Uma pequena pausa!

Fear, está criando corpo, se desenvolvendo, mostrando as mudanças dos personagens, e como ser uma série apocalíptica em terras latinas e dramas latinos, porque né?? Mas vamos ao que interessa.

Depois de um final bem eletrizantes, vimos Fear iniciar nos dando respostas do ocorrido, pois a Celia viu que o Strand matou o seu filho, porém não se matou, em um nível bem dramatúrgico e mexicano, onde houve até a intromissão da Madison nisso, que é algo que não sei se ela deveria ter entrado no meio. O Daniel estava bem perturbado, tendo pensamentos da sua infância com corpos espalhados e ao mesmo tempo pensando na Ofelia virando Zumbi, e comecei a me chatear que a serenidade do grupo estava abalada, apesar que todos são seres humanos. Nessa confusão toda o Travis estava preocupado com seu filho, mas a Alicia não queria ajuda-lo, principalmente pelo fato dele ter sido pego com uma faca, por aí percebemos o quanto eletrizante estava esse episódio.

A Celia continuava bem conturbado com o Strand em não ter cumprido a promessa, e percebemos o nível da sua loucura, quando até o Nick tem que dar uma força, e percebemos como o jogo vira. Outro bem surtado era o Chris, onde não entendia sua cabeça, porque até do pai, ele estava fugindo, e essa luta foi até ao amanhecer o dia, e nada dele se mostrar para o pai, ainda mais que ele estava armado. A Madison depois de tudo estava começando a perceber que ninguém é bonzinho, e graças a Deus eles começaram a planejar em sair daquele hospício, mas o Nick estava cismado que a Celia não era essa bruxa toda.

O Travis estava uma caça quase impossível contra Chris e ainda colocando sua vida em risco, mas por sorte dele, ele encontrou uma pessoa boa, que no início se assustou, mas depois decidiu ajudar, vendo o estado péssimo que ele se encontrava, mas odeio quando na série há diálogos espanhóis, porque acho bem desnecessário, mas por está se passando na America latina a série, temos que aceitar. O Nick que todo episódio parece não gostar de tomar banho, se sujou novamente com sangue dos zumbis, mas dessa vez para capturar o Luis para a Celia, ao chegar com o “filho”, a Celia logo disse para o Nick, que ele vê aquilo como a morte para os outros, por isso sua família não deveria continuar lá, porém ele a convenceu de deixar todos, com a exceção do Strand, mas o que me deixou mais chocado foi com a Celia dizendo que isso é o sinal da vida eterna para todos.

Pela primeira vez eu vi uma conversa entre o Daniel e o Strand onde um não desconfia do outro, mas dessa vez o Daniel estava aconselhando o seu “amigo” a não abri a cova e enterrar o Luis ali, pois não era uma terra sagrada, e que ele não descansaria, claro que não resultou de nada e o Strand continuou cavando a cova. A Madison foi até o seu filho saber o porquê da mudança, e porque ele tem essa fascinação por morto e vimos ali o quanto o Nick está mudado e infelizmente para pior, porque ele está achando que ao andar “disfarçado”, ele se tornará uma pessoa imortal, e sabemos que não é bem assim que acontece.

409087

Que merda, o Daniel surtou de vez e o mais triste é ele achando que a sua esposa estava no porão escondida, e que o lugar é amaldiçoado (apenas a verdade isso), porém o pessoal da fazenda acabou batendo para acalmar ele, porque ele estava possesso. A Madison e o Strand começaram a conversar sobre tudo que estava acontecendo, e o Strand a alertou que a Celia podia ter fisgado o Nick e ainda disse que voltaria para o Abigail, mas a Madison que é muito família, disse que não poderia ir sem o Travis voltar.

O Travis estava prestes a se despedir de do homem que o ajudou, mas começou a ficar desconfiado que ele estava mentindo sobre o Chris e percebeu que tinha mais alguém na casa, e quando o Travis toma atitude para ver quem é o sujeito a mais na casa, ele descobre que é o nojento do Chris ameaçando uma criança, onde me deixou bem pasmo. A Celia que é uma louca, armou um velório para o seu filho, e logo após esse velório ela queria expulsar o Strand, mas é óbvio que ele não deixou, mas o que mais me surpreendeu foi a falta de atitude da Ofelia quando ela pediu para ver o pai, e com a negativa ela aceitou de boa, como assim, Brasil???

O Chris em um descuido deixou o Travis desarmar ele, mas ele aproveita e começa a correr, porém acontece um milagre dos céus e o pé do Travis cura e corre atrás dele, e ainda consegue o alcança-lo, mas nessa hora podemos ter a certeza do quanto o Chris estava transtornando, quando até o pai ele tentou atacar, algo que não imaginaria. Não basta ter o Chris surtado, a Cleia doida, ainda temos o Daniel desequilibrado, que em uma conversa com a Celia, foi nítido que ele tem problemas com a morte, por causa de seu passado sangrento, mas achei bem louco, ele ficar ouvindo a voz da mulher. Mas aqui dá para pensarmos melhor em algo, que muitas pessoas podem ter morrido nesse apocalipse no início por falta de um bom psicológico.

409410

O porquinho, digo Nick, acabou encontrando o Travis, porém para nossa surpresa, ele não quis voltar com seu enteado, mas sim ficar com seu filho, para poder ajuda-lo melhor a passar por essa barra, mas o Nick não deveria contar para a mãe essa tour toda, mas gostei da atitude do Travis em ficar com o Chris e tentar ajuda-lo a colocar a cabeça no lugar. A Madison também tinha que lidar com a tour dela com a Celia, para tentar manter o Strand ali, mas ela também queria entender mais a Celia, e o porquê de tudo, mas o porque é loucura, será que esse povo não percebe.

409868

Fiquei bem triste com o Daniel surtando e vendo a sua esposa em umas alucinações, onde ela ainda ficou julgando o homem, sobre suas mortes enquanto jovem, e a mulher ainda falou sobre ela não ter sido enterrada, em pleno ataque Zumbi, como assim??? Não gostei de nenhum pouco disso na série, além de que diálogos grandes em espanhol me cansam. Esse episódio estava cheio de loucura, mas amei a Madison trancando a Celia junto com os Zumbis que ela “guarda”, porque pensei que a Celia só explicaria ela as coisas, mas não adentrar dentro da jaula, e é nesses momentos que gosto de pessoas frias.

O Daniel mesmo com alucinações e tudo, conseguiu usar a inteligência dele para escapar de um capanga da Celia, e fiquei feliz com ele fazendo algo útil, mas ao invés de ir atrás da filha, ele decide ir até onde os zumbis estão presos e decide atear fogo em tudo, para “encontrar” a sua esposa, e esse incêndio tem proporções imensas e destroem tudo, e todos em que fugir de lá. O Strand que já havia sido expulso volta para salvar a Ofelia, muito abalada por causa do pai, a Alicia e a Madison que acabou encontrando o Nick, mas não decidiu ir com eles, porque eles destroem tudo, deixando a mãe bem desolada.

409624

Sem dúvidas, esse gancho deixado para nós para a continuidade de Fear TWD, foi excelente, pois vimos que eles foram divididos em três, ainda perdemos alguém muito especial que era o Daniel, e ainda temos que lidar com tudo psicológico que esse povo está passando, além de reerguer bem rápido, pois novas aventuras virão, não creio que eles permanecerão em terras latinas por muito tempo, porque acho que rolará algo na fronteira, e muitas outras coisas a mais.

Muita gente comenta da forma como os personagens estão mudando no passar da série, mas será que todos agiriam da mesma forma, que agem em um evento apocalíptico, acho que surtar, todos em um momento surtam, porque faz parte, essa mudança de personagens é essencial, imagine se Carol, fosse a mesma do início de TWD.

Então foi isso, essa foi a nossa primeira parte da segunda temporada de Fear e em breve voltaremos com os oito episódios restantes dessa série maravilhosa.

Venha ser um Paneleiro! Clique AQUI pra saber participar da nossa seleção. Vocês terão até o dia 12/06. Aguardamos vocês!

Phelipe
Phelipe

Estudante de Direito, Cruzeirense, polêmico quando deve ser, mas bem passivo às vezes, além de confuso, autêntico. Começou o seu amor por série com Prision Break e depois disso virou vício.
Deixe-nos um comentário!
%d blogueiros gostam disto: