“Ser ou não ser, eis a questão”

Podemos perceber já no início do episódio toda pressão que Marcia está sofrendo e por de trás daquela rocha impenetrável que ela mostra ser, existe uma mulher com sentimentos frágeis e que não resite a um abraço do filho.
ACM30

E como se a pressão já não fosse grande o suficiente, o ex marido de Marcia entrou com um pedido de guarda para tomar as criancas da promotora.
Montando seu argumento de defesa em cima da teoria de que O.J. foi vitima de perseguição policial, Cochran está conseguindo trazer o júri para o seu lado, e graças a sua sagacidade, seu argumento está cada vez mais consistente,quando, ele faz o Policial contar que na noite do crime de Nicole, ele não tinha levado as provas para a delegacia, e sim para sua casa que fica localizada em Simi Valey, que naquela época era considerada o bairro dos policiais racistas.
Desde o início eu sempre desconfiei que poderia rolar algo entre Marcia e Darden e quando ele puxa ela para uma dança no meio da noite, a carinha dela só confirma minhas suspeitas.
ACM31
Mas como nem tudo são flores, vemos que o lado mãe e o lado profissional de Clark se chocaram, quando, em uma audiência, Marcia pede ao juiz para ser liberada mais cedo para cuidar dos seus filhos, o que deixa a promotora muito triste,pois, ela percebe que não consegue dar conta de tudo ao mesmo tempo.

Cochran se mostra cada dia mais desprezível ao debochar do fato de Marcia ter que deixar o tribunal mais cedo para cuidar dos filhos, só que Marcia samba, pede oportunidade ao Juíz e diz não permitir que Cochran zombe dela,pois, ele não sabe o que é trabalhar 70hrs por semana e ainda cuidar de uma família, ela não permitiria que ele humilhasse ela e as outras milhares de mães que vivem do mesmo jeito que ela.
ACM32

Já estava mais do que na hora de Cochran sofrer alguma retaliação por sua postura desonesta e a pior coisa que ele fez foi ter mexido com Marcia, pois, ela foi de vadia do cabelo feio, a inspiração e voz a mulheres que tem a vida igual a dela.
Depois do depoimento vergonhoso dado pela testemunha que Cochran conseguiu, O.J. deu um verdadeiro show, pois, aquela mulher só fez piorar a situação.

ACM33

Sob muita pressão e soterrada de criticas sobre sua aparência, para dar uma.virada no jogo, Marcia vai ao salão e pede uma mudanca completa e enquanto todos esperavam pela velha Marcia no tribunal, vemos uma Marcia segura de si mesma e confiante em quem ela é, e isso me deixa muito feliz depois de toda essa turbulência que ela passou.

ACM38

Clark volta a ficar insegura depois de receber mais críticas por ter cortado o cabelo e ter mantido os cachos.
Sobre o julgamento, um dos momentos mais marcantes e talvez um dos depoimentos mais esperados era do detetive Fuhrman que foi muito consistente, quando, interrogado pela acusação.

ACM34

Como se não bastasse tanta cobrança, críticas, e os nervos a flor da pele, para completar o pacote, Clark teve fotos suas vazadas,onde, ela está totalmente sem roupa com o seu primeiro marido, essa é a gota d’água para que Marcia não segure mais essa pose de rocha inabalável e caia no choro em pleno tribunal.

ACM35

O episódio chega ao seu fim com Marcia na sua sala aos prantos sem saber como lidar com tanta atenção da mídia em cima dela e sendo consolada pelo seu crush, Darden. <3
ACM37

Sem dúvidas esse foi o meu episódio favorito até aqui,pois, ele conseguiu mostrar todos os lados que a mulher tem quando ela é independente e luta sozinha contra tudo e contra todos, e Sarah merece aplauso e um Emmy por uma atuação tão brilhante e real ao mesmo tempo.
Então é isso BB’s escolham um lado e montem a sua defesa, eu já tenho um lado e você?

Dam Souza
Dam Souza

Baiano que tem caruru e vatapá no sangue, aquele que é o canto da cidade e só discute com quem entende de Inês Brasil.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: