Posts Populares

Fear The Walking Dead – S04E13 – Blackjack

Uma cerveja às vezes pode resolver tudo e outras vezes pode quase destruir tudo.

Em uma metade da temporada em que os núcleos estão bem distribuídos, sempre é surpresa qual história vamos ouvir falar no episódio, ainda mais que algumas já começaram a se cruzar e outras nem tivemos mais notícias e com muitos mistérios envolta de tudo, ainda mais que a primeira metade foi marcada por sua linha temporal louca e nessa está sua linha geográfica caótica, que nos fazem perder, porém nos entreter.

Precisávamos continuar de onde realmente paramos no último episódio, que foi a torturante morte do Quinn e dessa vez a All, Morgan e June que foram atrás dele, enquanto seus novos amigos ficarão no caminhão e foi justamente no caminhão que começou rolar as coisas loucas do episódio, primeiro aparecendo o antigo Walker de estimação da cópia mal feita da Michone e só que foi quando o Morgan voltou ao seu grupo, que vimos uma conversa bem macabra por comunicadores, entre o Morgan e essa mulher louca, onde ela sabia realmente quem o Morgan era e creio que não é só pelas fitas, porque ela parecia conhecer sua história ainda mais.

Por mais que algumas histórias estejam bem encaminhadas precisávamos saber sobre o Strand e John, que era a dupla mais louca que havia se formado, tanto que nem nos mostrou como foi a tempestade para eles, mas sim a pós tempestade e ambos não se davam bem, ficaram presos rodeados por agua e o John tentando de alguma forma fugir dali, para procurar os demais, enquanto o Strand, estava apenas se relaxando, tanto que descobrimos que o rio que o John tentava atravessar tinha até jacaré, logo todo o seu plano foi para o espaço. Já outra pessoa que não tínhamos noticia era a Luciana, que ficou sozinha e não sabemos como sobreviveu a tempestade, mas continuava a sua saga atrás da Charlie, só que acabou encontrando um idoso acidentado, o Cleyton.

Os três núcleos da série ficaram com suas histórias bem distintas, mas a que ficou mais interessante foi a do John e do Strand para sair da ilha, sendo que havia um jacaré na água, mas o mais legal, foi que até um carro surgiu na ilha para que eles possam usar de alguma forma para sair boiando. Outro plot que ficou interessante, nem tanto pela emoção, mas sim pela humanidade, foi o da Luciana, que se mostrou bem humana para salvar o Cleyton, mesmo com toda a dificuldade e quando viu que talvez não seria possível o salvar, se propôs até fazer o último pedido. Enquanto a galera do caminhão buscava os demais, se preocupava com a louca e ainda tinha tempinho de ajudar a galera na beira de estrada, muito louco eles, mas nada fluindo emocionalmente.

Morgan e John se estranharam o episódio todo, inclusive em certos momentos com razão, porque até beber do que sobreviver o Strand achou mais viável em certos momentos, eu julgo, mas faria o mesmo, só que o John com seu espirito sonhador queria mesmo era que seu plano funcionasse, tanto que sua jangada deu muito certo, só que infelizmente o plano como um todo não, então eles tiveram inclusive de voltar na sorte do meio do rio, se arriscando até a ilha, em cena que em pensei que o jacaré iria devorar um dos dois vivos, me dando até receio. Por outro lado, a Luciana percorreu uma saga incrível até achar a cerveja, justamente onde o Morgan havia deixado um recado e o canal, mas fez com que ela se sentisse bem, já que ela conseguiu realizar o último desejo do Cleyton, que era justamente o caminhoneiro que Morgan e sua trupe procuravam, pena que ele morreu, mas ao menos a Luciana conseguiu contatar com o seu antigo parceiro.

O John e o strand literalmente desistiram de tudo, viram que estavam indefesos. Porém sempre tem que ter algo bom, né, a Luciana depois de encontrar com o Morgan e contar sua tour completa, tivemos a grande surpresa do episódio, que foi o Morgan contatando com a Alicia e Charlie, só que a mulher louca entrou na conversa e falou um monte de merda, com frase de efeito, me lembrando alguém aí do cenário político, só que ela estava bem próxima do caminhão e para nossa surpresa, ela nem deu a oportunidade do caminhão acelerar, já que ela chegou atirando com tudo, de forma bem violenta AAAAAa, deixando a Alicia e Charlie sem saber o que pensar.

Aqui voltamos a ter uma evolução da série, já que ficou bem arrastada desde a volta, pois tivemos os núcleos quase todos se cruzando, apenas a ilha perdida do Strand e John que ainda é um mistério, mas com os personagens mais maduros e simpáticos, estamos aprendendo a torcer de volta para os mocinhos, inclusive o Morgan, que eu estava ODIANDO ele ter tomado o posto de protagonista da série.

Então é isso, forte beijo e até mais.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Phelipe

Um cara Fitness, gosta de esportes e um escorpiano nato, apaixonado pela vida. Um "nerd" que curte balada e um baladeiro que curte coisas "nerds", porque a vida é muito curta para se apegar em coisas pequenas, logo pode observar que sou uma pessoa muito eclética em todos os sentidos da vida.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries • Hosted by flaunt.nu