Posts Populares

American Idol – S17E14 – Top 10, Disney Night and Results

Era uma vez um top 8 dos sonhos! 

Migos, eu juro que acreditei! Em um top 10 da Disney, eu fui bem Alice e sonhei com os meus favoritos arrasando, um dos cotados saindo e sobrando exatamente quem eu gosto no programa. Uma continha daqui e outra dali e daria tudo certo! Mas não deu, viu? Mas estou acostumada com isso, sou graduada em tombos em reality musicais. Anos e anos sendo tombada em programas americanos, britânicos, australianos e tupiniquins.  Então bora contar o último tombo e como a eliminação de um favorito meu hahaha! Hoje, comigo, tenho Lu e Cla. Muito #GirlPower, sim!

Uché – “I21” (From Goofy Movie)

 

Tati: Quando eu vi essa música nada a ver pro Uché, já fiquei apreensiva! Apesar de animada e tal, convenhamos, né? Não tem muito apelo em comparação ás outras. E olha que eu achei que ele até conseguiu fazer alguma coisa com essa bomba de songchoice que ele pegou, pois estamos falando de uma estrela, né, mores? Mas achei essa música e a performance verdadeiros tiros no pé. O bichinho já vinha de uma semana de repescagem, ele PRECISAVA vir com algo mais apelativo. Infelizmente, não rolou e eu tô bem triste, pois ele é um dos meus favoritos no programa.

Cla: Primeiramente quero dizer que não tenho maturidade pra ver Katy Perry vestida de Ursula sem rir! Que pessoa maravilhosaaaaa!!! ♥ Sobre Uché, olha, tava constrangida achando que eu era a única que não conhecia a música, mas se nem os jurados conhecem… quem sou eu pra criticar! Independente disso, Uché dominou o palco inteiro, se mostrou bem consistente nos vocais e não tirou o pé em momento algum. O cara é bom!

Lu: Eu adoro o Uché e acho ele maravilhoso, mas imaginei que ele fosse ter problemas na semana da Disney. Bom, ele tinha a chance de apresentar algo mais contido e mostrar um lado mais emocional; ou, poderia encontrar alguma música mais agitada e performar do seu jeito tão característico. Eu, particularmente, preferia que ele tivesse optado pela primeira opção. Mas não foi o caso, e infelizmente, acabou sendo a performance mais fraca dele desde sua audição. O que é uma pena, sério. Ele já veio de uma repescagem injusta, e agora com essa performance “fraca” acho que suas chances de eliminação são certas, viu.

Laci Kaye Booth – “I See The Light” (From Tangled)

 

 

Tati: Ai, meu Deus! Que palco mais maravilhoso foi esse? Que coisa linda as luzinhas subindo e um anjinho no meio do palco. Olha, eu adoro a Laci demais. O próprio anjo do programa, só não vê quem não quer. Eu achei a performance fofa e bem gostosa de assistir. Mas confesso que achei linear. Culpa dela? Não! É coisa da música mesmo, mas fiquei com medo dela não se destacar frente às próximas performances, já que ela cantou algo absolutamente dentro da zona de conforto dela.

Cla: Depois de algo eletrizante, vemos algo bem picolé de chuchu. Não sei se foi o tom ou se Laci que não conseguia projetar sua voz nos tons mais baixos da música. Fiquei extremamente incomodada! Achei tudo super linear, sem um clímax ou uma subida de tom, gostei não, hein gente!

Lu: Meu Deus, que princesa! Eu adorei a escolha da Laci, mas acho que ela ficou devendo um pouco na questão vocal. Todo o cenário estava lindo, ela estava perfeita, mas faltou um momento, sabe. Laci tem o timbre mais lindo da competição, mas nem sempre dá pra ficar só nisso. Eu gostei e acho que foi suficiente para colocá-la na próxima fase, mas espero ver um pouquinho mais de desenvoltura vocal dessa princesa.

Alejandro Aranda – “Remember Me” (From Coco)

 

Tati: Mesmo caso da Laci aqui, viu, minha gente? Foi fofinho e a voz dele estava mais gostosinha e tal. Mas nem de longe foi uma performance daquelas que a gente fala AAAAAAAAA quero ver de novo. Sei que a Disney Week não permite tantas performances marcantes, mas o fato é que a de Alejandro não teve aquele diferencial. Acho que vou me esquecer dela assim que terminar essa review, diferentemente do que o nome da música sugere hahah!

Cla: Alejandro veio no violão, algo sem tanta produção mas que o deixava mais vulnerável. Ele segurou a marimba, mostrou falsetes e um timbre mais baixo e ainda ficou todo trabalhado na emoção. Achei a música linear, assim como a de Laci, mas aqui a emoção de Alejandro compensou.

Lu: Putz… Eu vim cheia de expectativas pra essa performance. Primeiro, a música com maior hype/potencial das escolhidas. Segundo, meus migos falaram bem da performance e eles nem gostam tanto assim do Alejandro. Mas poxa, que decepção. A performance foi legal, mas faltou tanta alma. Talvez a culpa seja minha por ter vindo com uma memória tão vívida dessa canção no filme e esperando algo no mesmo nível. Mas enfim, no lado positivo, essa performance foi extremamente superior à da semana passada para o Alejandro e avanços são avanços, né. Espero que ele siga melhorando.

Alyssa Raghu – “Colors Of The Wind” (From Pocahontas)

 

Tati: Oi, Alyssa! Eu te critico tanto, mas hoje vim aqui, humildemente, te agradecer por salvar a noite, que, até então, estava bem morninha hahaha. Para mim, foi uma das melhores performances dela no programa. Ela está melhorando no decorrer do programa. Achei segura demais, algo que sinto falta em outras apresentações e ela soube criar seu momento na música. Foi suave, mas mais relevante do que vimos nas outras apresentações.

Cla: Estou passada! Alyssa tem 17 anos e cantou de uma forma tão segura e elegante. Adorei o novo arranjo, porém senti falta daquela nota mais alongada no refrão. Alyssa tem uma voz muito bonita, se arriscou em algumas notas hoje e mostrou um falsete muito bem executado. Segurou a marimba ao cantar um dos clássicos mais fofos da Disney! ♥

Lu: Que linda! Finalmente uma performance boa de verdade! Eu tenho um enorme pé atrás com a Alyssa, mas fico feliz de vê-la se sair bem nessas rodadas ao vivo, pois tem muita gente deixando a desejar. “Colors of The Wind” é uma música linda demais e uma das minhas preferidas da Disney, e Alyssa conseguiu interpretá-la muito bem! Além disso, ela foi quem entregou os melhores vocais por enquanto e meus ouvidos agradeceram! Ela foi bem semana passada e foi novamente bem hoje. Estou aqui para todo e qualquer avanço, e Alyssa parece estar numa boa crescente!

Wade Kota – “You’ve Got A Friend In Me” (From Toy Story)

 

Tati: O programa vai passando e parece que o Wade vai cada vez mais sendo substituído por de um velho fumante de 80 anos. Tenho essa impressão hahaha! Tirando o timbre que me incomodou demais, eu achei a performance legal. Ele soube trazer o espírito da música e do filme de uma maneira bem divertida e a nota final foi muito boa! Finalmente uma performance dele que me agradou real.

Cla: Ahhhhhh para tudo! Wade trouxe o ANDY escrito na sola de sua bota, que íconeee! Essa música é fofíssima e ficou ótima no timbre mais rouco do Wade! Confesso que estranhei nos primeiros acordes, mas ficou bom e ele foi melhorando ao longo da apresentação.

Lu: Gente, eu ODEIO o timbre do Wade, vocês tem que me desculpar. PORÉM, tá aí, eu gostei da performance! Quando ele levantou a bota e apareceu o “ANDY” na sola, eu fiquei “aaaaaaaaaaaaaaaa” e acho que ele me ganhou ali, hahahaha. Vocalmente, foi uma performance super sólida e o fato d’eu detestar o timbre dele não me cega ao ponto de reconhecer quando ele manda bem. O final foi a parte mais interessante! Poderia ter sido uma performance super monótona, já que a música é bem simples, mas Wade superou as expectativas e trouxe algo super envolvente.

Dimitrius Graham – “You’ll Be In My Heart” (From Tarzan)

 

Tati: Que início mais legal, gente? Eu já estava prontíssima para gritar QUE HINOOOOOOOOOOO! Mas eu acho que deu uma desandada no meiozinho, pois achei que ficou meio morno. Ao final, ele conseguiu dar uma recuperada com as partes mais altas, que, ao meu ver, foram muito boas. Tipo, não foi a melhor performance dele, mas achei bem segura.

Cla: Vivi pra ver alguém estragando meu clássico de Tarzan????? Ahhhhhhhh socorro! Odiei o arranjo que deram pro Dimitrius, o meio da música me deixou bem incomodada porque ele ficava fora do tom diversos momentos. Ele só conseguiu melhorar na apresentação quando foi pras notas altas, mas essa música é muito mais que só gritos…

Lu: Gente, os agudos do Dimitrius são muito bons e tão característicos, né?! Eu super curti o início mais calmo e sereno, foi a melhor atmosfera até aqui. Daí quando a música cresceu, ele foi com tudo! Dado o nível das performances de hoje, acho que foi bem legal, viu. Não foi perfeito, mas já foi terminantemente melhor do que semana passada, onde ele pecou bastante na escolha musical. Boa recuperação!

Walker Burroughs – “When She Loved Me” (From Toy Story 2)

 

Tati: Eu estava esperando muito por esse momento, viu? Primeiro, música icônica pra caramba, de um filme igualmente icônico. Segundo, eu sempre achei que Walker conseguiria dar conta do recado, pois essa música pede uma conexão que ele sempre demonstrou e ele não me decepcionou nisso. Eu amo o jeito introspectivo que Walker demonstra seus sentimentos. Aff, é muito sincero, e eu não dou conta disso, não. Achei uma performance simples, mas com muito sentimento! Do jeito que a música pede. Lindíssimo e orgulhosa estou desse menino!

Cla: Que coisa mais lindaaaaaa!!! Adorei a forma que a voz do Walker se misturou ao piano e violoncelo! Performance belíssima, cheia de emoção e com vocais super consistentes. Até o momento, foi o que mais conseguiu me comover nessa noite Disney, a performance mais completa também! Pisou, more!

Lu: PARA TUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUDO, PORRA! MEU FAVORITO COM MINHA MÚSICA PREFERIDA DE TODA A HISTÓRIA DA DISNEY NO CINEMA, MEU DEUS DO CÉU! É PRA ISSO QUE EU PAGO INTERNET SIM, AAAAAAA! Gente, eu chorei de verdade nessa apresentação. Essa música marcou muito minha infância, pois eu tinha o VHS de “Toy Story 2” e sempre que a Jessie cantava essa música e a cena da dona dela crescendo e ela assistindo por debaixo da cama passava, eu chorava e pensava “eu não quero crescer e esquecer minhas Barbies”. Walker trouxe uma visão diferente para música, mas ainda assim foi extremamente singelo e tocante. E sem falar que foram os melhores vocais da noite sem nenhuma dúvida, até agora. Eu estou apaixonada demais, coisa mais linda da vida! Vou passar o resto da noite revendo! Que príncipe!

Maddison Vanderburg – “How Far I’ll Go” (From Moana)

 

Tati: Se a Madison viveu um carrossel no programa, certamente, essa é a parte mais alta no programa desde a sua audição. Sim, eu gostei mais de “All I Ask” e “Fallin'”. Não sei se é porque eu amo “How Far I Go”, mas achei que Madison incorporou demais a mensagem da letra e soube transmitir de um jeito cheio de personalidade. Isso me deixou bastante impressionada, assim como fiquei na semana passada. Fora que hoje a voz dela estava um pouco mais grave e gostei de vê-la não apostando tanto nos agudos, que são os pontos fortes dela. Enfim, amei a performance!

Cla: É ISSO QUE EU ESPERO NUMA NOITE DISNEY!! AAAAAAAAAAAAAA!!! ♥ Madison, sua linda, já ganhou o meu amor! Música super complexa, cheia de palavras e até temi por ela, mas a bixinha segurou a marimba e foi construindo a música. Teve subida do tom, soltou umas notas alongadas belíssimas e deixou meu lado gritadeira feliz da vida! Pisa menos!

Lu: Gente, meu Deus, minha Madison está viva novamente! Após sua audição, Madison foi só ladeira abaixo e eu sinceramente já estava duvidando que ela poderia se restabelecer, viu. Porém, semana passada ela ressurgiu das cinzas como uma fênix, e putz… OLHA ELA AQUI DE NOVO! Eu não sou muito fã de “How Far I’ll Go”, e nem de longe tenho memória afetiva como “When She Loved Me”, mas acho que não resta dúvidas que Madison entregou algo extremamente competente hoje, né? O final foi explosivo e impactante como tinha que ser, e ela não foi menos do que ótima em nenhum momento! Arrasou!

Laine Hardy – “Oo-De-Lally” (From Robin Wood)

 

Tati: Sabe quando você escreve alguma merda no WhatsApp e sai correndo pra apagar com medo de que as pessoas vejam? Pois, então, depois dessa performance eu senti a mesma vontade de voltar uma ou duas reviews atrás onde eu dizia que adorava Laine, pois PELO AMOR DE DEUS, QUE COISA MAIS VERGONHA ALHEIA, GENTE KKKKKK.

Cla: Ai que sofrência! Um countryzinho depois do pisão da Madison! hahaha Olha, não vou mentir, nem conhecia a música, achei bem fofa e a voz do Laine é bonitinha, mas essa performance foi uma chacota! Desenterraram umas músicas que só Jesus na causa…

Lu: Gente, KKKKKKKKKKKKKKK. Ai putz, Laine… Tu quer que eu realmente leve “Oo-De-Lally” a sério? LMAO. Ai gente, não dá. Eu só consegui rir nessa performance, Jesus. Assim, Laine fez tudo aí certinho, foi legal e tals, mas gente… “Oo-De-Lally”? HAHAHAHAHAHAHAHAHA. Parece aquela Priscila do TVBR cantando “O Sapo Não Lava O Pé”. Piada, bicho, kkkkk.

Jeremiah Llyod – “Candle On The Water” (From Pete’s Dragon)

 

Tati: Gente, ele veio sem piano essa noite, achei mais um avanço hahahaha! Olha, eu amo o Jeremiah, pra mim, é a artista com a trajetória mais sólida no programa, fácil. Mas meu único porém dessa performance foi que achei essa performance um pouco estridente, sabe? Não sei se foi o tom da música, mas isso me incomodou em alguns momentos. De qualquer forma, achei uma apresentação dentro da média do que ele realmente costuma fazer, ou seja, achei ótima! Principalmente o final!

Cla: Jaremiah veio também com uma música desconhecida pra mim, mas olha… gostei bastante de sua apresentação. Ele se apropriou da música e foi crescendo ao longo dela. O bixinho tem um timbre diferente mas foi bem consistente, mesmo quando subiu pras notas mais altas.

Lu: Não conheço nem a música, nem o filme, LOL. Mas conheço o Jeremiah, e já sabia o que esperar! Ele nunca decepciona, viu. Apesar de não ter sido a melhor performance dele (longe disso, por sinal), ainda foi exponencialmente melhor do que a maioria das pessoas no episódio de hoje! Jeremiah é act de finale, e realmente espero vê-lo por lá, pois ele merece e prova isso toda semana!

 

Depois das performances, dois candidatos seriam eliminados. Para o meu tombo, foram eles:

Dimitrius Graham

Uché

*** Considerações finais ***

Olha, desapontada, mas não surpresa, viu? Eu já sabia que ambos não teriam vida longa no programa, já que estavam na berlinda na semana passada, mas achei isso um pouco injusto. Ao meu ver, os dois tem trajetórias bem mais interessantes que ~certos candidatos~. Tudo bem que eles não foram tão bem assim nessa última fase, mas eu acho que tem o dedo de parte da América que acaba sempre preferindo candidato padrão, sim! E acho que mesmo se eles tivessem arrasado, eles seriam eliminados. Infelizmente!

Quanto ao programa, achei ok, o de praxe para uma Disney Week. Mas esperava um pouco mais, confesso. Pra mim, os destaques da noite foram Walker e Alyssa! Com menção honrosa para Madison e Jeremiah. Ansiosa para os duetos e performances da semana que vem! Até lá, pessoal!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Tatiane Silva

Sou uma Social Media e Community Manager que ama tanto o que faz, que acaba fazendo isso quase que o tempo todo. Eu moro na internet, por isso acrescento doses diárias de cultura inútil e memes que é pra eu não me entendiar. Amo realities musicais, gasto horas em grupos de discussão e sou viciada em coisas que me fazem dar boas risadas e esquecer da minha conta bancária negativada.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu