Posts Populares

Fear The Walking Dead – S04E14 – MM 54

Em passos lentos, mas segue caminhando.

Com uma segunda metade bem aquém do que esperávamos e do que foi a primeira, Fear está chegando a sua reta final, de forma em que há muitas separações dos personagens, mas que todos estão pertos, podendo ser algo bem surpreendente para o que possa acontecer.

Precisamos falar de alguém que ainda não sabíamos praticamente nada, a não ser que é doida, sim, estou falando da Martha, que até então nem nome sabíamos. Toda loucura tem um fundamento de onde surgiu e o ódio dela pelas pessoas teria algum fundamento, obviamente, ela depois de rodar muito fugindo nesse mundo apocalítico, acabou sofrendo um acidente, que deixou seu marido entre a vida e a morte, com isso, restou a ela a esperança de alguém ajudar, mas não apareceu ninguém, só que depois que o seu marido faleceu, ela surtou e decidiu matar e controlar todas as pessoas que tentavam ajudar os próximos, de forma bem chocante e fria, mas seu objetivo era matar o “urso Polar”, que já sabemos que morreu.

Depois de conhecermos um pouco mais do “porque” que a Martha faz essas coisas, voltamos ao fim do último episódio em que ela tentou assassinar todos do caminhão, mas felizmente ninguém morreu, por mais que tenham nos dado um susto da porra a ponto de achar que a Juno morreria sem encontrar o seu amor, mas mais que isso, eles perderam tudo que tinham no caminhão e ainda ficaram bem vulneráveis ao uma horda que se aproximava, sobrando para eles apenas fugir. Essa fuga trouxe o desencontro que nem havia se encontrado ainda, pois a Alicia e a Charlie chegaram até eles e como ficaram cegas no destino, tiveram que seguir o que achavam correto, já que não tinham noção para onde ir.

Ao fugir a trupe teve um sério problema, que é o Wendell, que por ser cadeirante dificulta muito a locomoção deles sobrou basicamente para o Jim puxar ele, em uma gambirra que eles fizeram, sendo que chegou um momento que eles nem tinham muito o que fazer, a não ser tentar parar e ver como todos estavam, porque ficaram bem debilitados com tudo, só que o medroso do Jim queria enfrentar, só que foi voto vencido e o único lugar que sobrou para eles ficarem foi um hospital. Nesse hospital deu para todos tentarem melhorar dos danos, o Wendell arrumar uma cadeira de todas, eles voltarem a ter rádio, só que infelizmente se viram cercados, mas esse tempo preso nos deu tempo de ouvir o Wendell falar de sua vida em ajudar os outros e achei muito incrível como ele lidou com seus danos.

A Alicia e a Charlie depois de ficarem sem gasolina deveriam procurar combustível e nessa hora andando muito e não encontrando ninguém que a Charlie decidiu perguntar a Alicia sobre onde eles estavam indo e ela disse que para a praia, onde foi nítido seu comportamento em realizar o sonho da “amiga”. No hospital virou um Deus nos acuda para sobreviverem, porque começaram a entrar uma horda bem grande no hospital e o único lugar que sobrou foi tentar subir, mas as escadas ficaram barradas, tudo ficou complicado, então tiveram que ativar os geradores, em uma missão quase que suicida da All, mas que felizmente ajudou os outros.

Ao chegarem no teto do hospital, todos ficaram preocupados com a All, mas o grande plot foi o Jim, que em uma luta com um walkers, acabou sendo mordido, o que me chocou, pois foi uma ótima entrada na série, porém além de lidar com a perca do Jim, eles ainda teriam que lidar com a saída deles daquele lugar. No fim teríamos que saber onde a Alicia e a Charlie chegariam e depois de muita discussão, vimos que elas chegaram próximo ao Strand e John, me deixando um pouco de esperança para que todos possam se encontrar no final dessa temporada.

Esse episódio me deu uma desesperança com Fear, acho que a série nessa segunda parte nos deixou MUITO a desejar, me deixando totalmente triste e esse episódio foi mais um deles, onde aconteceram muitas coisas totalmente sem graça, mas ao menos nos deu a explicação da Martha ser assim, mesmo que nada justifique.

Então é isso, forte abraço e até mais.

gostou da matéria? deixe um comentário!

Autor

Phelipe

Um cara Fitness, gosta de esportes e um escorpiano nato, apaixonado pela vida. Um "nerd" que curte balada e um baladeiro que curte coisas "nerds", porque a vida é muito curta para se apegar em coisas pequenas, logo pode observar que sou uma pessoa muito eclética em todos os sentidos da vida.

Tema por Gabriela Gomes Todos os direitos reservados ao Panela de Séries