Após meses de angustia, finalmente chegou a hora da volta triunfal de The Walking Dead!

Faltando apenas 2 dias para sua estreia, que tal conferir e relembrar o que ocorreu durante a quinta temporada de nossa querida série? Ajeitem-se na cadeira e vamos nessa então (coisa de tio isso… hahahaha).

A quinta temporada da série, foi dividida em duas partes com oito episódios cada. Para relembrarmos os fatos mais importantes da primeira parte, irei dar somente uma “pincelada” no que ocorreu, mas deixarei um link do nosso primeiro recap que foi exclusivamente feito para a primeira parte da temporada. Clique aqui para ver o primeiro recap

Fugindo de Terminus:

Após muito sangue derramado, Rick com a ajuda de Carol, conseguem escapar de Terminus. Basicamente Carol arquitetou um grande plano e Rick e seu grupo soube aproveitar a oportunidade para escapar. O grupo se reencontra com Carol, e com isso uma longa jornada começa com eles sem abrigo e sem rumo.

imagem 2

Morte de Bob:

Com Gareth (o líder do grupo de Terminus) e um pequeno grupo ainda vivos, ele busca vingança com o grupo de Rick. Com isso eles capturam Bob, e friamente o mata aos poucos, comendo partes do corpo dele.

imagem 4

Paradeiro de Beth:

Beth tinha sido “raptada” por um grupo misterioso, e não tínhamos informações de seu paradeiro até então. Descobrimos que Beth está no  hospital  Grady Memorial em Atlanta, lá apesar de aparentar ser um local seguro, Beth enfrenta uma gama de problemas, sendo um deles ter sido violentada e quase abusada sexualmente.  Daryl e Carol após seguirem pistas, descobrem o local onde Beth está, mas devido a um incidente, Carol é atropelada e levada até o mesmo hospital. Daryl volta então para o grupo de Rick, afim de iniciar uma “operação de resgate” para salva-las.

imagem 8 (2)

A verdade sobre Eugene:

Eugene que estava seguindo adiante junto com Abraham, Glenn, Maggie, Rosita e Tara, em um momento de desespero finalmente decide contar a verdade. Todo esse tempo ele estava enganando a todos (principalmente Abraham) apenas para ser protegido. Eugene dizia saber a cura para o que estava acontecendo, no entanto a única coisa relevante que ele sabia era que em Washington ele ouviu dizer que os cientistas estavam buscando a qualquer custo um meio para erradicar esse surto, e com isso, Eugene inventou toda essa história para se salvar. Claro que Abraham não iria apenas aceitar calado, e quase mata Eugene com socos.

imagem 7

Morte de Beth:

Após Rick e seu grupo colocar o plano em pratica, eis que surgem alguns contratempos na negociação da troca de Beth e Carol por um dos policiais de Dawn. Obviamente ela não concorda com a troca e com isso pede para que Noah também seja incluso. Rick se recusa, e Beth (por um motivo ainda desconhecido) vai até Dawn e desfere uma tesourada em seu ombro. Por reflexo, Dawn dispara a arma, e a bala atravessa a cabeça de Beth, matando instantaneamente. Daryl sem pensar duas vezes também mata Dawn, e a partir dai uma onda de desolação atinge todo o grupo.

imagem 11

imagem 12

Esse foram os fatos a ser destacados na primeira parte da temporada. Prosseguindo então, vamos continuar com a trama em seus melhores momentos da segunda parte.

Morte de Tyreese / Trama filosófica:

Sabemos o quanto The Walking Dead pode nos fazer refletir em diversos momentos, no entanto, nesse primeiro episódio a discussão sobre o tema abordado foi bem grande. Com a morte de Tyreese, a série nos entregou diversos dilemas e supostas dicas, de caminhos a alucinações. Eu não concordei com a morte de Tyreese (nem a de Beth, apesar de que devido seu “ato estupido” meio que mereceu). Diferente disso, Tyreese crescia exponencialmente na série, no entanto, todas essas mortes consecutivas foram feitas com um propósito: Colocar o grupo de Rick em um estado de devastação, onde pensávamos que não haveria mais esperanças, para no final acontecer uma grande reviravolta e o grupo se fortalecer novamente.

review twd 2

Grupo desolado / Aaron:

Como já citei acima, o grupo entra em uma onde de desolação. Sem abrigo e sem saber para onde ir, eles seguem sem um rumo definido em direção a Washington (mesmo sabendo que lá não é uma provável esperança). O fato de Daryl, Maggie e Sasha terem perdido pessoas queridas recentemente, deixaram os três em pior estado quase não contribuindo com o grupo.

episódio 10 daryl cry

No entanto alguns eventos acontecem… Alguém misteriosamente deixou várias garrafas d’água para eles no meio da estrada. Desconfiados, recusam o “presente”, porém o responsável por aquilo aparece, trazendo uma nova esperança para o grupo. Aaron, o misterioso homem, é um recrutador de uma comunidade. Claro que ao ouvir essa palavra Rick e seu grupo logo se desconfiam por motivos mais do que óbvios.

Alexandria e um novo começo:

Após relutarem, Aaron consegue convence-los a ir para Alexandria. Após passarem por algumas dificuldades no caminho, eis que finalmente conseguem chegar no tão esperado refugio.

alexandria 2

Um ar de esperança paira sobre o grupo, mas até onde eles poderão confiar nas pessoas de Alexandria? Como já citei mais acima, o drama cercado de “filosofia” por trás de algumas cenas de The Walking Dead cresceu ainda mais após a chegada do grupo de Rick em Alexandria.

ep 12 rick fazendo barba

Com novas funções, o grupo tenta se encaixar nos novos padrões impostos pela comunidade de Alexandria, porem ainda para alguns, está sendo difícil aceitar essa nova “mordomia”.

Morte de Noah:

Pensamos que tudo iria se acalmar, e que não haveria mais mortes… estávamos enganados. Saindo em uma missão, um incidente ocorreu, atrasando todo o grupo que estava junto. Infelizmente Noah fica encurralado por vários zumbis, e Glenn não consegue salva-lo de sua morte inevitável (e precipitada). Noah que já estava começando a ganhar destaque na série, morreu de forma bastante brutal, e foi triste ver a reação de Glenn sem poder ajuda-lo.

ep 14 noah

Transtorno de Rick e desfecho:

Rick começa uma relação afetuosa com Jessie, no entanto Pete, o marido de Jessie, não aprova a relação dos dois. Rick descobre que Pete agride Jessie, e com isso se transtorna e parte para cima dele. Após muito brigarem, e o sangue começar a cair, Rick se exalta, e começa a dizer algumas coisas que assustaram não só a comunidade, mas o próprio grupo dele.

capa ep 15

Sabemos que Pete estava errado, mas Rick foi ao extremo, dividindo a população da comunidade que exigia algo a ser feito em relação aos dois.

Em meio ao debate, eis que Pete “acidentalmente” mata Reg, líder da comunidade juntamente com sua esposa Deanna. Sem saber o fazer, Deanna apenas diz para Rick terminar com tudo, e sem hesitar, Rick mata Pete impiedosamente. No entanto, como um pequeno desfecho, Morgan, que veio seguindo o grupo de Rick desde o inicio da temporada, chega na hora em que Rick mata Pete, e fica chocado ao ver o homem em que Rick se tornou.

ep 16 rick e morgan

ep 16 morgan e rick

Prometendo ainda mais sangue derramado, a sexta temporada finalmente está para começar. Os wolves com toda a certeza darão trabalho para Rick. Alexandria já se mostrou ser bastante vulnerável, então podemos esperar algo de ruim acontecendo lá. Assim como um novo vilão, que estão prometendo aparecer ao fim dessa temporada, com o nome de Negan (considerado por muitos o pior até agora).

Fiquem ligados nas nossas reviews de The Walking Dead, e vamos torcer para essa temporada ser tão boa quanto a quinta. Obrigado a todos que acompanharam até aqui, e nos vemos em breve. 😀

Parceria TWD: ~> The Walking Dead – Walker Brasil

Ricardo Souza
Ricardo Souza

Hello, it's me... Rick, a pessoa que vos escreve com capricho e zelo (talvez sim, talvez não, nunca saberão). Estudante, aspirante e perseverante (esse ultimo adjetivo foi só para rimar). Ama escrever, e por consequência é estudante de Letras/Libras. Aqui no Panelas faz de tudo um pouco, séries, realitys e premiações.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: