Posts Populares

The Voice US – S09E04 – The Blind Auditions Part 4

Penúltimo dia de audições da 9ª temporada.

Vai chegando o fim da primeira fase do The Voice. As blinds vão terminando sem nenhum grande candidato despontando (mentira, tem sim, mas não vou dar o braço a torcer). Sobre o último episódio, Lyndsey ganhou a maioria dos votos na nossa enquete (30%) e levou a melhor na preferência dos paneleiros, com sua ótima versão de “Lips Are Movin’” (clique AQUI para conferir). Hoje, Clarice e Luana vão me ajudar nos comentários. Apertem os cintos e vamos lá.

.

Darius Scott – “You Make Me Wanna” by Usher

Darius vem do Texas, criado musicalmente dentro da igreja, e tem um estilo mais R&B. A songchoice escolhida para a audição ficou dentro do esperado pra ele. Por mais que não conhecesse a música, achei que a audição começou bem fraquinha e bem normalzinha, sem grandes coisas. No decorrer da apresentação, no entanto, ele mostrou o controle que tem sobre sua voz, e conseguiu abocanhar 3 das 4 cadeiras. Adam ficou louco com o homem, argumentou muito, mas quem levou foi Pharrell. Uma aquisição bem mais ou menos para o time de Pharrell. Com as variações de toda a apresentação, dou nota 6,5 pra ele. #TEAMPHARRELL

Luana: Mais um melhor que o Mark! Haha. Isso já tá virando meu parametro para os competidores dessa season, melhor ou pior que o Mark! Mas olha, tiveram alguns problemas aqui e ali, mas ele he’s got soul, eu consigo ver o Darius fazendo coisas promissoras no Team Pharrell. Nota 6,5.

Clarice: Achei ele fora do ritmo em alguns momentos logo no começo, mas melhorou a partir do refrão tanto é que mais cadeiras foram virando. Acabou fazendo uma performance boa no geral, tem um timbre e estilo único e pode ir longe se bem trabalhado. Nota: 8,5

.

Korin Bukowski – “Cecilia and the Satellite” by Andrew McMahon in the Wilderness

Com 20 aninhos, Korin já chega amaldiçoada com esse nome. No entanto, a mocinha não tem nada a ver com a Koryn da última temporada. Descoladíssima e com ótimo bom-humor, a menina escolheu algo mais indie rock, e achei ótimo. O começo já mostrou personalidade, e foi ficando melhor e melhor, até Gwen virar. Depois que Gwen virou, ela deu uma relaxada e se perdeu um pouco, mas nada que tire o brilho de sua apresentação. Com Korin, Gwen ganha mais um #1chair e vai enchendo sua equipe com desconhecidos. Nota 7,5 para a fofinha. #TEAMGWEN

Luana: Mas gente, que pessoa estranha (no melhor sentido possível)! Que vibe Team Cee Lo! Eu particularmente adorei a Korin (apesar do nome). Por ser mulher no Team Gwen eu sinto um pouco por ela, mas do fundo do coração, espero que a Gwen dê uma chance para a menina. Nota 7,0.

Clarice: Korin veio homenagear a #TeamJesus Koririn da S7 se vestindo de freira moderna, ne? hahahaha =X Sobre a apresentação dela… gostei, tem um estilo meio único, uma voz gostosa de se ouvir mas não foi minha apresentação favorita e está bem longe disso acontecer. Nota: 7,5

.

Krista Hughes – “Angel From Montgomery” by Bonnie Raitt & John Prine

Krista é a típica garota country, e não quer nem esconder, com direito a camisa, calça jeans, botas, trança e um violão. Obviamente, ela escolheu um clássico country para sua audição, e botou toda sua emoção na ponta da língua. Não achei ela ruim não, inclusive suas notas altas foram precisas. Porém, não acho que deveria ser #4chairs. Acredito que em uma temporada com tantos talentos country, Krista sai desfavorecida. Adam tentou roubar mais um country de Blake, mas não foi possível. A menina entrou pro Team Blake, levando Blake a fazer zuera com Adam e Gwen, em que chorei de rir. Ganha nota 7,0 de mim.  #TEAMBLAKE

Luana: Lá vem mais country, meu Deus! Acho que Krista teve a blind autidion mais vocalmente perfeita da temporada, no entanto, achei muuuuuito chatinha. Mais uma no exército country do Blake. Mal posso esperar para ver esses country se matando nas próximas rodadas, haha! Nota 6,5.

Clarice: Uau… que timbre que essa menina tem! Ela parece ser tão imatura que tem muito o que aprender no programa. Mesmo o country não sendo meu estilo favorito, impossível deixar de comentar quão boa ela foi. Nota: 9

.

Janae Strother – “Uptown Funk” by Bruno Mars

Janae veio para sua audição com uma escolha musical bem errada. Pareceu karaokê do início ao fim, e ela ainda fez dancinha. Os vocais achei bem mais ou menos, principalmente por conta da songchoice. Não conseguiu nenhuma cadeira, mas pelo menos se divertiu e divertiu toda a família. Blake deu boas dicas para a menina, mas duvido que ela volte. #ELIMINADO

.

Chance Peña – “I See Fire” by Ed Sheeran

Quando Chance apareceu, olhei aquela pessoa com cara de 12 anos, indo pra missa. Além disso, ele me lembrou o ator que faz The Flash. Ele foi mais um que escolheu Ed Sheeran para sua audição. E até que eu gostei. Achei que ele mandou bem. Apesar de uma voz trêmula e não muito convincente, ele conseguiu que Adam virasse para ele. Nada demais sobre Chance, vamos ver nas próximas etapas. Nota 6,5. #TEAMADAM

Luana: Quando ouvi os estúdios, Chance não tinha apenas uma boa song choice, seu estúdio parecia muito bom. Mas nem tudo que funciona no estúdio, funciona ao vivo, não é? Embora eu tenha gostado bastante do timbre dele, o menino parecia muito nervoso e a voz estava muito tremida.Mas enfim, ele é novo, e pode ter potencial, vamos ver como o Adam vai lidar com seu (único?) #1chair. Nota 6,0.

Clarice: Que voz grave ele tem, não esperava ainda mais por só ter 15 anos. Posso ser chata mas a mão dele balançando durante a performance chamou mais a minha atenção do que a apresentação em si. Achei boa porém boring! hahahaha Nota: 8

.

Viktor Kiraly – “What’s Going On” by Marvin Gaye

Viktor saiu de Budapeste para tentar a sorte no The Voice. Não conheço a songchoice dele, mas achei sua apresentação bem consistente, na maior parte. O fato de ter experiência ajudou e ele conseguiu todas as cadeiras viradas #4chairs. Todos tentaram e usaram ótimos argumentos para convencê-lo, mas Adam se deu melhor e levou o cara. Acho que vem front-runner por aí. Nota 7,5 para a apresentação dele. #TEAMADAM

Luana: O que tem de especial aqui além de ótima técnica? Voz genérica, falsete genérico, cara genérica,tudo é genérica nesta pessoa. Mas ok, admito… Tem uma técnica incrível, mas vejam… Perfeição vocal demais pode ser um problema. Enfim, não sou a maior fã do Viktor, mas não custa dar uma chance, não é? Nota 7,0.

Clarice: Uau… imaginava algo mais pop pra ele, me surpreendi e gostei! Viktor foi muito bem, melhorou também ao longo da performance, segurou as notas muito bem e teve uma boa presença de palco. Nota: 9

.

Julie Broadus – “Brand New Key” by Melanie

Julie vinha fofinha e com uma ótima atitude. Porém, achei a escolha musical bem equivocada. Pareceu tudo muito errado, e não consegui me prender a sua apresentação. O resultado foi nenhuma cadeira virada. Gwen e os demais coaches deram algumas dicas e acredito que ela volta em pouco tempo. #ELIMINADO

.

Cole Criske – “Dreaming With a Broken Heart” by John Mayer

Mais um teen de cabelo cacheado para o programa. Cole veio ao programa com uma escolha musical super querida, e conseguiu conquistar Gwen rapidamente. Achei a voz dele bem gostosinha de ouvir e bem tocante. Acho que mandou bem, e por isso conseguiu que Blake e Pharrell também virassem. Todos tentaram, mas o menino escolheu Blake, e acho que não tem muito futuro contra o exército country. Adorei Gwen jogando os sapatos em Blake e Adam imitando ele HAHAHA. Nota 7,5 pra apresentação de Cole.  #TEAMBLAKE

Luana: Awwwwwww, passei a audição inteira falando “awww que fofo, awwww que amorzinho”, haha! Que pessoa meiga, adorei! E assim como sua personalidade, a voz do Cole parece algodão doce. Espero que Blake saiba trabalhar com o novinho! Tio Blake em ação mais uma vez! Nota 7,5.

Clarice: Que fofinhoooooo!!!! OMG! hahahaha Adorei o jeito que ele cantou, todo tímido se apresentando… precisa melhorar presença de palco. Mas a performance em si foi boa, ele foi crescendo e melhorando ao longo da música! A surpresa foi ele ter optado por Blake! Nota: 9

.

Alex Kendel – “Bright” by Echosmith

Alex é uma babá que quer tentar algo diferente. Adorei o estilo dela e achei a escolha musical bem sóbria. Inclusive, adoro essa música! Os vocais consistentes, e os agudos precisos fizeram Gwen virar rapidamente sua cadeira. Ela teve alguns probleminhas durante a apresentação, mas acho que pode melhorar. Adam também apertou seu botão, e tentou conseguir Alex. Foi em vão, pois Gwen usou todas suas armas e conseguiu trazer Alex para sua equipe. Gostei mais do estúdio que do live, e por isso dou nota 7,0 para ela. #TEAMGWEN

Luana: Tinha sido o meu estúdio preferido da noite, no entanto, ao vivo isso beirou o sofrível. Embora Alex tenha um timbre interessante, ela subentonou em diversas partes, o que fez a música ficar toda um pouco estranha. Não consigo vê-la indo além das battles, e parece a oponente perfeita para a Kota Wade, não? Nota 5,5.

Clarice: Apresentação gostosa de se ver, gostei da Alex e achei que ela tem um timbre diferente. Ficou um pouco travada no palco, mas ainda acho que pode se dar bem com a Gwen. Nota: 8

.

COMBO: Tom Rhodes – “Hit the Road Jack” by Ray Charles; Junior Reed – “What I Got” by Sublime; T’alia Scot – “Beneath Your Beautiful” by Labrinth ft. Emeli Sandé.

O combo dessa noite foi dos não aprovados. E pelo que vimos, mais do que justo. Nenhum deles apresentou algo consistente a ponto de merecer uma cadeira virada. Pelo menos o programa acertou e combou quem não passou. Ponto pra produção!

.

Celeste Betton – “Love You I Do” by Jennifer Hudson

Celeste é uma mãe que vem pra ser a cota diva negra da temporada. Ela escolheu uma música que conseguiu expor muito do seu potencial. As notas altas e a consistência de sua voz foram pontos positivos da apresentação, que levaram Pharrell a virar para a moça. Ele foi o único, o que me deixou bem chateado por não ter mais gente virando. Os outros coaches elogiaram, mas Celeste foi mesmo para a equipe de Pharrell. Nota 7,5 pra ela. #TEAMPHARRELL

Luana: Só eu ou mais alguém acha que ela lembra muito aquela Tamara lá do Team Cee Lo? Uma boa voz, mas só isso. Eu não vejo grandes atrativos na Celeste, também não consigo vê-la indo longe, mas quem sabe. Nota 6,0.

Clarice: Essa música é bem difícil de ser cantada, tem que ter vozeirão pra conseguir cantar música que Jen Hud já cantou. Voz deu pra notar nesses 90 segundos que ela tem, só acho que ela poderia ter explorado isso mais na apresentação. Pharrell vai explorar a diva que tem dentro dela… prevejo vozeirões pras próximas fases. Nota: 8,5

.

Andi & Alex – “Thank You” by DIDO

Mais uma noite com dupla. E mais uma noite com a dupla sendo a última performance. Dessa vez, a dupla de gêmeas (que são lindas) trouxeram um ótimo clima para o palco. Adorei a songchoice e estava torcendo para que todos virassem. E foi o que aconteceu. Selo #4chairs pra elas. A harmonia e a afinação delas estavam ótimas. Uma não atropelou a outra e ficou ótimo. Vocais que se complementam e que podem dar frutos. Todos os coaches tentaram, mas Adam levou a melhor e fechou a noite com uma ótima aquisição. Achei a melhor da noite, e dou nota 8,5 pra elas. #TEAMADAM

Luana: Awwwww, apenas as melhores da noite! Que harmonia linda! As duas vozes soam angelicais juntas e me aquecem a alma! Haha. Espero muito que o Adam saiba trabalhar com essas gêmeas, porque elas são simplesmente angelicais! Nota 9,0.

Clarice: Meu Deeeeus… que demais!!! Lindinhas, amei o arranjo, a performance, a harmonia delas juntas!!! Muito amor… e já torcendo pra irem longe!! Adoro duplas quando são bem trabalhadas e obviamente gostei dessa porque elas são boas! Ainda adorei que foram com o Adam hahaha Nota: 10

.

Conferindo os resultados de ontem e semana passada, temos nesse momento a seguinte configuração:

Untitled 1

E por hora é isso! Saiba tudo sobre o The Voice com nosso parceiro Grupo Sub Voice, que legenda o nosso reality preferido e ainda disponibiliza as músicas (versão iTunes e das performances) para download. Não deixem de votar na enquete abaixo! Lindomar volta com o fim das blinds na semana que vem e se precisar, apareço pra dar uma mão de novo.

gerson

gostou da matéria? deixe um comentário!

  • Caroline Azevedo

    Team Adam tá ótimo, amando isso! Team Blake tb tá mto bom, Pharrel tem uns talentos isolados e Gwen… coitada hahahaah

  • Caroline Azevedo

    Darius foi um dos meus preferidos, adorei ele! No início da apresentação, achei bem fraco mas ele foi só melhorando e terminou incrível! Queria mto q ele fosse pro Adam, mas senti q Pharrell fosse ficar c ele mesmo.
    Korin, Lu traduziu perfeitamente: vibe team CeeLo ahahahaah não curti mto ela não.
    Qto a Krista, concordo plenamente com a Cla. Não curto country, mas achei o timbre dela MARAVILHOSO, uma das minhas preferidas da noite e obviamente ela ia c/ Blake mesmo eu querendo q ela fosse c/ Adam já sabia haahah
    Chance pra mim não passaria, mas já q Adam virou, torcerei pra q ele faça um bom trabalho c/ o garoto.
    Viktor: o meu preferido da noite. AMEI AMEI AMEI! Penso totalmente contrária a Lu e mais parecida c/ Cla haahhaa
    Fiquei dando pulinhos qdo ele foi c/ Adam!
    “Adorei Gwen jogando os sapatos em Blake e Adam imitando ele HAHAHA” – DOIS hahahahaah
    pra mim foi a melhor coisa da apresentação dele, acho q se Blake souber trabalhar com ele, pode evoluir bastante e se tornar um bom candidato.
    Alex e Celeste não me chamara atenção nenhuma, pra mim podiam sere ejetadas logo, apesar de Celeste ter voz boa me lembrou Sisa e pior ahahahaha
    Andi e Alex achei a técnica vocal mto boa, mto fofinhas, mas não sei… não me cativou musicalmente.

  • Guilherme

    A comparação com a Koryn foi muito boa hahaha. Por sorte totalmente diferente e por sorte não é TeamPharrel. Por enquanto sou TeamGwen, na torcida pela Ellie e Korin. Quanto ao Pharrel eu só gosto do argumentos que ele usa para convencer o candidato, de resto mais nada. Eu não sei se gostaria que o Usher voltasse, porque depois da cagada que ele fez com a Bria eu fiquei com receio dele. Poderiam abrir um exceção e deixar, Blake, Christina, Gwen e Adam, ficaria top.

  • Camila

    Só para constar Blake e Gwen estão juntos???? mesmo????…

  • Tafne Gusmão

    Lindomar vai voltar? Credo É bom que leio que menos, pois só irei ler os coments

    Essa temporada está bem melhor que a passada, ao menos isso, mas queria uma temporada nível a seis ou a três.

    • Oi Tafne,

      passe para ler os coments, as reviews da semana que vem até a final serão minhas.

      • Almir

        Lindomar, é você quem estava fazendo as reviews na temporada passada?

        Se for, achei muito boas, foi o que me fez virar fã deste site e estar aqui desde então semanalmente. Por vezes achava melhor acompanhar a review aqui do que assistir o próprio programa em si (como a semi-final da temporada passada que não tive saco para assistir depois que a Kimberly saiu).

        Sem esquecer, muito boa a review de hoje. A equipe está de parabéns.

        • Oi Almir, na temporada passada eu o gerson cuidavamos das reviews, iamos revezando, nessa temporada serei somente eu, o gersinho me salvou essa semana que não poderia soltar com tanta rapidez, obrigado pelo elogio aos textos e agradeco em nome da equipe, volte sempree, terca já tem review do episódio de segunda!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu