Posts Populares

The Voice US – S08E11 – The Knockouts Part 2

E os knockouts continuam a todo vapor…
Oi pessoal, hoje quem vem cobrir os knockouts sou eu (Lindomar), e minha comentarista favorita Luana! Antes de começar a falar das três performances desta noite, vou comentar um pouquinho das minhas impressões dessa temporada, estou gostando, principalmente do nível dos candidatos e da maioria das decisões dos técnicos, minhas criticas maiores ficam para a direção do programa, que insistem em combos e especiais, sem necessidade, e só não teremos combo nos nocautes graças à desistência protagonizada por Anthony Rilley no Team Pharrell, reduzindo de 16 para 15 knockouts divididos então em 6-3-6.

Sobre o advisor dessa fase, achei um nome fraco, principalmente se comparamos com Chris Martin e Taylor Swift, mas mesmo sendo um nome fraco ele poderia contribuir muito para as performances, mas não é o que vem ocorrendo, vejo Nate bem apagado e dando dicas não muito úteis até o momento, sdds Swift!

Enfim, agora que já falei do programa, vamos aos três nocautes da noite, começando pelo Team Blake!

[TEAM BLAKE] Cody Wickline “Till My Last Day” by Justin Moore vs Corey Kent White “Live Like You Were Dying” by Tim McGraw

Diria que era a batalha mais óbvia do Team Blake, dois artistas country duelando por essa vaga que é CERTEZA nos lives, vejo Corey com toda a vantagem, ele é um cantor mais completo, tem um pouco de presença de palco, tem um apelo do público por ser bonito e jovem e ainda é o cantor country com a voz deliciosa, do outro lado Cody que tem muito a melhorar, apesar de sua voz ser interessante e bem característica dos artistas country em geral, ele costuma ser linear em suas performances.

Como previsto, Cody apresentou mais do mesmo, optou por uma escolha musical segura e mostrou o que vem desde as fases anteriores, bem preguiçoso, não vi conexão com a música em sua interpretação que é característico de cantores countries, além disso, ele ficou imóvel ali no centro do palco, ta precisando de uma Gwen Stefani na vida dele (vide Craig) para melhorar isso ai, bem boring essa performance.

Sei que as cantoras de Team Blake vem roubando a cena, mas para mim ele é o favorito desse time, e estará facilmente no top 5 da temporada, Corey tem um lindo timbre e consegue se conectar com as letras das músicas, o violão deu um ar especial a sua performance, enfim já TEMO QUE O COUNTRY VENÇA ESSA TEMPORADA NOVAMENTE!

Considerando o que foi apresentando a decisão era óbvia, e Blake foi com Corey que é sua principal força country nesta temporada.

Luana: um nocaute que eu já previa há algum tempo, acho que Blake continua a querer um time mais ecletico ao invés de um totalmente country (ainda bem, ufa). Sobre o nocaute em si, achei Cody bem linear e chato, pra ser sincera. Já Corey, apesar do estilo, tem um timbre bem interessante e acho que isso o faz se destacar. Assim como Blake, acredito que Corey venceu e justamente. E gente, é bom prestar atenção no Corey, ele vai longe

[TEAM ADAM] Deanna Johnson “Listen To Your Heart” by Roxette vs Blaze Johnson “You Found Me” by The Fray

Uma batalha que eu não tinha previsto nos pareamentos iniciais, jurava que séria Lexi vs Deanna, quando vi aqui, era óbvio que Deanna tem a vantagem, única #4chair do Team Adam e com um tom de voz delicioso, do outro lado o talentoso Blaze que tem uma boa voz e costuma ir bem em suas apresentações.

Deanna arrasou, seu timbre destoou por todo o palco em uma song choice arriscada, ela mostrou seu controle vocal e fez todas as inflexões com maestria, alternando entre momentos suaves e fortes acertados e dosando na conexão com a música, o único ponto fraco de Deanna infelizmente que é seu timbre é único e dependendo das escolhas musicais pode ficar cansativo, mas acho difícil isso ocorrer, ela é uma jovem talentosa e com um grande poder vocal, e sinceramente vejo ela indo longe nessa competição.

Blaze apostou mais uma vez em uma música do The Fray, sinceramente achei bem preguiçosa a escolha, mostra algo sem inovação, sem algo muda-se ou permitisse que ele se destaca-se em relação a sua blind. Sobre a performance em si, foi boa, ele mostrou bons vocais durante quase toda a performance e se conectou com a música, o problema de Blaze para mim é que ele soa extremamente comum, não vejo algo que o destaque, e ainda ele teve um problema de desafinação em uma nota.

A escolha era óbvia para TODO O MUNDO, menos Blake e Pharrell que decidiram fazer a #inimiga e falar que Blaze foi ANOS LUZ melhor que princess Deanna, porém Adam escolheu Deanna e já vejo a parceria #DeAdam sendo concretizada para os lives!

Luana: Discordando seriamente dos comentários de Pharrell e Blake nesse nocaute. Sério mesmo que a performance da DeAnna foi tão ruim ao ponto deles dizerem que dariam a vitória ao Blaze? Tudo que vi foi um bando de butthurts, haha. Ainda bem que Adam acredita em DeAnna tanto quanto eu, e sendo o único sensato, escolheu a dama de vermelho e acredito que ele tem muito o que trabalhar com ela, o que eu mal posso esperar pra ver!

[Team Pharrell] Caitlin Caporale “Warrior” by Demi Lovato vs Hannah Kirby “Heather Love” by Steve Winwood

Batalha dura, de um lado Hannah que esbanja potência vocal, mas que exagera em alguns momentos, porém tem a desvantagem de vir de um outro time, do outro lado a querida Caitlin que fez uma trajetória incrível até aqui, tendo como ápice no programa o dueto de “Impossible” com Xtina, e por conta do destino acabou indo para o Team Pharrell!

Hannah Kirby mostrou um lado menos gritado hoje, diferente de sua batalha contra Sarah, analisando tudo achei a escolha de música fraca, porém ela fez uma boa performance, mas sem o impacto que sua blind teve, ela conseguiu destacar seu timbre diferenciado e seus movimentos legais, e ainda esbanjar uma boa técnica sem ter que gritar, queria ver Hannah com uma música de Amy Winehouse, acho que séria perfeito!

Com uma performance mais emocional, Caitlin resolveu inovar também e me conquistou, sua voz soava muito claramente, sua notas eram limpas e perfeitas, achei que ela conseguiu se conectar e passar todas as emoções que a música trazia consigo, e se me permitem fazer uma constatação: Quero Caitlin na trilha sonora de Frozen 2, ela me lembra muito as vozes de Idina Menzel, Lea Michelle, é uma voz perfeita para esses filmes musicais. Mas sei que Caitlin pode ir mais longe que cantar em filmes, só achei interessante comparar! Hahaha

Pharrell tinha uma decisão difícil e ele optou por Caitlin, sinceramente torci para ele escolher Hannah, somente para Xtina roubar Caitlin! Hahaha, mas o que ocorreu foi Blake roubando sua ex candidata! Vamos ver o que vai rolar na próxima fase para Hannah, agora que acabaram os steals para ela!

Luana: Fiquei bem dividida nesse nocaute. Primeiro, Caitlin é uma das candidatas que eu já amava apenas de ver o que cantaria na blind, e adorei a blind da Hannah. Nas batalhas, no entanto, fiquei um pouco desapontada com as duas, mais com Hannah, pra ser sincera. Nesse nocaute fiquei feliz, pois voltei a amar as duas. Se eu tivesse que decidir a vencedora… Tecnicamente? Hannah. Mas se fosse seguir meu coração? Caitlin all the way, e seria provavelmente o que faria.

Sendo assim já tivemos 9 nocautes realizados e ainda temos 6 que serão exibidos na segunda feira! Terça Feira um ESPECIAL dos Knockouts! Hahaha

Os times ficaram assim:

Team Blake – Sarah Potenza, Meghan Linsey, Corey Kent White, Hannah Kirby (S)

Resta um knockout entre as jovens Kelsie May e Brooke Adee, uma cantora country contra uma cantora indie e acho que nossa artista indie levará vantagem!

Team Pharrell – Mia Z, Sawyer Fredericks, Koryn Hawthorne (S), Caitlin Caporale.

Jacob Rummell vs. Lowell Oakley completam o último knockout do Team Pharrell que até o momento vem poderoso para os playoffs! Acredito que Lowell deva vencer, apesar de achar Jacob um artista mais interessante.

Team Xtina – Kimberly Nichole, Sonic,

Com apenas dois knockouts exibidos, Team Xtina reinará na segunda, com um STEAL para realizar e dois nocautes para rolar, sendo provavelmente: India Carney vs Treeva Gibson (Pausa para a lágrima) e Joe Tolo vs Rob Taylor. Ao que parece Xtina rouba UMA GAROTA, sendo assim deve ser Brooke, Lexi ou Kelsie (já que duvido que Adam elimine Tonya)!

Team Adam – Nathan Hermida, Brian Johnson (S), Deanna Johnson

Sim, erramos todos os knockouts do Team Adam nas suposições feitas na review final das batalhas! Hahahaah, Restam duas e acredito que seja Barry Minniefield vs Tonya Boyd-Cannon e Joshua Davis vs Lexi Dávila.

*Como foi Gerson que fez a review de ontem, gente quero só comentar que MATT MCANDREW deveria ser o advisor dessa TEMPORADAA!! SDDS MATT! Matt Come To Brazil! hahahaha

Enfim assim termino a review da segunda noite de nocautes e espero vocês logo abaixo nos comentários!! E lembrem-se, legendas e todas novidades do The Voice vocês encontram no Grupo Sub Voice, nosso grande parceiro.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

Canceriano com ascendente em Sagitário, ou seja UMA ÓTIMA PESSOA! Atualmente um louco que faz Doutorado e que já se formou em Química. Viciado em The Voice, séries e Indie Rock. Gosta de gastar o tempo que não tem para escrever sobre The Voice, The Flash, Bates Motel, Orphan Black, The Vampire Diaries e Westworld.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu