O fim da primeira missão.

Finalmente chegamos a season finale da inconstante série da CW, digo inconstante, porque Legends é uma série que te dá entretenimento, porém não nos prende, varia muito em episódios bons e médios, não chega a ter um que digamos que seja um espetáculo, que te fazer morrer de ansiedade pelo próximo, então juntando isso tudo, tivemos uma série no geral bem normal e também morna, ainda mais com a morte do melhor personagem no episódio passado, o Leonard Snart, mas, não é só críticas que a série merece, temos que destacar a Sara, que vimos o quanto mal aproveitada ela foi em Arrow,  então vamos para a review desse último episódio.

O Hunter depois de todos os acontecimentos do episódio passado e com a dor da derrota, ele decide levar todos os que permaneceram com ele de volta para 2016, mas não em janeiro, e sim em maio, para que haja menos impactos na linha do tempo, o mais triste foi que ele não se importou com o que a trupe queria, mas sim ele impôs essa volta sem ao menos perguntar. Ao voltar para 2016, todos largaram o seu heroísmo e retornaram a vida, a Sara por exemplo foi até o QG do Arrow e acabou encontrando o pai dela, que lhe contou da infeliz morte da Laurel. O Mick voltou ao que sabia fazer de melhor que era roubar, ainda arrumou um Capitão Frio hahaha, porém ele era muito incompetente, e o Mick que não tem paciência para quem está começando decidiu continuar só, mas por pouco tempo, porque o Ray que ajudou ele fugir e ainda foi falar com ele que talvez o Leonard se matou, para que os dois possam virar parceiros.

408638

O grande plano dos legends em 2016 era se comunicar com o cavaleiro do tempo, e com ideias do Dr. Stein e Ray, eles estavam com algumas ideias e incrivelmente todos toparam ajudar de boa dessa vez. As ideias deram certo, e o Hunter acabou voltando para 2016 e nesse tempo, todos obrigaram o Hunter levar eles de volta para terminar a missão, já que as vidas deles só podiam continuar, quando finalizasse essa missão. A Kendra estava sumida nesse episódio, amém? E quando ela aparece, ela estava fugindo do Savage, e inteligentemente ao encontrar um soldado, ela consegue colocar um papel no capacete dele, antes dele ser morto e ela capturada pelo Savage.

408639

A Sara estava indignada com a irmã morta e queria que o Hunter mudasse a linha do tempo para salvar ela, e claro que foi em vão a sua ideia, e ele conseguiu a desamaiar, mas o mais surpreendente na nave, foi quando o capacete que a Kendra escreveu um bilhete estava na nave, por causa das mudanças na linha do tempo, e dentro do bilhete estava o local e o ano que ela se encontrava e nesse momento vi que ela foi inteligente ao menos uma vez na vida. Na nave com o Savage, a Kendra e o Carter estavam passando por mal bocados, e ainda descobrimos do plano dele em voltar no início de tudo, para que ele possa recomeçar a vida imortal, e se tornar um Deus no poder do mundo.

A desculpa que o Hunter usou para a Sara para não poder salvar a Laurel foi bem fraca e não me convenceu, então minha esperança é que Flash possa alterar essa linha do tempo e trazer a Laurel :p. Quando o Legends chega a 1944 e encontram o Savage em batalha com nazistas e batalha ficou melhor ainda, com várias mudanças históricas, pelo fato deles terem lutado com nazistas e ainda conseguem tirar o Carter e a Kendra da nave, porém a sonsa da Kendra deixa ser atingida e volta a ser capturada pelos Savage. Quando eles chegam na nave o Carter conta o que ele sabe, como o plano do Savage em acabar com a linha do tempo com meteoritos e tecnologia alienígena.

O Jefferson e o Dr. Stein tentavam fazer a transmutação novamente igual na luta, mas estava bem fracassado as tentativas, mas isso ao menos serviu para o Dr. ter a ideia do que o Savage estava planejando e isso é uma das vantagens de Legends, porque todos são úteis em algo e o plano dele seria explodir os meteoritos em três épocas diferentes, 1958, 1975 e 2021, sendo que para ele é bem possível, pois ele pode estar em três tempos diferentes, e em 1958 vimos ele se encontrando com ele mesmo para poder falar com ele mesmo do tempo haha buguei. O Dr. Stein usando toda a sua inteligência, percebe que o certo é matar o Savage em todas as três épocas, porque o tornará vulnerável e tem a ideia em partir as equipes em três, dois em cada parte da linha do tempo.

A equipe se separa de forma que gostei, Sara com o Nuclear em 1975, Carter e Hunter em 2021 e a terceira equipe, que foi a menos lógica foram o Mike e Ray para 1958, e todos estavam esperando o Savage começar o tal ritual. Quando o Savage iniciou o ritual, todas as duplas começaram a agir, para impedir dele de concluir esse ritual, em uma sequência de luta, em três tempos diferentes, que foi a melhor da temporada inclusive. A Sara como sempre deu um show na luta com o Savage e mostrou como é poderosa, e conseguiu o derrotar com facilidade até. O Mike também derrotou o Savage com uma facilidade bem estranha para o que ele tinha mostrado, mas talvez seja pela vulnerabilidade do ritual, mas o trio em 2021 sofreu muito para derrotar o Savage, porém a Kendra deu um golpe misericordioso no Savage para acabar com ele, mas claro que ela contou com a ajuda do seu amado Carter, já que ela só é inútil.

LGN116b_0275b

Depois de derrotar o Savage em três tempos distintos, vimos que o meteorito começou a reagir, mas logo o Ray em seu tempo acabou com ele, o Nuclear conseguiu fazer a transmutação e acabou com ele. Porém quando toda a equipe chega em 2021, vimos que o meteorito daquele tempo mesmo com as mesmas tentativas dos outros dois, não conseguiam acabar com ele e que se não acabasse, não era certeza que o mundo sobreviveria.

O Hunter em uma última tentativa, decide ir para a nave do tempo sozinho e levar o meteorito para o sol, pois era a única chance que eles teriam, mas para isso teve deixar seus amigos e foi bem triste vendo todos dando um adeus para o capitão da missão. Na nave em direção ao sol o Hunter começou a ter até visão do seu filho com a sua esposa e em mais uma última carta na manga, aliás, ele é cheio de carta na manga, ele decide abandonar o meteorito no sol e fazer uma última viagem no tempo.

A última viagem do tempo para o momento que eles estavam discutindo o que fariam com o meteorito e quando volta todos ficam sem entender nada, hahaha, imagine como dever ser louco viajar no tempo??? Quando todos entram na nave, ele diz que agora pretendia levar todos para 2016, já que a jornada deles havia acabado, mas a dele só estava começando que era proteger a linha do tempo e ainda propõe aos amigos que quiserem ir com ele, que poderiam.

A Sara ainda estava muito abalada com tudo que aconteceu com a irmã, aliás, quem não está??? Porém ela falou com seu pai que pretendia seguir a missão com o Hunter. O Dr. Stein não queria ir nessa missão, mas a sua esposa queria que ele fosse e até se aliou ao Jefferson para continuar essa missão e levar o marido e olha como são as coisas 16 episódios depois, inverteu o jogo. O Mike que mudou demais no decorrer da série, estava conversando com o Leonard (não entendo nada dessa linha do tempo mais) que estava cansado de roubar, e que o seu parceiro era um herói.

Quando todos os legends se juntam o Carter e Kendra decidem não irem com os amigos, porque eles acham que agora com o Savage morto devem recomeçar a vida, e dei um grito de felicidade. Quando eles vão embora e todos rumo ao cavaleiro do tempo, outra nave desgovernada começa a aparecer e aterrissa bem estranhamente, e sai um Homem chamado Rex Tyler, para quem não sabe ele é o famoso Homem-Hora da DC e diz que eles não podem embarcar na nave deles, porque o Mike pediu em algum tempo, para ele ir em Maio de 2016 e impedir eles de entrar na nave.

Assim acaba a primeira temporada de LOT, que me decepcionou um pouco no geral, mas mesmo assim irei querer ver nas próximas temporadas, porque vi que o time será mudado um pouco, onde entrarão novos personagens e provavelmente novas tramas mais interessantes. Tivemos duas perdas que gostei que foram a Kendra e o Carter, mas a saída do Leonard me deixou bem triste, mesmo sabendo que ele volta para Arrow, The Flash e também Supergirl.

Então é isso, fico aqui com essa última review, e até setembro quando volta Legends Of Tomorrow.

Venha ser um Paneleiro! Clique AQUI pra saber participar da nossa seleção. Vocês terão até o dia 12/06. Aguardamos vocês!

Phelipe
Phelipe

Estudante de Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, mas bem passivo às vezes, além de confuso, autêntico. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: