Posts Populares

Euphoria – S02E01 – Trying to Get to Heaven Before They Close the Door (Season Premiere)

Depois de TRÊS fucking anos, a série do momento retornou para a alegria da nação.

No último domingo estreou a nova temporada da aclamada “Euphoria”, o elenco e a produção já haviam avisados que essa temporada seria mais pesada e assistindo essa premiere fica claro que a afirmação é verdadeira, Euphoria retornou mais obscura e pesada do que nunca.

Apesar de trazer um jogo de luzes e fotografia ainda mais sofisticados, a regra de enredo continua o mesmo, cada episódio apresenta o background de um determinado personagem. O personagem da vez foi o fan favorite Fezco (Angus Cloud), talvez por só haver boy lixo na série, o traficante conquistou o coração do público devido ao seu carinho com a protagonista ou por ter um motivo altruísta para estar onde está. O importante é que o pedido dos fãs foi atendido e entendemos um pouco mais desse personagem complexo, já era o esperado, mas foi legal ver a infância do Fresco e ver o quanto as ações e pensamentos da sua vó afetaram a pessoa que ele é hoje. Desde pequeno ele esteve na presença de alguém com muita personalidade e isso explica a personalidade passiva, mesmo tendo a profissão que tem e o quanto família e amizade são importantes para ele. Algo muito legal também foi descobrir a origem do nome do ashtray, eles não são irmãos de sangue e o nome vem porque ele comeu um cigarro quando bebê. A origel do traficante não foi nem de longe surpreendente, mas foi legal entender um pouco mais de como funciona o Fresco e entender que a atitude que ele teve nos minutos finais do episódio, mesmo lavando a alma da nação, foi algo que ele aprendeu com avó.

Outro grande destaque nesse episódio foi a relação entre a Cássia e o Nate, eles já haviam entregado no trailer, mas eu não esperava que acontecesse tão rápido e de maneira tão aleatória. Apesar de ter quebrado o código entre amigas, eu entendo a Cássia, ela acabou de passar por algo muito traumático sozinha, sem contar a culpa que ela sente por ter abortado, é normal fazermos merda quando estamos tão para baixo. Toda a situação no banheiro foi cômica e tensa, inclusive acho que essa a sensação que senti assistindo esse episódio e acredito que será assim durante toda temporada, a gente ri de nervoso, é como se a série estivesse preparando a gente para uma merda muito grande que vai acontecer. Pela trailer o relacionamento entre Nate e Cassie irá continuar e veremos ela se transformar em uma versão da Maddie, apesar de ter defendido a Cassie, eu não defendo a série, uma das melhores coisas na primeira temporada foi em momento algum haver rivalidade feminina e agora vão botar duas amigas brigando por um cara como o Nate?

Falando em casais, será que pela primeira vez teremos um casal querido por todos os fãs? Lexi teve mais tempo de tela nesse episódio do que a temporada passada inteira e grande parte desse tempo foi interagindo com o Fezco. É um casal que ninguém esperava, mas que faz total sentido, Lexi é a calmaria que o Fezco precisava e Fezco é a adrenalina que a Lexi precisa. Outro casal que começou a ter interações nesse episódio foi Rue e Elliot (interpretado pelo incrível Dominic Fike), acredito que o Elliot antes de qualquer envolvimento romântico, será um amigo das drogas para a Rue, já que ela geralmente utiliza sozinha. O ator revelou que ele será um “mano” e que andará com a Rue e a Jules, fico curioso para ver como será a relação dele com a Jules, já que ambos estão de lados opostos no que acham correto a Rue fazer.

Falando nela, a nossa protagonista vai sofrer o pão que o diabo amassou nessa temporada e nós assistiremos imponentes a personagem se afundar cada vez mais. Antes de falar do que acho ser o destino da Rue, preciso elogiar a atuação da Zendaya, ela está MUITO confortável no papel, a personagem está muito mais engraçada e insiders dizem que haverá cenas nessa temporada que novamente garantiram o emmy para a gata. voltando para personagem, a sensação que eu tive é que ela se tornou um trem desgovernado, a gente descobre que ela não teve uma overdose no final da temporada e que continua utilizando drogas, como ela guardou a droga da menina no inicio do episódio, tenho quase certeza que chegará o momento em que veremos a personagem utilizando heroína. Inclusive eu posso apostar que a queda da Rue virá pós o término dela com a Jules já que foi um decisão erradíssima ela voltarem agora, todos os problemas continuam ali, principalmente a dependência que a Rue tem da namorada para ficar bem, mas técnica fotográfica e o jogo de câmeras fizeram a sequência do retorno das duas se tornar arte.

Demorou, mas se continuar assim valeu muito a pena essa espera, pois com apenas um episódio “Euphoria” mostrou o porquê de ser a série do momento. O que vocês acharam desse episódio?

Talvez Você também goste de...

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Ives

Um carioca estudante de engenharia querendo se formar, viciado em realitys shows ao redor do mundo e que ama uma praia

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries