Posts Populares

The X Factor AUS – S07E13/14 – Top 11 Perfomances and Results

Decades Challenge”

Hey guys, hoje estou estreando nas reviews do TXFAUS e terei a presença do meu parceiro Rick que fez todas as reviews passadas. Nesse segundo episódio dos lives, o tema dessa semana foi Décadas e a divisão foi a seguinte: Girls (80s), Boys (90s), Groups (00s) e Overs (Atual). Em relação as divisões eu gostei, foi interessante que deixaram o década atual para os overs e os anos 80 para as girls, uma escolha bem inteligente e que poderia render bons frutos. Sem mais demora, vamos rever tudo que aconteceu nesse episódio.

“The Fisher Boys – Beggin”

O grupo se apresentou até bem, a escolha da música favoreceu bastante a boyband, mas achei que faltou mais ousadia, tanto nos vocais quanto na presença de palco. Senti falta de uma apresentação mais energética e vocais mais desafiadores, o que vi hoje foi apenas mediano. Sinceramente, quanto mais vejo essa boyband, mais ainda me pergunto o porquê da Paris Inc não está aí???

RICK: Mostraram suas vozes, juntamente com ousadia. Ótima escolha de musica, combinou perfeitamente com eles. Mas digo novamente, estou saturado dessas boybands GENÉRICAS (revenge por Paris Inc).

Michaela Baranov – Holding Out for a Hero”

Não entendo o porquê a Danni insiste em transformar a Michaela em um artista pop? Poxa, toda a magia de Michaela está  na suas perfomances mais acústicas e emocionais, o tipo de artista dela é mais intimista, aquela que só precisa de um violão e sua voz para emocionar a todos. Era notável o quão desconfortável ela estava, mas apesar disso tudo ela não ficou a desejar nos vocais, apenas na presença de palco por conta do seus desconforto evidente. Espero que Danni selecione melhor as músicas dela e que principalmente faça escolhas a que deixem confortável no palco.

RICK: Infelizmente algo errado vem acontecendo com Michaela… essas escolhas musicais não estão favorecendo em nada ela. Foi uma performance fraca, vimos claramente que Michaela estava desconfortável lá no palco… Uma pena, pois ela tem potencial.

“Louise Adams – People Help the People”

Essa mulher vai longe, muito longe. Até agora não tenho uma perfomance dela que possa criticar ou dizer que faltou algo, Louise em todas suas perfomances sempre entrega o seu melhor e nunca decepciona. Dessa vez não foi diferente e fez muito bonito com a canção, gostei do arranjo que ela usou na música e começou de forma tão suave e aos poucos foi crescendo e crescendo, isso sem perder toda a doçura e leveza que a música pedia. Eu amo a música por motivos de Birdy, amo a versão da Birdy e também da também candidata do TXFAUS  2013, Jiordan Tolli, mas com certeza a versão de Louise será outra que tocará bastante em minha playlist.

RICK: Dessa vez veio com algo mais calmo e apaixonante, foi ótimo conhecer esse lado de Louise, e vimos o quão versátil ela pode ser. Fez um ótimo trabalho provando mais uma vez ser uma das favoritas.

Jimmy Davis – Black or White”

Gostei bastante das modificações que Jimmy fez na música, deixou mas a sua cara e assim fugindo do óbvio. Ele é um ótimo candidato, tem uma ótima presença de palco e é bastante carismático. Na perfomance desse episódio eu gostei, mas não achei nada “WOW”, houve algumas falhas nos vocais e preferi ele na semana passada, mas no final das contas apesar de que eu esperava mais dele, foi uma ótima apresentação levando em conta todo o conjunto.

RICK: Como eu disse anteriormente, Jimmy é possivelmente um astro do rock (ou pelo menos um aspirante a um). Conseguiu novamente se destacar, e aos poucos vem ganhando o publico. Torço muito para ele seguir em frente.

“Georgia Denton – Listen to Your Heart”

Georgia foi bem melhor que na semana passada, porém ela ainda está perdida nos lives e bem inferior ao que nos apresentou nas fases anteriores. Tudo isso se deve ao trabalho que a Danni tá tendo com ela, a música não favoreceu nem um pouco a Georgia e senti que no refrão faltou mais potência nos vocais, a apresentação ficou muito linear, faltou aquele momento “explosivo”. Ela foi melhor que semana passada, porém precisa melhorar bastante, tendo em vista que na última semana ela de cara foi pro bottom.

RICK: Agora sim veio com algo que casou com sua personalidade. Georgia apesar da idade, aparenta ser tão madura, e isso grande parte se deve a sua grande voz. Voltando do showdown, Georgia conseguiu ir bem, e aqui nessa performance provou sua merecida permanência.

In Stereo – My Life Would Suck Without You”

Do top 11, pra mim essa boyband é o pior desparrado. Os vocais são péssimos e suas perfomances são muito amadoras , não sei o que Guy e o público australiano vê neles, por visto que a Austrália na temporada passada levou os Brother 3 até as finais, mas ao menos os garotos era afinados. Bem novamente os garotos não foram bem, contudo só os defendo  hoje porque cantar Kelly Clarkson não é pra qualquer um né? Guy ao menos dá umas músicas mais ao alcance deles pfv.

RICK: Já estou saturado disso, de toda essa gritaria… E cada vez que passa meus ouvidos ficam mais rigorosos com In Stereo. Vi algumas falhas de harmonia, )talvez por tantos gritos da plateia). Não quero que ocorra injustiças nesse TxF, porque sabemos que tem competidores muito melhores que eles… mas se depender desse publico, eles vão acabar indo muito longe.

Mahalia Simpson – Hello”

Que voz mais linda, tão suave e tão diferente. A escolha musical acho que não a favoreceu muito, porém acho que ela conseguiu oferecer uma ótima perfomance com a música que a foi dada. Esse ano Danni tá vacilando bastante e pior é que esse ano ela tem um time forte e na minha opinião está deixando muito a desejar, mas ao menos Mahalia conseguiu se virar bem e pra mim apresentou uma perfomance digna e muito gostosa de se ouvir, só achei que ficou muito linear, esperava que ela colocasse mais força no refrão.

RICK: Hello” o que dizer dessa  musica? Com a voz de Mahalia… foi “match” perfeito! Mahalia vem apostando cada vez mais em sua versatilidade, dessa vez nos levou para algo sutil, mas mesmo assim contendo uma pegada sensual e apaixonante. Foi muito bom de se ouvir, e vemos que a confiança dessa garotinha cresce cada vez mais.

Jess & Matt – Ignition”

Essa dupla é super linda, seus vocais são sempre consistentes e tem uma sintonia incrível. Hoje nos trouxe uma versão bem descontraída e pra mim foram um dos melhores da noite. Sem sombras dúvidas eles são o melhor act do Guy e são um dos meus prediletos na competição.

RICK: Essa dupla vem se destacando cada vez mais. Que performance contagiante e animada hahaha. Foi muito bonito de ver eles cantando algo mais despojado, fugindo dos clichês de duplas. Ótima performance.

Cyrus Villanueva – Wicked Game”

Cantando uma música do seus próprio coach, Cyrus defendeu muito bem a canção e nos apresentou uma perfomance maravilhosa. Soube transitar muito bem entre os momentos mais suaves e mais fortes da canção, sem contar nos seus belos falsetes. A apresentação foi ótima, estava bem conectado com a música, o arranjo o favoreceu bastante e  seus vocais estavam impecáveis.

RICK: Cyrus vem provando ser o melhor dos boys. Mas uma vez conseguiu mudar tudo em uma música e transformá-la em algo próprio. Cyrus tem uma grande capacidade e é incrível a facilidade com qual ele consegue fazer isso. Uma das melhores performances da noite!

Natalie Conway – Break Free”

Que perfomance hein? Poxa, a Natalie tem provado que está muito bem preparada pro cenário pop atual. Hoje deu um show em todos os sentidos, nos vocais e nas coreografias, tô gostando bastante da artista que ele vem se transformando nos lives. É muito bom ver um over tão pop e atual como ela e espero que ela continue seguindo nessa linha mais contemporânea e pop.

RICK: Mas uma vez veio sambando hahahaha. Natalie parece que descobriu a artista que quer ser, e bem, combinou muito bem com ela essa “nova” personalidade. Mais uma vez mostrou poder, em uma performance bem coreografada e ensaiada. Mas até quando ela manterá esse nível sem que soe enjoativo?

Big T – Don’t Let the Sun Go Down on Me”

Nunca gostei do Big T, sempre acho suas apresentações datadas e sem sal. Nessa perfomance não foi diferente, pra mim ele foi preguiçoso ao não mudar em quase nada o arranjo da música, não tem nenhuma presença de palco e eu particularmente não o acho nem um pouco carismático. Apresentou ótimos vocais, mas pra mim foi só isso, faltou mais originalidade e personalidade na sua perfomance.

RICK: Que coisa mais karaokê foi essa? Se Big T se mexe perde o folego, se fica parado parece uma múmia em um show de karaokê. Assim fica difícil… mesmo tendo uma boa voz, somente isso não adianta. Sem contar que a produção não contribuiu muito nessa performance. Lamentável.

Assim foi a noite do segundo episódio dos lives. Para mim os destaques do episódio foram Louise, Cyrus e Natalie, já os piores pra mim ficaram entre In Stereo e The Fisher Boys. Como sabemos, no TXFAUS podemos esperar de tudo, mas de tudo mesmo. Vamos lá rever o episódio dos resultados do segundo episódio dos lives.

RESULTS

A noite de eliminação teve início com a já tradicional perfomance do top 11 e eles dessa vez eles perfomaram ao som do hit de Olly Murs feat Demi Lovato, eu super gostei, achei uma apresentação leve e muito boa de se ver, todos pareciam bastante confortáveis e se divertindo durante a perfomance, clique aqui para assistir.

E então começou o momento mais temido pelos participante, na qual foram chamados um a um até restarem os dois candidatos menos votados que iriam disputar os votos dos jurados para prosseguir na competição. Abaixo segue a ordem que cada um foi chamado.

1. Cyrus (Boys)

2.  Big T (Boys)

3. Jimmy (Boys)

4. Georgia Denton

5. Mahalia (Girls)

6. Louise (Overs)

7. Natalie (Overs)

8. In Stereo (Groups)

9. Michaela (Girls)

E daí finalmente conhecemos os candidatos que iriam disputar sua vaga no programa no Showdown: The Fisher Boys e Jess & Matt ( 🙁 ). Sinceramente não entendo Jess & Matt aqui, um absurdo que In Style não está entre os dois menos votados. Sendo assim, os acts se apresentaram para garantir sua vaga no top 10. Mas antes disso, tivemos a apresentação do polêmico Robbin Williams.

Agora vamos ver as apresentações do Showdown e ver quem realmente fez por merecer ficar no programa.

“The Fisher Boys – Use Somebody”

Antes dele se apresentarem, com certeza eu já torceria contra. Primeiro porque eu não gosto muito do grupo e segundo por motivos de Jess & Matt que injustamente foram pro showdown. Em relação a perfomance, eles foram relativamente bem e apresentaram bons vocais, mas não gostei da versão mais “soft” que deram a música. Sendo assim, sua participação no programa pra mim já estava mais que encerrada né? Por mim já eliminariam antes mesmo de Jess & Matt cantarem hahahaha.

“Jess & Matt – Fall at Your Feet”

veja aqui a apresentação

Só não reclamo mais deles terem ido pro bottom 2, porque permitiu que eles nos presentearem com essa apresentação deliciosa. Cantaram com muita vontade e mostraram que ainda tinham muito a oferecer ao programa ainda.

E então, o  segundo eliminado da competição foi The Fisher Boys, o que foi a decisão mais justa. Que bom que os jurados foram coerentes. As escolhas dos jurados foram a seguinte:

Dannii Minogue: The Fisher Boys
Chris Isaak: The Fisher Boys
James Blunt: The Fisher Boys
Guy Sebastian: –

autv_txf_ep14_highlights11_1b18un8-1b18unt

Assim encerrou o episódio, contente que a justiça no fim foi feita e esperançoso que essa temporada teremos um final justo e coerente. Entre o top 10 formado, não gosto apenas do Big T e In Stereo, espero também que a Danni próxima semana seja mais criteriosa e acerte nas escolhas das músicas das suas girls. Por enquanto Chris e Danni seguem com seu time intactos, já Guy e James estão desfalcados com um participante a menos. Vamos aguardar próxima semana para vermos se a sorte vai continuar sorrindo para Chris que foi o único ainda a não ter seus acts no showdown.

Até a próxima review e continue acompanhando aqui com a gente as reviews do The X Factor. Abçs a todos!

gostou da matéria? deixe um comentário!

  • gabriel

    GENTE TREMI MUITO KKKKKKKKKKKK Jurava que minha querida Michaela estaria no B2 com os maravilhosos Jess e Matt, e ai teria que ter um dos meus favoritos eliminados, mas a minha felicidade quando falaram que ela estava salva <3 <3 Assim tive esperança de continuar tendo Jess e Matt e foi isso que aconteceu, ufa! Nada contra os Fisher Boys, que até acho eles mais interessantes que os In stero e melhores vocalmente que o Big T que nunca sinto emoção ao ouvi-lo, mas naqueles 3, eram meus menos favoritos disparado!
    E que bosta é essa de eliminarem dois na próxima semana? Custa muito eliminarem um toda a semana? Nem vamos ter muitos lives mesmo aff! Retardados! rs

    Ou você falou que queria a versão da Louise na sua playlist, onde você baixa o estudio? *.*

    • Tb pensava Gabriel, até pq infelizmente ela n foi bem nesses dois lives. Mas espero q Danni melhore o trabalho c ela.

Michel Araujo

Meio baiano, meio sergipano, já passou dos 20 anos e um sofrido estudante de engenharia, com uma personalidade cheia de atitude e uma leve ousadia. Viciado em séries, realites e músicas, vai me encontrar sempre por aí escrevendo reviews, numa diversidade de gêneros de série e programas de TV.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu