Posts Populares

Brooklyn Nine-Nine – S06E07 – The Honeypot

Quem diria que uma exposição de barris seria um ambiente para flertar?!

Já vou começar a falar do episódio em si, mas queria destacar a cena de abertura. As de B99 costumam ser icônicas e, na minha opinião, essa foi uma delas. Holt, Rosa e Jake acelerados por causa do café da máquina que Boyle comprou para a delegacia e vendo tudo em câmera lenta foi hilário.

Falando agora do plot do episódio propriamente dito, nenhum novo assistente de Holt consegue ficar muito tempo no emprego depois que Gina saiu. Jake, então, sugere ao capitão que ele encontre alguém para o cargo já que foi o próprio que sugeriu a amiga para o trabalho. Peralta consegue um assistente aparentemente perfeito para o capitão: Gordon Lundt. Eles têm os mesmos gostos por assuntos desinteressantes e a mesma forma de se expressar. No entanto, Holt logo nota que o rapaz está flertando com ele, o que Jake não percebe de jeito nenhum.

Peralta decide fazer uma investigação sobre o novo assistente depois das desconfianças de Holt e acredita que ele é um espião enviado pelo comissário Kelly para descobrir se o capitão está armando algo contra ele. Holt e Jake armam um plano para tirar, de uma vez por todas, a dúvida sobre Gordon ser ou não um infiltrado de Kelly.

Jake pega a bolsa do assistente enquanto ele e Holt estão visitando o museu de barris, mas depois de três horas esperando todos os arquivos serem transferidos, o detetive descobre que não há nada neles que o ligue ao comissário. Lundt vai atrás de Holt na delegacia e admite que era infiltrado de Kelly, mas sentiu algo a mais pelo capitão após a ida deles ao museu.

Eles combinam de reverter a situação e o assistente virar o espião deles. Entretanto, quando chegam ao local que Gordon  vai encontrar com Kelly, descobrem que o rapaz era agente do comissário o tempo todo e os passou para trás. Mas engana-se quem pensou que Holt ia dar tão mole assim. O capitão, depois de assistir alguns filmes de espionagem, pensou na possibilidade de serem enganados e plantou diversas escutas em lugares próximos ao comissário e seu espião, dando a volta neles e conseguindo a prova de que os dois que armaram primeiro.

Assim, Holt consegue que Kelly cumpra suas reivindicações, incluindo abrir o primeiro andar do prédio da polícia novamente, dando mais espaço à equipe.

Enquanto isso, a delegacia ainda está uma bagunça e Terry chama Amy para ajudá-los a se organizarem. A sargenta tenta usar o método Marie Kondo para limpar o ambiente, mas não dá certo porque nem um dos outros policiais da equipe estão dispostos a se livrar de suas coisas. Vendo que esse método não funcionou, Amy resolve ir mais a fundo e utilizar o sistema norueguês Munkensmat, no qual a pessoa salva apenas uma coisa que é mais importante para ela e queima o resto.

Eles fazem uma cerimônia para queimar o que não querem mais. Por um acaso, Rosa tem alguns arcos e flechas em seu carro. Por que será que não estou surpresa? É a cara da personagem rs. Ela então lança a flecha com a ponta em chamas e queima todos os objetos que jogaram fora.

Após isso, Amy fica feliz em ter ajudado e de ter dado certo o seu método de organização. Ela vai tirar fotos para mandar para uma revista especializada no assunto e descobre que Terry não jogou fora os suspensórios que deveria ter se livrado. Ela reclama e o sargento acaba admitindo que o objeto é importante porque ele iria usar quando passasse na prova para tenente. No entanto, como não passou ele se vê desiludido e os joga fora. Um tempo depois, Amy compra outros suspensórios igualmente chiques para Jeffords e o incentiva a estudar bastante para fazer a prova novamente.

O episódio foi divertido, ri muito com a cena final com a Amy e o Jake no museu dos barris. Eu racho que ela sente atração por umas coisas muito aleatórias.

Espero que vocês tenham curtido o episódio também e até a próxima review!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Luiza Pinheiro

Carioca da gema e jornalista de corpo e alma. A primeira série que viu mesmo, aquela que a deixou viciada, foi One Tree Hill. Depois disso nunca mais parou e engatou uma depois da outra. Também ligada em cinema, não perde uma cerimônia do Oscar.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries