O que é justiça pra você?

Se o primeiro episódio foi uma leve introdução do que estava por vir, o segundo já foi um turbilhão de emoções! Teve Foggy se destacando, teve uma crise de Murdock, teve briga de amigos, teve emboscada, teve mais luta… Enfim! Vamos aos fatos.

O tiro disparado pelo vilão machucou Matt, mas não muito feio. Foggy o encontrou e conseguiu escapar e ajudar o amigo. No entanto, os dois acabam brigando, uma vez que Matt é muito cabeça dura e teimoso, e sente que o vilão é na verdade um problema que ele tem que resolver. Isso me incomoda um pouco, como se Murdock se sentisse o salvador da pátria, o que suga muita energia do personagem.

Por falar em vilão, daremos nome aos bois. Trata-se do Justiceiro (Punisher, em inglês). Agora não sei mais se posso chama-lo de vilão, uma vez que por alguns ele é considerado sim um vilão, mas por outros é chamado de herói. Cabe a cada telespectador definir como encarar o personagem, uma vez que diferente de outros mocinhos, ele não poupa a vida dos homens maus.

Foggy e Karen continuam ajudando Grotto e tentam fazer um acordo de proteção a testemunha pra ele, juntamente à promotoria. Nesse bate-papo Foggy saiu sambando na cara da promotora, que achou que ia levar a melhor pra cima dele. Será que adorei a cena? Foggy é um personagem carismático que merece mais espaço na série, principalmente fazendo justiça da maneira que ele sabe fazer. Após conseguir um acordo não muito bom, Karen e Foggy veem a promotoria colocando Grotto como isca pra atrair o Justiceiro e então conseguir prendê-lo.

Mais cedo, no episódio, Matt recebe Karen, que está preocupada com ele. Ela deixa uma porta aberta pra ele finalmente contar que é o Demolidor, mas sabemos que isso não acontecerá tão cedo, já que a personalidade de Murdock é um tanto quanto forte e teimosa. O nosso herói tem uma crise com seus sentidos, provavelmente causada pelo tiro que o atingiu. Ele deixa um copo cair e quebrar e ouve um zunido em seus ouvidos. Matt também vai atrás do cara que construiu seu traje, sendo que a bala atirada pelo Justiceiro no último episódio rachou sua máscara (que salvou sua vida). Após saber que levará um tempo para o conserto, Matt tenta seguir pistas para encontrar o Justiceiro, e acaba chegando em seu apartamento, que está cheio de armas, um rádio policial e um cachorro.

Untitle 2

Este rádio policial foi conseguido pelo Justiceiro em uma loja mais cedo, onde ele também aproveitou para dar uma lição ao dono da loja, mostrando um pouco das motivações de justiça dele. De volta à cena de Grotto como isca, o Justiceiro consegue enganar a polícia e quando parecia que ele se daria bem, o Demolidor aparece e mais uma ótima cena de luta tem início. No entanto, dessa vez a polícia interfere, atirando e atingindo-os em alguns momentos. Já no fim da luta, Demolidor e Justiceiro caem em uma sala e Matt acaba novamente perdendo parte dos sentidos, um prato cheio para o vilão, que some com nosso herói.

Untitl 2

Eis um ótimo episódio para se assistir! Cheio de emoção e adrenalina, o avanço no plot principal da temporada foi enorme e já é possível vermos que mesmo que Matt aceite o Justiceiro como um herói, conflitos existirão, sendo que Matt faz de tudo para evitar matar seus inimigos. Imagino que o Justiceiro tenha levado Matt para conversar e abrir o seu olho de que ambos estão do mesmo lado. Mas só saberemos no próximo episódio.

Gerson Elesbão
Gerson Elesbão

Nem tão complicado demais, mas nem tão simples assim: quebra-galho, colunista e seriador. Dificilmente atualiza o Banco de Séries, mas adora gongar as séries amadas pelo público. @gersonelesbao
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: