Posts Populares

The Voice US – S09E24/25 – Semi Finals

Chegamos as semi finais, que nessa nona temporada do The Voice ficou mais conhecido como “Massacre” ou “Chacina”, citando a obra de Suzanna Collins “Jogos Vorazes”: Senhoras e Senhores, está aberta a nona edição dos Voice Games! Nunca essa fase foi tão cruel, eliminar mais que metade dos candidatos de uma única vez, uma punhalada pesada, bruta, é difícil de lidar, resta saber se terminaremos essa review felizes ou tristes, vamos descobrir. Antes de começar os resultados das enquetes da semana passada.

Enquetes

Jordan, Amy, Jeffery e Madi são os favoritos disparados dos leitores aqui do panelas, e são meus favoritos também, agora quando temos que lidar com a razão, Emily e Barrett se unem aos quatro mencionados como grande apostas para estarem entre os finalistas. Zach, Shelby e Braiden são os candidatos que ninguém acredita que possa chegar a final.

Tivemos duas apresentações nessa noite agitada das semi finais, Blake Shelton e Ellie Goulding apresentaram seus singles.

Agora vamos as nove apresentações da primeira noite, os comentários ficam por conta de Luana, Dam e Lucas. Quero agradecer antes de tudo Nye pela ajuda no photoshop pra conceber essa minha ideia da capa e a Luana por ter elaborado esses maravilhosos cards que vocês verão logo mais, os cards de nossos TRIBUTOS! Já peço desculpas pelo tamanho da review, mas sempre quis fazer algo diferente, e as condições do formato desta temporada nos levaram a essa linda oportunidade: O MASSACRE!

The-Voice-Hunger-Games_Jogos-Vorazes

TOP 9 PERFORMANCES

Barrett
BARRETT BABER – “GHOST” BY ELLA HENDERSON

Lindomar: Que cenário lindo, amei demais, vamos a performance. Primeiro a escolha, ousada, e obviamente Blake tentando eliminar Barrett dando uma música que não é originalmente country e levar só Emily para as finais. Segundo, ele começou muito bem, os vocais estavam sólidos e ele estava trazendo a música pra sua vibe e fazendo uma boa performance, mas do meio pro fim, parece que ele se perdeu, sua voz parecia baixa em vários momentos, fraca, ele tava sem fôlego, o coral quase suprimindo a voz dele, não curti nada. Nota: 7,5

Luana: Mas gente… Ghost?! Assim, entendo que o Barrett tinha uma conexão com a letra da música e tudo mais. Mas não acho que essa tenha sido a melhor estrátegia numa semana tão decisiva. A apresentação e o arranjo da música em si foram até bons, mas de certo a songchoice vai tirar alguns votos country do Barrett, o que pode prejudicá-lo bastante. Nota: 8,0 

Lucas: Barrett arrasou! Vocalmente foi apenas ok, esteve no limite algumas vezes e em alguns momentos faltou fôlego. Porém, Barrett fez uma ótima performance, super interessante, explorando sua versatilidade (considerando que é um cantor country) e ainda esteve ótimo no palco, com uma grande presença de palco. Performance show!  Nota: 8,0

Dam: Vocês podem até não acreditar, mas toda semana eu prometo que eu não vou mais falar o quanto eu acho o barrett gostoso e queria ele na minha cama, mas não tem como minha gente, é esse homem aparecer, que eu começo a suar, minha calcinha grita o nome dele e eu fico imaginando ele montado em mim me domando e me chamando de touro bandido. A performance foi bem mais ou menos e já está na hora de parar de usar coral, porque eu estou me sentindo no Glee club toda vez que ele canta. Nota. 8,0  

Shelby

SHELBY BROWN – “EVEN GOD MUST GET THE BLUES” BY JOO DE MESSINA

Lindomar: Esses cenários estão espetaculares!! Shelby apostou em seu timbre, sua maior força e fez uma performance forte, sua rouquidão foi o grande destaque no geral, achei o começo bem linear, chatinho até, mas em determinado momento ela começou a inserir algumas notas diferentes, variar os tons e tudo melhorou, do meio pro fim fui levado pela beleza de sua voz, e fiquei encantando com o que ela fez, mas ela deveria ter apostado em algo country, algo animado para essas semi finais. Nota: 8,0 

Luana: Ow Shelbinha, meu amorzinho das blinds! Embora seja uma songchoice com inclinações gospel, essa não é uma música muito conhecida, nem se quer foi lançada como single, o que pode causar estranheza para o público. Não foi a melhor apresentação do meu amor, mas foi linda como sempre é! Infelizmente, não acho que seja suficiente para livrar Shelby da eliminação instantânea :/ Nota: 8,0

Lucas:  Shelby canta muito, cantou muito e teve vocais ótimos. Aliás, amei o falsete no final. Maaaas, que apresentação chata! Já acho ela super sem graça, sem sal e com pouca identidade artística, ainda me vem com uma música que não me emociona nada e que acho super fraca. Com certeza tem gente que se emocionou com a performance, mas sinceramente, pra mim foi uma tortura assistir Shelby até o final. Nota: 7,5 

Dam:  Estava reparando bem, e quando eu e o Barrett tivermos uma filha, ela será a cara da Shelbyinha. Sobre a performance, Visualmente falando, estava tudo lindo,porém, o erro estava na song choice que era bem linear e até chata. Senti falta de um momento em que ela brilhasse em uma High note e lacrasse os Haters. Nota. 9.0

 

Jeff

JEFFERY AUSTIN – “BELIEVE” BY CHER

Lindomar: Mais uma grande performance de Jeffery, nenhuma novidade não é mesmo? E ele seguiu meus conselhos inseriu algo mais suave pra diferenciar da força dos seus vocais roucos, e ficou perfeito, adorei ver ele brincando com as notas, e alterando tons durante toda a música, aproximadamente em 2min 30seg foi um desses momentos, ele veio subindo, subindo, arrasou e desceu pra algo suave, amei demais, fiquei com o refrão na cabeça: “Do you believe in after love?”! Nota: 10

Luana:  Embora muitos dos meus amigos paneleiros não tenham curtido o preview do Jeffery, eu achei super sensacional! Ok, já vimos melhores do Jeffery? Já. Mas isso não tira qualquer glória do que foi a apresentação dele hoje! Foi emocional, foi tocante, foi potente, foi lindo. A parte que ele canta “I don’t need you anymore” de braços abertos me matou FORTE, senti o tiro aqui! Nota: 9,0

Lucas: LINDO, MARAVILHOSO!!!!! Não é novidade pra mim que Jeff é um dos melhores candidatos que esse programa já teve e que vem toda semana e arrasa, mas essa semana ele pegou uma letra linda, trouxe uma performance carregada de emoção e com vocais maravilhosos. Não é a toa que ficou em 3° no iTunes com essa performance e acho que já está mais que provado que ele já foi subestimado demais e que agora está consolidado como um dos prováveis finalistas. Obs: Jeff lindo por mim seria o campeão rs. Nota: 9,8

Dam: Juditeeeee viado, chama a SAMU que eu to passando mal. O que é Jeff cantando Believe? Só quero deixar claro uma coisa: Believe é para as gay o que Jesus foi para a humanidade, toda gay de sangue puro que se preze sabe que quando toca Believe, é para dar close na pista minha gente. E ele ainda me vem com uma versão destruidora, com essa carinha de “mamãe quero colo” que me mata. Te amo! Nota. 10.0

Braiden

BRAIDEN SUNSHINE – “AMAZING GRACE” – GOSPEL HYMM

Lindomar: Gwen Stefani o que você está fazendo conosco é um jogo? Como você dar um gospel card para Braiden em plena semi finais?? E pra completar a desgraça, ele não veio tão ruim, fez uma performance boa, a abordagem que ele adotou não precisava de gritos, falsetes, ou notas tão bem acabadas e isso o favoreceu para entregar uma boa performance e ganhar os votos dos americanos, já que um jovem, fofinho de 15 anos cantando Amazing Grace não é tudo que a família tradicional pediu? Nota: 7,0 

Luana:  Olha o desnecessário sendo mais RÍDICULO do que nunca. Gente, deveria ser proibido usar um gospel APENAS para ganhar votos desse jeito. Todas as outras pessoas que já passaram nesse programa e cantaram gospel, tinha o MÍNIMO de inclinações para o gênero, mas esse menino?! Me poupe, achei o cúmulo do ridículo, e o pior é que os imbecis que votam vão se vender por isso. Vocalmente não foi o desastre que foi “Radioactive”, mas não consigo superar essa apelação nojenta. Nota:  7,0 

Lucas: Primeiramente, não costumo gostar dessa música e não costumo gostar de Braiden e tem muita gente que tem raiva do garoto por vários motivos. Porém, sejamos justos, essa performance foi linda, carregada de emoção, com um arranjo maravilhoso, vocais ótimos e coral na medida. Com certeza a melhor apresentação de Braiden nos Lives e essa semana ele não só se superou, mas também mostrou que não é ruim, apenas é um garoto sem personalidade musical formada e que não foi guiado da maneira certa por Gwen. Outra coisa que não posso deixar de falar é que Braiden está com o cabelo bem melhor rs. Nota: 8,5

Dam: Foi uma performance ruim? Não foi, mas, está longe de ser uma boa performance. Comparado à chacina que ele vinha cometendo nas performances anteriores, essa aqui chega a ser mertiolate para meus ouvidos feridos.  Nota: 7.0

Zach

ZACH SEABAUGH – “THE CLIMB” BY MILEY CYRUS

Lindomar: Sei que os vocais não foram tudo isso, que a música era estranha para ele e que não foi sensacional, que ocorreram erros principalmente no final, mas eu AMEI, achei que realmente ele sentia as palavras que estava dizendo, acredito que das performances tocantes que ele tentou fazer no programa não foi a melhor, nem sempre precisamos ter uma voz poderosa, com um grande alcance para fazer uma boa performance. Nota: 8,5 

Luana:  Dentre todos os acts do Blake, Zach tinha a melhor estratégia. Ele realmente veio para o tudo o nada. “The Climb” para o Zach parece até cômico, mas em teoria, poderia ser o momento dele realmente mostrar algo vocalmente. Não foi ruim e ele até segurou a música legal, mas será mesmo que isso é suficiente para levar alguém à final? Sei lá, né. Nota: 8,0 

Lucas: Zach é um cantor que mostra em diversas partes muita limitação vocal, porém, confesso que ele trabalha bem com suas limitações.  Ele pegou uma ótima música e fez uma performance boa. Por mais que tinham alguns momentos em que eu esperava ele mandar uma nota alta e ela não vinha, ele soube conduzir a música, a performance ficou cada vez mais interessante e me prendeu até o final. No contexto geral, mandou bem. Nota: 8,0 

Dam: Porque deram The climb para o namorado da Barbie minha gente? Por quê? Posso até estar contrariando muitos, mas eu achei a performance sofrível, sem sentimento e sem expressão nenhuma. Não ornou, senti o cheiro do cagaço, e ele veio aqui mana. Nota. 6.0

Madi 1

MADI DAVIS – “BIG GIRLS DON’T CRY” BY THE FOUR SEASONS

Lindomar: Madi é a cantora mais singular, mais única de todo esse top 9, ela tem as escolhas musicais mais inusitadas, até porque é ela que escolhe TUDO, escolheu sempre nesses lives. A música de hoje, quando ouvi o preview eu achei bem chatinha, para mim ficava sempre repetindo o refrão de certa forma, ao vivo, a história mudou, ela inseriu toda sua magia na música e nos levou a uma viagem, que ficou ainda mais sublime com esse belo cenário, trouxeram um JARDIM para o palco do the voice. Nota: 9,0

Luana: Antes de mais nada… QUE CENÁRIO LINDO! Adorei a vibe da apresentação da Madi e a admiro muito por fazer tudo sozinha até agora, já que o Pharrell só sabe perguntar o que ela vai cantar toda semana e dizer “lembre-se, cante com o coração”.  Nota: 8,5 

Lucas: RAINHA! Madi é incrível, tem uma voz incomum e essa semana trouxe a performance mais linda e fofa da temporada. Foi o cenário mais lindo que já vi no programa, uma performance rica em arranjo, sonoridade e beleza. Depois dessa performance, Madi não estar na final será injustiça. Se pegar QUALQUER um dessa competição, com a melhor voz, não consegue fazer uma performance de tamanha beleza quanto essa. Arrasou mulher!!!! Nota: 9,8

Dam: Sem duvidas Madi virou a menina dos meus olhos. Amei tudo nessa performance, a song choice caiu como uma luva, o cenário parisiense que trouxe um ar leve e ao mesmo tempo Sofisticado. Eu me senti em um lugar todo cor de ROSA,repleto de unicórnios, onde,  drag queens  voavam  e as nuvens eram  de algodão doce. Para mim isso é o paraíso. Nota: 10.0

Emily

EMILY ANN ROBERTS – “9 TO 5” BY DOLLY PATROL

Lindomar: Chocado que Emily saiu de sua zona de conforto logo nas semi finais e foi com uma canção mais agitada e de difícil execução, para mim ela foi ótima, mostrou versatilidade, sua voz analasada não estava irritando, ela mostrou presença de palco, ela brincou com a letra e fez uma performance coerente para a semi final e quem sabe não garantiu seu ingresso para a final?? . Nota: 10

P.S: Desde que falaram que ela parecia com Sandy (em questão de voz), fiquei imaginando ela cantando: “abre a porta mariquinha…” 

Luana: Apesar de achar a songchoice bem fora de hora, porque definitivamente não era o momento de vir com uma up-tempo, tenho que admitir que a Emily vem se superando e foi incrivelmente ótima hoje. A música é muito compassada e rápida e exige um domínio do palco muito grande também; e Emily não falhou em nada, aguentou a música muito bem, não ficou ofegante, não foi fraco nas notas e ainda trabalhou o palco muito bem. Na minha humilde opinião, ela merece SIM uma vaga na final. Nota: 9,5

Lucas: Existem aqueles candidatos que têm voz ótima, mas não é uma estrela (caso de Shelby) e existem aqueles que não são donos da melhor voz, mas que possuem um certo brilho, e pra mim esse é o caso de Emily. A voz dela já me incomodou muito, mas é evidente que ela foi uma das candidatas que mais progrediu na competição e que nessa semana foi dona de uma performance ótima, divertida, entretendo o público e com certeza o destaque entre os countrys. Pra mim, sua vaga na final é mais que merecida. Nota: 9,0 

Dam:  Não é que eu amei a performance da garota? Por favor, me deem um tiro na boca. Achei a performance uma mistura de final de filme da Barbie com Hannah Montana que cativa e faz você querer cantarolar a música na cabeça. Nota: 9.0

Amy 1

AMY VACHAL – “TO MAKE YOU FEEL MY LOVE” BY BOD DYLAN

Lindomar: Depois de levar alguns hits do pop para o seu mundo, Amy apostou em algo mais emocional e tocante e fez uma performance mágica, antes de falar da performance o que foi esse cenário com esses guardas chuvas todos virados ao contrário? EU AMEI! Eu amei a abordagem que ela deu em To Make You Feel My Love, com apenas um violão e deixando sua voz se sobressair como nunca tinha acontecido antes, acredito que foi sua melhor performance no programa, eu amei simplesmente tudo, Amy é a artista mais criativa de todo esse top 9. Nota: 10

Luana:  Awwwwwww, a magia da Amy é eterna mesmo! E sim Amy, eu sinto o seu amor! Ai gente, eu nem tô sofrendo de amor, nem nada, mas eu quis chorar nessa apresentação! Os vocais da Amy são muito delicados e tocantes, derretem o coração de qualquer um! E ela veio com sua maior estratégia, guardou a música emocional e o violão pro momento mais crucial, espero do fundo da alma que tenha sido suficiente para levar meu anjo para a final!  Nota: 9,0 

Lucas: Amy pra mim é a maior artista da competição. Criativa e dona de uma voz perfeita. Ela simplesmente me fez viajar por cada palavra que cantava durante sua performance. Foi tudo tão lindo!! Mais uma vez o cenário tava incrível, a guitarra foi bem encaixada na performance e Amy mandou muito. Ela tem tantas performances boas que não consigo decidir qual é a melhor, mas com certeza essa briga pra ser sua melhor na temporada. Nota: 9,0 

Dam: Por ser fã de Bob Dylan eu achei a performance em si um pouco abaixo das minhas expectativas em relação a Amy cantando essa música. Mas no final da performance quando eu ouvi a voz dela meio tremula, pude perceber o quão imersa ela estava naquele momento e sentir todo peso emocional que ela deu a música, fazendo com que uma lagrima descesse pelo meu rostinho lindo de boneca de porcelana. Nota: 9.0

Jordan (1)

JORDAN SMITH – “SOMEBODY TO LOVE” BY QUEEN

Lindomar: SIMPLESMENTE A MELHOR PERFORMANCE DA HISTÓRIA DESSE PROGRAMA, superou todas as minhas expectativas, foi incrível, abusou dos vocais, fez notas como se fosse Christina Aguilera, teve atitude, teve presença de palco, teve coral, teve falsete e teve um final espetacular que começou com uma nota suave, continuou com uma subida fodástica e terminou LACRANDO TUDO! Eu posso dizer que essa performance ficara marcada na história, já estou imaginando um dueto na final com Christina Aguilera e os dois cantando “It’s Man’s Man’s World”, porque não?? E gente o momento em que ele da um sorrisinho pro coral? SENSACIONAL  Nota: MELHOR NOTA QUE POSSO DAR, MAS MERECIA MAIS – 10

Luana:  Não sei o que dizer, só sentir. O QUE FOI ISSO, SOCIEDADE? O QUE QUE FOI ISSO? No momento que o Jordan finalizou a música, já podia ter começado a cair os confetes e o Carson já podia vir do fundo trazendo o troféu, porque PELO AMOR DE DEUS, QUEM VAI FAZER MELHOR QUE ISSO?! No ensaio quando o Adam disse “go Aguilera on it” (“faz a Aguilera, bicha”), eu ri e pensei “ficou doido, coitado”, eu NUNCA PENSEI que o Jordan tinha a capacidade de baixar a Aguilera de verdade, GENTE ELE É UM HOMEM, HELLO!!! Enfim, não me odeiem por estar louca aqui, mas pelo amor de Jesus Cristo, eu tô em choque, fight me bitch. Nota: 10 

Lucas: Só vou deixar uma coisa bem clara: não importa o que eu escrever aqui, vocês nunca terão noção do que senti por essa apresentação. Jordan se superou em todos os aspectos: vocais melhores do que nunca, presença de palco ótima (quem diria?) e emoção necessária. Agora só pra falar, FOI PERFEITO, ME ARREPIEI TODO E AINDA CAIRAM LÁGRIMAS DOS MEUS OLHOS. Tenho nem palavras pra agradecer Jordan por essa que talvez seja a melhor performance da história desse programa. Nota: 10 

Dam: Traz a bacia que eu acabei de mijar as cataratas do Iguaçu!!! Viaaaado eu to mais arrepiada que sensitivo recebendo visitação de espírito, tremula igual vara verde. O que foi esse tiro de canhão? Desde quando ele desceu as escadas pisando na cabeça das inimigas até a hora em que ele ajoelhou finalizando o lacre, a única coisa que veio em minha cabeça foi: Que lacre! Que samba! Que destruição! Viado me abana! Eu estou morta torrada na Deline depois desse massacre em massa. Nota 10.0 (Mas era para ser mil)

ITUNES

Captura de tela 2015-12-08 18.10.01

Que loucura foi o ITUNES minha gente, 27 minutos após acabar o programa, JORDAN SMITH simplesmente já ostentava o primeiro lugar barrando Adele, em questão de menos de 2 horas, SETE participantes já estavam no TOP 10, depois Barrett entrou e completamos o recorde de 8 candidatos ocupando o TOP 10 do Itunes, apenas a minha querida Shelbynha não chegou lá, mas ficou próximo ocupando a posição 18. Quem está ai e não deveria estar? BRAIDEN, simplesmente o #GospelCard funcionou muito bem e ele chegou a ocupar a posição #4 mas foi ultrapassado e foi ficando para trás! GRAÇAS A DEUS! Barrett também não fez nada espetacular, e poderíamos questionar de certa forma sua presença, mas essa fase é quase a final para todos, então é compreensível.

Os dados de vendas indicavam Jeff, Madi, Amy e Emily extremamente próximos, indicando que dois deles devam ocupar as outras duas vagas diretas para a final e os outros dois vão disputar o Instant Save com mais um candidato entre Braiden, Zach e Barrett. Shelby deve ser eliminada direto, meio óbvio. Apostaria por conta de torcidas espalhadas por ai, e por serem de Team Adam e Blake, que Amy e Emily devem avançar junto com Jordan diretamente e que Jeff ou Madi seram a opção do Twitter para compor a final, mas está tudo obscuro, não podemos afirmar nada. Se essa eliminação de um por semana foi um CU, Mark Burnett queria emoção pra final e promoveu um massacre épico e que deixou todos nos curiosos pra saber quais os candidatos que irão a final.

jogo ines

– Para Mark Burnett (Produtor do The Voice)

Deem uma olhada nos charts de Jordan, resta alguma dúvida do poder desse homem? Isso ocorre no The Voice pela terceira vez em nove temporadas, temos um vencedor bem claro, vai ser dificil alguém tirar o título dele, pelo menos é o primeiro desses casos onde o cantor realmente é ESPETACULAR e merece vencer. Os outros casos foram Danielle Bradberry na Season 4 e Sawyer Fredericks na Season 8. 

Captura de tela 2015-12-09 01.52.09

12316674_1021777377872751_5840874966537217835_n

– Para Jordan Smith, BARRADOR DE ADELE! (Créditos para o Ayrton Alves)

LIVE RESULTS 

Comecei o programa todo me TREMENDO, nunca estive tão nervoso em uma semi final em nove temporadas, a noite começou com Cassadee Pope, a vencedora de mais sucesso do show até aqui, apresentando seu novo single, que é sensacional, tem uma vibe mais pop e um refrão gostoso.

Sem mais delongas fomos para o anuncio dos finalistas, Carson fez um charme, um pouco de mistério e anunciou:

1º FINALISTA: JORDAN SMITH

Fomos aos tradicionais comercias e veio o segundo anúncio:

2º FINALISTA: EMILY ANN ROBERTS

Estávamos todos animadíssimos para o resto dos anúncios, mas antes tivemos uma deliciosa performance da legendária Dolly Parton, com uma de suas músicas favorita “Coat of Many Colors”.

E ai veio o anúncio do terceiro finalista, e só digo que um TIRO doeria menos, fui surpreendido de certa forma e a torcida fanática de Blake mostrou sua força:

3º FINALISTA: BARRETT BABER

JORDAN, EMILY E BARRETT (Surpreendemente na FINAL)

Jordan e Emily não são surpresas, fizeram por merecer estar nessa final, sei que muitos odeiam Emily, tem a voz analasada, é countryzzzz, mas ela se superou, foi uma das artistas que mais evoluiu no show e mostrou versatilidade nos lives, se arriscou muito nas semi finais e mereceu sua vaga, em relação a Barrett, acredito que sua presença aqui, é exclusivamente pelo poder do country nos USA, ele tem uma grande torcida desde o início que apareceu nos playoffs e voltou a aparecer forte na semana passada, ele chegou para as semi finais bem, vindo de uma boa performance, e se arriscou também, mas não foi uauuu, se for ver, Barrett de todo o top 9 estaria a frente de Sunshine e Shelby apenas em relação a merecer uma vaga na final. Enfim, não temos muito o que fazer, pelo menos não é BRAIDEN nessa terceira vaga.

Após o anuncio do TOP 3, Carson anunciou os três candidatos que participariam do Instant Save e disputariam a última vaga a grande final. Os anúncios foram feitos na seguinte ordem:

JEFFERY AUSTIN

MADI DAVIS

ZACH SEABAUGH

Sim, minha gente AMY RAINHA VACHAL nem para o instant save foi, eu estou PUTÍSSIMO, em termos de resultados dessa final fiquei puto com duas coisas: Barrett na final e Amy eliminada direto, Amy é a candidata que esta mais próxima de ser uma artista original, que poderia gravar algo seu e de certa forma ser único, ela está pronto para o sucesso, sua trajetória mostra isso.

Sendo assim os primeiros eliminados nessa noite do massacre com muita dor e sofrimento por Amy e por Shelbinha, foram:

BOTTOM 3 PERFORMANCES

ZACH SEABAUGH – “LIVE LIKE YOU WERE DYING” BY TIM MCGRAW

Zach abriu a noite do bottom com um clássico do country, e ele estava nervoso, trêmulo, o peso do bottom bateu sobre sua pouca idade, ele até começou bem, mas foi decaindo durante a performance, seus vocais foram piorando, e Zach manda muito melhor em algo mais animado e com presença de palco, escolha errada para o bottom.

MADI DAVIS – “DON’T DREAM IT’S OVER” BY CROWDED HOUSE

Madi pode ter um timbre único, ser maravilhosa e rainha, mas foi consumida pelo nervosíssimo nessa performance, começou bem, mas nos refrão ficava claro que ela não estava bem, mas mesmo assim, ela fez uma linda performance, além do mais que cantaria essa linda música nesse programa?

JEFFERY AUSTIN – “MAKE IT RAIN” BY ED SHEERAN

Jeffery, o one chair, aquele que ninguém notava a existência nas batalhas e nocautes, que surgiu nos playoffs como uma grande força e chega no bottom simplesmente destruindo e fazendo uma performance que entra para os melhores momentos dessa temporada, ele estava impecável, realmente ele conseguiu colocar toda a atitude, toda aquela raiva e fez a performance da sua vida, saiu do palco aclamado, e como favorito para ser salvo.

As votações rolaram pelos cinco minutos e pelo placar mostrado durante o show, Jeffery estava disparado na frente, com aproximadamente 44% dos votos contra 32% de Zach e 24% de Madi, e no final do programa Carson anunciou o quarto finalista do show:

4º FINALISTA: JEFFERY AUSTIN

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Chegamos ao momento das últimas considerações.. se eu gostei da final? Não sei, existe um misto de sentimentos por dentro de mim, meus favoritos eram Jordan, Amy e Jeff, e tenho dois deles presentes, mas a falta de Amy e a presença de Barrett me incomoda, acredito que se fosse Madi no lugar não sentiria essa sensação, mas é estranho.

Acredito que muita gente que vai ler a review estará triste por Madi ou por Amy, ou por Zach, Braiden ou Shelby, mas faz parte do jogo, esse novo formato de eliminar cinco candidatos de uma única vez é perverso, acima de tudo cruel, é melhor sofrer parcelado com dois indo embora a cada semana! HAHAHA

Na final espero não ter surpresas, quero muito ver Jordan vencer e trazer seus amigos de volta para performar: Amy, Evan e Korin e também Jeffery e seus amigos: Ellie! Estou curioso para saber quem serão os convidados e pelo dueto de Adam e Jordan que minha gente, existem rumores que pode ser Bohemian Rhapsody (pelo menos era o desejo de Jordan algumas semanas atrás).

Espero muito que Jeffery seja vice-campeão ou terceiro colocado, foi o #OneChair que foi mais longe na história desse programa que eu me lembre, já fez história, parabéns a Gwen Stefani por acreditar nele e o trazer até aqui.

Emily é outra que espero que acabe em segundo ou terceiro fez por merecer sua presença, fez muita gente que odeia country e não curtia ela, passar a vê-la com outros olhos, entre os cantores countries da edição foi a artista que mais merecia estar aqui.

Barrett é o finalista que vem das blinds, foi o destaque, foi pimpado pela produção, pai de família, bonito, cantor de country tradicional, muita torcida, chega a final e espero que acabe em último!

No ranking dos paneleiros resumidamente Jordan lidera disparado, para montar esse ranking considerei apenas as performances após os nocautes, considerando apenas os shows ao vivo.

Jordan Smith – 187,5

Jeffery Austin – 174,3

Barrett Baber – 159,5

Emily Ann Roberts – 151

Abaixo segue algumas enquetes sobre SemiFinal/Final, respondam por favor, espero vocês nos comentários e espero vocês até a próxima final para a grande final do programa.

lindomar

gostou da matéria? deixe um comentário!

Lindomar Albuquerque

Amado por 30 milhões de Brasileiros! Paulista, Canceriano, 25 anos, Químico e atualmente faço Doutorado em Biotecnologia e Polímeros. Me achou nerd neh? Sou mesmo! Amo uma boa banda alternativa/indie, fã número 1 de Imagine Dragons e adoro perder um bom final de semana maratonando séries! P.S. Sou bebadô também gente, me chama para uma cerveja e para falar de série!


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu