Bang, bang! Dei meu tiro certo em você! Será?

No ar mais um sucesso da parceria entre Marvel e Netflix. A segunda temporada estreou na última sexta-feira, dia 18 de março, e o Panela de Séries, dessa vez comigo no comando, estará cobrindo tudo. Decidi fazer um sistema de reviews diferente, evitando focar muito nos acontecimentos do episódio, e analisando mais como esses acontecimentos afetarão o rumo da temporada e da história. Se você já assistiu Jessica Jones, clique AQUI para ler nossas reviews. Se você ainda está vendo a primeira temporada, clique AQUI e veja nossas opiniões.

Com Fisk, o Rei do Crime, fora das ruas de Hell’s Kitchen, somos apresentados a um novo vilão, logo nesse primeiro episódio da temporada. Enquanto Matt continua fazendo a limpa pelas ruas, Foggy continua criticando o amigo e tentando tirá-lo dessa vida. O escritório de advocacia dos dois está bombando, após eles terem saído vitoriosos contra Fisk, e Karen continua lá dando conta do recado.

Depois dessa introduçãozinha da temporada, temos a apresentação do grande plot. Um grupo de mafiosos irlandeses é exterminado a tiros, e só um sobrevive, que acaba indo atrás de Foggy, Matt e Karen, em busca de proteção. Enquanto Karen cuida de Grotto, o irlandês que sobreviveu ao massacre, mas estava ferido, Matt e Foggy vão atrás de informações, na polícia e cada um com seus contatos e meios. Foggy descobre mais um massacre realizado por este “exército”, enquanto Matt descobre que não se trata de um exército, mas apenas um homem, que usa armas de nível militar para matar mafiosos.

Unttled 1

No hospital, enquanto Grotto se recupera disfarçado, o tal vilão que tentou o matar da primeira vez aparece pra completar o serviço. Ele mata inocentes, tudo pra conseguir o seu objetivo. Karen se vê ameaçada, mas ajuda Grotto a fugir do hospital, sendo que o atirador quase o mata com uma arma de alta precisão, do telhado. Nesse momento Murdock aparece e a primeira batalha entre os dois tem início. Matt dá uma surra no vilão, que consegue rebater. Quando Matt parece dominar a situação, o vilão saca uma arma e dá um tiro no Demolidor, deixando a dúvida para o próximo episódio.

1

Apesar da grande movimentação do episódio, com muitas mortes e investigação, pouco soubemos do vilão. Foi uma pequena introdução pra entendermos o que está acontecendo na cidade. Por outro lado, pudemos ver como estão as coisas após a prisão de Wilson Fisk, e como a vida de nossos personagens seguiu. Preciso destacar o tom mais sombrio dessa segunda temporada (principalmente se compararmos com Jessica Jones) e as ótimas coreografias de luta que vimos. Um bom episódio de retorno.

Gerson Elesbão
Gerson Elesbão

Nem tão complicado demais, mas nem tão simples assim: quebra-galho, colunista e seriador. Dificilmente atualiza o Banco de Séries, mas adora gongar as séries amadas pelo público. @gersonelesbao
Deixe-nos um comentário!
  • gabriel

    ADOREI! E excelente Review irei acompanhar todas.
    Fisk vai deixar saudade, mas esse vilão parece ser bem foda hem. Karen sambando sempre!

%d blogueiros gostam disto: