Posts Populares

Brooklyn Nine-Nine – S07E03 – Pimemento

Um rosto já conhecido está de volta… e ainda mais doido do que o normal.

Na minha opinião, a temporada ainda está andando devagar e se desenvolvendo aos poucos, mas achei este o episódio mais divertido até aqui e gostei bastante. Tivemos três plots, sendo que dois se entrelaçaram totalmente.

Jake e Amy estão tentando ter um filho (amamos!), mas ela não quer que o marido conte para Charles, já que ele costuma ter reações um pouco exageradas. Peralta tenta, então, evitar ter muito contato com o melhor amigo, ao mesmo tempo que aparece um velho conhecido da 99ª. Adrian Pimento, ex-policial da delegacia e ex-marido de Rosa, acredita que estão tentando matá-lo e pede ajuda aos dois detetives.

A cena do hospital foi ótima e ri bastante quando Jake e Charles pediram para Pimento ver todas as suas tatuagens com o intuito de saber se ele conseguiria lembrar de algo. Jake foi ingênuo ao contar para Adrian seu segredo com Amy achando que ele esqueceria logo depois, mas isso não aconteceu e Charles acabou descobrindo que o melhor amigo estava tentando ter um filho e não lhe contou.

Eu sei que o ponto principal da série quase nunca é o caso em si e sim a comédia e a convivência da equipe e dessa vez não foi diferente, mas, mesmo em segundo plano, gostei de todo o contexto que trouxe o Pimento de volta e da resolução sendo o médico o grande vilão.

Para melhorar, Peralta e Boyle fizeram as pazes no pior lugar possível, mas já era de se imaginar se tratando de B99, não é? Eu particularmente gosto muito da amizade dos dois detetives, eles são confidentes desde o início e a relação de endeusamento de Charles com Jake é engraçada, mas a impressão que tenho é que a série foca muitas vezes em briguinhas desnecessárias entre eles. Não falo exatamente deste episódio, porque o motivo da discussão até é plausível, mas tenho reparado que isso permeia alguns momentos da série e gostaria de ressaltar.

As referências cinematográficas do episódio foram incríveis: Harry Potter, Amnésia e Procurando Dory. Eu como boa fã da saga do bruxo, me senti agraciada com as duas citações sobre a história. Esse tipo de referência, aliás, é uma das melhores coisas que a série faz desde seu início e me agrada bastante. E quando Peralta, no final, se rendeu e citou o desenho foi ótimo. A reação de Jake quando Pimento diz que “Amnésia” é ok também deu um toque cômico especial.

Já a parte da delegacia eu achei que seria sem graça, mas acabou me pegando de surpresa, já que não esperava que eles fossem ficar tão entretidos com a atividade no fim das contas. A palestra foi chata e Amy armou um jeito de correr com a apresentação, mas tiveram de fazer ainda uma roda para falar dos problemas da equipe e aí que deu tudo errado. Todos tinham algo com o que se incomodavam e foi uma confusão, mas no final deu tudo certo e até tivemos um momento fofinho da Rosa se importando com o grupo.

Por hoje é isso, a review fica por aqui e até a próxima!

gostou da matéria? deixe um comentário!

Luiza Pinheiro

Carioca da gema e jornalista de corpo e alma. A primeira série que viu mesmo, aquela que a deixou viciada, foi One Tree Hill. Depois disso nunca mais parou e engatou uma depois da outra. Também ligada em cinema, não perde uma cerimônia do Oscar.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries