Posts Populares

13 Reasons Why – S02E03 – The Drunk Slut

E você, falaria a verdade?

Todos estão ligados que nos episódios anteriores a nossa querida Jessica estava sofrendo vários ataques de pessoas não identificadas, meio que pedindo para ela ficar calada no dia do julgamento. Justin Foley não dava as caras. Alex continua em seu joguinho de fingir ter perdido a memória. E Clay no impasse com Skye, sabendo que não havia superado Hannah, mas querendo ajudar a garota por vias erradas. Bom, vamos ver então o que o terceiro episódio nos reservou, não é mesmo?

Vamos começar pelo bonzinho da história: Clay. Após ver Skye ser levada por uma ambulância, o garoto virou a noite no hospital esperando por respostas dos médicos, mas nada foi dito. Quando retornava para casa, um carro (depois identificado como o do Bryce) o jogou para fora da estrada em uma tentativa de atropelamento. ALGUÉM TEM QUE PARAR ESSE BRYCE, EU NÃO AGUENTO MAIS.

Enfim, todo ralado, no dia seguinte retornou ao hospital com um vaso de flores para tentar corrigir as coisas com a namorada. Skye realmente havia se cortado, ao que tudo indica, e em um diálogo um tanto curto, acabou terminando com Clay, dizendo que era melhor cada um resolver seus problemas separados. Em outro momento, sabemos que Skye foi transferida para alguma clínica, e até o momento é nossa última notícia da garota.

Vamos então voltar a tratar de um assunto polêmico, que são os ataques à Jessica. Assim que chegou na escola, a garota foi recebida na sala de aula com várias imagens sua, bêbada, dançando com vários caras, e escrito: Quem iria acreditar em uma vadia bêbada. Me explicando: eu não estou julgando as fotos, cada um faz o que quiser, e se essa é a forma da Jessica se divertir, ela que se divirta assim, não é porque ela dança, fica bêbada e beija as pessoas que ela deva ser julgada como uma “vadia”. Mas infelizmente essas coisas tiram a credibilidade dela perante a escola, já que a sociedade ama rotular e julgar sem olhar para o próprio umbigo.

Apesar de tudo e de todos, a garota foi dar seu depoimento. Jessica explicou toda a história da lista, e que quem estava por trás era o Alex. Mas novamente a advogada da escola entra em ação tentando desacreditar tudo que foi dito, e novamente jogar toda a culpa em cima da Hannah e das atitudes dela, deixando a entender em suas perguntas que na verdade não havia sido a lista que tinha acabado com a amizade delas, mas sim o relacionamento da Jessica com o Alex que havia despertado ciúmes na garota, e o mesmo que aconteceu no relacionamento da Jessica com Justin. A única coisa que Jessica sabia fazer era chorar. Ela teve a chance de jogar a merda no ventilador, e contar tudo que aconteceu com o Bryce, mas não fez.

Sinceramente, eu não a julgo, não sei se falaria também. Ela estava sendo pressionada, ameaçada. Não adianta falar “ah, mas as autoridades ajudariam”. Gente, não funciona assim, ela já demonstrou outras várias vezes a repulsa que ela sente só de pensar ou de ver o Bryce, e falar isso acabaria levando tudo mais afundo e obrigando-a a desenterrar o assunto várias e várias vezes. “Ah, mas você ta dizendo que o Bryce tem que sair impune?” De forma alguma, mas não acho que o certo seria ela fazer isso ali, numa corte, com jornalistas, famílias, e varias pessoas com quem ela não se sente à vontade, ela deve fazer isso dentro de uma delegacia, com alguém que transmita confiança, e talvez os pais dela. Estupro é um assunto muito sensível para a vítima.

Depois de tudo, Jessica teve uma conversa com Clay, e ele perguntou se o Justin estivesse lá para apoiá-la e para testemunhar a favor dela, se ela contaria. Ela não disse que sim e nem que não, logo Clay entendeu como uma possibilidade, e foi em busca do desaparecido junto de Tony. Não demorou até que encontrassem, jogado na sarjeta, sujo. Ele resistiu um pouco, mas quando Clay citou que Jessica o queria de volta (e levando em consideração que a polícia estava chegando para prendê-los), ele acabou indo sem muita dificuldade.

Justin avisou que não podia voltar para casa, pois tinha roubado um dinheiro do namorado dela. Sem um teto para dormi, Clay acabou cedendo seu quarto para eles dividirem sem que seus pais soubessem que ele estava lá. Ao que tudo indica, a próxima testemunha a ser ouvida vai ser o Marcus, e não tenho a mínima ideia do que esperar disso.

Outros pontos desse episódio: a aproximação do Tyler com o Cyrus (aluno que ele conheceu em uma aula nova); Justin carregando uma fucking arma; Clay finalmente ganhando seu carro e finalmente aposentando aquela maldita bicicleta. Senti esse episódio um pouco mais lento que os anteriores, espero que a série mantenha o ritmo que estava seguindo.

Uma coisa interessante na série que acabei não citando nas outras reviews, foi a criação de um site que você pode acessar clicando aqui para quem estiver enfrentando algum momento difícil e precisar de ajuda. Foi um ato muito importante, e que pode salvar vidas <3.

gostou da matéria? deixe um comentário!

João Pedro

Canceriano de 20 anos localizado no Mato Grosso. Fã de divas pop, porém viciado em muitas bandinhas indies também. Assisto séries e filmes em horário integral, e estudo Direito nas horas vagas.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries