Posts Populares

Vem Aí: The Voice Of Holland, Season 8

Todos os detalhes da oitava temporada da franquia original do The Voice!

Estreou ontem na Holanda mais uma temporada do The Voice of Holland, terras onde se iniciou esse sucesso que foi espalhado por todo o mundo. Nós paneleiros que temos um vício enorme em The Voice, pela segunda temporada consecutiva vamos cobrir essa franquia, que particularmente eu gosto bastante por conta do formato e a diversidade dos acts que surgem em cada temporada.

A apresentação do programa continua por conta de Wendy van Dijk e Martijn Krabbé, ambos permanecem como hosts desde a primeira temporada do reality, dividindo entre si a apresentação em todas as etapas do programa. Eles são ótimos na apresentação, acho que combinam muito bem juntos, uma vez que a Wendy tem um estilo mais descolada e divertido de apresentar, já ele tem um estilo mais sério e contido, porém acredito que a junção dos dois formam uma boa parceria que também é estendida para o The Voice Kids.

A bancada de coaches teve uma pequena alterada quando comparada na passada, permanecendo da temporada passada o Ali B (season 4 – atual), a Sanne Hans (season 6 – atual) e o último coach vencedor Waylon (season 7 – atual). A novidade ficou por conta de Anouk, que participou da sexta temporada, saindo na seguinte e retornando para essa atual, sendo assim apenas o Guus não retornou, uma pena porque curti bastante o trabalho dele, mas a ideia de mesclar mais a bancada com duas mulheres, tem sido uma política adotada em várias franquias e que me agrada bastante, porém ainda sonho com três mulheres e apenas um homem na bancada.

O Ali B ele tem aquele estilo parecido com o Cee Loo e Carlinhos Brown, que são coaches mais extrovertidos e que apostam em acts diferentes com um estilo bem peculiar, talvez por conta disso ele ainda não venceu nenhuma temporada, mas toda sua ousadia me agradam bastante, como por exemplo quando ele resolveu unir a dupla April & Dr. Rum após colocarem eles para batalharem, eles vingaram no programa e conseguiram chegar até as semifinais, clica aqui se ainda não conhecem a dupla. A Sanne tem um estilo mais doce, mostrando-se sempre amorosa e gentil na bancada, além de vermos claramente seu envolvimentos com seus acts, até o momento não venceu nenhuma temporada, porém nas duas que já participou ficou como vice, destaque para seu excelente trabalho com Isabel Provoost que até os knouckts eram um pouco apagadinha, mas que foi conquistando seu favoritismo durantes os lives, clica aqui  para conferir sua melhor performance no programa. Waylon foi o coach que mais me identifiquei na temporada passada, formou um time bem diverso e forte, conseguindo sua vitória ainda na sua primeira temporada depois de um trabalho inspirador com Pleun Bierbooms que teve uma trajetória bem consistente no reality, vale a pena lembrar desse talento clicando aqui. Por fim a Anouk é uma coach que julgando pela temporada que participou é a mais rigorosa e a menos simpática da bancada, diríamos assim, apesar dela ter sido bastante crítica na formação do seu enxuto time, decepcionou bastante com o seu trabalho com Jennie Lena que tem uma das blind auditions mais incríveis do reality, mas que durante os lives acabou decepcionando um pouco e ficando em último lugar na final, para lembrar dessa obra prima de audição clica aqui.

Por esse teaser acima, já podemos esperar bastante talento nessa temporada e os coaches ainda mais determinados a conseguirem a sua vitória nessa temporada, sem contar que o palco das Blind Auditions está ainda mais bonito e a produção do programa mandando muito bem novamente, seja nas escolhas dos jurados, quanto na cenografia do palco e na divulgação do programa nas mídias sociais. Logo estarei trazendo a review do primeiro episódio de Blind Auditions, contando tudo que aconteceu e deixando meus comentários sobre os candidatos e os times formados. Aguardo vocês em mais uma temporada do The Voice Of Holland e até mais pessoal!

Michel Araujo

Baiano perdido em Aracaju, fã de realities show musicais e séries. Uma personalidade misturada a humor, sarcasmo e uma leve ousadia.


Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu