Posts Populares

Dança Dos Famosos – S18E10 – Paso Doble e Funk

O que teremos agora com o Top 12?

Olá, pessoal! Chegamos a 3ª fase do programa, agora já temos os 12 melhores (ou quase melhores hahaha) e a competição fica cada vez mais acirrada. No geral acho os resultados bem justos, em sua maioria, porém a falta de critério dos jurados, técnico e artístico, é algo que me incomoda bastante. Na maioria das vezes o público de casa que acaba sendo mais coerente, o que chega a ser irônico! hahaha

E a cada semana, 4 casais irão se apresentar e o menos votado está automaticamente eliminado, clasificando 3 duplas pra próxima fase! Serão 3 semanas nessa fase e hoje quem se apresentou foi Lucy Ramos, Paolla Oliveira, Robson Caetano e Rodrigo Simas nos ritmos PASO DOBLE e FUNK. Entenda um pouco mais sobre eles:

O PASO DOBLE é uma dança de origem espanhola, um marco cultural das tradicionais touradas que acontecem na Espanha. Nesse ritmo, o homem encarna o espírito de um toureiro, digno e orgulhoso, que de forma firme e graciosa conduz a companheira como se ela fosse a sua capa. É uma dança muito forte, de tempos bem marcados onde se é sentido uma tensão entre os dançarinos ao longo de toda a dança, marcada pelo olhar, pela postura das mãos arqueadas. Geralmente, no quadro Dança dos Famosos, o homem interpreta o toureiro e a mulher o touro, e assim, se usa a capa como elemento auxiliar à dança. Touro ou toureiro? Que vença o melhor!

Quando a gente pensa em FUNK, logo imagina uma coreografia focando no bumbum! Existe sim outros tipos de movimentos que não exigem bumbum, recentemente os passinhos que surgiram na favela e tem feito muito sucesso e são dificílimos, logo a gente pode esperar uma mistura de tudo isso! Devemos focar no rebolado, na sensualidade e um corpo bem leve, trabalhado na malemolência.

O juri artístico foi composto por André Marques, Fabiana Karla e Carolina Dieckmann, já o juri técnico, que será fixo no Super Dança dos Famosos, foi composto por Carlinhos de Jesus e Claudia Motta. Sem mais delongas, vamos ver como foram as apresentações!

♦•♦•♦• 1ª RODADA – PASO DOBLE ♦•♦•♦•

Lucy Ramos e Jefferson Bilisco

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Lucy trocou de professor e senti que essa mudança dela pro Bilisco não foi tão promissora. Eu sou uma grande fã de Paso Doble, amo essa intensidade do ritmo e me pego olhando atentamente para posicionamento de braços, expressões faciais, postura corporal, etc. Achei que faltou uma limpeza na coreografia do casal, talvez um pouco mais de ensaio. Braços de Lucy quando deveriam ser firmes e arqueados, estavam baixos e mais “frouxos”, logo perdendo a intensidade do break. Houve um escorregão ali no meio, não achei que prejudicou, mas eu saio dessa apresentação com uma sensação de que poderiam ter feito mais. Poderiam ter usado mais a capa, ainda mais porque deixaram bem evidente alguns movimentos do duelo entre touro e toureiro, algo super explorado no início, mas que se perdeu e sequer acabou em morte! hahaha

Leonardo: Eu amo a Lucy demais. Primeira coisa a falar sobre essa dança, a roupa dos dois estava linda demais. Sobre a dança em si, o Paso Doble é conhecido por ser uma dança forte e impactante. A Lucy estava muito bem, de fato nem percebi aquele erro ali no meio da coreografia, mas não vi nada demais e que viesse a interferir nas notas, principalmente do júri artístico que não entende nada de dança né. Dessa vez, fizeram com que tanto o touro como o toureiro ficassem vivos.

*
**
***

Robson Caetano e Larissa Lannes

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Robson estreou com Larissa que fez um trabalho interessante. Robson tem suas dificuldades, tem um corpo mais travado e acaba sendo um desafio maior. Gostei também que deixaram o touro e toureiro bem evidenciado logo de cara na coreografia, achei o posicionamento de braços muito bons, o uso da capa foi bacana, mas logo descartado também. Tudo fluiu bem, a conexão entre eles estava boa, houve a more do touro de uma forma impactante, mas no geral achei que foram no safe, faltou ousadia.

Leonardo: Achei que o Robson junto com a professora, que por sinal é outra troca, né. Só lembro que fizeram toda uma agonia quando aconteceu com a Viviane, que não vem ao caso aqui. Falando sobre a dança, achei eles bem da medida do possível, estavam com a postura correta, só achei que colocou muita força. Foi bom.

*
**
***

Rodrigo Simas e Nathália Ramos

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: É ISSO BRASEEEEL!!!! Simas é um dos meus favoritos (ai socorro, tenho tantos favoritos! hahaha) e amo suas apresentações. Ele tem uma habilidade corporal que é sempre muito bem aproveitada em todos os ritmos. Nathália fez uma coreografia belíssima, impactante do começo ao fim, não mostraram tanto quem seria o touro e toureiro de início e isso foi sendo apresentado ao longo da coreografia. A sincronia dos movimentos foi algo impressionante, até mesmo a energia colocada estava igual. Já sobre o uso da capa, mesmo utilizando bem pouco, eu achei belíssimo o jeito que Simas a girava no ar, como se de fato estivesse desafiando o touro e desviando dele. O final foi o clímax real com a morte do toureiro super sincronizada com os breaks da música. Foi incrível!

Leonardo: Era isso que eu estava esperando, isso sim é Paso Doble. Tanto o Rodrigo e Nathália, estavam perfeitos em toda a coreografia, a postura dos dois foi perfeita, utilizaram muito bem a capa. Fizeram tudo que o ritmo pede, usaram bem o espaço, a capa como já mencionei e todas as técnicas, foi lindo demais. Amei.

*
**
***

Paolla Oliveira e Leandro Azevedo

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Essa mulher é um espetáculo! O figurino dela foi até diferente dos demais, reparem a saia com a fenda mais alta e não tão próxima ao joelho como dos outros casais, adorei que isso deu à Paolla mais mobilidade e permitiu que ela explorasse mais movimentos com a saia, achei inclusive que a saia de Lucy a prejudicou em alguns movimentos justamente por não ter essa mobilidade. Mas enfim, coreografia belíssima, me prendeu do início ao fim (assim como a do Simas) e pareciam dois profissionais dançando. Super dentro do personagem, expressões marcantes e intensas, braços bem posicionados. Capa pouco usada e confesso que esperava um pouco mais disso, mas é impossível criticar algo aqui. Leandro deu a oportunidade pra Paolla brilhar e ela segurou a marimba. Adorei a morte bem dramática no final! DEUSA!

Leonardo: PERFEITA. A Paolla e o Leandro estavam perfeitos, entrosados um com o outro. Mostraram todas as técnicas do ritmo, simularam muito bem o embate entre o touro e toureiro, os giros foram perfeitos, tudo lindo de se vê. Já em relação a capa, eles utilizaram muito bem, porém não usou muitas vezes. A roupa de todos os quatro estavam perfeitos. E ainda bem que a Paolla já foi agora, porque aí não teremos outro embate no momento com a Viviane.

♦•♦•♦• 2ª RODADA – FUNK ♦•♦•♦•

Lucy Ramos e Jefferson Bilisco

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Ai gente, só consigo sentir vergonha alheia por essa coreografia! O que Bilisco fez com a Lucy, minha gente? Não curto muito funk, mas eu vi muita coisa nessa coreografia e tãooooo pouco de funk! Pra que diabos esse cachorrinho? Pra que correr de um lado pro outro do palco? Pra que arrastá-la no chão? Balança a raba, migo! Lucy faz mais do que essa coreografia pobre, basta ver a coreografia dela do ano passado (REVEJA AQUI) que já dá pra notar que talento ela tem!

Leonardo: E vamos de um extremo para outro, completamente diferente. Dançar Funk depois do Paso Doble é punk. Como o Funk é um ritmo mais leve e solto, gostei de como a Lucy e o Jefferson trouxeram os passos. Teve quadradinho, teve passinho do romano, trouxeram Claudinho e Buchecha. Meio sem noção, o cachorro ali no meio.

*
**
***

Robson Caetano e Larissa Lannes

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Acho que Robson esqueceu de chacoalhar o esqueleto, hein! Parecia um robozinho dançando funk. Fiquei incomodada que eles ficaram cantando a música o tempo todo, faziam até break pra cantar um pro outro. Afff Larissa super em evidência a coreografia toda e Robson apenas lá. Achei bem chatinho, faltou balançar a raba, fazer algo mais próximo ao funk e se jogar pra valer. Num é só uma sarrada, né!

Leonardo: A primeira coisa que a pessoa tem que ter para o Funk é saber remexer o esqueleto e balançar o bumbum. O Robson em relação a Lucy, de fato teve mais a ver com o Funk, porém faltou execução mesmo. Tenho raiva desse pessoal do júri artístico fica dando 10. Teve passos característicos do funk, vi ali a dança da Glock, que está muito na moda agora. Legal.

*
**
***

Rodrigo Simas e Nathália Ramos

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Eu amo quem não tem medo de se jogar! Olha esse lookinho, gente!!! Essa música é icônica e a coreografia foi a altura do que a música merece e do que Simas é capaz! Colocaram teatrinho pra referenciar a bonequinha, mas ficou bacana, houve um errinho ali mas Simas soube dar truque e seguir a coreografia sem perder o timing. Fizeram vários movimentos separados, mas lado a lado e numa sincronia perfeita, foi um funk bem divertido, numa coreografia com complexidade e representaram!!!

Leonardo: Isso sim é Funk, fizeram muito os passos, foram mais no solo. Adorei que ele veio com a cropped e ainda por cima de liptint. Foram perfeitos, teve aquele erro ali que o Rodrigo se saiu muito bem. Amei muito essa coreografia, também gostei que eles fizeram a referência a bonequinha.

*
**
***

Paolla Oliveira e Leandro Azevedo

ASSISTA A APRESENTAÇÃO CLICANDO AQUI

Clarice: Definitivamente, não tinha música melhooooooor pra representar Paolla, né não?! Ela estava lindíssima, com um figurino closeiro e a coreografia foi TODINHAA pra evidenciar a raba de Paolla! Leandro se tornou coadjuvante enquanto Paolla parecia profissional. Eu me arrisco a dizer que não tem ninguém na temporada que possa bater Paolla… já a vejo como vencedora, de verdade! Coreografia incrível, usaram a letra a favor e ficou bem divertido, muito bem executado, ambos em sincronia e eu amei aquela parte final onde eles aumentam a intensidade. Fodásticaaa!!!

Leonardo: AMEI TODA A COREOGRAFIA, AMEI A ROUPA. Essa bunda dela tem vida própria não é possível. Rapaz foi um espetáculo de marca maior, até parece que a gente pagou para ver a Paolla dançando. A música da Ludmilla caiu perfeitamente para ela e para a coreografia. O Leandro é monstro demais. Amei tudo. AFF demais. Adorei

*****
****
***
**
*

ANÁLISE PANELEIRA

Decisão da Clarice: Eu eliminaria Robson Caetano e Larissa Lannes.

Decisão do Leonardo: Eu eliminaria Robson Caetano e Larissa Lannes.

*****
****
***
**
*

RANKING FINAL

*

E assim encerramos o 1º dia desse terceira fase. Robson foi eliminado, o que achei bem coerente, apesar de que não gostei muito de Lucy com esse novo professor, espero que eles consigam fazer mais nas próximas fases senão num vejo um futuro muito longo…

Já Simas e Paolla, donos do episódio! E vocês, o que acharam? Comentem e votem aí… beijos e até a próxima!

RESULTADOS

CLASSIFICADOS: Lucy Ramos e Jefferson Bilisco, Paolla Oliveira e Leandro Azevedo, Rodrigo Simas e Nathália Ramos.

ELIMINADOS: Robson Caetano e Larissa Lannes.



gostou da matéria? deixe um comentário!

Clarice Calil

Engenheira de Computação, apaixonada por The Voice, tanto é que virou legender e dona do Grupo Sub Voice! No Panela de Séries comentará sobre o The Voice, fará as coberturas das premiações e irá se aventurar em algumas séries. E também cuidará da administração do site, afinal backstage é com ela mesma.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries