Posts Populares

As Five – S01E09 – Trabalhar cansa

O meme “expectativa X realidade” cai como uma luva para representar esse episódio.

Depois do último episódio, eu realmente não sabia o que esperar. Ellen voltou mesmo para os Estados Unidos a fim de terminar seu mestrado e, admito, fiquei um pouco frustrada por ela não ter aparecido aqui. Foi um bom episódio e com algumas cenas marcantes que vou comentar logo.

Enquanto o episódio passado quase todo foi com as cinco juntas, nesse cada uma teve sua própria história e elas nem se encontraram. Keyla teve uma narrativa bem bacana e fofa aqui. Ela arranjou um emprego, mas nada do que queria. Ao menos, foi esse trabalho, indiretamente, que nos levou ao ponto alto da história da personagem. A conversa com a adolescente grávida e confusa foi linda, a sensibilidade de Keyla ao falar e até mentir que tinha se formado mesmo tendo sido mãe bem nova foi legal de ver. Agora a jovem se deparou com uma academia de dança, será que ela vai tentar perseguir seu sonho novamente? Tomara!

Não tenho muito o que comentar sobre o plot de Benê e Nem. Destaco apenas duas cenas que achei ótimas: o início em que a jovem está tocando uma música na Igreja e é interrompida pelo padre, o que a deixa incomodada por todo o episódio, e o final quando os dois entram escondidos no lugar para que a menina termine sua música. Além disso, eles finalmente conseguiram ter algo a mais pessoalmente e, ainda, na IGREJA. Mas a cena foi legal e a sintonia entre os dois é muito boa.

Já Lica estava vivendo uma vida de casada com Samantha no início do episódio, mesmo sem saber que a garota já tinha terminado com Renata. Estava tudo ótimo até ela dar uma leve surtada. É incrivelmente irritante o problema que a filha de Martha tem com qualquer compromisso. Me frustrei com os desdobramentos que levaram até aquele final em que ela ignora a chamada da outra. Só tem mais um episódio pela frente e quero saber como isso vai se desenrolar e se elas vão se entender.

Deixei por último o plot da Tina, porque nesse episódio ele se sobressaiu bastante. A DJ foi contratada de última hora para se apresentar na festa de aniversário de Dani Junqueira, interpretada por Sophia Abrahão, uma influencer bem conhecida. Foi aí que começou toda a confusão que ela se meteu. Ao longo da série, vimos como a garota tem um certo vício em usar as redes sociais e aqui pudemos observar o que a pressão dessas redes pode fazer. Inclusive, a melhor cena do episódio, sem dúvida nenhuma, é a que Tina vai andando pela festa, tira seu casaco e avista personalidades da Internet que são bem diferentes pessoalmente. Isso é interessante para nos fazer refletir que as pessoas mostram apenas o que querem nas suas redes, o que é bonito de se mostrar. Ou seja, não conhecemos ninguém apenas por aquilo ali.

Essa questão de não ser o que parece nas redes sociais também se encaixa com a conclusão do plot da DJ, já que apesar de Dani saber do beijo de seu namorado com Tina e eles ainda terem dado um beijo triplo, uma foto pode ter prejudicado muito a garota.

Apesar de ter sido um pouco menos empolgante do que o episódio passado, eu também gostei deste e ele teve pontos interessantes. E vocês… o que acharam? Nos vemos na review do último episódio da temporada, até lá!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Luiza Pinheiro

Carioca da gema e jornalista de corpo e alma. A primeira série que viu mesmo, aquela que a deixou viciada, foi One Tree Hill. Depois disso nunca mais parou e engatou uma depois da outra. Também ligada em cinema, não perde uma cerimônia do Oscar.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries