Posts Populares

The Voice US – S10E23/24 – Top 9 Live Performances and Elimination

Percebe Ivair, a petulância da produção?

Mais uma semana de Live Shows, e a antepenúltima da temporada. Temos apenas mais 2 semanas de décima temporada. E que venha a décima primeira temporada, cheia de novidade e renovação. Confira as novidades clicando AQUI.

Se na semana passada tivemos songchoices duvidosas, nesta semana foi praticamente a mesma coisa. Nestas duas últimas semanas os candidatos se equilibraram de uma forma que fica quase impossível prever quem serão os quatro finalistas. Adam, Alisan, Laith, Mary Sarah, Hannah, Bryan e Shalyah fizeram boas apresentações e deixaram tudo indefinido para o massacre das semifinais, onde teremos 4 candidatos eliminados e 4 classificados para a final.

Mais uma vez, a produção zuou com a nossa cara. Os 3 últimos candidatos da semana passada foram os mesmos 3 últimos dessa semana, só que em uma ordem diferente. O Team Xtina continua sem figurar no death spot. Aliás, desde os Knockouts o Team Xtina não abre um programa. E tem gente que ainda me diz que a produção não está protegendo a única mulher da bancada. Já disse e repito: acho justíssimo Xtina vencer uma temporada e acho justíssimo que seja com Alisan. Mas a produção tá errando na mão na hora de favorecer a coach. E não é implicância minha não, pois o povo americano também já notou que tem coisa errada aí. Vamos esperar os próximos capítulos.

Nesta semana tivemos Florida Georgia Line, uma dupla country, apresentando seu single novo “H.O.L.Y.”. Além disso, Gwen e Blake se juntaram para uma parceria do novo álbum de Blake e foram apresentar o single cheio de shade “Go Ahead and Break My Heart”, que você confere abaixo:

Nesta semana, Nye e Michel vão me ajudar nos comentários. Lembrando que os dois tem histórico em realities aqui no site e que nenhum de nós 3 somos formados ou profissionais em músicas. Dessa forma, nossos comentários são baseados em nossas opiniões pessoas e só! De forma a protestar contra a palhaçada da produção com o Team Xtina, a review vai mostrar as apresentações de trás pra frente, da última para a primeira. Não que vá mudar alguma coisa no programa ou na leitura de vocês, mas foi a maneira que achei pra me expressar HAHAHA. Vamos lá!

[TEAM XTINA] Bryan Bautista – “1+1” by Beyoncé

Gerson: Bryan é a minha penitência nessas reviews. Nada do que ele faz eu gosto. Tá certo que hoje nem foi o pior dele, mas que apelaçãozinha hein! Eu não sei se Bryan é superestimado por todos que converso ou se ele se acha a última bolacha do pacote, mas minhas esperanças de vê-lo sair nesta semana foram embora com esse pimp spot. Quero Bryan rodando mais que pião do baú na semana dos massacres.

Nye: Primeiramente MAKE LOVE TO ME seu lindo! Não é pra qualquer homem cantar Beyoncé de forma tão maravilhosa, monamur. É pedir muito que ele cante logo Drake e que vocês levem ele para a final para um dueto com a Xtina? Seria meu sonho? Sobre a performance, só tenho a dizer que estou ON FIRE mais uma vez.

Michel: Que ótimo que o Bryan tenha tido seu pimp no dia da sua melhor performance nos lives. Foi muito interessante a escolha da música, amei o Bryan com essa canção, seus vocais estavam incríveis e seus agudos maravilhosos. Tudo se encaixou muito bem, o arranjo, o backing, a banda, foi uma performance espetacular e ótima para o Bryan que vinha caindo e hoje virou o jogo e entregou seu melhor momento até então.

SELO_RyanSillHoraExtra SELO_XtinaMyBody SELO_USHERYAYA

[TEAM XTINA] Alisan Porter – “Cryin’” by Aerosmith

Gerson: Para tudo, minha gente! Essa música é a cara de Alisan! Primeiramente, a songchoice foi perfeita e corajosa, pois é necessário alguém com atitude e gogó pra encarar o desafio. Achei uma apresentação bem forte e, mesmo com a gritadeira desgovernada, Alisan fez a melhor apresentação da noite, pra mim. Facilmente assumiu o posto de minha segunda favorita da temporada. Obs: Enquanto Emily só cantava música sobre coisas amarelas e Mary Sarah só canta música sobre macho, Alisan foca nas música sobre choro…

Nye: Essa mulher não existe, né gente? É uma estrela completa!! Música perfeita para mostrar seu lado suave e agressivo de uma só vez, além disso, sua voz não soou tão estridente como costumam criticar em algumas de suas apresentações. Semana após semana ao final do show dela eu fico em casa apenas falando: AMÉM ALISAN!

Michel: Essa mulher é muito poderosa, suas performances estão sempre entre ótimas e excelentes. Amei essa performance, em especial sua presença de palco que foi incrível. Sem sombras de dúvidas ela foi a melhor da noite, apesar que hoje não é sua melhor performance. Sou muito tiete da Alisan, gosto muito dela e venho gostando muito de sua versatilidade no programa, cantando do country ao rock.

SELO_choque_de_destruicao SELO_RIRILacrou SELO_XTINADIVA

[TEAM BLAKE] Adam Wakefield – “Love Has No Pride” by Bonnie Raitt

Gerson: Adam é meu Top 3 da temporada e é ótimo ver as apresentações dele semana após semana. Ele é o artista mais completo da competição, no meu ver, pois ele tem uma versatilidade musical ótima e também é um grande músico, tocando de tudo um pouco. A apresentação de hoje foi um replay do que ele vem fazendo: ótimos vocais, um piano/órgão/violão e uma música com personalidade. Sem dúvida, Adam é um dos favoritos dessa temporada, mas gostaria de vê-lo fazer algo diferente do que só ficar sentado. Quem sabe na final, não é?

Nye: O amor não tem orgulho, Adam, mas eu tenho e por isso me dói ter que achar você maravilhoso mesmo você representando tudo que odeio nesse programa, mas é aquele ditado: “Vamo fazer o que?”. O que me deixa mais feliz em Adam é que a cada semana ele traz algo diferente ao invés de mais do mesmo, como Blake costuma fazer com seus competidores SEMPRE. A única coisa que que eu sugiro é que ele comece a se movimentar nesse palco, pois chega dessa zona de conforto monótona.

Michel: Olha tenho que ser bem sincero, dou maior valor aos candidatos que conseguem me surpreender e arrancar elogios meus, sendo nem de longe meu favorito, e Adam é um desses. Não torço por ele, mas sua performance hoje foi incrível, sua voz tem uma vibe soul que amo e hoje isso ficou bem evidente pra mim. A apresentação de não ter sido “uau” pra mim, foi muito bem defendida pelo Adam que fez um excelente trabalho com ela.

SELO_ItsHappeningGwen SELO_AdamBrilhou SELO_AdamMandouBem

[TEAM ADAM] Laith Al-Saadi – “We’ve Got Tonight” by Bob Seger & The Silver Bullet Band

Gerson: O Team Adam adora dar um tiro no pé! Pra mim, esta foi a pior apresentação de Laith nos lives. Achei bem sem sal, bem sem graça e bem esquecível. Laith tem personalidade e é isso que ele deve mostrar no palco. Esta apresentação só me trouxe uma sensação: Sono. Espero ver Laith arrasando novamente como vimos nas últimas semanas. Isso se ele quiser uma vaguinha na final…

Nye: Hoje pudemos ver um lado mais soft do ‘Leite’ e finalmente uma apresentação focada completamente em sua voz e em sua conexão. Foi maravilhoso? Foi. Porém, realmente acredito que se limite ao OK e volta ao seu forte na semana que vem. Quando escutei a prévia no iTunes estive acreditando que ia ser a melhor performance dele no programa, mas acredito que ele realmente nasceu pra ser mais o cara ROCK N’ ROLL.

Michel: Depois de vim arrasando semana após semana, nesse último episódio o Laith fez uma performance menos impactante que as últimas, porém com um nível de qualidade excelente. Laith é um dos candidatos mais consistente no reality e sem fazer muito alarde, vem conquistando aos poucos o posto de favorito da season.

SELO_Sawyer_Dormi SELO_AdamMandouBem SELO_Arrasou_Blake

[TEAM ADAM] Shalyah Fearing – “A Change Is Gonna Come” by Sam Cooke

Gerson: Que amorzinho essa menina hoje! Shalyah tinha uma ótima música e capacidade suficiente de fazer uma apresentação inesquecível! Ficou no quase. Infelizmente nossa menina tem batido na trave todas as semanas, o que nos deixa com dúvida se ela estará no Bottom ou não. Acho Shalyah esforçada e extremamente talentosa, mas ela é uma pedra que precisa ser lapidada e acho que Adam está com preguiça de fazer isso. Ou é isso ou ele perdeu a mão. Prefiro pensar que é preguiça…

Nye: Recuperou a voz, hein amor? Shaly sofre do mesmo mal de Hannah, porém diferentemente, a culpa tem sido de sua voz que parecia ter sumido durante a competição, mas NOT TODAY SATAN. Finalmente ela veio nos lembrar o quanto é maravilhosa e sambar na cara das recalcadas. Tudo se encaixou e o samba foi certo!

Michel: Amei essa apresentação da Shaly, ela estava superconfortável no palco e interpretou a canção com muita personalidade e atitude. Outra coisa que amei na apresentação, é que ela se arriscou bastante vocalmente e mandou muito bem. Ela é uma grata surpresa no programa, vem evoluindo e conquistando seu espaço no programa e não me espantaria nada vê-la na final.

SELO_GagaXtina_NaoFoiDessaVez SELO_InesArrasouVIADOO SELO_XTINADIGNO

[TEAM PHARRELL] Hannah Huston – “Say You Love Me” by Jessie Ware

Gerson: Hannah em sua melhor forma! Que Hannah é a breguice em pessoa todos sabemos. Mas achei essa apresentação tão singela e linda (até o coral entrar), que ela merece um lugarzinho no meu coração. Hannah é uma ótima vocalista e merece estar na final, com certeza. Mas que ela entre no seu DeLorean (o carro de “De Volta para o Futuro”) e venha cantar umas musiquinhas desse século né!

Nye: Aleluia algo decente, né Hannah? Uma pena essa maravilhosa estar sendo boicotada por péssimas songs semana após semana. Vejam o potencial maravilhoso dessa mulher e é uma pena perceber que talvez seja tarde para ela acordar para a competição. Amei como ela se conectou com a músicas e como as diferentes nuances de sua voz foram exploradas.

Michel: Hannah estava mais linda que nunca, acompanhada de um palco maravilhoso e um coral lindo. Sua performance foi tocante, expressiva e bem executada vocalmente. Acho que a única coisa que vai pesar é que a música marcou muito com Jeff, sendo assim comparações são inevitáveis e Jeff reina com essa música né? Mas tirando esse fato, Hannah foi maravilhosa, mas ainda espero por algo mais impactante e único na voz dela.

SELO_USHERYAYA SELO_GwenAMEI SELO_XTINAISSOAI

[TEAM XTINA] Nick Hagelin – “Hold On, We’re Going Home” by Drake

Gerson: Amém! Que você esteja indo pra casa mesmo! Eu bem tentei dar uma chance pra Nick, mas aí destruir uma música do meu cantor favorito é demais! Quando ouvi a prévia eu sabia que vinha merda, pois tinha falsetes demais e Nick não é bem um mestre no quesito falsetes. No geral, a apresentação foi bem… bem bosta! A pior da noite e digna de eliminação.

Nye: Que porra foi essa que eu acabei de assistir? Não sei o que foi pior, o começo da música onde o Nick era o seu próprio backing vocal, a roupa, a dancinha meio balé clássico, as partes não cantadas da música… única coisa que salvou essa apresentação foram os 0,5 segundos onde a Xtina apareceu belíssima sorrindo provavelmente por saber que finalmente vai se livrar do Nick.

Michel: Saindo de uma performance ruim, segura que veio outra pior (é o raio cai sim duas vezes seguidas no mesmo lugar). Nick como Paxton, vem se arrastando ao longo das semanas, o seu maior erro é insistir nos seus falsetes muito mal executados, hoje foi o seu maior erro. Achei a performance muito fraca, sem vida e muito inexpressiva, por visto que já vi várias interpretações maravilhosas dessa música, em especial da Sheena (The Voice UK Season 4), a performance do Nick é apenas esquecível.

SELO_XTINANAOMERECOISSO SELO_AdamAfundouMaisQueoTitanic SELO_BLAKENOSSASENHORADASCAGADAS

[TEAM BLAKE] Mary Sarah – “My Church” by Maren Morris

Gerson: Quem não conhece a música acha que é gospel, mas Mary saiu das velharias e pegou uma música do momento, pra arrasar. À princípio eu achei uma escolha bem cagada, mas ao vivo Mary sempre cala a minha boca. Não à toa ela é minha preferida na competição. O carisma, a técnica e a presença de palco de Mary são um pacote completo pra uma ótima artista country! Merece estar na final sim! Merece isso e muito mais!

Nye: A família tradicional estadunidense pira com tanto louvor. Semana passada, maria veio com um show de machismo e hoje com um show country-gospel. Tem como ser mais apelativa? Como euzinho passo longe de tudo que seja tradicional, eu simplesmente oro para que essa pobre alma seja salva por santa Cher.

Michel: Foi legal, mas bem karaokê né? A performance toda foi bem morna, mas por conta da escolha da música que não ofereceu à princesinha country um momento de destaque. Talvez os countries tenham adorado, porque a música é bem típica do gênero, mas eu confesso que achei bem mais ou menos, ao menos pra mim é a performance dela que menos curti nos lives.

SELO_AdamAMEI SELO_XTINAXOCOUNTRY SELO_AtéQueFoiBem

TeamMarySarah2

[TEAM BLAKE] Paxton Ingram – “I Wanna Dance with Somebody (Who Loves Me)” by Whitney Houston

Gerson: PRA QUÊ eu fui defender Paxton semana passada? Lá vem ele com essas músicas animadinhas pra se cagar inteiro. E pior, cagar a música de Whitney. No mais, Paxton tá fazendo hora extra no programa, mas ainda assim prefiro ele a Bryan e Nick. Me desculpem, SQN.

Nye: Passa dia, passa semana e eu continuo me questionando como Paxton consegue continuar imune nessa competição. Achei a escolha da música boa para evitar o show de horrores que vem de sua voz, porém, esse arranjo realmente não dá pra defender. A parte boa é que não tivemos piruetas e a voz dele não soou tão irritante, o que eu duvidaria muito que não aconteceria com a versão original da música.

Michel: Queridinho você chegou tão longe, pra nos entregar isso? Paxton sempre foi o azarão da competição, aquele que toda semana acreditávamos que ia sair, mas acabava sempre ficando, porém dessa vez com fé nos americanos “sensatos” ele vaza. Sobre a apresentação, pegou um clássico, mudou o arranjo e ficou tudo bem merdinha, os vocais não estavam legais e o arranjo bem confuso.

SELO_Taylor_SeNemTinhaQueTaAqui SELO_PharrellSeuTalentoÉFalso SELO_BradberryDemonia

Além das boas apresentações de Alisan, Adam e Hannah, nesta semana também tivemos Jordan Smith, vencedor da nona temporada, dando as caras novamente, dessa vez pra cantar “I Lived” do OneRepublic, em homenagem às Olimpíadas Rio 2016. E com direito a passistas e tudo! A família tradicional vai à loucura!

.

RESULTADOS

Na noite das apresentações, meu ranking fica o seguinte: Alisan > Adam > Hannah > Mary > Shalyah > Laith > Bryan > Paxton > Nick. Dessa forma, já esperava um lacre de Alisan e Adam no iTunes, e o flop de Paxton e Nick, com esses dois figurando o Bottom 2, POR ESSA ÁGUA DE JESUS! O iTunes ficou da seguinte forma no fim da janela de votação:

13183165_1082426368447547_1013705179_n

Considerando o iTunes, Alisan foi minha maior surpresa, flopando e ficando atrás de Mary, Laith, Bryan, Hannah e Adam. Além disso, Laith lutou firme e finalmente conseguiu entrar no Top 10 do iTunes. Uma surpresa e tanto.

No programa das eliminações, tivemos as apresentações de James Bay, com o single não tão novo “Let it Go”, e Adam Levine e Connor 4Real, numa apresentação bem vergonha alheia e bem bagunçada.

Carson então começou a chamar os salvos pelo público, na seguinte ordem:

HANNAH HUSTON

BRYAN BAUTISTA

ADAM WAKEFIELD

LAITH AL-SAADI

MARY SARAH

ALISAN PORTER

SHALYAH FEARING

Por fim, os dois menos votados da noite de apresentações foram coincidentemente os dois piores, Paxton e Nick. Pra se salvar, Paxton cantou “How Will I Know”, de Whitney Houston, enquanto Nick cantou “Change the World”, de Eric Clapton.


Em uma votação apertadíssima, o anúncio foi feito e Paxton está nas semifinais! Graças a Deus Nick foi eliminado e dará uma folguinha pra nossos ouvidos. Dos males o menor. Numa semana equilibrada, tivemos mais uma eliminação justa (e tardia, diga-se de passagem). Nick foi pra casa e nem deixou saudades. Os WildCards eliminados seguidamente.

Na próxima semana vocês terão cobertura completa do massacre, com Lindomar e sua trupe comandando o show. Eu volto nas finais, para anunciar Alisan campeã, amém, aleluia.

Venha ser um Paneleiro! Clique AQUI pra saber participar da nossa seleção. Vocês terão até o dia 12/06. Aguardamos vocês!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Gerson Elesbão

Um @gerson incomoda muita gente, um @gersonrealoficial incomoda incomoda incomoda muito mais! É DC, é Marvel, é Netflix, é reality. Se a série for boa, chama no probleminha, bebê!

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu