecidamente na final e se @deusFlorence quiser ela ganhará essa temporada. <3 <3

Lindomar: Jess é uma estrela pronta e estamos esperando a sua turnê chegar aqui no Brasil. Hoje ela provou que é uma artista completa, vocais controlados, não exagerou e fez uma apresentação limpa acertando as notas. fazendo os nuances e assim ela se colocou como a favorita do #TeamPixie! Um pisãoooo amigos!

Luana: O QUE É ISSO, MUNDO?! ESSA MENINA TÁ PRONTA PRA SER LANÇADA! Gente, eu ainda fico chocada com a atitude da Jess no palco, ela simplesmente comanda tudo e às vezes só com um olhar! E hoje ela só terminou de nos mostrar com quantos paus se faz uma jangada, lmao. Eu nem sei o que falar, de verdade. Porque assim, eu acho que já disse tudo que seria possível dizer sobre a Jess e sua desenvoltura, sua voz sensacional e seu comando de palco. Só tragam a coroa e o troféu, porque até os confetes de campeã caiu ao fim da apresentação dela, haha!

Thais: Ai, gente, o que aconteceu, vamos mudar as performances de lugar e colocar as da semifinal hoje, porque tá quase todo mundo mais fraco que o normal. Love On Top é uma música muito difícil e eu não achei que a Jess segurou a marimba muito bem, principalmente no começo quando mudaram o arranjo. Tô bem triste, viu.

Jake – Humble and Kind

Jake, assim como Erin, teve um crescimento absurdo da sua blind até aqui. Ontem ele tinha me conquistado, mas hoje ele mostrou que pode muito bem ser campeão e que tem a capacidade de destronar favoritos como Riccardo. Que performance incrível,  com vocais lindos, uma música maravilhosa que combinou com Jake e o violão que é até mesmo maior que ele hahaha. Eu amei muito mesmo, e estou surpreso com esse menino que mereceu muito ter chegado até a final para nos presentear com essa apresentação.

Lindomar: Jake no violão cantando country, está algo que eu nunca iria esperar ver nessa temporada, mas foi a escolha mais acertada de Will I Am no show, a música mais lenta valorizou demais a voz dele, ele impressionou ao tocar um instrumento com tão pouca idade e ainda assim arrasar vocalmente, gostei muito de Jake nessa noite e ele encerrou muito bem as performances dos kids nessa final.

Luana: PARA, PARA, PARA, PARAAAAAAAAAAAAAAAAA! JAKE COM UM VIOLÃO MAIOR QUE ELE, QUE OVERDOSE DE FOFURA! Gente, eu tô chocada. Minha primeira reação foi “lá vem o Jake ser fofo e roubar meu coração de novo”, depois “meu Deus, country card num pode sê”, e por fim “QUE PISÃAAAAAAAAAAAAAO JAKE SHELTON!”, haha. Melhor performance do menino Jake sim ou claro? Arrasou demais, demais, demais! Estou sem palavras, coisa mais linda da vida!

Thais: Jake é uma coisa fofa demais, ele é o que mais seria “kids” entre os finalistas. Adorei a apresentação dele, mais simples e segura. Numa comparação entre todos os finalistas, só o coloco depois da Erin, que foi a performance mais marcante pra mim, mas o Jake vem logo em seguida.

Além das apresentações dos finalistas, tivemos The Vamps como convidado e uma apresentação maravilinda dos coachs com seus pupilos. Deem uma conferida 😀

E então o tão esperado momento chega… Vamos primeiro fazer nossas apostas sobre quem nós gostaríamos que vencesse.

Me: Jess F (mas pela apresentação de hoje, Erin)

Luana: Jess F (mas pela apresentação de hoje, Jake)

Thais: Jess F (mas pela apresentação de hoje, Erin)

Lindomar: Jess F (mas pela apresentação de hoje seria ela mesma, DONA)

Acho que pelo que o programa estava apresentando, a vitória acabou não sendo surpresa para nós, e felizmente Jess F (a rainha kids) vence a competição e se torna a primeira voz kids <3 Prêmio muito merecido para ela, que vinha sempre fazendo apresentações marcantes e cresceu absurdamente desde sua blind audition. Ela tem muita maturidade nos vocais, e eu espero ela fazendo um sucesso como Louisa Johnson faz, pois até mesmo as acho semelhantes em estilo e voz. Pixie é nossa primeira vencedora e começamos bem com uma vitória duplamente feminina. Arrasaram girls! <3 

Temos também a maravilhosa notícia de que Danny será papai 😀 Esperamos ver seu filhinho(a) participando futuramente no TVKids hahaha.

Então é isso galera, muito obrigado a todos que acompanharam as reviews com a gente. Quero agradecer aos meus companheiros de review Lindomar, Luana e Thais, vocês moram no meu s2. Obrigado também a todos os comentaristas convidados que participaram das nossas reviews e a presença de Michel, Dam e Clarice. Nos vemos na segunda temporada. Até mais galera 🙂 

CLIQUE AQUI PRA BAIXAR O EPISÓDIO

 

gostou da matéria? deixe um comentário!

Ricardo Souza

Tem gente que diz que sou um amorzinho, eu digo que sou um trouxa. Viciado em maratonar séries e ficar na bad depois de assistir tudo em um dia. Amo muito música indie, quando quiser me chamar pra ouvir Florence já sabe onde procurar. Mineiro do interior que não puxa o 'r' quando fala, mas adora um pão de queijo.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu